História My boyfriend's are pregnant - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Taegi, Taeyoonseok, Vhope, Vhopega, Yoonseok, Yoontaeseok
Visualizações 72
Palavras 1.129
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oe meus bolin, desculpa a demora :3 tava corrido aqui :3
Bom, esse infelizmente e o penúltimo cap ;_;
Boa leitura:3

Capítulo 8 - Oitavo mês


•8° mês• 


Um mês havia se passado, e ate então o casal -de três- não estavam com tantos problemas, os pais de Hoseok continuava na casa dos enteados, e Hoseok continuava com as ameaças. Yoongi tinha evoluído, no quesito comer e dormi, ele já fazia isso antes, agora tinha duplicado.


Bom poderia ter se passado alguns meses do ocorrido com a modelo, e Yoongi ainda não aceitava a historia, mas tava moderando e tentando não se irritar com isso. Mas as vezes parecia impossível, pegar uma revista e ver seu futuro marido junto a uma piranha oferecida não era algo aceitável.


Tae ainda era pressionado pelos pais, os mesmo queriam que ele se apaixonasse pela garota que lhe fora escolhida. Os mesmos não entendiam, por mas que Taehyung explicasse, que não curtia oque a mesma tinha no meio das pernas.


Obviamente a modelo tentava sempre algo com Tae, e o mesmo sempre se afastava, evitando beber tudo que lhe era oferecido pela mesma, lia muitas historias onde o relacionamento acabava, por algo que a "puta" colocava na bebida, e o idiota acabava bebendo e destruindo o relacionamento.


Embora muitas das tretas se resolviam no final, Tae estava cociente que sua vida não era como as historias que lia, e estava bem longe de ser, sua vida não era simplesmente fictícia, ele existia e estava sendo escrita mês por mês de sua vida, junto com seus noivos "politicamente incorretos" julgando pelo que a sociedade descrevia.


Tae estava cociente do que queria, sua vida estava ótima desse jeito, aguardando a chegada de seus dois bebês, Jimin e Jungkook. A ansiedade se tornava absurda, quando, depois de uma semana da ultrassom feita, plena quatro da manhã, Tae acordará seus noivos para irem comprar as coisas para a decoração dos quartos.


Obvio que o mesmo não escapou ileso, recebeu um belo tapa e esporro de um Yoongi sonolento e revoltado e um bico emburrado de Hoseok, que mesmo ancioso, não sairia quatro da manhã pra comprar as coisas, tendo o resto do dia para fazer isso.


Mas ao final, as três da tarde os três caminharam para o shopping e decoraram o quarto de ambos os bebês. Nesse meio tempo, também ocorreu o chá de bebê, que deu oque falar pros amigos mas próximos e uma pequena treta por um dos amigos de Tae que deu em cima de Hoseok.


Tae obviamente não conteu o ciúme e ia acabar arrumando uma treta no local, se Yoongi não tivesse parado os dois.


Bom focando diretamente nos dias atuais, tudo se encontrava calmo na medida do possível , se fossemos tirar o fato de Hoseok andar cada vez mas afastado, e isso andava preocupando cada vez mas Tae e Yoongi, mas Tae era o mas preocupado, sentia que o mesmo escondia algo a tempos e seria hoje que descobriria tudo.



Tae acorda em seu horário normalmente, constatando que Jin havia levado os meninos para fazerem os exames, e que havia dispensado os empregados hoje, sorriu aliviado, pois assim poderia descobrir o que tanto atormentava seu Hope.


Preparou um cafe simples, e pois-se a se alimentar, enquanto lia uma revista, um pouco antiga, levando em conta que era de alguns meses atras, era a revista de quando Yoongi ainda trabalhava como modelo, e essa revista em especial, foi realizada a sessões de fotos na Tailândia, ele se lembrava do dia em que Yoongi resmungava por ter acordado cedo, e pela pequena briga que tiveram, pois Tae não queria aceitar a ida do noivo, para a Tailândia.


No final, Hoseok resolveu tudo e Tae acabou aceitando a ida de um dos namorados para longe, Na época, Yoongi não podia levar os mesmos, o primeiro motivo era pelo qual, seu chefe não havia permitido companhia, e o segundo motivo, e um dos mais importantes, era por que, Hoseok estava em semana de prova na escola.


Tae soltou um risinho, enquanto lembrava desses momentos passados, na época que havia conhecido os meninos, não fazia ideia que acabaria tendo que lidar com a ideia de ser pai, e muito menos, que levaria um tapa no rosto, dado pelo seu próprio pai.


— Já estamos a tanto tempo juntos...— Soltou as palavras quase nulas, que lhe rasgava a garganta por possuírem tantas lembranças memoráveis, cuja sempre iriam levar.


Ao termina seu alimento, pois-se a levantar e caminhar para seus aposentos, enquanto sua cabeça pensava em mil coisas, e obviamente foi uma surpresa encontara o celular de Hoseok sobre a mesa de computador, cujo o mesmo acabara de receber uma mensagem.


Tae tratou de pegar o mesmo e desbloquear o eclã, que já era bem conhecido por si, lendo a mensagem do ser que possuía o contato salvo como "ameaça"  Tae logo desconfiou e pois a ler todas as mensagens anteriores, desacreditando do que lia, era simplesmente sua mãe, ameaçando a pessoa que Tae tanto amava.


Lagrimas de puro ódio, foi incapaz de ser contidas pelo moreno, parecia que finalmente tudo fazia sentido, a aceitação repentina que Hoseok ao falar do relacionamento com a modelo, o afastamento que Hoseok estava tendo de si e de Yoongi, tudo isso era por ameças e medo de os perde-lo. Todavia Hoseok sempre fora ingenuo, sempre pensando mais nos outros do que em si mesmo, sempre tentando não incomodar ninguém, as vezes era facilmente manipulado.


— Tae você viu meu celul- — Hoseok travou na porta, enquanto voltava do passeio atras de seu celular, e ao ver que um de seus noivo o segurava e aparentemente chorava, não teve muito tempo de raciocinar em nada, começando a gaguejar nas palavras.


— Hoseok, porque não me disse? — Perguntou choroso, enquanto acolhia seu noivo em um abraço caloroso e protetor, sussurrando palavras baixinhas de consolação pro mesmo que já se encontrava a chorar.


(...)


A parte mais difícil fora contar para Yoongi, que já queria sair de casa com a cabeça quente, mas fora impedido pelos noivos. Não foi tao diferente com a mãe de Hoseok que teve a mesma ou pior reação que Yoongi, e enquanto perguntava quem havia ameaçado seu filho, já queria ir na cozinhar pegar uma faca.


Tae logo tratou de ligar para seus pais e jogar umas boas verdades na cara dos mesmo, apos isso desmentiu toda historia com a modelo em frente a mídia e todo o ódio que sentia por aqueles que por muito tempo os reconheceu como "pais" e que agora eram apenas mais uns estranhos.


O choque foi tenso para a mídia, ao Taehyung finalmente revelar seus noivos para todos e assumir ser homossexual, e estar esperando o nascimentos dos seus filhos alegremente. Os comentários de ódio e nojo não deixaram de existir em hipótese alguma, afinal estava se assumindo homossexual em um pais cujo vivem cheio de preconceitos e esterótipos.


Mas ele não se importava com isso -não mais- havia finalmente descoberto que não vivia pra si, vivia para eles.


Notas Finais


E tão frustante eu n conseguir fazer capítulos longos ;-;

Bom, já estou com sdds antecipada, saber q esse e o penúltimo cap daqui DOI de certa forma, amo ter vocês ao meu lado, mas a vida segue e sempre querei ver vocês em outros projetos :3

Cometem me motiva tanto :3

Bjs :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...