História My Chinese Boy (Imagine WinWin) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias NCT 127, NCT Dream, NCT U
Personagens Chenle, Doyoung, Haechan, Hansol, Jaehyun, Jaemin, Jeno, Jisung, Johnny, Kun, Mark, Personagens Originais, RenJun, Taeil, Taeyong, Ten, Winwin, Yuta
Tags Winwin
Exibições 56
Palavras 626
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá! Mais um capítulo!!!

Espero que gostem!

Capítulo 6 - Meetings and disagreements


Fanfic / Fanfiction My Chinese Boy (Imagine WinWin) - Capítulo 6 - Meetings and disagreements

~WinWin: Qual brinquedo você quer ir primeiro?-Perguntou pegando a carteira.

~Você vai gastar muito dinheiro.-Falei corada.

~WinWin: Não me importo, não gosto de ver você chorando.-Falou sorrindo tristemente.

~Mas eu não estou chorando Oppa!-Fiz bico.

~WinWin: E esse nariz vermelho, veio de onde?-Riu.

~Eu sou palhaça Oppa.-Rimos.

~WinWin: JaeMin falou que você era engraçada.-Falou ainda rindo.

~Você conhece o JaeMin?-Perguntei de olhos arregalados, JaeMin sabe que eu gosto do WinWin, por que ele nunca me apresentou, eu me resolvo com ele depois.

~WinWin: Conheço, ele é meu amigo a um bom tempo.-Eu mato o JaeMin depois.

~Vamos logo na roda gigante.-O puxei.

~WinWin: Mas ______...-Ele parou.

~Algum problema?-O olhei confusa.

~WinWin: É que eu nunca fui numa roda gigante.-Corou.

~Nunca? Nunquinha?-Perguntei de olhos arregalados, ele fez um não com a cabeça.-Não tem problema! Eu te protego.-Ele riu.

~WinWin: Okay, okay, eu vou.-Falou pagando o brinquedo.

A vista era simplesmente linda, dava para ver as luzes de Seoul acesas na noite, eu estava admirada, mas WinWin estava nervoso, ele apertava minha mão.

~WinWin, não tenha medo, eu estou aqui.-Sorri apertando sua mão.

~WinWin: Sabe de uma coisa?-Fiz que não com a cabeça.-Eu não tenho medo quando estou perto de você, eu gosto muito de você.-Corou.

~Eu também gosto muito de você.-Sorri, eu realmente gostava, ele era incrível.

~WinWin: Não é desse jeito.-Desviou o olhar.

~Então é de que jeito?-O olhei confusa.

~WinWin: Eu te amo ______, sei que nos conhecemos a pouco tempo, mas eu sempre observei você, sempre tive vontade de conversar com você, mas eu não conseguia e quando eu começei a te dar aulas, foi uma oportunidade que valia diamantes pra mim, nem sei por que eu estou te falando isso, estou muito nervoso e...-O interrompi.

~Eu sinto a mesma coisa WinWin.-Falei rindo do seu jeito nervoso.

~WinWin: Me prova que não é um sonho.-Olhou no fundo de meus olhos.

~Como?-O olhei curiosa.

~WinWin: Assim.-Sinto seu lábios sobre os meus, meu primeiro beijo! Com o WinWin, eu estou no céu? Nos separamos por falta de ar.

~Eu provei que não é um sonho?-O olhei sorrindo.

~WinWin: Óbvio.-Rimos.-Eu te amo.-Sorriu lindamente.

~Eu também.-Sorrimos.-Acho melhor voltarmos, Taeyong vai me matar.-Ri.

~WinWin: É melhor mesmo.-Saimos do brinquedo e fomos andando lentamente até minha casa, eu sorria que nem boba, estava apaixonada por ele, e ele por mim, eu não sei se é um sonho, mas se for, nunca me acorde.

~WinWin, o que nos somos agora?-O olhei.

~WinWin: Como assim?-Me olhou confuso.

~Tipo, ainda somos só amigos?-O olhei esperançosa.

~WinWin: Não.-Sorriu.-Você é a minha, meu anjo, minha namorada.-Sorriu segurando levemente meu queixo.

~Que eu saiba, não fui informada sobre isso.-Ri.

~WinWin: Agora foi.-Riu.

~Romantismo Dez.-Revirei os olhos rindo.

~WinWin: Obrigada.-Rimos, ele colocou o braço sobre meus ombros.

~XXX: WinWin!? Você não ficou comigo pra ficar com essa vaca?!-Ouvimos uma voz gritar.

~WinWin: Aish, me deixa garota.-Revirou os olhos.

~JiHo?-Arregalei os olhos, ela é simplesmente maluca por ele.

~WinWin: Vamos embora ______.-Me puxou.

Fomos andando até minha casa, ouvindo um barulho estranho de dentro dela.

Entramos com cuidado, a única coisa que vi foi Taeyong com um copo de alguma bebida desconhecida por mim.

~O que aconteceu Taeyong?-Perguntei vendo seu estado horrível, ele estava completamente bagunçado.

~Taeyong: ______! Onde você estava?-Me olhou irritado.

~Com o WinWin.-Apontei para o garoto atrás de mim.

~Taeyong: Por favor! Me desculpa!-Começou a chorar.

~Eu te desculpo, Oppa, vai tomar banho vai.-Pedi e ele logo foi.

A campainha tocou, quem será agora?

~XXX: Oi priminha!-Sorriu.

~Hansol! O que faz aqui?-Perguntei olhos arregalados.

~Hansol: Vou morar aqui, com a Emilly, Taeyong não te avisou?-Logo vi na calçada, minha prima(E melhor amiga), fiz um não com a cabeça.

~Emilly: Desgraçada!-Me abraçou, ué, bipolar agora gente?-Quem é ele?-Ela viu WinWin, agora sim a bagunça vai começar.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...