História My Boss × Kim Minseok - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias AOA, Bangtan Boys (BTS), EXO, Park Bo-gum
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jimin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Park Bo-gum, Personagens Originais, Sehun, Seolhyun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Exo, Fanfic, Hot, Xiumin
Visualizações 61
Palavras 1.289
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ecchi, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hot dividido em duas partes.

Capítulo 5 - Irmã Ou Mais Um Brinquedo?


Fanfic / Fanfiction My Boss × Kim Minseok - Capítulo 5 - Irmã Ou Mais Um Brinquedo?

   Eu e Minseok descemos juntos para a garagem dele, e o cara tinha no mínino uns 9 carros diferentes, naquele dia ele escolheu uma Ferrari azul, e era bem bonita. Um dos empregados abriu a porta para ele, ele entrou e eu mesma abri a porta ao invés do carinha, gosto de fazer as coisas por mim mesma. Minseok começou a dirigir, subiu em uma rampa que havia no outro lado da garagem, que dava acesso para o lado de fora da casa.

— Se você tem vários empregados, porque não tem nenhum motorista?

— Eu tenho um motorista sim, mas eu prefiro dirigir, eu gosto de carros.

Saímos por ai dirigindo, o dia estava quente e ensolarado, e isso faz o meu humor melhorar um pouquinho, fiquei olhando para o Senhor Kim enquanto ele dirigia, não entendia o porque da irmã dele ter ido embora ao invés de continuar com a única família que ela tinha, mas cada um pensa de um jeito.

Chegamos até a empresa, ele estacionou e entrou comigo, eu me sentia bem menos envergonhada de entrar ali do que na primeira vez, afinal, agora eu era a secretária do segundo homem mais rico do mundo... Eu acho. Enfim, subimos no elevador e eu fiquei olhando novamente a vista daquele lugar, era tão lindo, dava pra ver Seul inteira dali. Paramos em um salão bem bonito, o senhor Kim me colocou sentada em um sofá.

— Espere aqui, essa reunião com o Jongdae é particular.

Quem diabos é Jongdae? Ah não importa, só sei que vou ficar aqui até a reunião dele acabar, me levantei e fiquei vagando pelo salão, olhando pro lustre bonito que tinha no teto, na vista que tinha através das paredes de vidro. Até que eu esbarrei em uma criatura.

— Olha por onde anda idiota.

Me virei para ver quem era, e era um carinha com um rosto e olhos redondinhos, cabelos curtos e óculos, uma expressão fechada, pior que a do Sehun. Olhei pra plaqueta de ouro no blazer dele, Do Kyungsoo.

— Como é?

— Quer que eu repita? Ou é surda?

— Porque está falando assim comigo? Ta possuído pelo Satanás ?

Ele riu de um jeito debochado e me olhou de cima a baixo, arrumando seu óculos.

— Vejamos, Do Kyungsoo, diretor do centro de montagens, e você que é apenas uma estagiária tem a audácia de subir além do permitido aos funcionários?

— Escute aqui Satansoo, eu não sou estagiária, sou a secretária pessoal do senhor Kim Minseok.

— Então ta certo... De onde você tirou esse Satansoo?

— Sei lá.

Ficamos em silêncio de novo, Minseok apareceu e não estava nenhum pouco feliz ao me ver com o Kyungsoo.

— Vejo que já conheceu o Kyungsoo.

— Vejo que tem uma bonequinha nova, o chato é que você divide só com o Sehun.

E então parece que todos os diretores de algum setor da empresa sabem... Sabem que eu não passo de uma puta. Me senti tão envergonhada que sai correndo pro banheiro, entrei no banheiro feminino e fiquei ali, me olhando no espelho, tentando entender o que eu estava fazendo.

— CRYSTAL!

E os gritos do Minseok me arrancaram do banheiro, ele saiu me puxando pelo braço e parecia irritado.

— Só não te castigo porque eu tenho o que fazer hoje a noite.

-×-

Minseok estava cansado do dia de trabalho, tinha deixado Crystal no quarto, já que não queria se estressar com ela, ele estava deitado no sofá, assistindo um programa qualquer em sua televisão gigante, quando a porta do quarto de Jimin se abre.

A garota tinha uma lingerie envolvendo seu frágil corpo, foi engatinhando até a sala, ficou ajoelhada ao lado do sofá do irmão até que ele percebesse sua presença ali, foi até a frente dele, passando a mão pela calça de moletom que ele estava usando, na região onde o membro ficava.

— Faz tempo que você não me dá nenhum carinho maninho...

— Você estava em Paris e eu estava ocupado trabalhando, mas você tem uma semana pra recuperar o tempo perdido.

— Oh maninho... Eu quero te chupar.

Ele ficou sentado de frente pra ela, Jimin abaixou a calça de moletom do rapaz com as pequenas mãos, foi acariciando o membro de seu irmão com cuidado. Crystal saiu do quarto para pegar comida na cozinha, ela ficou escondida em uma parte da parede, não acreditando no que estava vendo. A irmãzinha estava pagando um boquete pro irmão mais velho.

— Chupa direitinho Jimin...

Crystal tentou passar devagar sem interromper o momento, mas Minseok percebeu a presença dela.

— Crystal, venha cá.

Ela obedeceu meio receosa, foi até o sofá em que ele se encontrava e se ajoelhou na frente dele, ao lado da sua irmã, que não interrompeu seu trabalho com a boca mesmo na presença dela.

— Crystal você tem que dividir.

Minseok retirou o seu membro da boca de Jimin e colocou rente a boca de sua secretária, a garota não se moveu e ficou olhando para aquilo, grande, inchado e levemente molhadinho.

— Ande logo, você já fez isso pro Sehun.

Crystal abriu a boca e deixou que ele entrasse com o membro lá dentro, enquanto isso Jimin estava se masturbando, passando os dedos em sua intimidade por cima do tecido fino da calcinha, Minseok gemia e segurava os sombros dela com as suas mãos, ele afastou um pouco da boca da garota e deu para a irmã, as duas ficaram lambendo o membro dele juntas.

— Sabe Crystal, deve estar pensando que eu sou um ninfomaníaco que chega ao ponto de comer a própria irmã, se bem que eu sou sim, enfim ela é minha meio irmã. Nossa mãe a teve com um outro homem, mas ela sempre considerou o senhor Kim como o pai biológico dela, a mamãe contou isso um pouco antes de morrer.

Ele e Jimin transavam porque não se consideravam irmãos por completo, mesmo que isso continuasse sendo errado. Minseok estava perto de gozar e pediu para que elas se afastassem, enquanto se masturbava mais um pouco, e o orgasmo o atingiu, fazendo ele ejacular e espalhar ao máximo entre as duas garotas. A irmã engolia tudo enquanto Crystal limpava o rosto com as mãos, levando um olhar fuzilante de Minseok.

— Engole essa porra.

Crystal passou os dedos no rosto e logo após colocou na boca, sentindo a temperatura morna e o gosto amargo do corpo de Minseok, Jimin se levantou, claramente sensualizando para ganhar um pouco mais de atenção do seu irmão mais velho, enquanto a outra permaneceu sentada no chão, olhando para a aquilo de um jeito estranho.

Ele segurou a irmã pela cintura e a colocou sentada em uma das pernas, mandou Crystal se levantar e colocou ela sentada na outra perna, ele tinha uma mão para o corpo de cada uma, começou passando as mãos pelo corpo de sua irmã mais nova, tocando cuidadosamente os seios da garota, que não eram tão grandes, ela tirou o sutiã e ficou segurando o sutiã, como se estivesse mostrando os seios propositalmente para o seu irmão.

— Lindos Jimin, lindos.

Ele beijou cada um dos seios dela e começou a apertar o direito, enquanto a mão de Jimin deslizou pela coxa de Crystal, puxando a calça que ela estava usando para baixo, Minseok colocou a garota de pé e obrigou ela a tirar as roupas, a secretária estava usando um sutiã vermelho e uma calcinha preta, se sentiu envergonhada mas ele não ligou, olhou para ela enquanto descia as mãos para a a vagina de Jimin.

— Enquanto estiver aqui, vai aprender a pegar todos, e a Jimin vai adorar ser dividida entre mim e você. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...