História My Girlfriend ➢ Park Jimin - Capítulo 52


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Ian Somerhalder
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Armys, Bts, Kpop, Park Jimin
Visualizações 178
Palavras 1.494
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 52 - ⚫50⚫


Fanfic / Fanfiction My Girlfriend ➢ Park Jimin - Capítulo 52 - ⚫50⚫

KayLee POV•

O parque era muito lindo e romântico, digamos assim. Fomos em vários brinquedos como;: Tiro ao alvo,chairswing, navio viking, twister, e a top spin. Alguns outros brinquedos básicos, os meninos estavam se dando muito bem, o Josh é uma pessoa incrível e super perfeito pro Kuan, quero ser madrinha da porra desse casamento, já vou avisando.

Tudo estava indo bem, menos a parte do Matheus e o Gabriel que se encaravam, não existia nenhuma palavra entre os mesmos, Matheus mandava alguma indireta e Gabriel voltava com algo também, e assim fica com uma coisa enrolada, mais enrolada que eu na escola.

Estamos agora comendo, somos seres humanos precisamos se alimentar certo? O que seria de mim sem "comida"? Eles falam que eu como demais, ahhhh criança volta pro jardim que você mais sabe de nada.

- Amor?

- Fala

- Nossa que grossa

- E grande - Pisquei e ele me olhou, fez um biquinho nos lábios - Aah meu Deus que manhoso deixa eu ver aqui, fala meu amor da minha vida, razão do meu viver, meu tudo, meu gatão, meu gostoso, meu chocolate quente, meu doce de morango, me diz o que você quer? Ta bom assim? - Sorri amarelo

- Ta ótimo, assim que eu gosto..

- Aah - Revirei os olhos

- So queria falar que eu te amo, KayLee Somerhalder - Sussurrou no meu ouvido, aquela voz grossa me vez arrepiar toda e me deixar exitada.

- Wow, eu também te amo Park Jimin - Sussurrei da mesma maneira, sentido o mesmo paralisar, olho pra baixa vendo seu maravilhoso membro duro

- Cara, estou com vontade de te...

- Shiu, espera mais um pouco até chegamos em casa - Coloquei o dedo indicador na sua boca ente aberta, fazendo o mesmo fechar os olhos

(...)

Estamos discutindo em qual brinquedo nos vamos primeiro, realmente é uma bela discussão, eu estou até ameaçando o povo com sorvete avisando que eu não quero ir na montanha russa.

- Quem quer ir na roda gigante? - Jimin levanta a mão, Kuan, Matheus,Biel, Josh - Pronto, partiu

Eu e Kath estamos os encarando, bufando e batendo o pé.

- Amiga, depois vamos leva-los no carrossel pink de unicórnio? - Sussurrei

- Mas é claro Kay, Kuan e Josh estaram com nós, então...partiu - Sussurrou de volta

Sorri e olhei os meninos que não entendiam nada.

- Perderam algo? - Falei olhando os mesmos que negaram - Ótimo!

Fomos até a tão esperada roda gigante do parque, a bixa era muito grande, aah sério KayLee? Calado sub.

- Como vamos fazer aqui? - Josh pergunta - Tipo de casal?

- Mas é injusto, eu tô sozinho! - Matheus fala cruzando os braços

- Ah daí ninguém tem culpa disso, problema é teu, que vai ficar de vela! - Gabriel balança os ombros sorrindo vitorioso

- Pelo menos eu não fico comendo qualquer uma por aí!

- E você acha que eu fico? Me dá um motivo..

Matheus ia abrir a merda dá boca, pra colocar tudo pra fora o que ele estava guardado por meses. Jimin puxou o Matheus e sussurrou no seu ouvido algo que o fez o mesmo se acalmar.

E claro, eu como uma ótima pessoa, tava comendo assistindo a cena de treta. Mas eu amo, asdoro muito.

- Sem problema... - Matheus fala e olha o chão

- Com licença.. - Uma voz feminina sooa atrás de nós, me viro dando de cara com uma garota coreana baixinha. - Eu estou sem acompanhante na roda gigante, você pode ir comigo? Se não for incomodo claro.. - Ela cruza os dedinhos e encara ele com seus olhinhos fofos

- Tem como dizer não para você? Eu vou sim, também estou sem acompanhante - Matheus sorriu e a garota corou pegando na mão do mesmo e o levando até próximo a roda gigante.

Estamos esperando a nossa vez, tava uma fila média, mas tinha muita gente puta merda. O Matheus saiu da sua cabine de mãos dadas com a garota, que continuava corada, que fofa. Pisquei pro Matheus que mandou o dedo do meio, disfarçadamente pra mim.

Eu soltei uma gargalhada e entrei na cabine junto com o Jimin. Ficamos de frente pro outro, ele pegou na minha mão e olhou em volta.

- Olha que lindo Kay!

- Realmente amor, é muito lindo! Olha o supermercado ali, está aberto

- Meu Deus KayLee, como você pensa em comida - Ele sorriu de lado

- Poxa, comida é como viver!

- Então eu sou seu bolinho né?

- Por que? - Sorri o olhando

- Meio que comida é a sua vida, então bolinho séria o bom pra mim virar

- Awnt amor - Fui abraçar ele mas algo rompeu.

Um estralo enorme ecoou pela cabine, fazendo a mesma descer um pouco e a parte que eu estava soltar-se, a roda gigante parou de funcionar deixando eu e Jimin preso aqui em cima.

Meu coração congelou, a respiração se tornou pesada, eu não consegui mais segurar no ferrinho que tinha ali. Eu escutava o grito do Jimin ao longe, abri meus olhos vendo o mesmo desesperado, olhando a janela e gritando por ajuda.

- KayLee, tinha alguém...Um vulto lá em baixo, saiu correndo quando me viu - Ele se aproximou de mim, fazendo a cabine balançar mais - To com medo de soltar mais, mas eu tenho que te ajudar - Ele tenta me puxar

Eu me esforço o máximo e consigo abraçar o mesmo. Não consegui segurar minhas lágrimas, a dor, o medo retornou em mim, a raiva por tudo isso estar acontecendo. Mas por que? Por que eu estou sofrendo tudo isso? Eu mereço? Não consigo mais raciocinar.

- KayLee - Escuto o grito do Matheus la de baixo

Olhei pra baixo, vendo o mesmo gritando com o cara que fica de responsável na roda gigante. O cara não consiguia ligar ou mexer em alguma coisa, dava pra ver o desespero das pessoas que se acumularam ao redor.

Eu fechei meus olhos, imaginado aonde isso ia dar, talvez a minha morte. Eu não ia conseguir sair viva dessa, a qualquer momento essa cabine pode cair e matar nos dois.

- Jiminnie, eu tô com medo! - Sussurrei muito baixinho

- Eu também Kay.. eu também! Vem ca - Pega meu rosto deixando nos dois mais próximo - Tudo pode acontecer aqui, antes de eu morrer quero que saiba uma coisa, você foi e sempre será a pessoa mais importante na minha vida, você me ajudou tanto, me ensinou que eu tenho tudo pra agradecer. - Ele diz entre soluços - Você sabe que eu tenho o sonho de dançar, cantar ser o que eu realmente quero pra mim, você conquistou o coração do meu pai fazendo ele me apoiar mais, dar mais atenção pra sua família, me ensinou que ficar com qualquer uma é uma perca de tempo e que a pessoa que nós realmente amamos sempre estará com nós, já outras iriam sair de fininho nas horas difíceis. - Ele analisou o meu rosto - Eu te amo Kay, muito

- Eu também te amo muito Park e tudo que você falou, tirou as palavras da minha boca,pois eu passava na mesma situação, mas obrigada por curar a minha doença e mostrar pra mim que ser você mesmo é mais importante que tudo na vida - Selei nossos lábios.

Derrepente ouvimos umas vozes do lado de fora da cabine,era os bombeiros. Jimin pediu pra mim ir na frente dele, quando um bombeiro me pegou e ia me levar pro chão, a cabine arrebentou total, fazendo um estouro enorme. Meu coração congelou, não tive coragem de olhar pra cima ou pra baixo e ver meu amor ali.

- Calma, ele está bem - O bombeiro que estava comigo falou e apontou pra cima

Olhei pra cima vendo um bombeiro segurar a mão do Jimin o puxando mais pra si. Assim que coloquei o pé no chão, os seres humanos mais lindos do mundo vieram nos abraçar.

Todos estavam chorando incluindo Biel e Josh, o resto nem se fale. Abracei o Jimin que estava tremendo e chorando.

- Sobrevivemos, mais uma hein? - Ele sussurrou e selou nossos lábios

•Bianca POV•

- Vamos logo Taeyang, não tem muito tempo não viado!

- Calma Bia - Ele diz olhando em volta e saiu pra trás da roda gigante

O plano é o seguinte matar KayLee.

- Oi gatinho, como você vak? - Fui até o responsável do local e comecei o distrair para o plano correr bem.

- Oi gatinha, como se chama? - Mordeu os lábios

- Me chame de qualquer coisa amorzinho - Eu sorri e sussurrei no seu ouvido, ouvi o mesmo gemer baixinho, pois eu estava entre suas pernas

- Hum, você é uma delícia..- Ele diz sorrindo malicioso

Olho pra trás da roda gigante, vendo o Taeyang fazer um sinal e sair correndo.

- Eu sei querido, para isso que serve espelho, tchau trouxa - Pisquei e abanei pro mesmo, saindo de fininho no meio da multidão que observava a tragédia.

Eu soltei uma gargalhada maléfica e abracei o Taeyang

- Perfeito - Ouvi o grito da multidão - Está funcionando, agora vamos antes que nos descubram


Notas Finais


AAAAAAHHH Que nervoso...pqp

O que acharam? Kkk A Bia é muito filha da puta não?

◀ Sexta irei postar um capítulo e ja vou avisando que vai ser foda, então se preparem, mas não me matem▶

Solto a bomba e saio correndo gritando J-HOPEEEE 👽

BEIJOS ❤

Amu vuxessss meus bolinhos 🌈

Bye bye 😇

🌸Desculpem os erros, não tive tempo pra revisar 🌸

~Xoxo👽


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...