História My Favorite Brother - Incesto Jung Hoseok {J-HOPE} - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias 4Minute, Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Block B, G-Dragon, Got7, Monsta X
Personagens BamBam, B-Bomb, D-Lite (Daesung), Ga Yoon, G-Dragon, Hyun A, Jackson, Jaehyo, JB, J-hope, Ji Hyun, Ji Yoon, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Kyung, Mark, Min Hyuk, P.O., Personagens Originais, Rap Monster, Seungri, So Hyun, Suga, T.O.P, Taeil, Taeyang, U-Kwon, V, Won Ho, Youngjae, Yugyeom, Zico
Tags Hoseok, Incesto, J-hope, Romance
Visualizações 119
Palavras 1.201
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeonghaseyo padinhas ♥
Turu bom com vocês? Espero que sim!

Demorei? Sim ou claro?

Me desculpem, e que eu tô muito tensa esses dias. Não tô tendo nem tempo para pensar. E tbm essa segunda eu vou fazer um teste para o menor aprendiz (EU FUI SELECIONADA, 2BJ), então não vou ter muito tempo para escrever, mas tbm não vou parar, pq eu amo vcs <3 então tenham paciência cmg e.e


Boa leitura~
Chu~♥

Capítulo 6 - - The wrong is not always bad -


Fanfic / Fanfiction My Favorite Brother - Incesto Jung Hoseok {J-HOPE} - Capítulo 6 - - The wrong is not always bad -

-- Anteriormente --


Tá bom. Eu confesso que estou com ciúmes, MUITO CIÚMES! Sempre que venho aqui, sou eu que escolho onde vamos comer. Por que agora é ele?! Aish…


-


- Pov Taehyung -



Já tínhamos chegado no restaurante que Minhyuk  tinha escolhido, não era nada muito exagerado. Apenas uma casa de comidas japonesas.

– Vicky vamos pedir sushi??– Minhyuk disse sorridente.

– Claro que vamos!– Vicky disse batendo palmas com suas mãozinhas.– O que vocês querem meninos?– ela perguntou fitando eu e Hoseok-hyung.

– Pensei que não ia perguntar..– Hoseok disse olhando o cardápio.

– Eu vou querer sushi também..– falei olhando para Vicky.

– Já que todos querem sushi, eu também quero.– falou Hoseok deixando o cardápio de lado e olhando para rua movimentada.

Vicky assentiu e chamou um garçom, logo fazendo nosso pedido.



- Pov Victory -



Hoseok estava diferente, não parecia nada feliz com a presença de Minhyuk. Não sei o porquê, ele sabe que eu sou a melhor amiga dele é ele é meu melhor amigo. Não há nada demais nisso.

– Tae..– chamei Taehyung.

– Oi? O que foi?– Taehyung se sentou ao meu lado no restaurante.

– Porque Hoseok tá assim?– sussurrei para o maior.

– Deve ser uma crise de ciúmes de você com o Minhyuk…– Tae disse dando de ombros.

– Certo..


-


Logo nosso pedido chegou, comemos bem e pedimos uma dose de soju* para acompanhar. Hoseok bebia e bebia, já estava vendo que teria que carregá-lo até em casa.

– Acho que já vamos Minhyuk.. estou cansada, é aquele ali já deve estar bêbado.– falei apontando para Hoseok.

– Claro, eu levo vocês..– Minhyuk levantou um pouco tonto.

– E eu vou chamar um táxi para você! Senta aí.– o sentei novamente em seu assento e disquei o número de uma táxi para levá-lo até seu dormitório. Enquanto Tae ligava para outro táxi para nos levar até em casa.

Logo o táxi de Minhyuk chegou. Ajudei o mesmo a se sentar no banco, me despedi com um abraço e logo fechei a porta do táxi abanando minha mão para o mesmo.

Olhei para trás e vi Hoseok deitado no chão e o Tae parado do lado rindo. Aish, ele nunca mais vai beber se depender de mim.

– Táxi já está vindo Vicky.– Tae falou em meio a suas risadas. Apenas assenti me agachando perto de Hoseok.

– Você não vai mais beber na sua vida.– falei apertando suas fofas bochechas.

– Ya! Eu vou beber sim.. v-você que não vai beber! Sua bêbada!– Hoseok disse se sentando e deixando nossos rostos próximos. Não me segurei e dei uma gargalhada de sua cara amassada e o ajudei a levantar percebendo que o táxi havia chegado.

Entramos no táxi e falamos a localização de casa. No meio do caminho Hobi deitou sua cabeça em meu ombro, passei minha mão em seu cabelo fazendo um cafuné.

Tae estava dormindo encostando sua testa no vidro da janela do carro. Soltei um suspiro e olhei para Hobi novamente.

Bêbado.– falei para mim mesmo soltando uma risada abafada.


-


O táxi parou em frente de casa, acordei Tae e o pedi ajuda para levar Hobi comigo até seu quarto. Levamos Hoseok até o seu quarto e o jogamos na cama, me joguei no chão cansada é Tae fez o mesmo.

– Pode ir dormir Tae, eu vou cuidar dessa criatura.– falei arrancando uma risada gostosa de Tae.

– Certo.– ele se levantou e saiu do quarto.

Me levantei ficando sentada no chão e olhei para o Hoseok, que dormia tranquilamente em sua cama de casal. Fiquei em pé e fui até o banheiro pegando um potinho e enchendo de água, voltei para o quarto de Hoseok e joguei em seu rosto a água gelada. O mesmo acordou num pulo que até caiu da cama, comecei a rir e Hoseok me encarou furioso.

– Qual a necessidade de você me acordar assim?– Hoseok disse se levantando um pouco tonto.

– Pra você ir tomar banho.. ou você vai dormir com esse cheiro de bebida? Seu bêbado.– falei o empurrando para o banheiro.– Vai tomando banho que eu separo a roupa.

Fechei a porta e fui até seu armário, abri o mesmo vendo várias roupas novas e várias de grandes marcas. Pulei essa parte e fui para parede de seus moletons, peguei uma calça de moletom cinza e um moletom preto. Hoseok não costuma usar uma camisa debaixo de seu moletom quando está em casa. Abri a gaveta de cuecas e peguei qualquer uma e coloquei em cima da cama. Tudo dobradinho.



- Pov Hoseok -



Liguei o chuveiro deixando na água gelada e logo entrei debaixo da mesma, deixei que a água relaxasse meus músculos. Soltei um suspiro e encostei minha cabeça na parede.

Por incrível que pareça eu não consigo me lembrar de nada que aconteceu… eu bebi tanto assim?

Fiz minhas higienes e desliguei o chuveiro, peguei minha toalha e enrolei em minha cintura. Fui até meu quarto e Vicky não estava mais lá. Olhei para cama, tinha a troca de roupa dobrada na mesma.

Deixei um sorriso bobo sair e logo comecei a me vestir. Já vestido, coloquei a toalha úmida em cima de minha cabeça e desci as escadas indo para cozinha para beber água.

Vi que Vicky estava assistindo um filme na sala, me aproximei dela e apertei sua cintura fazendo a mesma dar um pulo para frente e cair do sofá.

– O.. que..– ela disse pausadamente e logo olhou para trás tacando uma almofada em meu rosto.– Idiota.

– Obrigada por cuidar de mim maninha.– abracei ela é ela retribuiu o abraço.

– De nada. Tem kimchi* no forno.. omma fez para janta, e como você não comeu bem no restaurante.. eu esquentei pra você.– Vicky disse se sentando no sofá novamente e voltando a assistir.

Assenti com a cabeça e fui até a cozinha pegar um pouco de kimchi. Estava com saudades do kimchi da omma, com certeza é o melhor.



-



Depois de ter comido, fui até a sala e me sentei ao lado de Vicky. Ela me olhou e negou com a cabeça.

– Se não secar seu cabelo vai ficar com dor de cabeça depois.– Vicky disse fazendo um sinal para que eu sentasse no chão em sua frente para poder secar meu cabelo.

Me sentei em meio a suas pernas e logo ela começou a secar meu cabelo com a toalha.

Oppa.– Vicky me chamou.

– Sim?– a respondi.

– Você não gosta do Minhyuk?– a mesma perguntou parando de secar meu cabelo é se sentando ao meu lado.

– P-Por que acha isso? Não tenho nada contra ele..– falei fitando a TV.

– Então.. por..– a interrompi.

– Porque eu tenho medo de te perder.– falei virando meu rosto e encarando seus olhos que agora estavam brilhantes.

Aproximei meu rosto do de Vicky e logo senti a respiração descontrolada da mesma. Segurei seu queixo e selei nossos lábios, Vicky se aproximou mais colocando sua mãozinha em minha nuca aprofundando mais o beijo. Pedi passagem com minha língua e a mesma logo cedeu. Sem que percebesse já estávamos deitados no chão ainda nos beijando, eu por cima e ela por baixo.

Esse beijo foi o melhor em minha vida, estava cheio de carinho e ternura. Logo nos separamos pela falta que o ar fez, colamos nossas testas e sorrimos.

– I-isso está errado.– Vicky disse me olhando.

– O errado nem sempre é ruim..



- The wrong is not always bad -













Notas Finais


Palavrinhas desconhecidas por alguns:

Soju: O Soju é uma das bebidas alcoólicas mais populares da Coreia, sendo consumido em quase todas as ocasiões sociais, bem como para acompanhar a maioria dos pratos 

Kimchi (comida favorita do Hobi ♥): Kimchi é uma comida tradicional coreana feita de vegetais temperados com bastante pimenta, alho, sal e outros condimentos que passam por um processo de fermentação antes de serem consumidos ou utilizados como ingrediente.


COMENTEM ♥
ME DESCULPA QUALQUER ERRO
ME DESEJEM BOA SORTE PARA O TESTE ;-; scrr tô muito nervosa

Até!
Chu~♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...