História My Boyfriend - Hiatus - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Boyxboy, Bts, Homossexualidade, Hoseok, Jeoonkook, J-hope, Jikook, Jimin, Jimin!uke, Jungkook, Jungkook!seme, Suga, Taehyung, Taeyoonseok, Yaoi, Yoongi
Visualizações 612
Palavras 1.637
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 2 - One


Fanfic / Fanfiction My Boyfriend - Hiatus - Capítulo 2 - One

13 de agosto, 2015 08:30 AM

2 semanas depois

Jimin se encontrava mais ansioso do que nunca. Jungkook havia lhe chamado para saírem, e assim realizar o primeiro encontro, talvez o primeiro beijo e a primeira declaração de amor.

Tinha medo de fazer algo de errado e acabar estragando tudo. Até porque sempre fora um desastrado quando está com vergonha.

Ajeitou suas roupas escolhidas para o encontro, deixando-as em cima da cama. Olhou para o conjunto de peça e bufou.

- Não. - e assim voltou ao seu guarda-roupa para pegar outra roupa.

Bufou incontáveis vezes para logo após sentar no meio de todas as roupas tiradas de seu guarda-roupa e postas no chão.

Pensou em chorar e dizer para Jungkook que não iria poder ir. Já estava até pensando em uma desculpa qualquer. E iria fazer isso mesmo, ao que pegou o celular, sentiu a presença do irmão invadir o quarto.

- Jimin. - a voz rouca do mais velho soou pelo quarto - Jungkook está te esperando na sala. - Hoseok jogou a franja para trás com as mãos

- Que? - levantou rapidamente procurando alguma roupa, já que estava apenas de short - Eu não acredito nisso. - desesperou mais ainda ao não encontrar nada que lhe favorecia - Hope me ajuda. - puxou o irmão pelo pulso, fazendo o mesmo tropeçar pelas peças de roupas jogadas no chão

- O que? - franziu

- Me ajuda a escolher algo para vestir. - jogou inúmeras roupas em cima da cama, e depois jogando-as no chão novamente

- Por que está fazendo isso? - negou com a cabeça, agachando um pouco e envolvendo duas peças nas mãos - Toma.

- Sério isso? - Jimin franziu - Um shortinho e uma regata?

Hoseok sorriu jogando as roupas contra o corpo do baixinho.

- Vai pelado então. - resmungou antes de deixar o quarto

- Hyung…Volta aqui…

Porém Jung Hoseok não voltou. Deixou a regata de lado, procurando uma blusa descente. Alegrou-se ao ver uma blusa branca sem estampa no meio da bagunça. Cheirou e fechou os olhos.

Cheiro do Jungkook.

Aquela blusa, era do moreno. Este que havia esquecido na casa do Park quando algum dia veio passar o final de semana para estudarem juntos.

Logo já estava com o shortinho curto até a metade das coxas e a blusa branca, que por pouco não tampava o short todo.

Ajeitou os cabelos no espelho do quarto, passando um delineador e lápis de olho, por fim borrifou as gotículas do perfume em si.

Calçou um tênis branco e já estava arrumado. Passou pelo corredor que levava diretamente até a sala. Encontrando um Hoseok largado no sofá enquanto conversava com Jungkook, este que ainda mantinha uma postura reta em uma poltrona que ficava no canto da sala.

- Por isso que ele não fala mais comigo. - Hoseok mastigava uma bolacha que estava em mãos enquanto contava um caso qualquer ao moreno

- Demorei? - Jimin sorriu entrando no cômodo

- Ah? - Jungkook ficou boquiaberto com a audácia do corpo do baixinho - Não. Claro que não. - levantou-se da poltrona logo abraçando o acastanhado - Está lindo. E cheiroso.

- Obrigado Jeon. Você também está. - deixou um selar na bochecha do moreno

- Ai que cena clichê. - Hoseok se levantou com a intenção de se retirar da sala - Bom encontro pra vocês. - acenou com a mão quando já estava preste a entrar no corredor da sala

- Vamos? - Jimin agarrou a mão do outro que ainda estava presente na sala puxando-o para fora da casa

Andaram na rua normalmente, ainda de mãos dadas ignorava completamente os olhares alheios.

Jungkook soltou uma risadinha ao ter o nariz do Park em seu pescoço. Não estava nevando, mas o tempo já estava frio de mais para deixar as mãos e nariz gelado.

- Quer voltar para casa e ficar agarradinho de baixo do cobertor? - Jungkook sussurrou no ouvido do garoto

- Não Jungkookkie-ssi… - murmurou baixinho soltando algumas risadinhas

O moreno lhe lançou um sorriso bobo enquanto sua atenção fora voltado totalmente para os lados, onde se encontrava lojas e restaurantes.

Chegaram em seus destinos. Um restaurante aconchegante e quentinho. Sem contar com o cheiro de comida por todo salão.

- Ah, isto sim é um restaurante bom. - Jimin tirou o casaco que usava sendo seguido pelo moreno, para então escolherem a mesa

- Sim. - sentou-se na cadeira já pegando o cardápio

- Olá senhores, o que vão querer para hoje? - um garçom se aproximou já com um bloco de notas em mãos

- Uh… - varreu o cardápio com os olhos - Ah, me trás apenas um chocolate bem quente com marshmallows, por favor. - fecha o cardápio olhando em direção a cozinha

- Uh, me trás uma sopa bem quente. - Jungkook pronunciou entregando o cardápio para o garçom, este que se retirou deixando ambos a sós novamente - E então Chim. - limpou a garganta chamando a atenção do baixinho - Já pensou em falar para sua mãe, sobre nós?

- Ah? - franziu - Quer dizer… - suspirou- Ainda não…

- E quando pretende falar? - umedeceu os lábios

- Talvez quando eu ver que é a hora certa. - desviou o olhar novamente do moreno - Ainda estou com medo dela me afastar de você. - grunhiu ao ver que sua explicação só piorava

- Você sabe que não. - negou com a cabeça - Jimin, ela sabe de sua sexualidade. Por que afastaria a gente? - franziu

- Eu não sei Gguk. - suspirou mais uma vez - Minha mãe pode fazer o que ela bem entender. E realmente não quero me afastar de ti. Talvez tenho medo dela me fazer morar com meu pai, e você sabe como me sinto quando tenho a presença dele perto de mim.

- Mas você não está sozinho nessa. Eu disse que seguiria com você até o fim quando me confessou que era gay.

- Você disse também que eu teria todo tempo do mundo e que me esperaria mil anos se fosse preciso. - Jimin tentou conter uma lágrima teimosa que já fazia menção de escorregar de seus olhos

- Mas você não tem vontade… - calou ao perceber o que iria falar - Quer dizer, você não faz questão de falar com ela.

- Eu não faço questão? Quer que eu fale pra ela que estou namorando o meu melhor amigo, e quando cair a ficha ela me mandar pra bem longe? Quer isso Jeon Jeongguk? - o acastanhado elevou sua voz sem ao menos perceber

- Eu quero que todo mundo saiba que você é só meu. - bufou

- MAS CLARO, EU SOU SÓ SEU? POR QUE ESSA OBSESSÃO AGORA? POR QUE? - levantou batendo as duas mãozinhas na mesa - POR QUE VOCÊ FAZ ISSO? - uma lágrima já podia ser vista na face rosada do garoto, que agora tinha os olhares de todos sobre si

- Que porra, senta ai. - revirou os olhos - Eu só não quero fazer algo escondido de ninguém. - se explicou tentado ao máximo não gritar mais alto que o garoto

- Que porra digo eu. - bufou sentando novamente - Você é um merda Jungkook. - cruzou os braços enquanto em seus lábios havia um enorme bico

- Senhores, desculpe incomodar. Mas aqui está os pedidos. - o garçom deixou o prato de sopa na mesa próximo á Jungkook e o chocolate quente próximo ao acastanhado

- Obrigado. - Jungkook murmurou antes de encarar sua sopa e depois fitar o baixinho

- Você paga. - Jimin pronunciou antes de tomar seu chocolate quente nos lábios

- Como sempre. - sussurrou

- Que? - franziu

- Isso tá muito quente. - apontou para a sopa

- Claro, queria que tivesse gelada? - revirou os olhos pelo comentário do moreno

- Queria que você fosse educado. - suspirou antes de experimentar a sopa

- Sério? Que pena, que querer não é poder. - bufou antes de tomar mais uma vez o chocolate quente, dessa vez com o marshmallow - Então vai ficar só no querer.

- Sempre tão irônico. - resmungou

[…]

Ambos não trocaram mais nenhuma palavra. Seguindo assim até a casa do Park. Jungkook todavia encarando o baixinho, que mantinha um biquinho nos lábios e o nariz empinado. Dando total certeza ao Jeon que o pequeno Park ainda estava com raiva.

- Você é um idiota. - Jimin apontou para o maior - Me fazer gritar no meio daquelas pessoas! - bufou

- Eu apenas…- foi interrompido

- Cala a boca. - o baixinho magoado cruzou os braços - Eu não gosto de brigar com você Gguk…Mas esse seu jeito…Tsc, tenha paciência. - suspirou

- E eu tenho Minnie. - aproximou de vagar, envolvendo o acastanhado em um abraço - Não vou te apressar. - deixou um beijo no pescoço alvo - Prometo.

- Jungkook-Ah! - empurrou leve o maior - Vai ficar me agarrando na frente da minha casa? - franziu

- Aish… - suspirou se afastando - Desculpe por hoje…Era para ser um encontro e eu acabei transformando em uma briga.

- Não se culpe. - revirou os olhos

- Jimin? - ouviu-se a voz feminina de uma mulher muito bem conhecida pelo casal - Jimin, onde estava?

- Omma? - virou para trás encarando a mulher - E-Eu e Jungkook estava andado…

- Eu convidei ele para ir na lojinha de gibis que abriu ali na esquina. - Jungkook pronunciou

- Oh, tudo bem então. - semicerrou os olhos - Sempre juntos né? - gargalhou ao abraçar o baixinho de lado - Bom, já está na hora de se arrumar Jimin. Esqueceu que vamos na casa da vovó hoje?

- Ah, não Omma. - negou - Jungkookkie…A gente se ver mais tarde. - desgrudou da mãe para abraçar o maior - Te amo vacilão. - sussurrou no ouvido do Jeon

- Também te amo toquinho. - sussurrou de volta

Park mais novo lhe olhou torto antes de virar para o portão de sua casa, mas não deixou de lhe lançar um sorriso acompanhado com um beijinho pelo ar antes de entrar pela porta.

 Tirando um sorriso bobo do moreno.


Notas Finais


Nhoo parece que a fic não vai ser tão amorzinho como todos pensava num é? :')

Não vou mentir: https://spiritfanfics.com/historia/nao-vou-mentir-9043548

Obrigada a todos favoritos e comentários, isso incentiva muito à escrever! Obrigada mesmo ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...