História My Cat - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Noragami
Personagens Bishamonten, Daikoku, Iki Hiyori, Kazuma, Kofuku, Mayu, Nora, Personagens Originais, Rabou, Tenjin, Yato, Yukine
Tags Colegial, Escolar, Hiyori, Hiyori X Yato, Noragami, Yato, Yatori
Visualizações 32
Palavras 1.001
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aaaaa eu tô viva ok?!
Desculpem pela demora!!

Capítulo 3 - Yamashita - parte 1


Fanfic / Fanfiction My Cat - Capítulo 3 - Yamashita - parte 1

- Q-quem voltou, Kofuku?

Ela dá mais uma espiada pela janela e depois olha para mim com um olhar triste.

- Shin...

- Não acredito...!

- O Yamashita!

Yukine fala com fofo nos olhos. O conhecendo bem diria que ele está a pobre de socar a cara de alguém.

- Por quê... Por quê ele voltou?!

Shin Yamashita... Meu ex. Ele me traiu com minha antiga melhor amiga, Karen. Ela me dizia que gostava do Yukine e eu fiz de tudo para eles ficarem juntos, mas as vezes as coisas não são o que parecem. Isso fica casa cada vez mais claro para mim. E Shin... Eu pensava que ele era minha alma gêmea. Um grande erro! Queria que ele tivesse ficado na mansão dos pais. 

- Me encontrei com ele assim que cheguei na escola. - Diz Kofuku.

 - Ele me disse que queria muito falar com você Hiyorin.

- Não me importo! Nunca mais quero ver a cara daquele idiota!

Ele era minha vida! Ele me prometeu que quando nos formassemos nos casariamos. Eu achava que não conseguiria viver sem ele, minha luz... Minha alegria... Minha ruína.

- Se ele se atrever a chegar perto de você eu o mandarei de volta para o inferno! - Diz Yukine socando a parede.

O sinal para o iníciinício da aula toca e os alunos começam a entrar na sala.

- Tenho matemática agora. Depois a gente conversa Hiyori. - Kofuku saí da sala assentando para mim e Yukine.

- Vou ter português, e você Hiy? - Yukine aponta para sua agenda.

- Tenho artes.

- Que pena. Se por acaso você se encontrar com aquele cara, já sabe!

- Você vai ser a primeira pessoa para quem eu vou contar, não se preocupe!

- Tchau Hiyori.

- Bye!

Vou até a sala de artes. Não sou muito boa em desenhar. Ouvi dizer que vão ter aulas especiais de desenho. Espero aprender alguma coisa! 

Chegando na sala vejo que eu era a única atrasada. Acho que nós todos ficamos conversando por tempo demais. Só estou esperando pela bronca da professora.

- Senhorita Iki Hiyori! Explique-se! 

- Desculpe professora... É que... Eu fui ajudar alguns alunos novos!

- A é? Muito gentil da sua parte. Agora, por favor, sente-se.

- Sim professora!

Não sabia que eu era tão boa em mentir. Ou talvez a professora que não desconfie das pessoas. Se bem que com sua profissão é difícil não desconfiar das pessoas, ainda mais dos alunos!

- Agora que todos já estão aqui, vamos dar as boas vindas ao aluno novo.

A porta se abre e alguém entra... É sério? Yato?!

- Yato, pode escolher o lugar para se sentar. Espero que se enturme rapidamente.

Ele nem da ouvidos a professora e se dirige em direção a carteira atrás de mim. Droga! Tantas carteiras e ele pega justo essa!

- *Sussurro* O que está fazendo aqui?

- Estudando?

- *Sussurro* Fala baixo!

- E se eu não falar? - Ele da um sorriso mal

- *Sussurro* Então nós dois vamos  ficar de detenção.

- O QUÊ?! DETENÇÃO?!

Fez de propósito né Yato?! Primeiro dia de aula e já acontece isso 

- Senhor Yato e senhorita Hiyori! Detenção para os dois!

- Valeu Yato!

- De nada. - Ele faz uma cara de santo.

- Muito bem alunos! Vamos fazer um desenho de uma flor. Me apresentem seus trabalhos no final da aula!

Uma flor... Ok! Não é tão difícil. E só fazer um círculo, umas pétalas e "voilà". Pintar o círculo de amarelo. As pétalas vão ser vermelhas... faltaram as folhas... Não tem problema! Vou pintar o fundo de azul para ser o céu, ou talvez não... Para parecer que a flor é o centro de tudo. Está lindo! Agora é só esperar pelo meu Dez.

Olho para trás para ver se sai alguma coisa que preste do Yato e não acredito no que vejo! Está lindo! São Girassóis em preto e branco. Se ele entregar esse desenho minhas chances de tirar um dez vão por água a baixo! Não sabia que ele podia fazer desenhos tão bonitos. Posso pedir para ele fazer desenhos e vender depois. Vou ficar rica!

Ele olha para frente e percebe que estou olhando para seu desenho.

- Gostou?

- Muito!

- Quer o desenho?

- Sério???

- Quer ou não?

- Quero sim!

- Fassa um então.

- Aí idiota. 

Ele começa a rir e me entrega o desenho.

- Vai me dar mesmo?

- Se não quiser posso ficar com o desenho. 

Me viro para frente sem falar nada deixando bem claro o quAnto eu queria aquele desenho.

- Você pode fazer outro até a aula achar? 

- Porquê quer saber?

- Porque se não você não ganha nota.

- Está preocupada?

- Estou! Não quero que você tire notas baixas para o peso ficar sobre mim depois.

- Que tal olhar para frente? Talvez você não tenha percebido, mas a professora está olhando para cá.

- Hiyori! Espero que já tenha acabado já que está conversando.

- Já terminei sim professora.

- Deixe-me ver isso!

Eu entrego o desenho para ela. Ela pega o papel e depois olha para mim.

- Está brincando? Isso é desenho de primário!

Yato parece confuso, depois ele percebe que o desenho que eu dei para a professora não era o seu.

- Desculpe senhora. Mas eu realmente sou uma negação em desenhos.

- Espero que melhore, se não, suas notas continuaram como elas estão agora!

Meu Deus... Nunca tinha levado um turn down for what de um professor. Porra mermão, essa professora é zuera mesmo.

- Quem é que ia tirar nota baixa mesmo? 

- Shiiii.

Depois dessa ótima aula, saímos da sala e vamos para a lanchonete. 

- O que quer comer?

- Está se oferecendo para pagar a comida pra mim, Yato? 

- Se reclamar eu não pago.

- Não tenho o costume de almoćar

- Sério???

- O que que tem?

- Não é saudável!

- É o que eu fasso desde que...

- Desde que, o que?

- N-nada!

- Fala Agora!

- Desde que um cara me traiu...

- An? Quem?!

- Você não conhece.

- Quem foi Hiyori?! - Yato ficou irritado de uma hora para a outra.

- Shin...

- Não me diga que é Shin Yamashita!

- Ele mesmo! Você o conhece?

- Ele é o brinquedo da Karen.

- Você conhece a Karen também?!

- Acho que você é a única que não a conhece...





Notas Finais


Mais um capítulo terminado... Quem será que a Karen realmente é? Ou talvez a melhor pergunta seria o que ela é.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...