História My Friend(Imagine Namjoon BTS) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Hentai, Kim Namjoon, Rap Monster, Você
Visualizações 138
Palavras 2.169
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Hentai, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


3 capítulos no mesmo dia?
Isso sim soa bom hehe he

Boa leitura

Capítulo 3 - Normal days


Acordei com a o som de Ed Sheeran olhei no relógio e era exatamente 06:00 ponto. Me levantei arrumei minha cama e vagarosamente fui me arrastando até o banheiro. Fiz minhas higiene, coloquei uma calça preta, uma blusa de manga longa preta de listras brancas , fiz um coque bagunçado , calcei meu converse tradicional preto e sair em direção a cozinha.


Fui até a cozinha preparei um café, umas torradas , suco de laranja , uns biscoitos e  coloquei na mesa.  Fui até o quarto do Namjoon o chama o mesmo pois tinha que trabalhar...ou será que ele já foi? Não custa nada bater na porta. Bati uma , duas , três e finalmente um resmungo.



- tá tudo bem aí Monstrão? - perguntei ao mesmo do outro lado da porta. O mesmo abriu com uma cara de ressaca da porra.



-acho que bebi demais ontem - disse coçando os olhos e rindo fraco.



-você ainda acha? Tá vendo, vai nas ondas de meu pai e quem se fode é você. Agora vem tomar café pra despertar - o puxei em direção a cozinha.



- vai acabar me mal acostumando desse jeito - o mesmo se sentou e começou a atacar a mesa de café simples.



-vai nada - sorrir


Me sentei de frente para ele e comecei a comer meio rápido pois tinha que estar na faculdade as 07:15 em ponto. Terminei e fui rápidamente para o banheiro escovei o dente, peguei minha mochila, coloquei minhas chaves, sair do quarto e Namjoon já estava com sua roupa social abotoando sua camisa branca com a gravata desajeitada.


-já vou Nam... - fui perto do mesmo concertando sua gravata.




-já disse, esta me acostumando mal ein -sorriu dando um beijo em minha testa.



-não esquenta Monstrão eu fazia isso todo dia para meu pai e meu irmão, pra você não vai ser diferente - sorri , dei um beijo em sua bochecha e sair.


Entrei no elevador junto com um rapaz e outra senhora,  me curvei dando bom dia e fiquei no meu canto em silêncio. Sair e fiquei do lado de fora esperando Hoseok, ele que me leva agora, depois que o Namjoon se formou e começou a trabalhar na grande empresa que o pai dele deixou para o mesmo.


Adentrei no carro do meu irmão, coloquei o cinto e dei um beijo na bochecha do mesmo.




-bom dia peste. Já está com saudades? - sorrir



- o pai sim, mas eu tô dando graças a Deus - o mesmo riu e levou um tapa grande meu.



Hoseok deu partida e fomos conversando bobagens até na porta da faculdade.


-obrigada maninho e bom trabalho - o mesmo acentiu com a cabeça e sorriu.



Sair do carro entrando no campus,ainda falta 3 meses até eu me formar, e quando isso acontecer finalmente vou poder trabalhar em algo que realmente gosto. Vou ser uma grande policial.



[...]



Sai do campus quase correndo, pois o professor de tecnologia avançada começou a filosofar, esquecendo que diferente dos filhinhos de papai e mamãe , tem muita gente ali que precisa trabalhar! 

Peguei um ônibus e parei em frente a DF (delegacia federal) de Seoul . Entrei e fui direto a recepção procurar informações, enquanto esperava um federal vim me buscar entrou um rapaz alto e...pera ae Taehyung?



-S/n? - Taehyung me olhou meio surpreso.


-a própria. É...Você trabalha aqui ?


-sim, tá precisando de ajuda? - ele se aproximou de mim acenti meio aérea e o mesmo me levou até o senhor Hong .


Entrei na sala e o senhor estava sentado anotando as alguns papéis.



-boa tarde senhor Hong. A s/n que falar com o senhor - Taehyung falou se curvando , eu fiz o mesmo e sorri.




-Ah! Boa tarde senhorita Jung s/n, estava mesmo a sua espera! - o senhor pegou em minha mão apertando a mesma, o Taehyung saiu que eu nem percebi. -por favor sente, preciso falar algumas coisas antes de do começo do seu trabalho.



Me sentei na cadeira, meio nervosa, o senhor Hong se sentou na minha frente e começou a falar.



-já trabalhou antes em uma delegacia?



-apenas um estágio de curto período na delegacia de crimes cibernético. 



-seu currículo é excelente srt. Jung -disse enquanto analisava meu currículo - más me diga, porque escolheu a carreira de polícial?



-bom senhor Hong a muito tempo via violência, coisas erradas que rodeavam e até hoje rodeia a sociedade todo tempo . Sabía também que super heróis não precisam de capas ou super poderes para combater esse mal. Quiz ser policial não pra ter uma arma ou pra me achar superior a ninguém e sim para ajudar o próximo e amenizar essa mal que nos rodeiam -respirei fundo.



-excelente srt s/n! Você tocou em pontos muito interessantes. O departamento precisa de mais policiais que pense como você.


-obrigado - sorrir



-Bem senhorita Jung, o seu salário será de 1.765,000 coins. Seu horário é de 13:40 às 18 :40, tem folgas as terças e domingos se não estiver resolvendo algum caso, ao contrário as vezes precisamos que faça extras. A delegacia Federal de Seoul não é um emprego qualquer, você está aqui por ser uma pessoa de personalidade forte, comunicativa, atenta e eu sei que vai se sair bem. Por enquanto

Você dividirá a sala com o agente Kim Taehyung e o Agente Min Yoongi. - me deu uma camisa preta com o símbolo da polícia Federal




-Obrigado pela oportunidade senhor Hong prometo honrar essa camisa - apertei sua mão.


Senhor Hong me entregou a chave da sala e do meu armário. Agradeci e sair dali com um sorriso que não conseguia segurar, um excelente emprego para mim. Sai da sala e encontrei o Taehyung com alguns papéis entregando a uma mulher , ele me viu e veio até a mim.



-obrigado Taehyung por me ajudar a achar o senhor Hong. - olhei para o mesmo e sorrir tímida.



-Não foi nada s/n, quando quiser pode pedir a minha ajuda - o mesmo sorriu - afinal somos colegas de trabalho agora não é? -assenti - ótimo! Agora vamos, você tem que conhecer seu outro colega de sala.



Peguei o elevador junto ao Taehyung e fui até o 12° andar . O andar era especial para proteção a criança e adolescente. Andei entre os corredores atrás do Taehyung para descobrir minha sala. Fui até a porta e vi um cara sentado, mexendo no celular. Ele deve ser esse tal Yoongi ...até parece que já ouvir esse nome antes



-bom dia -entrei ficando ao lado do Taehyung.



-Bom dia....ah você é a dançarina - o mesmo se levantou e sorriu.



-e você o convencido - revirei os olhos - ninguém merece -sussurrei. O mesmo se levantou e me deu um abraço.



-da próxima vez que revirar esses olhos pra mim vai se prazer querida -sussurrou em meu ouvido e se afastou.



-bom s/n....- Taehyung começou enquanto eu estava estática raciocinando o que Yoongi tinha acabado de falar - seu distintivo aqui,  sua arma só vai receber  quando terminar seu treinamento - acenti. - agora vamos, você precisa treinar.



Fomos até o centro de treinamento da federal, assinei alguns papéis e recebi 4 tipos de armas diferentes: uma 38, uma .40, um fuzil e uma sub metralhadora. Peguei os óculos , tampões de ouvido indo até os alvos...



20 : 33


-Parabéns s/a! Ótimo trabalho - batemos a mão.



Fui até o banheiro feminino,  tomei um banho, peguei minhas coisas, guardei minha camisa me despedir do mesmo e fui para o ponto, pegar um ônibus ,o bom é que qualquer um passa em frente ao ap . Peguei o primeiro que passou soltei em frente ao ap. Atravessei, subir o elevador, destranquei a porta e me deparei com a Helena assistindo TV com uma blusa do Nam. Ela me olhou e sorriu sinica, dei boa noite curta e grossa adentrei no meu quarto e fui tomar outro banho porque era disso que eu precisava e não ficar olhando a cara daquela desgraçada devota de puta me olhando o tempo inteiro.





1 semana depois




Hoje era minha folga , finalmente! Trabalhar nessa delegacia é sangue, suor e lágrimas. Por incrível que pareça hoje foi reunião dos professores, ou seja, sem aula na faculdade hoje, isso sim se chama um dia bom.

Helena vive infurnada aquí dentro e quando me ver gosta de se amostrar, eu tô me segurando pra não meter a mão na cara dessa mulher imprestável. Todos sabem que ela está com o Namjoon só por causa do dinheiro, todos menos o Namjoon. Ele é o cara mais incrível que já conheci, sortuda será quem se casar com esse homem maravilhoso que é o Nam.



Acordei mais tarde, estava vestindo apenas uma calcinha box e uma blusa do Hoseok. Fui no banheiro escovei os dentes,  lavei o rosto, concertei o coque do meu cabelo e sair do quarto coçando os olhos em direção a cozinha. Namjoon estava no trabalho e eu Estava sozinha então porque não ficar à vontade?


Fui até a cozinha preparar algo pra mim e esculto uma voz grossa e rouca baixa:



-tô com fome s/a! - gelei.



Voltei até a sala e vejo o Nam jogado no sofá só de samba canção (short masculino de dormir) sem camisa, olhou pra mim e sorriu.



-n-não foi trabalhar?



-eu mesmo não, esqueceu? Eu sou o meu chefe - sorriu convencido.



-convencido que só -revirei os olhos e o mesmo riu



Tomei meu rumo pra cozinha e fui preparar meu...quer dizer nosso café da manhã. Fiz suco de laranja,  umas panquecas e rosquinhas. coloquei na mesma e fui buscar as xícaras no armário quando sinto alguém pegando na minha cintura. Namjoon.



-to com fome s/n! -disse dengoso colando seu queixo em meu ombro



-só falta colocar essas xícaras na mesa e pronto - disse me virando para o mesmo que me olhava dos pés a cabeça - que foi? - o olhei com cara de tédio mas por dentro eu estava fervendo, do que eu realmente não sei. 



- belas pernas s/n - o mesmo sorriu malicioso. Droga! Esqueci da minha roupa.



-vai catar coquinho Namjoon! -o empurrei de leve -daqui a pouco sua amada, amor da sua vida está aí !



-ciúmes s/n? -o mesmo cruzou os braços arqueando uma sobrancelha.



-acho melhor você ir comer pois a fome deve está penetrando em sua mente fazendo você dizer merdas - o empurrei até a mesa.



Sentamos e começamos a falar de coisas aleatórias como a faculdade,  o trabalho, que o Taehyung e o Yoongi era meu amigo de trabalho ele claro riu da minha cara e várias outras situações do nosso dia a dia, tirando as palhaçadas tanto da minha parte quanto a dele.



Terminamos o nosso café Namjoon lavou os pratos e eu guardei. Fui tomar um banho calmo , vestir um short moleton preto e uma blusa grande . Sair do quarto e fui pra sala novamente vendo Namjoon secando os cabelos molhados com uma bermuda e uma T- shirt Preta.


-o que quer fazer agora? - perguntou o mesmo.



-sabe...me bateu um desejo imenso de comer doce de leite - fiquei olhando para o nada, com uma cara de piscicopata.




-você está....



-Não! Tá doido? -o olhei incrédula. - você sabe...



-aah, verdade , me desculpe eu esqueci -levantou as mãos sorrindo.



-ta desculpado...você ...você vai comprar pra mim né? - o olhei com cara de pidona.



-vou sim minha doidinha - me levantei comemorando, o mesmo deu um beijo na testa e saiu pra comprar o bendito doce.



Procurei dr House pra assistir enquanto ele não chegava. O episódio mais interessante que eu assistir foi o insensível a dor. Uma garota que não sentia dor e tals,  sofreu acidente com a mãe e dava ataques bem anormais, aquele rebuliço todo. concluindo ela tinha uma solitária de oito metros comendo toda vitamina B da garota. Quando estava no final Nam chegou com algumas sacolas, foi até a cozinha e voltou com colheres, um pote de sorvete de limão ciciliano e  pote de doce de leite.




-a Nam, você é um máximo! - peguei meu pote me sentei no chão e comecei a devorar o pote de doce de leite.



Gardei o resto do pote e voltei a sentar no chão, a serie estava tao boa que eu estava pouco me fodendo para onde eu estava , se estava frio ou não. Namjoon me puxou pro sofá, mandou eu deitar. Por um momento meu coração parou né, mas ele só  deitou com a cabeça na minha barriga abraçando minha cintura e começou a resmungar lá.



-Aish s/n ! Me dá atenção! -começou a morder de leve minha barriga.


-diz o que quer que eu faça? - olhei para ele que sorria agora com as covinhas a mostra.


-quero carinho - o mesmo fez bico. Manhoso que só! Nem parece aquele Namjoon que vive sério e sexy....e sério e sexy...tá acordei!



-Ué pede pra tua namorada



-não! Eu quero de você...por favor s/a! -deitou novamente.



-tá! Mais dá próxima pede pra ela ! - voltei a assistir, dessa vez alisando o cabelo e as costas dele devagar.



Namjoon dormiu e eu continuei alisando ele, tive que aproveitar pois não é todo dia que a pessoa que você gosta vai está dormindo em seu colo não é mesmo? Tão insistida na série que nem me dei conta a hora de que eu apaguei ali mesmo. Amém sofá!  

 


To be continued...


Notas Finais


*tae amorzinho ♡

*Yoongi safadaum

*ixi olha quem estava em casa ein?

Até a próxima bjs♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...