História My happy pill - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Min Yoongi, Namjin, Park Jimin, Suga, Yoonmin
Exibições 81
Palavras 1.048
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hello meus friends, voltei e desa vez com uma fanfic, espero que dê tudo certo porque eu sofro de bloqueio mental, massss vamos ver no que dá. Espero que gostem, boa leitura e até as notas finais~

Capítulo 1 - Luzes magenta



Eu estava na sala da faculdade, sentado ao lado do meu melhor amigo, Taehyung, que mexia no celular e não dava a mínima para o que o professor falava, afinal, os pais dele eram ricos e pagavam a faculdade pro garoto, ao contrário de mim, que era bolsista e precisava de notas boas para poder continuar a ter o direito de frequentar aquela faculdade.
-Jimin! -Tae sussurrou meu nome e eu o olhei- Olha o que eu recebi- Ele falava em um tom animado e me mostrou uma foto no seu celular.
       
                                                                      "Nova balada a ser inaugurada hoje! Não perca!"
 

O olhei com uma sobrancelha arqueada, já sabendo aonde essa conversa iria parar. 
-Aaah Jimin, por favor, vamos!- Ele implorava, e só faltou se ajoelhar no chão da sala.
-Tae, hoje é terça, amanhã tem aula! A gente não pode ficar indo pra baladas no meio da semana.- Tentei explicar para ele o quanto seria difícil eu acordar cedo amanhã para vir pra faculdade, mas parece que nada adiantava e no fim, cedi. Ele me abraçou e o professor nos olhou.
-Algum problema Sr.Park e Sr. Kim? -nos olhava por cima dos óculos, segurando uma caneta na mão direita.
-Nenhum, professor! -Tae me soltou, deu seu sorriso quadrado e o professor voltou a escrever no quadro.
-Ai Taehyung, você tem que me agradecer comprando uma bebida pra mim lá- o olhei sorrindo
-Fechado! -sorriu de volta 

Taehyung era uma pessoa fantástica, mas você tinha que ter muita paciência com ele, como eu, que já o matei milhares de vezes mentalmente por me fazer pagar os maiores micos possíveis.

A aula terminou, e quando eu e Tae saíamos da sala, o professor me chamou.
-Sr.Park, podemos conversar? -ele perguntou já sentado em sua cadeira. Assenti com a cabeça, pedi que Tae fosse ao refeitório sozinho e eu iria depois. Taehyung saiu e eu me sentei na cadeira a frente da mesa do professor.
-Sabe, Park Jimin, você é um aluno muito bom-ele começou- mas deve tomar cuidado com quem anda. Kim Taehyung é um bom rapaz, mas não é uma boa companhia pra você, e você sabe disso, já que ele só pensa em festejar e muitas vezes você é contra.

Como ele sabia o que acontecia dentro da nossa amizade? 

-Eu sei, Professor Hoseok, mas Tae é meu amigo desde que éramos muito pequenos, minha mãe trabalhava na casa dele e eu sempre ia lá. Ele consegue o que quer apenas com o dinheiro e o poder que a família dele tem, mas é um grande amigo e uma das pessoas mais importantes que eu tenho na minha vida. Eu agradeço o conselho, mas tenho que ir. -falei enquanto me levantava da cadeira, Hoseok assentiu com a cabeça e eu saí. 

Fui para o refeitório, era hora do almoço e minha barriga roncava. De longe já pude ver meus amigos: Tae comia e ria de alguma coisa que Jungkook falava e Namjoon estava sorrindo enquanto escrevia alguma coisa no celular. Namjoon estava do lado de Tae, enquanto Jungkook estava na frente dele. Cheguei na mesa e me sentei ao lado de Kookie e na frente de Nam.

-O que olha sorrindo aí, Namjoon? -falei enquanto roubava um bolinho de arroz do prato de Jungkook, fazendo o mesmo protestar.

-Jin está mandando umas fotos da viagem, olha- ele me entregou o celular e olhei as fotos, passando uma por uma. Jin era nosso colega e namorado de Namjoon, ele estava fazendo uma viagem pela Europa e pelo visto já sentia saudade de casa.
-As fotos ficaram ótimas-sorri e devolvi o celular para Namjoon que voltou a falar com o namorado.
-Ouvi falar de uma festa de inauguração de uma boate hoje, vamos, né? -perguntou Jungkook e eu assenti com a cabeça, fazendo ele e Tae festejarem. Ri dos dois.

Mais tarde, depois da faculdade, eu já estava em casa pensando seriamente se eu iria ou não naquela festa. Eu estava morto de cansaço. Estava deitado no sofá assistindo a um filme qualquer quando meu celular apitou, peguei-o do chão, onde ele tinha caído mais cedo e abri o Kakao, onde tinha uma mensagem de Taehyung.
 

Tae: sei que você deve tá pensando seriamente em não ir né? Passo aí pra te buscar as 22 horas. Beijo na bunda :*
 

Eu: você me conhece bem mesmo né?  Tudo bem, eu te espero.
 

Saí do Kakao, fui até meu quarto, coloquei o celular para carregar e fui tomar um banho. Lavei-me e lavei também minha cabeça, me sequei, coloquei uma toalha enrolada na cintura e saí do banheiro. Entrei no closet, peguei uma cueca, uma calça preta, uma jaqueta de couro e uma blusa branca. Coloquei minha roupa e vesti meu coturno também preto. Entrei novamente no banheiro, pendurei a toalha e penteei meu cabelo, escovei os dentes e coloquei um perfume. Pronto. Agora só falta esperar Taehyung chegar. 
Peguei meu celular e olhei as horas, 22:03, Tae logo deve chegar. Sentei na cama, respondi algumas mensagens no Kakao e ouvi uma buzina na frente de casa. Peguei minha carteira, fechei a porta de casa e entrei no carro de Taehyung. Dentro do carro também estavam Namjoon e Jungkook.
Demorou cerca de 15 minutos até chegarmos na nova balada, ela estava com uma fila enorme na entrada, mas graças a Tae e seus contatos, tínhamos nossos nomes na lista, então entramos fácil.

Lá dentro era incrível, cheio de espelhos e luzes que deixavam o lugar com um tom magenta. Sentei-me numa poltrona perto do bar enquanto tomava um copo de whisky e conversava com Jungkook. 
Depois de uns 5 minutos, percebi alguém no bar me encarando. Olhei em direção ao mesmo e MINHA NOSSA! Nunca vi homem mais bonito que esse. Um homem que aparentava ter o meu tamanho, um pouco mais velho, talvez uns 2 ou 3 anos, tinha a pele branquinha e os cabelos no tom de um verde claro, e este lembrava meu sorvete favorito. Ele sorriu pra mim e indicou com a cabeça para que eu me aproximasse. E eu senti um arrepio percorrer minha espinha. Um arrepio muito bom.
Eu tinha total noção da minha homossexualidade, mas eu nunca senti essa sensação antes. Eu precisava de uma pílula da felicidade, será que a minha era ele?
 


Notas Finais


midisgurpemqualquererro porque eu tentei um puta tempo tentar enviar esse capítulo pelo celular, mas não tava indo então tive que fazer uns paranauê pra enviar pelo pc. Espero que tenham gostado, e se gostaram compartilhem com os friends, porque quanto mais gente ler, melhor. Beijocas <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...