História My Boy 》Hiatus《 - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, J-hope, Jung Hoseok, Violencia
Exibições 119
Palavras 710
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Hentai, Luta, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Vamos ver até onde isso vai chegar!!

》》》》》《《《《《

Capítulo 1 - ◆01◆


P.O.V Yummi

  Tudo estaria bem,mas não esta.Meu pai me bate muito e o pior é que eu não posso fazer nada,nada mesmo.Eu o amo muito mas assim não da,eu ainda não o denunciei porque  tenho medo do que ele pode fazer depois.

    *Alguém bate na porta*

-Quem é? PorFavor...vai embora-falo e sinto lagrimas caírem de meus olhos.

    -ABRA! SE VOCÊ NÃO ABRIR EU...-nao penso duas vezes,abro a porta.
   Era possível sentir o cheiro do álcool,ele estava bêbado,não podia deixar isso acontecer...nao de novo não.Não quero apanhar,presciso de ajuda.

    *Fecho a porta novamente*

     Vou até o banheiro.Sinto lagrimas e mais lagrimas descerem e volto para o quarto,lembro quem sempre guardo uma faca debaixo da cama então pego a mesma e volto para o banheiro.Vejo que meu rosto esta muito enchado mas não ligo,alias depois disso nada vai importar mesmo, meu pai batia na porta mas eu não posso abrir.Olho para meus pulsos e depois caiu no chão e começo a chorar,depois não vejo mais nada.

        *Algum tempo depois*

  Eu estava numa sala branca,tinha varias maquinas,não estava entendo nada.Vi um homem muito bonito parado na porta,estou no céu?

    -Acordou?Sou quem te salvou,aquele era seu pai? Voce morava la?-ele falava demais,apenas assenti que sim para todas suas perguntas.Minha cabeça doía muito.

    -O-Onde eu to?Quem é voce?-digo com dificuldade.
     -No hospital,meu nome é Jung Hoseok. -diz e da um sorriso que só Jesus.

       -Tenho que ir para casa...posso ir?-digo e ele nega.-Porque?
    -Voce é menor de idade e não pode  ficar sozinha em casa.Voce se cortou então...temos medo de que algo aconteça-respira fundo e volta a falar-Voce pode escolher em ficar num orfanato ou ficar na casa de algum parente.

   Como assim num orfanato?Eu não tenho família.NÃO,NÃO,NÃO!

   FlachBlack On:

  -Não quero ficar com ela,ela é um monstro.

    Porque papai falava aquilo?

   -Desculpe-me senhor mas não podemos ficar com ela.

    Papai se levanta e vem até mim,pega em meu braço e me leva até o carro e não fala nada até chegarmos em casa.

    Papai chorava todas as noites.Depois se viciou em jogos perdemos  muitos móveis dsa casa,depois se viciou em bebida.Eu não fazia nada e ele me batia mesmo assim.

   FlachBlack Off:

-NÃO!-começo a chorar-Vou ir com você...-digo baixinho e ele pede para eu repetir.-Eu vou com você...Sr.Jung Hoseok.Nao tenho família...

     -PorFavor me chame só de Hoseok.Voce ficara bem,confie em mim.Voce pode ficar em minha casa se quiser.

   Assenti e ele saiu do quarto branco me deixando só. Abraço minhas pernas e sinto lagrimas caírem,minha visão estava embaçada.

    -Senhora Yummi?-È a enfermeira.

Enchugo minhas lágrimas.

     -Sim?-digo e ela vem até mim.

     -Você ira para casa, esta pronta?
      -Sim-digo e ela sorri.

      *Na sala de espera*

  Estava na sala de espera, o Sr.Hoseok estava vindo,ele estava muito bonito...CHO PENSAMENTOS CHO!

     -Vamos?Meu carro esta la fora.- assenti.
O caminho para casa dele foi divertido ele fazia algumas gracinhas e eu ria.

      *Chegando na casa*

   -Você quer tomar banho? E subindo e virando a  direita-diz e se senta no sofá.

    Subo e vou direto ao banheiro,tirei minha roupa e liguei o chuveiro.A agua caia sobre mim e eu ficava pensando sobre o Sr.Hoseok ser tão bom assim comigo.Ele não podia simplesmente ter falado que eu iria para um orfanato?.Eu não quero ficar aqui por muito tempo,serei um incomodo.

         *Depois do banho*

  Desço e me sento no sofá onde o Sr.Hoseok esta sentado.

       -Sr.?-digo e me corrigo-Desculpa Hoseok,mas não posso ficar por muito tempo aqui.

   Ele me olha,dava para ver que ele estava triste.Ele gostou da idéia de eu ficar aqui?

    -Nunca tive alguém,você é a primeira pessoa.Digo...aqui...na minha casa-diz ele passando a mão na nuca,ele estava com vergonha.

   Vou arranjar um emprego,não  vou ficar aqui.Vou ser um incomodo,e ser um é uma coisa que eu não quero.

              *No quarto*
 
  Esse quarto é bem confortável,parece que uma menina morava aqui.

   Era filha dele?Esposa?Irma?
Bom eu não sei mas é bem bonito.

   Fiquei pensando um pouco sobre meu pai, e vi que nunca tivemos momentos bons juntos.Era só tristeza e raiva.

   Adomerci.

           *No outro dia*

Acordei,fui no banheiro e fiz minha higiene pessoal.Depois desci e encontrei o Hope...como?Eu dei um apelido para ele?A deixa.

    -Bom dia!-disse dando um sorriso
     -Bom dia bela adormecida-diz rindo.

   Comemos e depois ele saiu para trabalhar.Fiquei o dia todo assistindo Netflix na TV,assisti Flash.

   
  


Notas Finais


Como esta?

Gente ja sou casada com o vácuo, porfavor não me deixem! !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...