História My Brothers - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yuma Mukami
Tags Azusa Mukami, Ellie Mukami, Kou Mukami, Ruki Mukami, Yuma Mukami
Exibições 316
Palavras 1.096
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OI!!! Gente, percebi que os comentários estão diminuindo, e isso me deixa triste. Não, não precisa escrever uma coisa gigantesca. Escrevam críticas ou o que acha da fic...

Esse capítulo terá cenas quentes, faz tempo que não escrevo Hentai, desculpa! Estou envergonhada haha

Boa leitura 💙💙💙

Capítulo 17 - Capítulo 16


Fanfic / Fanfiction My Brothers - Capítulo 17 - Capítulo 16

[AVISO: Notas iniciais]

『My Brothers』

✎ Capítulo 16 - Dor desagradável...

Pov's Ellie

— Olá Subaru-senpai! — Sorri, aproximando-me — Mandaram noivas para a mansão.

— Oi Li-chan! Mandaram pra nós também... Eu, o Ayato e o Kanato ficamos sem bolsas de sangue. — Suspirou Baru-kun. Pelo menos ele ficou sem uma noiva... Ufa!

— O que você quer comigo? — Perguntei confusa. Ele não deve ter me chamado aqui pra nada!

— Faça silêncio, amor. — Corei e Baru trancou a porta do banheiro — Você será minha... De corpo e alma.

— Eu sou sua. — Como assim? Não entendi.

— Tão ingênua... — Subaru encostou-me na parede, atacando meus lábios. Suas mãos gélidas passeavam pelas minhas costas.

— B-Baru-kun... — Suspirei quando senti o mesmo beijar meu pescoço. Soltei um pequeno gemido involuntário, parece que ele gostou, pois sorriu.

—Isso... Geme. — Subaru sussurrou em meu ouvido, sua voz grossa me fez arrepiar. O platinado levantou minha perna, fazendo um impulso para eu subir em seu colo.

Em uma agilidade desumana, começou a abrir minha blusa social, torturando-me. Me beijou com carinho e excitação, sem quebrar o beijo, Subaru tirou minha blusa por completo; deixando meu sutiã amostra.

— Você está muito vestido, amor! — Separei nossos lábios, retirando sua camisa, deixando exposto seu corpo maravilhoso... Tão sexy.

— Pervertida... — Sorriu maliciosamente, tirando sua calça e seus sapatos. Tirei minha saia totalmente corada, tirei meus sapatos, ficando apenas de meia 3/4 e minha langeri preta.

— Eu preciso de você, preciso AGORA! — Mordi o lábio inferior, beijando-o. Sua língua habilidosa invadiu minha boca. Subaru abriu meu sutiã, e meus seios pularam pra fora, por conta da excitação.

— Cabem perfeitamente na minha mão. — Baru-kun lambeu os lábios, massageando um de meus seios — A partir de agora, me chame de Daddy.

— Hum... Daddy... — Gemi alto, aproveitando aquela carícia.

— Baby Girl, você está molhada. — Subaru ri, tocando minha vagina por cima do fino tecido preto — Eu posso resolver isso. — O mesmo retirou minha calcinha lentamente, seus dedos ágeis faziam movimentos circulares. Eu gemia baixinho em seu ouvido.

— Está muito bom.. Daddy, não para! — Joguei minha cabeça para trás, quando senti que o mesmo penetrou 2 dedos no meu sexo.

— Tão doce... — Subaru lambeu os dedos, quando percebi, Baru estava completamente nu. Seu pênis ereto e alguns fios de cabelo estavam grudado em sua testa... Depilado! Ahmmm, melhor ainda.

— Eu faltei algumas aulas... Daddy, você pode me ensinar como faz? — Falei com uma voz falsa de inocência.

— Seja uma boa aluna Ellie, irei lhe ensinar tudinho. — Subaru entrou no joguinho, me colocou de joelhos.

— Pega-lô? — Olhei em seus olhos, esses olhos escarlate brilham de luxúria.

— Sim. Seja minha Baby... O Daddy irá adorar te possuir. — Subaru mordeu o lábio. Depois desse ato, quase tive um orgasmo!

— Tão grosso... — Abocanhei seu membro sem avisar. Subaru gemeu em desaprovação, o mesmo segurou meus cabelos em um rabo de cavalo, movendo rapidamente minha cabeça. Eu levantei o olhar, seu rosto está vermelho e pelo jeito adorou a minha olhadinha.

— Olhe para seu Daddy! — O platinado gemeu rouco e eu o obedeci. — Ellie, eu vou gozar. Tire da boca! — Ignorei seu comentário e senti um líquido quente e pegajoso na minha boca. Engoli tudo, mas saiu um pouco pelo canto da boca — Chega! — Subaru posicionou seu membro em minha entrada, penetrando tudo de uma vez. Meus olhos encheram-se de lágrimas.

— Tá doendo muito... — Abracei-o, fechando fortemente os olhos.

— Relaxe, já passa... — Subaru acariciou meus cabelos. Ficamos nessa posição por um tempo, percebi que não doía mais, então comecei a rebolar em seu colo — Passou? Você é tão apertada... — Baru riu, penetrando mais fundo.

— SAKAMAKI SUBARU!!! — Gritei quando uma onda de prazer passou pelo meu corpo.

— Grita pro seu Daddy! — Baru gemeu rouco. Suas estocadas ficaram mais rápidas e profundas.

Eu gemia alto e Subaru sussurrava coisas sujas em meu ouvido. Seu gemido é rouco e excitante.

— E-Eu vou... — Fraquejei.

— Eu também... — Subaru deu um gemido alto e derramou seu líquido dentro de mim. Minha vagina apertou seu pênis. Deitamos no piso gelado — Agora com sangue — estamos nus, suados e cansados.


. . .


— Seu idiota, não consigo andar direito! — Dei um fraco soquinho em seu braço. Filho da puta! Agora eu estou manca. Obrigado amor.

— Eu ainda não te marquei... — Subaru sorriu maliciosamente e deu um forte chupão em meu pescoço. Com certeza Irá ficar roxo.

— É assim? — Fiquei nas pontas dos pés e retribui o chupão.

— Tsc... Maldita! — Subaru fez biquinho.

— Kawaii! — Mordi fracamente seu beicinho lindo.

— Dá pra soltar a minha irmã? — Yuma me puxou. A noiva dela está com marcas de mordidas — MUKAMI ELLIE, QUE CHUPÃO É ESSE? E ESSE CHEIRO? — Yuma começou a dar piti.

— Porcão... NÃO GRITA! — Falei irritada.

— VOCÊ TAMBÉM ESTÁ GRITANDO! — Porcão gritou novamente.

— TU QUE COMEÇOU! — Retribui o grito. Nos encaramos e começamos a rir — Oi Wilma! — Sorri docemente.

— Oi Ellie... — A mesma acenou com a cabeça.

— Vou ter uma conversinha com você Porquinha. — Yuma saiu, puxando Wil-chan com ele.

— Nenê... Perdeu a virgindade... — Nii-san afirmou.

— Que decepção Neko-chan... Perdeu com um vampiro Sakamaki. — Kou abraçou Akina e a mesma bufou.

— Me solta... Deixa quieto. — Coitada...

— Shii... Calminha M Neko-chan! — Kou riu sorrateiro.

— Joo... Vamos indo? — Ruki perguntou para Joo e a mesma concordou.

— Até mais baixinha! — Joo e Ruki falaram em coro.

— Você perdeu a virgindade Ellie-chan? — Ayato e Yui falaran surpresos.

— Parabéns Elli-chan, Teddy deseja felicidades. — Kanato se aproximou de Azusa.

— ... — Shu nem sequer abriu os olhos.

— Nossa, não pensei que seria assim anã! — Ruki fala.

— NfuNfu! Quer dicas? — Laito sorri maliciosamente, cutucando o irmão mais novo.

— Você é a famosa Ellie? Meu nome é Al O. — Uma garota, julgo noiva de sacrifício, se apresentou — Sou a noiva de Reiji.

— Ayumi Satoshi, noiva de Shu. — Opa, o loiro preguiçoso tem uma noiva? Que bom!

— Fujibayashi Fuyuki, noiva de Laito. Prazer! — Que dó...

— Que bom que o Baru-chan não tem par. — Pensei alto.

— Suballie... É real! — Laito e Ayato falaram em coro.

— Se não querem arrumar confusão, calados! — Subaru gritou irritado e extremamente corado. Ambos pararam na hora.

— Calma Subaru-kun... — Passei minha mão carinhosamente em seu rosto.

— Eu também quero Li-chan! — Laito falou maliciosamente.

— Babaca... — Fujuki sussurou.

— Concordo! — Sussurro para Fujuki, soltando um risinho logo em seguida.













Continua?


Notas Finais


OBG POR LER AMORES!!!

Um beijo
Um queijo
E até o próximo capítulo!

Kissus da Omma 🌼💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...