História My garden - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Personagens Sana, Tzuyu
Tags Chou Tzuyu, Hanahaki Byou, Hanahaki Disease, Minatozaki Sana, Sadfic, Sana, Satzu, Shortfic, Shoujo-ai, Twice, Tzuyu
Visualizações 33
Palavras 403
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), FemmeSlash, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Yuri
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Flores


Fanfic / Fanfiction My garden - Capítulo 1 - Flores

Querida Tzuyu,

Como uma bela borboleta, você chegou inesperadamente em minha loja, suas cores lhe deram contraste neste ambiente opaco, que mesmo sendo rodeado de flores incrivelmente graciosas, as mesmas não ocultavam o clima maçante do local. Nesta pequena cidade, onde o tempo passa mais devagar do que imaginamos, você trouxe um motivo para querer que o tempo não acelere. Seus olhos eram como um lírio negro, tinham um ar sereno, tinham uma cor incomparável e ao mesmo tempo continha mistério e escuridão; seus lábios carmim eram mais apolíneos e encantadores do que qualquer rosa vermelha no mundo; seu perfume tinha um cheiro tão doce e suave que me lembrava a fragrância de um jardim repleto de tulipas.

A partir do dia em que te conheci, pétalas dessas mesmas flores que sempre achei que lhe representavam estavam preenchendo meus pulmões aos poucos, no início eu conseguia livrar-me da maioria tossindo-as, mas com o tempo a quantidade das mesmas aumentou me causando insuficiência respiratória, dificultando-me a dormir e até a comer. Lembro-me das vezes que menti para você, dizendo que as olheiras em meu rosto haviam sido por passar as noites em claro por causa do trabalho e que por isso comia com menos freqüência, explicando também minha pele ter se tornado mais pálida... Arrependo-me de todas as coisas que inventei para que não se preocupasse comigo, me arrependo por não ter lhe contado a verdade, talvez o rumo de nossas vidas poderia ter se tornado diferente...

Após muitas mentiras e noites em claro, flores germinavam e se alojavam em meu pulmão. Enquanto meu interior estava sufocado, meu exterior piorava cada vez mais, havia emagrecido demais, continuava pálida e aparentava estar sem vida. Os dias se tornavam mais difíceis e torturantes, odiava mentir para você, forçar um sorriso e dizer que estava tudo bem, mas odiava ainda mais a idéia de curar-me desta doença e esquecer-me do que sinto quando observo cada detalhe em ti, não sentir mais felicidade quando ouço sua risada melodiosa ou o cada sentimento de cada memória que temos.

Nesta carta estou colocando todos os meus sentimentos e pensamentos que escondi de você, todas as minhas sinceras desculpas e meus amargos arrependimentos. Tzuyu, você é meu jardim, evitei que todas as gotas do céu caíssem sobre você, mas agora que não consigo mais impedir que se molhe, uma tempestade cairá sobre você, e a culpa é toda minha...

 

湊崎, Sana


Notas Finais


Me desculpem por qualquer erro e muito obrigada por ler ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...