História My Dear Doll - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel
Tags Gruvia, Jerza, Nalu
Exibições 153
Palavras 1.059
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Eu fiquei ansiosa para postar hehe
Então fiz esse cap!
Espero que gostem!! <3

Capítulo 2 - Capitulo dois


Fanfic / Fanfiction My Dear Doll - Capítulo 2 - Capitulo dois

Fanfic: My Dear Doll

By: LyWork_Hp

Capitulo 2

 

Jellal On

 

Estava saindo da casa de Gray, Eu morava perto dele então fui andando para casa, Estava pensando sobre o que iria fazer amanhã, diferente de Natsu, eu não era fotografo, eu trabalhava na empresa do meu pai, mas eu só ia La quando ele precisava ir a alguma reunião que precisava viajar, eu participava de alguns rachas também, eu amava a adrenalina. Assim que cheguei em casa e fui direto para o banheiro, tirei minha roupa e liguei o chuveiro, precisava de um banho quente para relaxar. Sai do banheiro enrolado na toalha e peguei uma cueca Box no guarda roupa e a vesti, me sentei na cama e chegou uma mensagem no meu celular dizendo que teria um racha na estrada principal. Vesti minha roupa rapidamente e peguei a chave do meu carro de corrida e fui correndo para o mesmo, entrei nele e fui dirigindo ate a estrada principal. Assim que cheguei La vi que tinha mais dois carros, coloquei o meu ao lado deles, eu nem precisava me inscrever, todos ali já me conheciam, a aposta era 500.000 mil dólares. Seria fácil ganhar daqueles dois, Entrei no meu carro e coloquei o capacete assim que a mulher foi para o meu da faixa.

 

- Vocês conhecem as regras, Então... 3... 2... 1... VAI! – ela grita balançando a bandeira.

 

Sai em disparada ficando na liderança, a estrada era somente para dois carros, então seria fácil bloquear aqueles dois, fiquei no meio fazendo com que eles não pudessem passar por mim e acelerei mais ainda. Meu carro era bem potente e veloz, e eu conhecia aqueles caras, eles não eram muito bons, e não sabiam que eu também iria participar, então acharam que iriam ganhar. Tinha que dar três voltas para ganhar, eu tinha acabado de dar uma e os caras ainda estavam chegando à faixa para dar a primeira também. Acelerei mais ainda quando vi que estavam se aproximando de mim, vi a faixa logo à frente e a ultrapassei novamente, só mais uma volta, faltava só mais uma e eu ganharia. Olhei pelo retrovisor e os caras estavam na minha cola.

 

- Droga! – apertei um botão fazendo meu carro acelerar mais e faltavam apenas alguns quilômetros ate La, e então passei por ela ganhando a corrida, ate que foi legal, mas seria mais ainda se tivesse alguém difícil de ganhar, gosto de desafios. Parei o carro e desci do mesmo recebendo o dinheiro.

 

- Nos vemos no próximo – pego a mochila com o dinheiro e entro no carro colocando o cinto, sai em disparada para casa, estava tarde e eu precisava dormir, amanhã eu iria viajar para uma reunião. Cheguei em casa e fui para a cozinha fazer minha janta, cara eu precisava de uma namorada, essa vida sozinha ta difícil, minha ultima namorada não foi muito boa para mim, seu nome era Meredy e ela me traiu com 5 caras de uma vez só. Odeio lembrar dela, mas ela fez parte da minha vida, então não posso esquecê-la, mas posso esquecer o sentimento que já existiu por ela. Terminei o jantar e comecei a comer, teria que arrumar minhas malas depois, dessa vez a viagem era para fora do Brasil, eu iria para o Brasil, soube que La os lugares eram bonitos. Terminei de comer e fui direito para o quarto arrumar minhas malas, eu iria levar a Erza, eu sempre levava ela, não conseguia deixá-la aqui sendo consumida pelo pó. Eu iria viajar as 5hrs da manhã, então assim que arrumei minhas malas, me deitei e logo cai no sono.

 

~ De Manhã ~

 

Acordei com o despertador tocando às 4 da manhã, me levantei e tomei outro banho, vesti uma roupa simples e coloquei a Erza dentro da mala e chamei um taxi, eu não iria com meu carro, pois não tinha ninguém para levá-lo de volta para minha casa. O taxi chegou e entrei nele com minha mala.

 

- Para o Aeroporto, por favor – pedi e ele começou a dirigir.

 

Era umas meia hora da minha casa ate o aeroporto, fiquei mexendo no meu celular enquanto não chegava La, fiquei olhando o facebook de boa, algumas garotas falaram comigo, mas não me interessei por nenhuma. O taxista chegou no aeroporto e paguei a ele e desci do carro, entrei no aeroporto e já estavam chamando meu vôo, corri e fiz tudo que precisava e embarquei. Assim que estava no avião, coloquei meus fones e deixei o celular no modo avião e fiquei vendo algumas fotos no meu celular, tinha fotos minhas com a Meredy, as apaguei de imediato e fechei os olhos caindo no sono.

 

~ No Brasil ~

 

Cheguei depois de umas horas e tratei logo de ir atrás de um hotel, arrumei um bem barato e deixei minha mala La e sai logo depois, a reunião já estava perto de começar, então precisava ir logo para poder voltar cedo, só tinha uma reunião para resolver, mas eu queria dar uma olhada no lugar, aproveitar e conhecer mais daqui, depois de amanhã eu voltaria para os Estados Unidos.

 

A reunião ate que não demorou muito, achei que seria chata, mas foi bem divertida. Estava andando ate que vi uma loja de bonecas, as roupas eram bem diferentes... O Natsu iria amar isso. Entrei na loja e uma moça me atendeu.

 

- Posso ajudar? – ela pergunta.

 

- Meu amigo fabrica bonecas nesse estilo e as vende – aponto para uma boneca – estou interessado em compras algumas coisas para dar de presente para ele – sorriu e ela me ajuda.

 

- Você é de fora? – ela pergunta enquanto pegava uma cesta e me ajudava a colocar algumas coisas.

 

- Sou dos Estado Unidos – respondo e termino de pegar tudo e vou ate o caixa com ela.

 

- O que esta achando do Brasil? – ela começa a passar as roupas.

 

- Bem legal aqui, e diferente também – sorriu.

 

- Que bom – ela sorri – deu 28 reais – pago a ela e a mesma me da à nota junto da sacola.

 

Despeço-me dela e saio andando para o hotel, o Natsu com toda certeza ira usar essas roupas na Lucy, elas são bem diferentes. Cheguei ao hotel e tirei a Erza da mala e a coloquei sentada no criado mudo, me deitei na cama e cai no sono.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...