História My Dear - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama
Visualizações 1
Palavras 404
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, FemmeSlash, Ficção
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - You're Gone


Quando eu entrava em meu quarto, que chamava de nosso, toda a dor voltava de novo. Eu olhava nossas fotos que deveria tirar dali, mas simplesmente não conseguia. Vivia lutando contra minha própria mente, porque ela adorava me pregar peças.

Muitas vezes minha querida, estive falando sozinha, com muitas frases grotescas, esperando que você fosse reclamar. Mas você não disse nada, você não estava lá.

Ah... Nossa filha está bem. No aniversário de onze anos dela, ela me disse que foi o pior que já teve, porque você não estava lá. Eu abracei-a, e chorei junto a ela. Me redimi muito com a pequena Luna, mas ela me disse que estava tudo bem. Nada estava bem.

Nossa pequena era a única coisa que ainda me mantinha sã. Se não fosse por ela... estaria contigo agora. Mesmo assim, sei que se a tivesse abandonada você nunca me perdoaria. Eu estava no meio termo, sabe? Queria ficar no silêncio, mas, o que diriam para ela enquanto crescia? Já sofre muito preconceito... afinal ela tem duas mães. Tinha...

Peço que me perdoe querida, mas andei descontando minha dor na bebida. Mas ela também me pregava peças, me fazia toda hora lembrar de seus defeitos... aqueles que tanto sinto falta.
Me perdoe querida, mas eu chapei muito ultimamente... fui uma péssima mãe para nossa Luna. Tanto que, seu pai e sua mãe a pegaram de mim. Eu não tinha condições de cuidar de uma criança sob efeito das drogas.

Eu sei se você estivesse aqui, me bateria muito. Me perdoe querida... era tentador. Eu só queria te esquecer.

Eu me isolei de todos que me eram importantes, que tentavam me salvar. Não queria aceitar que você se foi.

(Foi tudo minha culpa...)

Eu tinha que ser forte, eu sabia. Mas meu corpo me dizia não, meu psicológico dizia não. E eu fui na deles. Teve uma vez que fui parar no hospital porque simplesmente não queria viver. Eu não comia, não falava, e nem nada.

Você não estava lá para me lembrar. Eu sempre fui esquecida...

Meu amor, eu sinto muito mesmo. Sinto tanto... sinto muita dor. Queria que estivesse aqui para me ajudar. Porque eu sou uma egoísta.

Egoísta, hipócrita, lixo, monstro... posso ser chamada de tudo que é ruim. Além de perder você e nossa filha, eu me perdi.

E vai ser assim. Vou ficar perdida até eu parar de acreditar que você vai me achar.


Notas Finais


Nada a declarar.
Bye ^^'


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...