História "My imperius boss" 2° Temporada(Imagine Jay Park) - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias GRAY, Jay Park, Kim Hyun-Jung "Hoody", LOCO, Simon D., Zico
Personagens GRAY, Jay Park, LOCO, Personagens Originais, Simon Dominic, Zico
Tags ~motijae, Aomg, Bias, Imagine Jay Park, Jay Park, Você
Visualizações 1.023
Palavras 2.232
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 18 - "Amigos de infância"


Fanfic / Fanfiction "My imperius boss" 2° Temporada(Imagine Jay Park) - Capítulo 18 - "Amigos de infância"

- Ninguém chorou até agora....- só foi ele falar que a Yumi começou a chorar.

- Jay...- fiz bico e ele beijou.

- Deixa que eu vou.

Ele saiu do quarto, tentei dormir mas o Jung começou a chorar. Me levantei e vestir uma blusa.

- Aish...que bom que você veio - falou ao me ver. Peguei o Jung e dei peito pra ele.

Jay colocou a Yumi do berço e sentou ao meu lado.

- Ele parece comigo- falou.

- Sério? Todos se parecem com você!

Ele ficou fazendo carinho na cabeça do Jung, enquanto o mesmo amava em meu peito.

Quando ele dormiu eu coloquei ele no berço.

- Tem como se apaixonar todos os dias?- me abraçou.

- Não sei...- descemos as escadas e fomos pra cozinha.

- O que vai comer?- perguntou.

- Você...- falei rindo.

- É mas fácil eu comer você - veio até mim e me beijou, me ergueu e me colocou em cima do balcão e ficou entre minhas pernas, beijou meu pescoço e desceu os beijos até meu colo.

- Cof cof Cof - ajumma entrou na cozinha.

- Ajumma...- ele riu sapeca.

- Vão fazer isso em outro lugar - ele me desceu do balcão e se afastou.

- Fazer o que?- perguntou.

- Fazer o que! O que estão fazendo a essa hora?

- Os meninos acordaram.

- Eu vir comer...- abri a geladeira e peguei um pedaço de bolo, sentei na cadeira e comecei a comer, eu o provocava e ele riu de lado.

- Esse bolo foi a MiCha que trouxe - ajumma colocou leite no copo.

- Tá muito gostoso - olhei pro Jay.

- Deixe-me provar - se aproximou, peguei um pedaço e dei pra ele - gostosa..- sussurrou no meu ouvido.

- Gostou ? - ajumma perguntou.

- Sim! Muito bom..- ajumma estava de costas, ele aproveitou e desceu a mão até minha intimidade.

- Vou pergunta a receita..- ele tirou a mão.

- Pergunta...- ele saiu da cozinha e eu fiquei comendo.

- Vou dormir - colocou o copo na pia e saiu.

Depois de alguns minutos o Jay voltou.

- Come logo - falou pegando um pedaço.

- Sai! Pega o seu!

- Não, vou ter que lavar depois.

Terminei, coloquei o prato na pia, bebi água e subi junto com ele.

Deitamos e ficamos conversando.

- Tô com sono...- me virei de costas pra ele. Ele enlaçou seu braço na minha cintura, entrelaçamos nossas mãos.

~ Dia seguinte ~

- ACORDA! - alguém gritou e puxou o edredom, sorte que eu estava de blusa.

- Vai se fuder! - Jay puxou o edredom novamente.

Abri os olhos com um pouco de dificuldade por causa da luz, olhei para ele e era até bonito.

- Cara acorda!

- Dean! - sentou na cama- porra! - o tal de Dean se jogou na cama.

- Faz tempo em!

- 15 anos...esse é meu amigo de infância - me olhou e se levantou, sem se importar se estava sem roupa.

- Prazer Dean...- sorriu.

- Sou (S/n)...- me levantei, peguei meu celular e olhei pra ele - fica a vontade - sai do quarto e fui almoçar.

Jay P.O.V

- Cara...que vida boa que em.

- Você também, olha suas roupas, seu celular.

- Sua esposa.

- O que que tem?- vesti uma blusa.

- Nada.

- Agora fala! - falei vestindo um shorts.

- Ela é muita gostosa - riu.

- Eu sei...- sorri.

- Não foi minha intenção, mas vi a polpa da bunda dela..- falou rindo.

- Tira o olho! - o empurrei - vai ficar aqui quanto tempo?

- Amanhã eu vou embora.

- Já?

- Sim, só vim ver seus bebês, o Gray me ligou e disse.

(S/n) P.O.V

Estava deitada no sofá e os dois desceram conversando, o Jay deu um soco no braço do Dean.

- Amor...- deitou em cima de mim.

- Aí...- resmunguei - estou sem calcinha...- falei baixo.

- Qual problema?- mordeu meu lóbulo.

- Jay Park...seu amigo está aqui..- tentei o empurra-lo.

- Dean não liga...- colocou sua mão por dentro da minha blusa, e acariciou meu mamilo.

- Jay...- tirei sua mão.

- Casal vou ter que sair, não façam bagunça! - ajumma nos olhos e saiu.

- Jay posso comer...- Dean foi interrompido.

- Pode...

Dean me olhou antes de volta pra cozinha.

- Ele te achou gostosa - apertou minha coxa - então poderíamos fazer um threesome...- riu.

- Eu topo! - falei e ele me olhou sério.

- Não! Não topa nada...

- Porque não?

- Você é casada!

- Você que deu a ideia!

- Foi apenas uma brincadeira!

- Não tem coragem?- perguntei me movendo embaixo dele.

- Tenho...

- Com os outros você tem ciúmes, o com o Dean não!

- Nos ficávamos com as mesmas garotas - falou se levantando.

- Nossa...- sentei em seu colo.

- O que?

- Porque não me dividi com o Gray, Simon, Loco, Smith e o Ayato também?- lhe dei um selinho, mordendo seu lábio inferior e puxando.

- Porque não! Com o Ayato muito menos, porque você gosta dele...- me ajeitou em seu colo, arfou apertando minha cintura - rebola um pouco - fiz o que ele pediu, ele me beijou e penetrou a língua na minha boca.

- Como se chama isso?- nos separamos e olhamos pra ele.

- Meu brigadeiro! - me levantei e fui pegar a colher da mão dele - nem o Jay Park pode comer! - comi o brigadeiro que tinha na colher.

- Nossa...era muito bom...!

- Foda-se...é meu! - entrei na cozinha e guardei o prato na geladeira.

Jay P.O.V

- Que brava..

- Ela tá de TPM - coloquei a almofada no colo.

- Não tá não - riu.

- Como sabe?

- Só tô falando...- riu - tá excitado?

- Não- comecei a rir.

- Para caralho! Te conheço...- puxou a almofada - ela te faz ficar assim em segundos.

- Ela pode te fazer fica assim em segundos também ! - falei e ele riu.

A (S/n) apareceu na sala e subiu as escadas.

- Acho que ela ficou irritada - Dean olhou ela subir.

- Para de olhar ela assim !

- Assim como? - deu uma gargalhada.

- Como se quisesse foder ela.

- Mas eu quero!

- Nunca...

- Tem ciúmes?

- De você não - me levantei.

(S/n) P.O.V

Peguei a Yumi e o DongYul e fui pro quarto, coloquei eles na cama, peguei alguns brinquedos e sentei.

- Dean não fez por mal...- fechou a porta.

- Eu sei...- o olhei.

- Então...por que veio pra cá?- deitou e me puxou pra cima dele.

- Estava sem calcinha...- falei e ele me puxou, começamos com um beijo calmo, até que foi ficando quente, mas nos separamos por falta de ar.

- Gostou do Dean?- me deu um selinho.

- Normal...- sorri.

- Fala a verdade...

- Mas é! - ele me olhou e apertou minha bunda - aí!

- Fala!

- Achei ele bonito, gostoso talvez..

- Talvez?

- Sim...

- Porque talvez?

- Porque é você, Gray, Simon, Loco, Smith e agora o Dean.

- O que tem?

- Na lista dos mais gostosos...

- Eu primeiro?- sorriu.

- Não é o Dean! - falei irônica. Tentei me levantar mas ele não deixou.

- Nossa, então é assim? Vai lá vê se ele te fode tão bem quanto eu...

- Você não deixa.

- Deixo, mas comigo junto - me soltou, levantei e peguei os bebês e fui pro quarto deles.

O DongYul já estava dormindo, fiquei com a Yumi por um tempo, mas ela não dormia, coloquei o peito pra fora e dei pra ela.

- Posso entrar?- Dean perguntou.

- Pode...- olhei pra ele.

- Como se chamam?

- DongYul, Minho, Bae,Jung e Yumi...- falei.

- Parecem com o Jay- sorriu olhando pro Bae.

- Sim...a Yumi não é tão parecida com ele - ele se aproximou e sentou do meu lado. Olha soltou meu peito e olhou pra ele, ele olhou pro meu peito e deixou pra Yumi - quer pegar?- perguntei.

- Que? Pegar o que? - me olhou eu ri e dei a Yumi pra ele.

- Gostou dos quíntuplos?- Jay apareceu no quarto.

- Uhum... são iguais a você!

Eu ri pro Jay e ele veio até mim, me agarrou por trás e olhou pro Dean.

- Ela não parece muito comigo...- falou roçando seu pênis na minha bunda.

- Vou pra sala - me separei dele e desci as escadas.

Fui na cozinha, abri a tv e peguei o brigadeiro, deitei no sofá e coloquei o prato em cima na minha barriga, comecei a comer. Coloquei em um filme, que era 18.

(...)

Estávamos terminado o brigadeiro, quando o Jay chegou com o Dean.

- Vamos...ele já está aqui - falou.

- O que? - Dean perguntou sem entender.

- Nada...- riu.

Me levantei e fui até a cozinha, deixei o prato em cima da mesa e voltei pra sala.

- Ajumma..?- perguntei indo até o Jay.

- Vai voltar só amanhã...- ele sentou no sofá e ficou olhando pra mim.

- Vou ir tomar banho - Dean falou.

- Espera - me aproximei e o beijei, ele não correspondeu - vamos lá...

- Tá louca? - segurou meus braços.

- Você não queria a foder?- perguntou rindo.

- Contou pra ela?

- Ei...vai me ignorar mesmo?- perguntei.

- Jay Park....- o olhou.

- Relaxa cara...- Dean apenas balançou a cabeça negativamente e sentou no sofá.

- Vai me ignorar?! - perguntei - e agora ainda vai me ignorar?- tirei minha blusa e ele me olhou, mordeu os lábios e sorriu.

- Tão gostosa...- Jay falou.

Fui até o Dean e sentei em seu colo, ele agarrou meus peitos e apertou de leve. O Jay tirou a calça e ficou acariciando seu pênis coberto.

Tirei minha calcinha e ele tirou a calça junto com a cueca, seu pênis estava duro, fiquei de costas pra ele e sentei em seu colo, ele arfou e me puxou pra perto.

O Jay tirou a cueca boxer e começou a estimular seu pênis.

Dean começou a me estocar com força, agarrou meus peitos e ficou massageando.

Jay se levantou e ficou de frente pra mim.

- Me chupar amo...- pediu.

Segurei seu pênis e comecei a fazer movimentos de vai e vem lentamente. Depois passei a língua por sua glande inchada e vermelhinha.

- Aaah...- Dean gemeu indo com mas força.

Abocanhei o pênis do meu marido, ele segurou minha cabeça e fez seu pênis tocar minha garganta, meus olhos encheram de lágrimas.

- Ooh Jagiya - gemeu segurando meu cabelo.

- Vou gozar...- Dean falou.

- Não cara... satisfaça minha (S/n)...- Jay falou ofegante.

Tirou seu pênis da minha boca.

- Vamos pro quarto...- Jay sugeriu.

Subimos pro quarto de hóspedes, Dean deitou, colocou a camisinha. Eu fiquei pro cima, ele entrou em mim devagar e começou com movimentos lentos. Jay veio atrás de mim e colocou a cabeça do seu pênis na minha bunda, senti sua glande entra em mim aos poucos, enquanto Dean me fudia com força. Jay entrou por completo em mim.

- Aaaah..- gemi de dor e prazer aos menos tempo.

- Goza para o meu amigo sentir seu gosto...- beijou meu ombro.

- Ooh...- Dean gozou, logo em seguida o Jay e por último eu.

Jay saiu de dentro de mim e me puxou para beija-lo. Dean ficou deitado recuperando sua respiração.

- Minha...entendeu?- sussurrou.

Ele me soltou e deitou na cama.

- Aí porra! - Dean falou.

- Que?- Jay riu.

Me levantei e fui no banheiro, voltei e eles estavam conversando.

- Vem aqui Jagiya...- me puxou pra cama.

Abri minhas pernas e colocou os dedos.

- Jay...acabei de ter o primeiro orgasmo...- falei.

- Vamos lá...não seja mal educada com o nosso convidado - falou saindo de perto.

O Dean me olhou e passou a mão na minha intimidade. Seus toques não tinham o efeito dos toques do Jay.

- Posso?- me olhou.

- Uhum...- abri minhas pernas e ele começou a me chupar - Hmmm...- olhei pro Jay e ele começou a se masturba.

Dean aumentou as sugadas, colocou dois dedos, seus movimentos eram circulares, enquanto movia seus dedos, sua língua brincava com meu clitóris. Senti minha parede se contrair, cravei minhas unhas em suas costas.

- Aah...- gemei.

Vi que o Jay estava preste a gozar, sua glande estava molhadinha pelo pré-gozo. Abri minha boca e ele entendeu. Se levantou e colocou seu pênis na minha boca, comecei a chupa-lo com força e rápido, até que ele gozou na minha boca, engoli sem hesitar.

- Aah...- me desfiz. Dean sugou todo meu líquido, deu um selinho na minha intimidade e deitou. Fiquei sentando enquanto minha respiração não voltava ao normal.

- Se vesti - Jay jogou a blusa dele pra mim, vestir a blusa e arrumei o cabelo. 

- Vou dormir...tchau Dean! - sai do quarto e fui pro quarto do Jay. Tirei a blusa e fui tomar banho. 

Quando sai o Jay estava na cama, mexendo no celular. 

- Não tô acreditando que eu deixei- falou deixando o celular de lado.

- Também não...- tirei a toalha e sentei em seu colo. Começamos a nos beijar, ele deitou e me puxou pra deitar em cima dele. Voltamos a nos beijar, ele abriu as pernas e eu me arrumei direito, o beijo estava maravilhoso, mas a falta de ar contou o beijo. 

- Primeira e última vez - me deu um selinho. 

- Ele é gostoso! - falei indo pro meu lugar.

- Sou mais...- se levantou e entrou no banheiro. 

          ~ Dia seguinte ~

- Amor...Dean está indo embora - me chamou.

- Me deixa dormir! 

- Entra...ela não vai acordar nem tão cedo.

- Tchau (S/n) ! - abri meus olhos e o olhei.

- Tchau Dean! 

......





Notas Finais


Desculpe pelo capítulo sem graça...beijo #morrendodesono.

Ainda é quarta-feira... Meu pai!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...