História My Boss - Imagine - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, V
Tags Amor, Boss, Bts, Imagine, Taehyung
Exibições 114
Palavras 1.041
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Fluffy, Musical (Songfic), Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Annyeonghaseyo!!!
Oioi gente, eu não morri
Morri sim, com o álbum Wings
Mas fora isto eu to vivaa

~Boa leitura 😘

Capítulo 9 - Coming Soon


Fanfic / Fanfiction My Boss - Imagine - Capítulo 9 - Coming Soon

Mais um dia de trabalho. Me levanto disposta a enfrentar qualquer tipo de coisa, eu acho...

Vou ao banheiro fazer minhas higienes pessoais, enrolo meus cabelos molhados na toalha e visto minha roupa. Vou até a cozinha preparo um café da manhã e rapidamente como. Entro no quarto e  solto os meus cabelos, ainda molhados.

Resolvo usar uma faixa que havia comprado recentemente, vou mudar um pouco, já que meu humor está bom hoje. Me olho no espelho e vejo se minha aparência era boa. Caminho até o ponto de ônibus e espero pelo mesmo.

(...)

Entro na empresa e me dirijo até a sala, por onde eu passava pude ouvir murmúrios, que com certeza era voltado à um único assunto: Kim Taehyung.

Entro na sala e organizo meus materiais, ainda faltava alguns minutos pra começar minha rotina de sempre, então vou até o pátio da empresa tomar um ar, e incrível que pareça, eu não vi Tae hoje...

Encontro Yumi ali e logo ela me avista, vindo conversar comigo:

— S/N! Tudo bem?

— Sim e você?

— Estou bem.

— Que bom.

— Ok... vou direto ao assunto. Há vários boatos de que você está tendo um caso com Kim Taehyung... isso é verdade?

— De onde tiraram isso?

— Não sei... mas tenho isso. — ela mostra uma foto.

Quando eu pego a foto para ver mais de perto, levo um susto, alguém havia tirado uma fotografia minha e de Kim Taehyung quando estávamos na frente da minha casa e eu dei um beijo na bochecha dele...

Droga. — eu murmurei

— Ha ha. — Yumi faz uma expressão irônica. — Não pode esconder nada de mim.

— Mas eu não tenho nada com ele!!!

— Nem vai ter. — ela pega a foto da minha mão e a rasga. — Kim Taehyung pertence a mim.

— Minha querida eu acho que você poderia ser um pouco menos iludida.

— É? E você acha que tem muita chance com ele?

— O que isso te importa?

— Cuidado, apenas. Você é só mais um obstáculo insignificante no meu caminho, nada que me possa impedir de tirá-la dele.

— Sonha menos, fofa. — eu já estava bastante irritada e ao dizer isso, rapidamente eu saio dali.

Outra vez, entro entro na sala e agora vejo Tae, que lançou um olhar sob mim.

— Houve alguma coisa? — acho que estava evidente no meu rosto que eu estava irritada.

— Não... não precisa se preocupar. — mas é claro que precisa preocupar.

— Tudo bem então... Ah, está diferente hoje...

— Estou?

— Sim. — ele aponta para minha faixa no cabelo — Ficou mais bonita ainda.

— Obrigada. — eu agradeci e olhei para o chão.

— Está com vergonha?

— Não! — eu me sentei na cadeira e liguei o computador.

— Hum... não sei não.

— Tae... me deixa sozinha, por favor...

— Certo... - ele sai da sala.

Eu fiquei pensando no que havia acontecido mais cedo, realmente ela mudou de repente, sabe... ela deve ser daquelas "amigas fura-olho". Qualquer tipo de relação que nós tínhamos foi cortado naquele momento. Minha amizade com ela já tinha ido por água a baixo, ninguém merece ter uma amizade assim.

De repente, eu me levanto da cadeira e saio da sala, eu estava realmente muito irritada, se Yumi aparecesse na minha frente agora, eu juro que quebrava a cara dela. Mas bem... vou tentar me acalmar.

Kim Taehyung Pov's On

Hoje eu me levantei bem cedo e avistei o pôr do sol no Horizonte. Sentir aquela brisa logo pela manhã no meu rosto me fez pensar na S/N... ela têm tornando meus pensamentos todos os dias, é inevitável, eu não faço o mínimo esforço e de repente ela me vem à mente. A cada dia que se passa eu percebo que se isso continuar assim... eu enlouqueço.

(...)

Eu entrei na sala e vi S/N ali, ela parecia bem nervosa, ela pediu pra ficar sozinha... deve ter acontecido algo e ela não quer me falar... pois bem, não vou insistir.

Eu a deixei fazer seu trabalho e logo saí da sala, eu tinha novamente outra reunião hoje, há tantos projetos que estão organizando fazer...

Após a reunião eu saio da sala Central e me direciono ao corredor que levava até minha própria sala, paro antes para beber água e de repente eu fui surpreendido por Yumi, a recepcionista.

— Sr. Kim Taehyung?

— Sim?

— Eu fiquei sabendo que acaba de sair de uma reunião... deve estar tão cansado dessas reuniões monótonas... quer que eu traga algo para você? — ela se aproximou de mim, até de mais ao meu ver.

— Não preciso, obrigado. Por favor, volte ao seu trabalho.

— Por quê a pressa?

— Por favor, volte ao seu trabalho, não me faça perder a cabeça com você!

— Chefe... - ela tenta algum contato físico comigo, mas não funciona.

— Se continuar assim, você vai ser demitida.

— Certo, eu vou embora. — ela se vira para sair, quando de repente S/N aparece no corredor e inesperadamente Yumi vira para trás, roubando um selinho.

A empurro imediatamente, ela estava passando dos limites e isso não vai ficar barato. S/N começa a correr bastante rápido até a sala e bater a porta logo em seguida.

— S/N!!! — eu abri a porta e a fechei em seguida, trancando-a para não corremos o risco de ela fugir. — S/N...  não é o que você imaginou... deixe-me explicar....?

— Tae... o que foi aquilo?!?

— Não precisa ficar brava comigo, providências serão tomadas, isso irá se resolver.

— Tae... Como ela ousa a tocar seus... seus lábios macios? — ela disse e começa a ficar vermelha.

— Eles são macios?  — eu me aproximo dela.

— São... bastante... o que eu estou dizendo? — ela se afastou de mim

— Você está com ciúmes, S/N?

— Eu não disse nada!

— Não disse, mas demonstra.

— Humpf...

— Olha pra mim, eu vou resolver isso tudo, eu não tenho meus olhos a outra garota.

— Tae... — ela fecha os olhos e suspira — Afinal, qual é a nossa relação?

— Em breve você vai descobrir.

...continua 


Notas Finais


Gostaram? Espero que sim? Bjs no kokoro ❤

GENTE O QUE FOI ESSE TIRO DE WINGS?
O ÁLBUM VEIO PRA LACRAR


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...