História My Beloved Princess - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, Chloé Bourgeois, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Plagg, Sabine Cheng, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrien, Marichat, Marinette
Exibições 55
Palavras 1.723
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hey Peoples, vim trazer mas um lindo cap esse cap meio que fiquei inspirada, bem sem enrolação aqui em cima até lá em baixo.

Capítulo 7 - Je t'aime


Fanfic / Fanfiction My Beloved Princess - Capítulo 7 - Je t'aime

Marinette

_3 semanas depois_

Não acredito que já se passou três semanas desde o meu encontro com o Chat e posso confirmar que estou apaixonada por ele, ele ainda continua me visitando, mas isso virou um pouco raro, quase não me visita e quando vem logo tem que ir em bora será que ele não gosta mais de mim? Nem como amiga?

Esses são os meus pensamentos dessa manhã, me levantei indo para o banheiro, fechei a porta e me despi e logo entrei em baixo do chuveiro, tomando um banho morno, saio e coloco uma calça jeans clara, uma blusa azul bebe, um casaco branco e coloco um tênis, peguei a minha mochila e a Tikki me seguiu até a cozinha como os meus pais saíram para entregarem uma encomenda a Tikki tomou café da manhã comigo, quando terminamos lavei a louça e subi para escovar os meus dentes, sai em direção a escola  quando cheguei vi o Adrien e a Isa discutindo. Cheguei perto da Alya, Nino e o Luccas.

-Oi pessoal_ cumprimentei eles.

-Oi_ todos falaram num coro.

-Vocês sabem porque deles tarem brigando? _perguntei, mas acho que eles não sabem.

-Não_ respondeu o Nino_ quando chegamos eles já estavam brigando.

Então eles já estavam brigando a bastante tempo? Alguém tem que fazer algo mas oque?, vai ser muito estranho se a Ladybug aparecer, vai ter que ser a Marinette mesmo, vamos lá Marinette você consegue. Comecei a anda até lá e enquanto eu ouvia a Alya falar ”o que você ta fazendo? ”, toquei no ombro da Isa a fazendo olhar para mim.

-Ta chamando muita atenção? _perguntou e eu assenti_ ainda não terminamos Agreste, isso ta muito longe de acabar _ela me puxou pelo braço para longe do Adrien, mas porque será que eles estavam discutindo? E sobre oque?

Adrien
 

_na mesma manhã_

Depois de três semanas sem falar com a Mai direito e sem falar com a Isa, porque ela disse que eu estou pisando na bola com a Mari. Me levantei da cama e segui para o banheiro, tomei meu banho, desci para tomar café e vi a Isa já tomando invés de ela me da um bom dia ela me olha com uma cara de “eu vou te matar seu desgraçado”, porque desgraçado? Porque quando ela ta com raiva de mim e eu sou o culpado ela me chama de desgraçado.

O caminho todo fomos para escola em silencio total, algumas olhadas da Isa de eu vou te matar, isso já estava me irritando e muito e quando eu vi já estávamos discutindo no pátio da escola, ainda bem que quase não tinha ninguém na escola.

-Você tem de parar de fazer isso com a garota Adrien_ minha prima quase gritava.

-E quem é você para me dizer o que está certo ou errado? _perguntei, já estava muito nervoso.

-Você não percebe que está magoando ela? Ou você é cego até pra isso?

-Já não chega o Plagg falando que eu sou cego, burro, tonto e meu pai que mal da atenção para mim, a minha mãe desapareceu e agora vem você? Me poupe Isabella. _ eu nunca chamei a Isa de Isabella só quando estava extremamente irritado.

Percebi que tinha pessoas assistindo a nossa briga e ninguém fazia, só vi a Marinette tocar o ombro da Isa e ela perguntar se está chamando muita atenção quando ela concordou a Isabella falou que nossa briga ainda não tinha acabado e puxou a Mari para longe de mim. Como não queria ficar ali para me encherem de perguntas, coloquei os fones de ouvido e fui para sala de aula. Fiquei lá pensando por alguns minutos até a professora entrar e da início a aula. No recreio, eu percebia que a Mari ia vim falar comigo, mas era impedida pela Isa. É a Isa ta mesmo com raiva de mim pois ela não deixa a Mari nem chegar perto do Adrien.

Antes das aulas retomarem eu estava na biblioteca, fiquei pensando no que a Isa disse, no meu encontro com a Mari e nessas últimas semanas, tenho que admitir, antes mesmo do nosso encontro eu já sentia algo pela Mari, mas não sabia o que era e esse encontro me fez perceber que eu estou gostando dela, mas eu também gosto da Ladybug e foi por isso que me afastei um pouco da Mari para colocar os meus pensamento e sentimentos em ordem, para depois não magoar ela, mesmo ela não falando e nem demonstrando ela está triste por eu ter feito isso com ela, como eu sei disso? Vamos dizer que conheço a Mari melhor do que a Alya, e é hoje que vou na sua casa, não vou sair até ela (ou o anel apitando) me mandar embora e vou me confessar. Vai ser um pouco difícil? Vai, mas eu vou conseguir.

***

Quando cheguei em casa, graças a Deus não tinha nada para fazer (além do dever de casa que é o de menos), quando estava para terminar de falar no telefone a Isa entra no meu quarto.

-Isa...

-Não Adrien deixa eu falar.

-Eu vou me confessar para ela.

-Eu sei que você não ama a Mari, mas não precisa se afastar dela, fala que você só quer a amizade dela, mas não a magoe... pera o que você disse?

-Eu vou me confessar para a Mari e a pedir em namoro.

-ALELUIA ATÉ QUE FIM _ela literalmente pulou em cima de mim e me abraçou_ você não vai se arrepender de pedir a Mari em namoro.

-Eu sei disso, você sabe dizer se já todos estão dormindo?

-Já sim. _respondeu.

-Plagg?

-Fala_ falou saindo de sei lá aonde com um pedaço de queijo.

-Come logo esse queijo pois vamos ir visitar a Mari.

-Pra você depois sair sem mais nem menos e deixar a menina triste? É melhor ficar em casa mesmo.

-Ele vai se declarar para ela_ falou Isa toda empolgada.

-Serio? Aleluia graças a Deus tomou vergonha nessa cara _ele engole o queijo_ vamos logo, quanto mais cedo a gente ir melhor.

- ai Plagg, bem Isa já sebe o que fazer né? _ela assentiu com a cabeça_ ótimo, Plagg mostrar as garras.

Fui o mais rápido o possível para a casa da Mari, quando cheguei lá notei que ela estava ouvindo música enquanto desenhava, vi que a claraboia estava aberta então entrei.

-Mari? _chamei ela mas parece que ela não me ouviu, toquei no ombro dela, depois que abri os meus olhos do golpe que ela me deu, a mesma estava em cima de mim, quando foi que ela ficou tão forte?

-Será que quebrei alguma costela? _perguntei, mas para mim do que para ela.

-Chat Noir? Me desculpa não sabia que era você_ ela saiu de cima de mim e me ajudou a levantar_ você está bem? Eu te machuquei?

-Eu to bem, e você como está?

-Eu to bem, Chat posso te perguntar uma coisa?

-Claro princesa.

-Porque parou de me visitar? E quando vinha mal ficava comigo? Você não gosta mais de mim? _sua voz tinha um som de tristeza nela.

-Olha princesa, eu não vinha muito pois estava confuso e precisava colocar os meus pensamentos e sentimentos em ordem, antes mesmo do nosso encontro eu já te amava, mais não tinha certeza pois eu também gostava da Ladybug e usei essas três semanas para pensar, pensar em tudo, e chequei na conclusão que te amo Marinette, eu te amo e muito minha princesa, mas do que a minha própria vida, e te daria as minhas sete vidas (N/A: é sete ou seis? Agora esqueci, mas deixa pra lá) pra te ver sorrir, então Marinette Dupain-Cheng você aceita namorar com esse gatinho de rua?

Os olhos dela continuam um pouco de lagrimas que logo escorreram por sua bochecha_ é claro que aceito namorar com você Chat, e não importa em quem é você por baixo dessa mascara eu te amo_ quando ela terminou de falar, nós nos beijamos, um beijo calmo e cheio de amor, quando o ar nos faltou nos separamos, e eu peguei um cordão com um pingente de uma coroa e um gatinho, e coloquei nela.

-Gostou? _perguntei

-Eu adorei, obrigado Chat.

-Princesa agora que a gente ta namorando você deve querer saber quem eu sou por debaixo dessa máscara...

-Sim eu quero saber mais não agora, sinto que ainda não chegou a hora de eu saber que você é por debaixo da roupa do Chat Noir.

-Ok Princesa.

-Mas Chat tem uma coisa que você deve saber sobre mim.

-Oque princesa?

-Eu sou a...Ladybug_ oque? Como assim a minha princesa é a My Lady? Agora eu entendi porque a Isa me chamou de lerdo.

A única coisa que fiz foi abraça ela, então quer dizer que eu estou namorando com a M’Lady?

-Mas nem ouse me beija quando eu estiver de Ladybug.

-Ué mais porque?

-Se eu conheço a Alya não vá demorar para o nosso relacionamento aparecer no Ladyblog e se eles virem o Chat beijar a Ladybug vão achar que você ta me traindo.

-Isso é um pouco chato_ é horrível ser famoso imagina para Mari quando souberem que ela ta namorando o super-herói de Paris?

-O que é chato?

-Essas pessoas que quando souberem que você namora comigo não vão te deixar em paz e eu não to dizendo isso da sua amiga é claro que ela vai querer todos os detalhes...

-Ok eu vou toma cuidado pra vê se eu não falo demais para a Alya nem os jornalistas, mas será que eu posso só contar pra ela fazer ela prometer que não vai contar nada? Até alguém descobrir? Por favor.

-Ok, você pode falar.

-Obrigado, obrigado, obrigado_ falou me abraçando_ ah e lembra do casaco que eu fiz?

-Claro.

-Bem eu terminei hoje depois da escola.

-Será que posso ver?

-É claro_ ela foi até o seu guarda roupa e pegou a blusa assim que ela me entregou eu vesti.

-Ficou perfeito Princesa.

-Obrigado amor, mas acho que agora eu vou dormi.

-Mas o seu gatinho pode dormi com você?

-Ok Chat_ me deitei do lado dela e a abracei trazendo para mais perto de mim_ boa noite Mon Chaton (meu gatinho).

 

-Boa noite My Princess_ e foi assim que dormimos de conchinha.

Leiam as notas finais


Notas Finais


Bem pra começar eu finalmente consegui me organizar viva, então cada dia vou atualiza a uma das minhas fincs e outros dias o meu canal no YouTube e no domingo não posto em nada no ambos pq no domingo eu fico jogando amor doce,
Fiquei ouvindo a Melanie Martinez para escrever esse cap, pois ela me da bastante expiração, então até a próxima um beijo um queijo e tchau.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...