História My Guardian Angel - ( Namjin ) - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Namjin
Exibições 310
Palavras 1.140
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 19 - Lemon pt.2


Fanfic / Fanfiction My Guardian Angel - ( Namjin ) - Capítulo 19 - Lemon pt.2

*Início do Lemon Sadomasoquismo*

Pov Jin

Após ouvir aquelas palavras vindas da boca rosada, Na qual estava louco para beija, senti meu corpo estremecer e um ccalor tomar conta do mesmo, Nam atacou meus lábios em um beijo feroz e necessitado, nos separamos quando a falta de ar se fez presente, colamos nossas testa tentando regular nossa respiração. Depois de uns segundos com os olhos fechados, sinto as mãos geladas de Nam agarrarem minha cintura, fazendo assim um movimento rápido, o mesmo me colocou em seu colo, entrelacei minhas pernas em sei tronco e o puxei para mais um beijo, Nam se separou o beijo foi até a porta e o trancou, não sei por que, não tem ninguém aqui além de nos olhei confuso, mas logo tirei esses pensamentos de minha cabeça ao ver o maior caminhar até uma gaveta, não entendi seu ato e fui até ele, abraçando o por trás. 


-O que foi amor? Pensei que íamos...você sabe.-Disse envergonhado.


-E nos vamos amor!-Estremeci-So quero pegar uns brinquedinhos antes.-

Ok, é oficial, estou LITERALMENTE FUDIDO. ~ Pensei ~


Nam se soltou de meus braços e me levou até a cama, me fazendo sentar na mesma com cuidado, tenho de admitir, ele está bem carinhoso e cuidadoso para quem acabará de dizer que iria me punir, mas ok ne, selou nossos lábios em um beijo rápido, se separou e caminhou de volta até a cômoda, abrindo a gaveta da mesma. Pegou algumas sacolas, que não consegui identificar de qual loja eram, mais as mesmas eram bem chamativas e um tanto provocadoras. Veio até mim,colocou as coisas ao meu lado e me encarou. 


-Jin, quero que seja meu essa noite, meu por inteiro, quero brincar com seu corpo amorzinho, posso peincs?-Perguntou rouco com uma voz EXTREMAMENTE SEXY~tão sexy que até gozei sem ele ao menos ter me tocado[ok, ok, exagerei].


-P-Pode-Gaguejei um pouco, estava assustado e curioso, queria isso? Sim! Mas não sabia o que ele iria fazer.


-Perfeito amor-Sorriu malicioso-Vá até a cabeceira da cama, estique seus braços e fique de frente pra mim.-Acenti e fiz o que me foi ordenado.


Ja estava na posição que Nam havia dito, ele foi até uma sacola, abriu e de lá de dentro tirou, NAO, duas algemas

caralho, é  hoje que eu não ando ~pensei.~

Ele veio até mim com um sorriso malicioso, prende meus pulsos com uma algema, e com a outra, prendeu na cabeceira da cama. Me sentia imponente, estava totalmente indefeso, e Nam podia fazer o que quisesse com meu corpo, por que além deu ter concedido, não podia me mexer. Nam me olhou e passou sua língua em seus lábios, me fazendo estremecer. Ele novamente abriu uma das sacolas e de lá retirou, MEU SANTO YOONGI, um plug cara, não que eu não tenha usado antes, so que esse era maior. Junto ao plug tirou, G-DRAGON ME AJUDA, YOONGI DO CÉU, MEU DEUS, ele pegou um chicote, UM CHICOTE CARA, é hoje que eu não ando, nem levanto da cama pra falar a verdade. Vi ele caminhar em minha direção, estendeu uma de suas mãos e pude ver um venda~de onde o menino tirou essa venda? Do cu, so pode!, sentou ao meu lado e me olhou como se pedisse premiação, concordei com a cabeça, o mesmo me venda. Logo so encher o preto, podia apenas ouvir seus ruídos e sentir seus toques, que me levavam a loucura.


-Baby, meu baby, tão indefeso, tão delicado, tão MEU.-Corei- tão branquinho-continuou-Pena que terei de te marca todinho.-Ok, meu cu trancou nessa hora, não sei se ficava excitado com o que íamos fazer ou se broxava legal por causa do medo que estava sentindo. 


-Calma amor, não vou mentir, você foi um baby mal, e será punido de acordo, terá de aguenta princs.-Disse Nam, rouco em meu ouvido me levando a loucura.


Logo ele se afastou do meu corpo, não entendi bem, tentei me levantar mais me arrependi, fuichicotado pelo meu ato


-AIIIIII-Gritei de dor, logo recebe outra chicotada, so que um pouco mais fraca.


-Eu disse que podia se mexer ou falar?-Eleperguntou, mano, se eu não conhecesse o Nam, diria que ele é sadomasoquista, bom, ele gosta um pouco disso, então ne, FUDEU.


-ME RESPONDE!?-Gritou me dando um tapa.


-N-Não Nam.


...OUTOR TAPA...-Como é que fala baby?


-N-Nao Daddy.-Gritei com a voz um tanto chorosa, se estava doendo? Horrores! Mais a cada tapa, eu ficava mais excitado~ não, não sou sadomasoquista~.


-Muito bem baby. Quero que conte os tapas, se não irei te marca com o chicote, ok?-Concordei com a cabeça.


-1,2,3,4...67-Sim caralho, 67 tapas, meu corpo doía muito e estava todo roxo, ele dava tapas seguidos por beijos carinhosos~BIPOLAR~e calmos, ele então se afasta do meu corpo, estranho sua atitude, mais logo sinto algo frio adentrar minha entrada, gemi alto de dor, tentei conter os gemidos o máximo que podia, mordia meus lábios o mais forte que conseguia, não queria correr o risco de apanhar de novo, tentativa inválida, pois não consegui me controlar e acabei levando um tapa. Nam me penetrou por completo com o plug e ficou remexendo o mesmo no meu interior. *


-Não pode gemer amor, ainda não.-Ele disse alisando com uma de suas mãos o meu peito.


Nam movimentava o plug e eu me contorcia tentando não gemer. Sinto ele retirar o plug e se aproximar devagar. Sinto as algemas serem abertas, Nam me vira bruscamente me deixando de costas pra ela


-De quatro amor.-Falou e assim eu fiz.


Impinei minha bunda pra ele, o mesmo deu um tapa nela, não conseguia ver, mais tinha certeza de que não encarava minha entrada, pois o mesmo gemia enquanto se masturbava. Senti Nam aumentar meu interior com força e fundo, me fazendo arquear as costas e abrir a boca em um grito mudo. Nam me estocava rapido e com muita força, sentia meu interior se rasgando, minhas pernas JA estavam bambas, e eu quase estava desmaiando, era dor e prazer, tudo junto, combinaçao perfeita. Nam começou a me chicotear e gemer meu nome alto, enquanto eu me matava tentando não gemer. 

 

-G-Geme pra m-mim amor.-Ele pediu.


Soltei diversos gritos e gemidos. Estávamos loucos, tomados pelo prazer. Nam começou a masturba meu membro que pulsava pedindo atenção. Me estocava forte e rapido, fazia os mesmo movimentos com a mão esquerda em meu membro, enquanto a outra apertava e puxava minha cintura de encontro ao seu membro. Depois de várias estocadas fundas, me desfaço em sua mão, e Nam dentro de mim, deu mais três estocadas para prolongar o orgasmos. Logo caímos deitados na cama, estávamos com as respirações de descontroladas, ambos cansados, e eu? ARROMBADO! DOLORIDO! MORTO! Nam tira minha venda e me puxa para deitar em seu peito. *

   Final do Lemon


-Amei.-Ele disse controlando sua respiração.


-T-Também.-Disse com dificuldade, estava cansado e respirando rápido, muito, MAIS MUITO DOLORIDO, amanhã não ando com certeza.


*Ficamos assim, eu deitado no peito de Nam e o mesmo acariciava meus cabelos, até ambos dormirem. *


Notas Finais


Olá desculpe pela hora, mas pelo menos postei, se esse lemon foi pesado? Magina🌚
Até o próximo cap 💞

_______________________________________

Créditos: Sassahkook
Nome de sua fic: Meu Namorado Jungkook


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...