História My Brother Jimim (incesto) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Incesto
Visualizações 78
Palavras 803
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amores desculpa por não ter postado o capitulo antes,e por ter passado muito tempo sem postar.
Espero que gostem do capítulo de hoje.
Boa leitura..😻❤😌

Capítulo 9 - Você e uma qualquer.😡


"Nossa beijar Min Yoongi foi a melhor coisa que ja me aconteceu😍"

Saio de meus pensamentos com um susto que levei de meu irmão .MEU DEUS QUE SUSTO DO CAPIROTO..

Ele estava sentado na poltrona , com uma cara muito assustadora ,seu olhar era psicopata.

-Meu deus Jimin que susto você  me deu.-digo colocando minha a mão direita no coração-Você ta parecendo um psicopata desce jeito.

Digo indo em direção as escadas, mas sou impedida pelo meu irmão que me puxa pelo pulço,fazendo com que nossos corpos se choque deixando poucos centímetro entre nossos lábios .

Senti um cheiro muito forte de álcool vindo de meu irmão. Ashi porque ele bebeu?Eu realmente não sei. O mesmo segurava me braço com tanta força que estava me machucando,com certeza iria ficar roxo o local. Jimin começou se aproximar mais de meu rosto deixando mínimos espaços entre sonos lábios. Afff aquele hálito de bebida estava dicando cada vez mais forte ,já estava ficando enjoada com o cheiro.

-O que está fazendo Jimin?-falei empurrando o mesmo pra longe de mim,depois dele tentar me beijar.-Você está bêbado, e não está pensando direito.

-Eu não estlou bêbado, e sei sim plefeitamente o que estou flazendo .-diz meio embolado o mesmo se aproximando cada vez mais de mim.

A cada passo que ele dava eu ia para trás até não ter mais pra onde ir.É novamente sinto o cheiro de bebida que estava empreguinada em meu irmão perto de minha narinas, meu irmão colocou seus braços fortes e malhados apoiados na parede ,um perto de minha cabeça e o outro segurava minha cintura. Tentei sair más foi em vão porque o mesmo era mais forte que eu.

De repente sinto seus lábios carnudos nós meus ,ele começa a me beijar ferozmente ,quando ele pede passagem com a língua eu cedo. Depois percebo que o que eu estava fazendo era uma loucura e que meu irmão só estava me beijando porque estava bebado. 

Me separo do beijo empurrado-lhe para longe de mim.

-O que foi maninha!?-diz aproximando-se mais uma vez de mim-Eu sei que você quer isso.-Vejo um sorriso malicioso brotar em seus lábios.

-Você está enganado meu irmão.-digo dando um sorrizinho de lado.- É completamente bebado,acho melhor você tomar um banho e ir dormi. Boa noite manhinho.-Digo mandando um beijo no ar.

-QUEM ERA AQUELE MULEKE PARK S/N ?ÃÃNNH ?.- me virei para meu irmão e olhei perplexa para ele - puf com certeza ele deve ser só mais um que você trepou por ai.

Quando meu irmão disse essas ultimas palavras eu nem pensei duas vezes  e desferi um tapa em seu rosto.

-Que foi manhinha !? Não gosto do que eu disse?-diz rindo debochado- Não deveria se sentir ofendida,ainda mais você uma qualquer  que fica dano pro seu proprio irmão. 

Não me aquentei e dei-lhe outro tapa,meus olhos ja se encontravam um rio de lágrimas de tanto chorar.Como ele pode fala isso de mim , como?. Sai correndo em direção ao meu quarto ,ao adentra o mesmo tranquei a porta para garantir que aquele ser chamado Jimin não entra-se em meu quarto. Me joguei em minha cama e me desabei em lágrimas. 

Aquelas palavras que meu irmão disse me magoaram bastante. Porque eu tive que me apaoixonar pelo meu proprio irmão? Por que senhor.

De tanto chora ,acabei dormindo.

(...)


Acordo com o barulho irritante do meu dispertador, peguei o mesmo e joguei do outro lado do quarto fazendo o barulho parar.

Levantei da cama e fui em direção ao banheiro que tinha no meu quarto me olhei no espelho que ficava em cima da pia e vê que meu rosto estava enchado e que eu ainda usava o uniforme da escola.

Me despi e entrei no box do banheiro  lingando o chuveiro. Entrei de baixo do mesmo e deixei à água cair sobre meu corpo ,fazendo com que eu sentisse  sensação boa de tranquilidade,só que o que e bom dura pouco. De repente comecei a lembrar das palavras horriveis que meu irmão me falo e me pús a chorar mais uma vez.

Tomei meu banho ,vesti meu unifome ,fiz uma make básica para esconder um pouco as olheiras, e peguei minha mochila com meu celular.Desci as escadas e adivinha , Park Jomin tava na cozinha fazendo o café, iginorei totalmente ele e fui em direção a porta da frente a abrindo e quando ia saindo,meu irmão me chama.

- Bom dia s/n você não vai tomar caféda amanha,?-disse na maior tranquilidade. 

Meu deus como meu irmão sinico.Como ele pode fingir que nada aconteceu ontem?Aish como eu odeio amar meu proprio irmão.Sai de casa ,sem nem ao menos responder a pergunta de meu irmão. 

Enquanto eu andava pela ruas de Seul a caminho da escola, fiquei observando as crianças e seus pais daindo de casa para ir à escola. Eu estav tão destraida com as crianças e seus pais que nem notei o carro preto  vindo em minha direção.





Continua....








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...