História My Hope - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags J-hope
Visualizações 20
Palavras 976
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem, me desculpem pelos erros desde já e boa leitura sz

Capítulo 8 - Ah, my new mother? Pt. 1


Fanfic / Fanfiction My Hope - Capítulo 8 - Ah, my new mother? Pt. 1


Ele me pega no colo com não muito cuidado e me coloca no banco de tras do carro me levando até o hospital 


>>>>>>>>..........>>>>>>>>


Chegando lá me levaram até uma sala de atendimento e me colocaram sobre uma cama 


Minutos depois alguns enfermeiros chegam pra olhar a minha situação, a essa altura eu já estava com alguns ematomas pelo corpo e um pouco fraca por conta da queda


Enfermeira: moça, você terá que ficar de repouso durante alguns dias porem na sua casa. Como não foi tão grave já pode ir, quer que chame o seu namorado? 


- sra. Enfermeira, ele não é meu namorado, mas por favor chame-o 


Assim ela fez saiu e em pouco tempo Hoseok entra no quarto me olhando com um olhar confuso 


Hoseok: oque foi? 


- você tem que me carregar! 


Hoseok: brincadeira né? 


- Não mandei ficar bravo a toa e ficar correndo atras de mim que nem pateta


Hoseok: olha, eu só tava preocupado ok?! Agora vamos 


Ele me pega no colo e me leva até o carro me colocando no banco da frente 

Durante o caminho o silencio tomou conta do lugar, ficou um clima meio constrangedor, mas isso já era costume


Chegando na mansão ele fez oque teria que fazer, me tirou do carro e me levou até o quarto. Eu não estava aleijada pra ele ficar me carregando assim de um lado para o outro mas eu estava com o corpo dolorido, mal podia mexer os braços que já doia 


 ruim seria na hora de tomar banho, me levantei com muito cuidado me segurando pelas paredes até chegar no banheiro

Com muita difilcudade tomei uma ducha rapida e vesti minha simples camisola que ficava dentro do banheiro e logo depois voltei para a minha querida cama, mas antes de dormir eu tinha que avisar o Jin que não iria sair com ele, peguei meu celular e comecei a digitar


- jin? Aqui é a s/n. Só estou mandando essa breve mensagem pra avisar que Não iriei sair com você amanhã. Boa noite! (22:15hrs) 


Jin: aconteceu algo ou não quer sair? (22:17hrs) 


- pelo contrario, eu sofri um pequeno acidente, entende? (22:20hrs) 


Jin: ah sim, Então posso lhe visitar? (22:22hrs) 


- pode sim, estarei esperando, até amanhã! (22:24hrs) 


Bloqueei a tela do celular 


E hoseok onde estava? 

Por que ainda me importo? Ora essa.. 


aconcheguei a cabeça e dormi 


>>>> dia seguinte>>>>


POV'S HOSEOK 


Eu lá estava eu, deitado em minha cama com uma breve ressaca, sim eu sai durante a noite. Enchi a cara como de costume, e fiz coisas que todo jovem faz em uma festa e por ai vai


09:30 da manhã 

A campainha toca e me levanto pra ver de quem se tratava

Por conta da ressaca eu estava andando perambulando pela casa até chegar a porta 

Abrindo a mesma


- jin? Oque faz aqui? A essa hora? 


Jin: isso são modos de receber me receber? Aigoo, bom dia pra você tbm! 


- Aish, entra logo e bom dia


Jin: ahh hoseok. Andou bebendo de novo? Que bafo horrivel


- ah querido amigo. Eu tenho que desfrutar dos bens da vida enquanto estou novo


Jin: e vai morrer cedo


- Aigoo. Então, oque quer falar comigo? 


Jin: não vim falar com você, vim ver como s/n está


- oquê? Como assim? 


Jin: problema? 


- Não! nenhum.


Jin: que bom, pode chama-la pra mim? 


- claro. Espere um instante 


Me direcionei ao quarto e sentei ao lado do corpo de s/n 


- s/n? Acorda


Falo cutucando ela 

E nada dela acordar 


Porém parecia um anjo dormindo


- s/n! 


Dorme igual uma pedra, credo


- s/n porra!!  


Falei alto puxando sua coberta 


Então ela acordou 


Porém me arrependi de ter puxado sua coberta


Ela estava vestindo uma camisola, vamos dizer meio curta, mas ela se remexeu enquanto dormia certo? E a camisola não a cobriu. Então pude olhar o corpo da mesma por questão de segundos e corar durante esse tempo 


Ao se deparar com a situação que ela estava arregalou os olhos e puxou as cobertas de volta


S/n: oque diabos pensa que tá fazendo? 


- eu vim te acordar


S/n: pra quê? 


- jin veio te visitar sua birrenta


S/n: ah bom, obrigada


Sai do quarto e fui a cozinha e chamei jin para vir comigo 


Sentamos a bancada e tomamos uma xicara de café 


- Então como e onde se conheceram? 


Jin: Por que a curiosidade? 


- apenas quero saber 


Jin: está bem, ontem no parque, sentei ao lado dela, conversamos e passamos a tarde juntos


- como assim a parte da tarde juntos? Ficou com ela? 


Jin: não seu bobo. Resumindo. Passamos a tarde juntos conversando no parque. Só isso! 


- ah bom


Jin: então, cadê ela? 


- deve estar se arrumando, daqui a pouco deve descer, falar em descer, droga, ela não pode fazer esforço pra descer


Jin: olha. Já que a arrumadeira está ocupada demais e o café da manhã está pronto, irei preparar uma bandeja e levar o café pra ela


Assim que terminou de falar se levantou e vasculhou os armarios da cozinha atras de uma bandeja até achar uma 


Arrumou algumas coisas na bandeja e subiu com ela e na cozinha fiquei


POV'S S/N 


Eu lá estava eu, sentada a beira da cama penteado o cabelo, sim eu já tinha tomado banho e etc... coloquei uma roupa qualquer e por ai vai...


A porta estava aberta, eu já estava arrumava então não tinha tal necessidade de fechar a porta 


Olhei pra porta e tomei um leve susto por ver jin na porta com uma bandeja de café da manhã 


- por que trouxe o café aqui? 


Jin: hoseok disse que não podia descer sozinha então resolvi logo trazer o seu café pra não medir esforços 


- não precisava se incomodar, e não estou com fome


Jin: nananinanão! Pode comer, não pode ficar de estômago vazio


- minha mãe te contratou foi? Eu hein, ninguém merece


Continua......


(Parei pq acho que ficou grande até mais do que eu queria) 2 bj 
























Notas Finais


Talvez esse seja o último cp desse mês então 2 bj sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...