História My Daddy - Min Yoongi - - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Hot
Visualizações 75
Palavras 649
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ola^^ Esta e minha primeiro historia aqui no spirit, desculpem os erros ortográficos, divirtam-se.

;-)

Capítulo 1 - ~Suga Mandão.


Fanfic / Fanfiction My Daddy - Min Yoongi - - Capítulo 1 - ~Suga Mandão.

S/N

Acordei com meu celular tocando, atendo e coço meus olhos me sentando.

- Alo? - Falei levantando e indo pra cozinha.

- S/N quando vamos nos encontrar de novo?, nao aguento te ver so pelas fotos baby, quero senti-la, te comer todinha, ta preparada baby? - Disse e logo reconheci a voz rouca e sexy.

- anw daddy, esta com tanto desejo assim? - mordi o labio pegando um refri e me sentando na bancada da cozinha.

- Voce nao sabe o quanto baby, seu daddy esta de pau duro, ele quer voce quicando nele, gemendo o nome dele, gozando pra ele. - ele falava com a voz arastava provavelmente se masturbando.

- own daddy, quer um video da sua baby mais tarde? - sorri soltando um gemindo para provoca-lo.

- E claro minha baby, me faça enlouquecer com seus gemidos, baby. - Soltou um gemido rouco.
- baby? - perguntou preocupado pela demora.

- Tae... Preciso ir, ate mais. - desligo o telefone rapidamente e desço da bancada correndo para o quarto.

Subi pro meu quarto, entrei no banheiro e tomei meu banho demorado, lavei o cabelo e passei alguns produtos para ficar bem cheirosa pro meu daddy.

Sai do banho e fui em direção ao guarda-roupa quando escutei a porta do meu quarto ser aberto pelo malvado do suga, o mesmo me pegou pelo braço e me levou ate a sala.

Me puxou com tanta força que minha toalha caiu, continuou puxando ignorando o fato de eu estar nua.

- S/N sua vadia, o que eu disse sobre trazer esses homens pra ca? - me jogou no sofá pegando "brinquedos" e camisinhas do chão e os jogando na minha cara.
- Trate de limpar isso garota! - o mesmo me encarou olhando meu corpo e saiu dali.

Eu fui morar com Yoongi logo depois de ser expulsa de casa pelos meus pais, Yoongi pelo que eu vejo e um amigo de jimin, meu irmão, ele mandou eu morar aqui ate conseguir uma casa boa só pra mim, agora tenho que aturar essa criatura, O suga, ignorante, babaca e totalmente sexy...

Começo a limpar aquilo murmurando palavrões e fazendo tudo com muito odio, termino e volto pro meu quarto aonde estava o idiota com minha toalha, me chamou pra perto dele e me cobrio com a toalha me dando um abraço apertado.

- obedeça minhas regras Garota. - beijou minha testa e me enrolando na toalha e me dando um beijo na testa.

Ri da ação do maior e voltei a me concentrar no guarda-roupa procurando uma langerie de agrado pro meu daddy taetae.

- Achei! - peguei uma langerie preta, com uma meia sexy que ia ate o joelho.

me vesti e coloquei uma saia curta rosinha com orelhinhas e um cropped preto.

Sai do meu quarto e passei pela pela sala aonde o suguinha se encontrava.

- Aonde pensa que vai garota? - olhou pra mim ainda no sofá, me analisando.

- Sair com meu daddy.- Falei o encarando.

- Não, hoje não vadia. - me puxou me fazendo cair em seu colo.

- Me solta Min Yoongi, você não manda em mim. - Bato em seu peito e o mesmo me olha sorrindo enquanto segurava firme a minha cintura.

- Pode me bater o quanto quiser vadia, hoje você não vai sair daqui. - Ordenou mordendo os lábios enquanto descia suas mãos para minha bunda.

- Vai! Me deixa ir, prometo lhe dar um presentinho mais tarde. - falo perto do seu ouvido com um tom sexy na voz.

- Não caiu em suas tentações garota, não sou igual aos seus machos, que não podem ver uma cadela e ja saiem correndo atras. - apertou minha cintura com força fazendo-me dar um pulinho em seu colo. - Ha... s/n enquanto você estiver em baixo do meu teto, você obedecera minhas regra, Ouviu?! - Apertou-me novamente me fazendo dar outro pulo.

- S-sim suga. - Falei gaguejando.

- Você e uma vadia obediente S/N.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, Manha trago mais um episodio, e dessa vez um bem quente.

;-)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...