História My Bunny Boy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan, Bts, Bunny, Coelho, Hybrid, Jikook, Jimin, Jungkook, Yaoi
Exibições 29
Palavras 1.293
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, essa é minha primeira fanfic. Desde já me desculpo pelos erros ortográficos, tentarei não cometê-los com frequência.

Espero que gostem e acompanhem.
Até as notas finais.😘

Capítulo 1 - -01-


Fanfic / Fanfiction My Bunny Boy - Capítulo 1 - -01-

P.O.V Jimin

Acordo com o som da campainha tocando. Pleno sábado e tem gente na minha porta a essa hora.
Me levanto cambaleando com a visão meio turva por levantar rápido demais. Desço as escadas e abro a porta.

-Senhor Park Jimin ?- Ele pergunta com uma prancheta em mãos.

-Sim, sou eu - Digo bocejando.

-O senhor poderia assinar aqui?- Me entregou a prancheta e uma caneta, logo assinei e devolvi. - Tenha um bom dia- diz o entregador.

Na minha frente havia uma caixa um pouco grande com alguns furinhos, Ela chegava quase em meu peito. Peguei o cartão que se encontrava preso nela e fui lê-lo.


•"Parabéns Chimchim.
Este presente é para que não se sinta só. Eu o fiz com carinho, então cuide bem dele e dê bastante amor.

De sua omma que te ama muito."•


Minha omma é uma cientista, e já faz uns dois anos que ela está morando no Japão. Eu como não quis perder a vida que tenho aqui, fiquei, e já sou bem grandinho para me virar sozinho.

-Hump, do jeito que ela falou parece até que é um cachorro. - sorri minimamente.

arrastei a grande caixa para dentro de casa - com muito esforço, pois estava extremamente pesado- e comecei a tirar o lacre, quando abri a caixa fiquei espantado.

Havia um garoto com seus olhos fechados, aparentemente dormindo, porém oque mais me chocou não foi isso, foram as orelhas negras de coelho que se encontravam sobre o sua cabeleira escura.

Me assustei quando começaram a se mexer e seus olhos abriram.

-Você é meu appa ? - perguntou esfregando as mãos nos olhos.

-E-eu.... B-bem...

-Estou com fome, appa - Fez bico.

-Okay - Suspirei.

Ainda estava surpreso com aquilo. Sabia que minha omma fazia experiências loucas, mas não imaginei que chegaria a isso.

Fui para a cozinha e peguei meu celular discando o número da minha omma.

-Dá pra me explicar o que é isso que a senhora me deu? não podia ser uma omma normal e me dar um eletrônico, ou um tênis, sei lá?

-Primeiro: não fale assim com a sua omma, Segundo: Feliz aniversário Minnie, e terceiro: Eu o criei especialmente para você. Ele é fofo, poderá te fazer companhia, e até.... - Cortei pois já sabia oque estava por vir.

-Omma, ele é uma criança e está me chamando de appa - suspiro - Terei mesmo que ficar com ele ? - ouvi uma risada divertida de sua parte e logo recebi um "sim, terá." como resposta.

-Appa, estou com fome. - Ouço o garoto gritar da sala.

- Oh, ele que gritou? que fofo ele te chamando de appa. Vá fazer algo para ele comer. Ele pode comer comida normal, como você, só não vá enche-lo de porcarias.

- Okay omma, vou lá dar algo antes que ele tenha um treco.

-Beijos, meu amor, a omma te ama, cuide bem dele. E ah, mais uma coisa, ele se chama Jeongguk... Jeon Jeongguk.- Ela terminou de dizer e desligou o telefone.

Me dirigi até o armário e peguei um lámen instantâneo, pois queria algo rápido.
Terminei de fazê-lo e fui para sala.

- Hey, saia dessa caixa, trouxe algo para comer. - Ele franziu o cenho e me olhou. Em seguida tentou sair, mas quase caiu se eu não tivesse sido rápido e o segurado. Acabei tendo que erguer o garoto para tirá-lo.
Ele era mais alto que eu, me xinguei mentalmente por isso. Nem para a minha mãe tê-lo feito menor. - penso.

-Você não vai comer? - Perguntei vendo o  garoto encarar a comida.

- Eu não sei usar esses negócios, appa. - apontou para os jotgarak.

Bufei ao ouvir.

-Aish, eu te dou. - Me sento ao lado do garoto e começo a dar em sua boca.

Ele é realmente uma criança, só tem tamanho, não sei como irei cuidar dele se não dou conta nem de mim. Termino de alimentá-lo e vou para a cozinha lavar a louça.

- O que vamos fazer agora, appa ?

- Primeiro; não me chame de "appa". Meu nome é Jimin, e sou seu hyung. - Sorri ao vê-lo prestar atenção.

Terminei a louça e subi para o quarto com Jeongguk logo atrás de mim.

-Eu vou tomar banho, você vai ficar aqui assistindo. - Liguei a TV do quarto e fui para o banheiro.


                   ~~~~~ P.O.V Jeongguk ~~~~~

~Quarto

Será que aqui tem o docinho que a Tia Suk me dava? - Me levanto e vou até a cozinha procurar.

Abro o armário, mas não acho nada. Vejo uma caixa vermelhinha encima do armário. - São esses. - Dou um sorriso e subo na bancada segurando na porta aberta para poder alcançar o doce, mas acabo me assustando com a voz do hyung e caio levando junto um pote de farinha.

- Ai - Solto um gemido de dor.




                          ~~~~ P.O.V Jimin ~~~~

~Banheiro


Entrei no banheiro e me despi, logo abrindo o registro e deixando a água cair até esquentar. quando vi que a temperatura estava agradável, entrei e deixei a água quente escorrer por todo meu corpo me deixando relaxado.

Após um tempo pensando em tudo que aconteceu essa manhã saí do chuveiro e fui para o quarto com uma toalha na cintura. Vi que Jeongguk não estava no quarto e me desesperei.

Desci as escadas correndo gritando-o, quando de repente ouço um baque, meu coração quase saiu pela boca. Corri até a cozinha e me deparei com Jeon todo sujo de farinha e caído no chão.

- O que você fez? Está bem? Se machucou? - perguntei me abaixando.

- Eu só queria pegar um biscoito. - Abaixou a cabeça.

Brigar com ele agora não iria adiantar.

- Vem, vou te dar um banho. - Me levanto para ajudá-lo a se levantar também, mas antes que eu estendesse a mão, o garoto tentou buscar apoio em minha toalha e... bom... eu não tive tempo de por uma cueca.
Fiquei vermelho e paralisei.

-Hyung, eu também tenho um pipi desse, mas o tamanho é diferente, olha.

Quando ele iria abaixar sua bermuda eu o impedi.
Peguei minha toalha enrolando-a em minha cintura novamente e fui para o banheiro com o mesmo. Ao entrar fui logo em direção a banheira e abri a torneira jogando em seguida alguns sais de banho.

-Vamos, tire a roupa e entre. - Ele deu de ombros e tirou a blusa, fiquei impressionado com seu físico.

Saí do banheiro para não vê-lo se despir e fui me vestir.
Após estar devidamente vestido voltei ao local em que o mais novo se encontrava e o vi brincando com a espuma.

- Pronto? Já terminou ? - Perguntei pegando uma tolha.

- Estava te esperando para me ensaboar, Jiminie hyung. - sorriu inocente.

Bufei e assim fiz. Quando terminei o enrolei na toalha e fui buscar uma roupa, como somos quase do mesmo tamanho, elas serviriam.

O castanho levantou os braços para que eu pudesse vestir a camiseta, e em seguida fui por a cueca, mas não deu muito certo, pois ela prendia seu rabinho que em minha opinião mais parecia um pompom. Então tive que fazer um furinho nela e na calça de moletom.

Enfim havia terminado.


Notas Finais


Gostaram?

Se "sim" comentem e favoritem.
Irei esperar a resposta de vocês, uh?

Kissus😙

Também postada no Wattpad.
http://my.w.tt/UiNb/AIOGxKNSJy


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...