História I Hate You - Imagine Park Jimin ( One Shot ) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 48
Palavras 1.202
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa Leitura😘

Capítulo 1 - I Hate You


Fanfic / Fanfiction I Hate You - Imagine Park Jimin ( One Shot ) - Capítulo 1 - I Hate You

            P. O.V'S S/N

Acordei com meu despertador tocando, se eu pudesse tocava aquela coisa na parede. Me levantei e fui me arrastando até o banheiro, infelizmente teria que ir para aquele inferno chamado de escola.

Tomei um banho frio para despertar, me enrolei não toalha e fui até meu guarda roupa, vesti meu uniforme, deixei meu cabelo solto e desci pra cozinha.

- Bom dia omma. - Me sentei na mesa

- Bom dia. - Falou sorrindo. - Olha, quando você chegar eu não vou estar aqui, tenho uma reunião bem tarde hoje e acho que só chegarei amanhã.

- Tá bom.

Tomei meu café e voltei pro meu quarto, coloquei meus livros na mochila e peguei meu celular, me despedir dos meus pais e fui em direção a escola. Assim que cheguei fui direto pra sala e fiquei conversando com meus amigos Jin, Namjoom e J-Hope. Logo senti uma bolinha de papel bater na minha cabeça, virei para trás e vi Jimin e seus amigos Suga e Taehyung rindo. Eles eram os garotos mais desejados e populares naquela escola, por isso nunca me deixaram em paz e me perturbavam todos os dias, pois queriam ser melhor que todo mundo.

- Dá pra você parar. - Falei com raiva.

- Ó, ela tá bravinha.... - Disse irônico e assim que eu ia responder o professor entrou na sala.

- Todos pros seus lugares. - Disse e eu me sentei. - Vocês faram um trabalho em dupla.

- Aeeeee. - Toda a sala começou a gritar.

- Não comemorem, pois eu irei escolher as duplas.

A sala inteira começou a reclamar, mas ele nem se importou e começou a falar os nomes.

- (S/N) e.... Jimin.

- O QUE? - Eu e ele falamos juntos.

- Vocês faram uma dupla, estão surdos?

- Professor por que justo ele? Não posso fazer com o Taehyung ou com o Suga. - Jimin falou.

- Não, vai ser a (S/N) e pronto. - voltou a falar o nomes das outras duplas e eu simplesmente deitei minha cabeça sobre a mesa. Não queria fazer o trabalho com ele....

      **Quebra De Tempo**

A aula acabou, arrumei minhas coisas e sai da sala, mas senti meu braço sendo puxado, era Jimin.

- Quando vamos fazer o trabalho?

- Eu faço o meu, você faz o seu e pronto. - Respondo entediada

- Olha, não pense que eu estou feliz fazendo esse trabalho com você, mas se eu não precisa se de nota nem estaria segurando sua mão nesse exato momento. - Olhei para nossas mãos e percebi que estavam entrelaçadas, soltei ele imediatamente e corei.

- Aqui está o endereço da minha casa, esteja lá daqui a 1 hora. - Entreguei o papel e segui em direção a minha casa.

Fui o caminho inteiro pensando na burrada que eu fiz, porque dei meu endereço a pessoa que mais odeio?

Cheguei em casa e fui direto pro meu quarto, tirei minha farda e tomei um banho quente, fui no meu guarda roupa e vesti uma calça e uma blusa branca simples. Desci e comecei a arrumar a casa e ajeitei os matérias que a gente iria usar. Logo ouvi a campainha tocando e fui atender, dei espaço para Jimin entrar e nos sentamos na mesa.

- Vamos começar? - perguntei

- Sim. - Respondeu e Sorriu

Nós começamos a pesquisar na Internet e fizemos um cartaz, estávamos a 2 horas ali.

- Onde tem um banheiro aqui? - olhou para mim

- No meu quarto, terceira porta a direita. - Falei e ele subiu as escadas.

Continuei fazendo o trabalho, trinta minutos se passaram e nada de Jimin voltar, será que morreu? Me levantei da mesa e fui até meu quarto, entrei mais não vi ninguém.

- Jimin?

- Oi. - Me virei para trás e vi ele vindo lentamente em minha direção.

- O que está fazendo? - perguntei indo para trás.

- Cansei de fingir que não te quero só para mim, sempre te abusei para você me notar, mas acho que não foi o suficiente. - Ele agarrou minha cintura e me beijou. Eu tentava sair, mas ao mesmo tempo eu não queria, minha língua explorava cada canto da sua boca, seus lábios eram macios.

Assim que o ar faltou nos separamos. Ele foi até a porta e a trancou, voltou até mim, me jogou na cama, ficando em cima de mim

- O-o-oque pensa que está fazendo? - perguntei

- Te enlouquecendo. - Sorriu malicioso.

Ele tirou a minha camisa e começou a distribuir Beijos e chupões pelo meu pescoço, que com certeza ficaria a marca. Procurei sua calça, enfiei minha mão em sua cueca e comecei a mastubar-lo lentamente, ele parou o que estava fazendo e começou a gemer rouco em meu ouvido. Senti seu membro ganhar vida e tirei minha mão dali, ele começou a chupar um dos meus seios, estava me deixando louca.

- (S-S/N)

- Ahn... J-Jimin . - Gemi e retirei sua blusa

- Eu ainda nem comecei e você já está assim? - Falou enquanto tirava minha calcinha.

- V-você m-me deixa a-ssim... porra. - Falei.

Ele voltou a me beijar e começou a simular estocadas me fazendo ficar louca. Eu sabia que aquilo era errado, pois eu o odeio... Mas eu não conseguia resistir. Ele abriu o próprio sinto e voltou a me beijar.

- J-Jimin... Eu pr-eciso de v-v-você. - Falei

- Está apressada... Vai ter que implorar. - Ele começou a passar seus dedos sobre meu clitóris. Ele era muito bom naquilo.

- M-me fode oppa.

- Acho que não... - Ele apontou para seu membro

Eu entendi o recado e troquei de posição com ele, segurei seu membro e comecei a chupar a sua glande, ele jogou sua cabeça para trás e gemeu arrastado. Eu queria tortura - lo também. Coloquei seu membro totalmente em minha boca e comecei a chupa-lo lentamente.

- P-porra (S/N), m-m-mais rápido.

Ele pegou em meus cabelos e começou a ditar os movimentos. Eu estava muito excitada, então comecei a me masturbar, ele percebeu e deu um tapa em minha mão.

- Sem se t-tocar baby. - Quando ele estava preste a gozar, retirou minha boca de seu membro.

- Eu quero sentir seu gosto. - Falei

- Agora não, só quero gozar se for dentro de você. - Sorriu malicioso e trocamos de posição.

Me deitei e logo senti sua língua em minha entrada que estava pulsando para ter seu membro em mim.

- J-Jimin m-me fodi... a-agora. - Ele posicionou seu membro em minha entrada.

- Se doer muito você me pede pra parar, ok? Não quero te machucar.

Assenti e ele voltou a me beijar enquanto colocava seu membro lentamente em mim, ele parou e esperou eu me acostumar, rebolei e ele começou a se mexer com movimentos lentos.

- Porra, Jimin, se for pra se movimentar assim eu me alívio sozinha.

Ele começou a me estocar mais rápido, forte e fundo, e eu segurava os lençóis, pelo prazer que estava sentindo.

- J-Jimin... e-eu v-vou... - Não consegui terminar a frase e gozei em seu membro, que acabou gozando também. Nós dois caímos na cama totalmente ofegantes e com nossos corpos suados.

- Eu Te Amo (S/N)... - Ele falou

- Eu Te Odeio Jimin... - Ele riu

Deitei minha cabeça em seu peitoral e ele começou a alisar meu cabelo, logo adormeci...

"Ele dormiu no calor dos meus braços e eu acordei sem saber se era real ou um sonho..."


Notas Finais


Espero Que Tenham Gostado😀
Desculpa Qualquer Erro💕

~XodóDeBinLaden


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...