História My Dear Brother - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jay Park
Personagens Jay Park
Tags Hentai, Incesto, Jay Park
Visualizações 119
Palavras 2.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeonghaseyo Meus Bolinhos de Arroz
Como estão?
Espero que estejam bem ^^
Aqui está o capítulo que demorei tanto pra postar
Surto do dia:
Gentem é só eu que to boiando nesses negócios do BTS?
To entendendo nada '-'
Enfim...
Boa Leitura

Capítulo 13 - Encontro


Fanfic / Fanfiction My Dear Brother - Capítulo 13 - Encontro

-Você é uma oferecida-levantei a sobrancelha e cruzei os braços 

-Não sou não 

-É Sim,você pega um monte de meninos de uma vez 

-Eu pego por que sou bonita-Kim joga o cabelo pro lado-Aí todos os meninos me querem 

-É....além de oferecida é convencida

-Nem sei por que to conversando contigo 

-Nem eu-dou de ombros 

-Vou embora por que marquei com um menino de nos encontrarmos 

-Novidade por isso Jay não te quer piranha desse jeito...daqui a pouco vai aparecer com aids 

-O Jay me quer sim,se não quisesse não teria me levado pra sua casa e me beijado lá 

-Com tantas bocas que o Jay beijou a sua foi so mais uma 

-Não é não ele adorou o meu beijo...foi chamar ele para uma balada e quem sabe assim podemos fazer outras coisas 

-Como é que é-Kim começou a rir e foi embora-Mais que piranha-Cerro meus dentes só em imaginar Jay e ela fazendo sexo-Ele não seria capaz-fechei Meus olhos 

-Quem não seria capaz?-Abri meus olhos assustada 

-Que susto TaeTae-Tae da uma risada e coloca o braço em volta do meu pescoço 

-Ta...agora quem não seria capaz?

-Nada não-Tae me olhou desconfiado e deu de ombros 

-Vamos pra sala 

                         

                            (...)


A aula já havia acabado e eu me encontrava conversando com o dono da lojinha de conveniência que tinha perto da escola perguntando se tem alguma vaga 

-Bom já que Hoseok voltou e percebi que ele precisa de ajuda para organizar a loja e você está querendo um emprego eu te contrato sim 

-Que dia em começo?-digo animada 

-Segunda-feira 

-Ok...muito obrigado-faço uma referência e me retiro,ao sair da loja esbarro em alguém fazendo que o indivíduo derrube uma caixa no chão

-Aish-resmungo passando a mão no cotovelo que tinha cortado

-Desculpa moça eu..eu não te vi-o menino me ajudou a levantar

-Desculpa-me abaixei pra recolher os produtos que tinha caído no chão,o menino se abaixa e também começa a recolher as coisas,quando levantei o olhar vi que era Hopi 

-Hopi-Abro um sorriso e lhe abraço,o mesmo retribui e abre um sorriso 

-A quanto tempo 

-É....aonde você tava?

-Na casa da minha mãe 

-Como ela ta? Não a vejo faz um tempão 

-Ela melhorou até fizemos comida juntos 

-Que bom-senti uma ardência no cotovelo-Ai-resmunguei e coloquei a mão no local

-Que foi?

-Machuquei o cotovelo-Tirei a mão do cotovelo que estava sangrando e mostrei pra Hopi 

-Ta sangrando,vamos limpar-ele não deixou eu responder e já me levou pra dentro da loja,mas antes pegou a caixa e colocou no balcão

-Senta ai-Ele apontou para um banquinho que tinha em uma sala-Vou pegar os primeiros socorros-Assenti com a cabeça e Hopi saiu do pequeno cômodo que estávamos 

Hopi era um fofo,apesar de já termos namorado,continuamos amigos e convivemos normalmente,apesar de algumas vezes ele relembrar o passado e tentar me conquistar de volta....

-Aqui-Sai de meus desvaneios com Hopi sentando do meu lado e pegando meu braço com delicadeza-Vai arder um pouco-Hopi pegou o remédio e começou a passar no meu machucado ardeu um pouco mais não foi algo insuportável,depois de passar o remédio Hopi colocou um band-aid de unicórnio com alguns arco-íris,igual um que coloquei nele quando ele se machucou no tempo que namoravamos 

-Desculpa-ele disse um pouco baixo 

-Pelo oque?-olhei pra ele 

-Por Eu ter te machucado 

-A isso não foi nada é só um arranhãozinho-balancei a cabeça negativamente com um sorriso 

-Mesmo assim eu não gosto de te ver machucada-ele abaixou a cabeça 

-Ya!-levantei sua cabeça-Ta tudo bem ok? Foi só um acidente-levantei uma sobrancelha-Hopi deu um sorriso e me abraçou,retribui e fiquei sentindo seu perfume que por sinal continua sendo o mesmo-Tenho que ir agora 

-A não-ele faz bico

-Relaxa vou começar a trabalhar com você 

-Sério?-Ele diz animado 

-Sim,começo Segunda

-Espero que o tempo passe voando pra chegar logo Segunda-Deu uma risada pelo nariz 

-Tchau Hopi-beijei sua bochecha

-Tchau,até Segunda-me retirei dali e caminhei pra casa 


                            (...)


-Aonde você tava-Taehyung aparece logo quando eu piso em casa 

-Na lojinha de conveniência lá perto da faculdade 

-Fazendo?

-Pedindo emprego 

-E conseguiu ?

-Sim,começo Segunda 

-Ai que bom,vou ir lá pra pegar coisa de graça 

-Ta doido?-entrei e joguei minha mochila no chão 

-Que Que foi isso no teu cotovelo?-Tae avançou e segurou meu braço 

-Eu cai 

-E quem te deu esse band-aid?

-O Hopi-soltei meu braço e me joguei no sofá 

-O teu ex?

-Sim-disse simples 

-E você não se preocupa?

-Preocupa com oque?

-Se o Jay ver vocês juntos 

-Nos nem estávamos juntos ele só me ajudou 

-E por que ele colocou um Band-aid igual um que ele usou quando vocês namoravam?

-Não sei 

-Como assim não sabe? Ta bem na cara que ele te quer de volta 

-Vai continuar mesmo com esse interrogatório?

-Sim....Vocês fizeram alguma coisa?

-Não ele só me ajudou eu já te disse isso

-Não rolou nada?

-Não 

-Ele não tentou te beijar? 

-Não 

-Te abraçar? 

-Não Taehyung-minha paciência já tava acabando e Tae não parava com essas perguntas 

-Nada Nada?

-Aish você é irritante-me levantei e fui pro quarto,peguei minha toalha e quando tava indo pro banheiro meu celular começa a tocar

--Alô

-Amor

--Oi 

-Quero que se arrume

--Pra que?

-Quando eu chegar quero te levar para um lugar 

--Que lugar?

-Surpresa

--Me diz por favor 

-Não Amor é surpresa

--Okay então-faço bico 

-Daqui a pouco estou ai,Beijos

--Beijos 

Coloquei meu celular pra carregar e fui para o banheiro 


Depois de terminar meu banho e me depilar me enrolo na toalha e vou para o closet,procuro por um vestido e acabo escolhendo um Branco até a metade da coxa que tem um decote não muito grande de renda junto com um salto nude,me olhei no espelho e me assustei quando vi Taehyung encostado na porta

-Que susto menino-sai do closet e me sentei na cadeira da penteadeira

-Pra onde você vai tão linda assim?

-Jay me chamou pra sair 

-Hum...-Tae fez uma cara maliciosa junto com um sorriso de lado 

-Safado-joguei um pente em Taehyung que riu e se jogou na cama,me olhei no espelho e comecei a me maquiar 

Passei uma base,um delineador e um batom nude com meus cabelos soltos,me levantei e arrumei o vestido 

-Nossa-Tae se sentou e me olhou de cima a baixo

-Como estou?-dei uma voltinha 

-Ta linda

-Ta perfeita-olhei pro lado e vi Jay encostado na porta usando um terno preto 

-Obrigada-dei um sorriso sem mostrar os dentes 

-Vamos?

-Vamos-olhei pro Tae antes de sair e o mesmo mexeu a boca dizendo algo como "Vai com tudo" dei uma risada e sai junto com Jay


                          (...)


Havíamos chegado no lugar e Jay abriu a porta Para eu descer,sai do carro e arrumei o vestido,Jay segurou minha cintura e me levou para dentro do local,ao adentrarmos o estabelecimento vi que era um restaurante muito sofisticado e chique

-Vem-Jay me levou até uma mesa e puxou a cadeira pra mim sentar,em seguida chegou um garçom e nos entregou o cardápio,ao abrir o mesmo arregalo os olhos ao ver o preço dos pratos 

-Como você vai pagar isso Jay é muito caro-Disse um pouco baixo

-Relaxa Amor só pedi oque você gosta ok?-Jay deu um sorriso e voltou a olhar o cardápio

Depois de alguns minutos Jay chama o garçom 

-Então oque vão querer?

-Eu vou querer Bibimbap e Samgyeopsal

-Eu quero uma água

-O pedido de vocês ira estar prontos daqui a alguns minutos-o garçom se retira e Jay me olha 

-"Eu quero uma água"-Jay imitou minha Voz

-Ya! eu nem falo assim

-Fala sim

-"Fala sim"-imitei a voz dele

-Minha voz nem é assim

-É sim-Comecei a rir-Então...por que você me trouxe aqui?

-Faz tanto tempo que não temos um momento entre irmãos,então resolvir relembrar os velhos momentos 

-Mais somos mais que irmãos 

-Eu sei,mais é sempre bom quando você está comigo,me sinto bem-Jay passou a mão no meu rosto 

-Eu também....-Segurei sua mão e retirei do meu rosto 

-Oque foi?

-Nada 

-Sabe...eu sempre olhei pra você e lhe considerei Mais do que uma irmã...eu queria você pra mim

-Eu também...sempre que você andava de toalha na casa eu queria te agarrar e te beijar todinho 

-Sério?

-Sim dês de pequena eu era apaixonada por você e você nunca me notava só ficava com aquelas suas putas 

-Eu não ficava com elas,eu só matava a minha vontade de transar com você

-Que?-corei 

-Eu sempre quis você pra mim mais sempre achei você tão doce e inocente que tive que guardar esse sentimento 

-Eu...Nossa-meu coração acelerou 

-Mais agora vejo que estava errado-ele dá um sorriso 

-Que Que você quis dizer com isso?

-Nada-Ele levanta uma sobrancelha 

-Você está insinuando que eu não sou inocente e doce?

-Não sei-ele segura o riso 

-Não sou mesmo não-dei de ombros 

-Você acabou de assumir que não é inocente?

-Sim...se eu falasse que era estaria mentindo 

-Se você não é inocente você é....

-Olha nossa comida-interrompi Jay que me olhou com a cabeça tombada pro lado, o garçom colocou nossa comida na mesa e se retirou 

-E então...fiquei sabendo que o Jungkook apareceu lá em casa 

-Quem te contou?

-O Taehyung-Jay comeu um pouco de sua comida 

-Que fofoqueiro-fechei minhas mãos 

-Oque ele queria?

-Jantar comigo 

-Como é que é?-Jay largou os hashis 

-Ele queria Jantar comigo-comi um pouco de Bibimbap que Jay me deu 

-Mais ele sabe que você ta namorando?

-Eu não to namorando 

-E eu sou oque seu?

-Você não me pediu em namoro então você é um pequete 

-Que Que é peguete?

-Nos estamos nos pegando mais nada sério ainda 

-Como assim nada sério?-Jay cruzou os braços 

-Ainda não estamos namorando então não é nada sério-Comi mais um pouco da minha comida 

-Então se eu te pedir em namoro não somos mais peguetes?

-Sim-dei de ombros e Jay ficou pensando-Oque foi?

-Nada so estava pensando-Jay deu de ombros e comeu sua comida 

     

                           (...)


Depois de jantarmos fomos para um barzinho que ficava perto do restaurante,ao adentrarmos o local nos sentamos e uma mesa e imediatamente chegou uma mulher loira com umas roupas super apertadas (a menina que to Me referindo é a do MV Hulk Hogan do Jay) e uma blusa super curta

-Oque vocês desejam?-Ela foi pro lado do Jay jogando os peitos pra cima dele

-Quero comida mexicana 

-Quero o mesmo-A mulher anotou e saiu rebolando a bunda olhando por cima do ombro pró Jay que estava olhando a bunda da mesma 

-Perdeu alguma coisa na bunda dela?-apoiei minha cabeça na mão 

-Não

-Parecia

-Ta com ciúmes?

-To você é meu e não pode ficar olhando pra outras 

-Eu sou seu?

-Sim-Jay sorriu e me deu um selinho

Depois de alguns minutos a menina apareceu e deu água pro Jay 

-Eu não pedi água moça-Jay olhou pra ela 

-Eu sei-Ela deu um sorriso de lado e saiu,Jay olhou pra mim sem entender 

-Não bebe

-Por que?

-Pode ter veneno-Jay começou a rir e eu olhei pro copo-Oque é isso?

-Isso oque?-Peguei o copo e tirei um papel no fundo do mesmo

-Isso-olhei o papel e nele continha um número,olhei pra menina que tava observando a gente-Perai eu já volto-Levantei e Jay segurou meu braço 

-Aonde você vai?

-Vou no banheiro-Me soltei e fui em direção da menina-Olha aqui minha querida...ta vendo aquele homem ali na mesa então ele é meu...então pode tirar os olhos dele

-Se ele fosse seu não teria olhado pra minha bunda-fechei minhas mãos,mas respirei e tentei me manter calma 

-Só pega esse número e some ou vou fazer você come-lo-Coloquei o papel nos peitos dela e sai 

-Achou o banheiro?

-Achei-me sentei e o pedido logo chegou,a menina deixou o pedido e saiu sem olhar pro Jay,cerrei meus olhos e fiquei a encarando até a mesma sumir do meu campo de vista 

-Vai comer não?-Jay colocou o taco na boca e pareceu nem perceber eu encarando a menina,acordei do meu transe e comecei a comer junto com Jay 


                          (...)


Já havíamos chegado em casa e eu estava morta de cansaço,entrei em casa e subi as escadas me jogando na cama em seguida

-Posso dormir contigo?-Jay entrou no quarto

-Uhum-Minha voz saiu abafada por eu estar com meu rosto afundado no travesseiro,Jay entrou no banheiro e eu levantei,me sentei na cama e tirei o salto descendo as escadas e colocando no Porta-Sapato (Sorry não sei o nome daquele lugar,se é que tem nome)aproveitei pra beber um pouco de água,subi de volta pro quarto e Jay estava só de calça moletom

-Você ta fazendo isso so pra me provocar ne?!-prendi meu cabelo em um coque 

-Eu não!só coloquei meu pijama

-Uhum sei...-Entrei no banheiro,tirei a maquiagem e escovei os dentes,fui para o closet,tirei o vestido e o sutiã colocando meu pijama de Panda,voltei pro quarto e me joguei na cama

-Boa Noite-Me arrumei na cama

-Boa Noite-Jay me deu um beijo na bochecha e me abraçou por trás,e assim dormimos de conchinha 



Notas Finais


Sei que é horrível quando a história acaba com as personagens dormindo mais tenho que postar logo o capítulo senão vocês me matam shaushau
Espero que tenham gostado
Desculpa por qualquer erro ortográfico
Beijinhos de Luz da Tia Sunie :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...