História My lady - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Tags Romance
Exibições 73
Palavras 1.940
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá meus unicórnios 🦄
Me desculpem pela demora 😬
Eu estava nas últimas provas e não tive tempo para escrever a fanfic...Bom tá aí o capítulo, espero que gostem

Capítulo 16 - O Esquecido


Fanfic / Fanfiction My lady - Capítulo 16 - O Esquecido

Vídeo on:

        MASTER CHEFE FRANÇA

-Estamos na reta final do nosso campeonato! -Disse o apresentador-Só sobraram 3 participantes. Diane Blanche, Adam Beaumont e Jean Chermont! (Todos aplaudem) Nossos 3 participantes teriam que fazer uma sobremesa com fruta! Eles têm uma hora, começando...AGORA!

Os 3 participantes vão para suas mesas e começam a fazer suas sobremesas. Um participante sem querer derruba a casca de banana que estava descascando na frente de sua mesa, que era a primeira.

Depois de alguns minutos...

-Vocês só tem mais 1 minuto! -Eles terminam de enfeitar duas sobremesas- 5,4,3,2,1! -Todos levantam as mãos e vão para frente.

-Ok agora nossos jurados iram experimentar os pratos. Primeiro,  Diane Blanche!- A mulher se aproxima com uma torta de abacaxi, e coloca a travessa na mesa dos jurados que pegaram um pedaço.

-Então... eu preparei uma torta de abacaxi com granola. -Ela disse meio nervosa.

Primeiro jurado: Bom...eu acho que se você tivesse esquentado ficaria mais gustativo, com mais sabor, mas eu gostei do efeito da granola no sabor.

Segunda jurada: Eu adorei o gosto do abacaxi! Quando senti o gosto da granola então...Parabéns o abacaxi ficou no ponto.

Terceiro jurado: Eu acho que você exagerou na granola, acho que a intenção da granola era mais para enfeitar do que para comer, mas o abacaxi estava bom.

-Obrigada.-Diane tira à travessa da mesa e volta para onde estava.

-Próximo participante , Adam Beaumont! 

-Eu fiz ,um bolinho de banana com aveia e mel.

Primeiro jurado: eu acho que você exagerou muito no mel, eu quase não senti o gosto da aveia.

Segundo jurado: eu adorei o gosto que a banana e o mel deram, só acho que você podia ter colocado só um pouco mais de aveia.

Terceiro jurado: Isso não é banana com mel, isso é mel com aroma de banana! Fala sério você quer nos deixar diabéticos? Bom pelo menos a banana ficou boa.

-Obrigado.-Ele disse tirando seu prato.

-Último participante...Jean Chermont!-Ele se aproxima e coloca o prato sobre a mesa.

-Então eu preparei uma cartola de banana e queijo, com canela.


Primeiro jurado: Bom...eu acho que você exagerou um pouco na canela, mas o resto está bom.

Segundo jurado: O queijo está um pouco invisível.

Terceiro jurado: Está uma merda! A massa está mal preparada e eu só consigo sentir o gosto da canela. Minha avó faz uma comida melhor que essa! E ela nem cozinha! Você deveria sentir vergonha! Saí da minha  frente! 

-Sim chefe... -Ele disse pegando seu prato e indo para trás, quando estava andando tropeça na casaca de banana que havia no chão fazendo assim seu prato cair nele e nos jurados.

-VOCÊ TÁ DE BRINCADEIRA COMIGO?! VAI SE FERRAR!

-Me desculpe chefe...

-CALE A BOCA!

-Sim chefe...

-EU DISSE CALE A BOCA!

-Sim...-Ele disse mas parou a perceber a carranca do jurado.

-Saia logo daqui!

-O-Ok-Quando ele foi sair ele tropeça em sua comida e o prato do segundo participante cai sobre eles.

-Opa...-Ele disse com um sorriso fraco e vermelho.


              VÍDEO OFF:

O Adrian começou a rir.

-Adrian...tadinho, Não ri dele! -Eu disse tentando segurar umas risadas.

-Ah qualé Mari -Ele disse rindo. -Até você está rindo.

-Mas não é legal ri dele.

-Mas é engraçado ué. -Ele disse rindo.

-Ta bom... é melhor irmos, já está ficando tarde.

-Tem razão -Ele disse olhando para o céu, nós arrumamos tudo que tínhamos usado, Adrian ligou para o seu motorista que chegou 5 minutos depois -Vamos?

-Vamos. -Eu disse e nós fomos até o carro.

NO PARQUE:

Jean estava sentado em um banco do parque de cabeça abaixada vendo o vídeo com raiva.

-Droga! Faz 5 horas que fui eliminado e todos já assistiram o vídeo. Que desastre! Eu queria que todos se esquecessem do que aconteceu! Pelo menos nas últimas 5 horas...

Um akuma aparece e pousa em seu celular que passava o vídeo, aparecendo uma voz em sua cabeça.

-Eu sou hank mofh, eu vou te dar o poder de apagar a memória das pessoas nas últimas 5 horas, mas eu não faço esse favor de graça, você terá que me trazer os miraculous da Ladybug e do Chat Noir.

-Sim hank mofh! -ele disse se transformando e dando um sorrisinho maligno.

NA LIMUSINE:

Quando o motorista dele parou em frente a minha casa, Adrian e eu descemos e ficamos conversando.

-Bom, obrigada mais uma vez pelo piquenique, e por não ter ficado bravo...

-Eu não ficaria bravo com você Mari, eu só estava bravo com...-Ele disse abaixando a cabeça -Nada não.

-Diga Adrian.

-Não é nada, relaxa Mari!

-Ok...Bom, até amanhã! -Eu disse dando um beijo em sua bochecha.

-A-Até amanhã... -Ele disse com um sorrisinho e levemente vermelho, ai... ele tava tão fofo e... Enfim voltando, Eu entrei em casa e passei pela cozinha para pegar uns cookies para a Tikki e um chocolate quente para mim, subi para o meu quarto e fiquei conversando com a Tikki em cima da minha cama, como estava muito frio, fiquei debaixo das cobertas.

-Que bom que você e o Adrian estão bem. -Tikki disse animada enquanto terminava de comer seu cookie.

-Ainda bem... -Eu disse sorrindo.

-Eu só não entendo porque vocês enrolam tanto.

-Enrolam com o que Tikki? -Eu perguntei dando um gole em meu chocolate quente.

-Com o namoro de vocês ué. -Ela disse e eu engasguei.

-O-O QUE?! N-Não é nada disso...-Eu disse vermelha.

-Sei...você não precisa sentir vergonha Mari, é normal as pessoas namorarem.

-Eu sei que é normal, mas eu e o Adrian não namoramos!

-Mas você queria...

-Eu...Bom, sim...eu adoraria...NÃO! -Eu disse nervosa enquanto Tikki ria. 

-Mari...você não tem que mentir para mim, eu te conheço, e sei que está louca esperando o Adrian te pedir em namoro. Além disso não estraga meu shipp mulher! -Ela disse sorrindo e eu abaixei a cabeça de tanto vermelha que estava. Ouvi um barulho como se fosse uma explosão.

-O que foi isso?!

-Não sei...mas acho que a ladybug prefere resolver isso. -Ela me olhou e eu sorri.

-TIKKI TRANSFORMAR! -Eu me transformei e saí do meu quarto, fiquei escondida em cima de um prédio.

-My lady... -Chat disse atrás de mim e eu levei um susto. Arg! por que ele fica fazendo isso?

-Chat! -Eu disse repreendendo-o. -Que susto seu gato idiota.

-Eu não sou um gato idiota, sou o seu gato idiota. -Ele disse tentando me seduzir.

-Deve ser sim...-eu disse sarcástica.

-Descobriu quem é o akuma? 

-Não faço ideia...-Eu disse e chat sentou do meu lado se escondendo e olhando o Akuma.

-Então...tem algum plano?

-Meu querido eu acabei de chegar. -Eu disse o olhando ficando um pouco irritada.

-Bom se é assim...-Chat disse se levantando e descendo do prédio.

-Espera! Onde você vai?!

-Derrotar o akuma ué. -Ele falou pulando até o akuma.

-Aquele gato... -Eu disse pegando meu yoyo e o seguindo.

Chegamos um pouco atrás do akumatizado que jogava raios nas pessoas aleatoriamente. Eu e Chat não fazíamos ideia do que era aquele raio.

-Bom, portanto que eu não vire uma criança de novo... -Chat disse rindo.

-Acho que seria até melhor, você era mais fofo. -eu disse rindo também.

-Lady, olha lá! -ele apontou para uma pessoa que seria acertada pelo raio. Chat jogou seu bastão no braço do akuma fazendo o mesmo errar o alvo e acertar um carro.

-Você está bem? -ele perguntou para a vítima.

-HAHAHA LADYBUG E CHAT NOIR? FINALMENTE VOCÊS APARECERAM!

-O que você está fazendo com todas essas pessoas? -perguntei.

-TODOS VOCÊS SE ESQUECERÃO DO VÍDEO NO QUAL FUI HUMILHADO!

-vídeo? Pera... -chat começou a rir um pouco. -você é aquele cara do vídeo que postaram hoje? 

-NÃO, AGORA EU SOU ESQUECIDO, E VOU FAZE-LOS ESQUECER TUDO QUE ACONTECEU NAS ÚLTIMAS 5 HORAS, E ROUBAREI SEUS MARICU...

-Sim, essa parte de pegar os miraculous todos nós já sabemos... -chat disse pegando seu bastão. - My Lady, acho que o akuma está no celular, distrai ele que eu vou tentar pegar o akuma.

-pera aí... como você sabe que está no celular? 

-Quem luta segurando um celular, eu hein...

-Verdade, bem suspeito na verdade. -eu disse rindo.

Joguei o yoyo na perna do Esquecido para derruba-lo, mas ele tirou a perna e fugiu. Quando fui atrás do akumatizado, vi ele indo em direção a Mylene e Ivan que estavam caminhando de mão dadas. Ele jogou um raio em Mylene e vi os dois confusos, se perguntando onde estavam.

- Chat, se ele atingir uma pessoa e ela tiver encostada em outra, as duas são afetadas! Vamos evitar contado físico ok?!

-Beleza.

Eu e chat tentávamos prendê-lo mas ele sempre escapava.

-Chat eu preciso pensar em um plano, distrai ele ok?

-Ok. -Chat foi pra perto do akuma. -Ai tio do Alzheimer...! - Chat disse chamando a atenção do akuma.

-MEU NOME É ESQUECIDO! E AGORA VOCÊ ME DARÁ SEU MIRA...

-Sei sei, o mesmo papo furado de todo akuma, cara vocês não sabem falar outra coisa não?!

-CALA BOCA SEU GATO DE RUA.

-Ei, eu não sou um gato de rua! Eu tenho dona! Certo My lady? -Ele disse sorrindo.

-Vai se ferrar. -Eu disse um pouco longe deles.

-Ela é meio difícil...-Ele disse dando um sorrisinho sem graça. 

-TÁ QUERENDO PERDER A MEMÓRIA GATINHO?!

-Estou bem feliz com a minha memória senhor, mas obrigado. -Chat disse e o esquecido jogou o raio nele mas acabou errando.

-Opa, errou! -Ele jogou de novo e errou. -calma cara, que brutalidade toda é essa?! 

Ele continuou jogando no chat e o mesmo desviava e zombava do akuma, até uma hora que ele quase acerta o chat.

-L-Ladybug...eu aceito uma ajuda.

-Calma...-Eu disse pensando em um plano então resolvi usar meu talismã. -TALISMÃ! -Eu joguei meu yoyo para cima e caiu um espelho de mão. -Ótimo! -Eu resmunguei sarcasticamente, fiquei pensando em algo que poderia usar porém nada veio em minha cabeça, então fiquei segurando o espelho.

Quando fui ver a luta entre eles vi o akuma jogando chat no chão e mirando em sua cabeça, então usei meu yoyo para prender o braço dele. O akuma se livrou e puxou a corda do meu yoyo me fazendo cair. Como ele era forte, acabou me jogando em um poste onde eu fiquei presa pelo meu yoyo.

-Droga! -Eu resmunguei enquanto o akuma vinha até mim.

-Alvo na mira. -Ele disse sorrindo e mirando em mim, comecei a me desesperar um pouco até lembrar do espelho, consegui soltar um pouco minha mão e quando ele foi jogar o raio, bateu no espelho voltando para o mesmo que desviou e passou raspando no chat que estava atrás do akuma.

-Ei! -Chat falou fazendo biquinho e me olhando.

-Desculpa...-Eu disse sorrindo sem graça.

Chat me soltou do meu yoyo e me pegou no colo, me tirando de lá. Nos escondemos atrás de um carro.

-Qual o plano Ladybug?

-Bom, não sei... eu usei o meu Talismã, mas apareceu um espelho e não sei exatamente como... -enquanto eu falava reparei que o Chat Noir me encarava. -C-chat? 

-hã? Er... desculpe hehe continue...

-O que houve gatinho?

-Nada, é que você é... -ele disse se aproximando. -Linda de qualquer jeito, mesmo quando não sabe o que fazer. -ele disse sorrindo e bem próximo de mim.

-Chat... -Eu fiquei uns segundos hipnotizada olhando para seus olhos e pensando em todos os sentimentos que eu sentia por ele, e pelo Adrian. Mas agora não era hora de pensar em sentimentos. -Bom, tem um louco  apagando a memória de todo mundo nesse exato momento... Alguma ideia?

-Bom... você disse que tem um espelho, né?! -Chat sorriu como se tivesse acabado de bolar um plano perfeito.


Notas Finais


Até semana que vem!


SE GOSTOU COMENTE!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...