História My Friend - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias 24K
Personagens Cory, DaeIl, Hui, Kisu
Visualizações 3
Palavras 434
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi pessoal, me desculpem a demora por postar outro capítulo 💞

Capítulo 2 - O sequestro (Parte 1)


Fanfic / Fanfiction My Friend - Capítulo 2 - O sequestro (Parte 1)

No dia seguinte, acordei com dores nas costas. Nada grave. Me levantei, fui até o quarto de minha filha. A pequena estava brincando com seus brinquedos, os quais estavam caídos no chão.

 — Oi, filha, acordou mais cedo do que sua omma!

 — Omma!!

 A menor correu até mim, me abraçando e eu retribuo o abraço dela

  — Como vai as coisas aqui com você e o ursinho Tese?

 — Boas... Tese falou que você tem que descansar!

 Sorrio e pego a baixinha em meu colo

 — Vou descansar, você fica no berço, junto com o ursinho Tese e seu pandinha!

 Ponho a mesma no berço, junto com os ursos de pelúcia. Vou até o meu quarto, me deito, cubro-me e fecho meus olhos

 O sono chega rapidamente, me fazendo sonhar com algo... Me fazendo sonhar com meu "ex", mas não era eu voltando com ele, nem ele voltando comigo. Era algo terrível. Algo que me fez acordar na hora e correr até o quarto de Hyoyeon.

 — Oi, omma, tudo bem?

 — Sim... Por que não estaria?

 — Seu desespero! —Riu depois que fala

  — Que isso? Desespero? Nada!

 Rio e pego a morena em meu colo. 

Na mesma hora, a campainha de minha casa toca

 — Quem será, mamá?

 — Não sei, vamos ver, bebê! 

Desci as escadas, com minha cria em meu braços, olho pelo olho mágico e vejo que era o Hong JooHyun. Abro a porta e abaixo minha cabeça

 — Olá, Senhor Hong...

 — Oi, pequena —Percebo o sorriso em seu rosto 

O maior nunca tinha usado essa informalidade comigo, mas nem me importei.

 — Oi, appa futuro! —Falou a que estava em meus braços

 — Appa? Eu... —O mesmo parou um pouco de falar e abaixou sua cabeça — Eu não sou seu Appa...

 — Está tudo bem, Senhor JooHyun?

 — Sim... Não precisa usar essa formalidade comigo, só no trabalho, porém fora do trabalho não tem problema! Sorrio meio envergonhada. Dou espaço para ele entrar.

 — Entre, JooHyun 

E foi o que fez, entrou e ficou me olhando. Sentou-se no sofá.

 — Filha, pode nos dar licença?

 — Claro, Omma!  

Fez isso. Sentei-me ao lado de meu chefe e ficamos conversando. Depois de alguns minutos, ouço uma porta bater e gritinhos

 — Filha?? 

E não responde. Olho para o Hong, quase entrando em desespero e me levanto rápido, indo até o quarto da menor

 Havia um bilhete escrito:


 "Eu te avisei" 



 Leio aquilo. Sinto minhas pálpebras já molhadas e começo a chorar. O superior me abraça e segura em meu rosto

 — Nós acharemos sua filha, Sophie!


Notas Finais


Desculpem os erros e o tamanho do capítulo, beijos, amo vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...