História My Life - Capítulo 18


Escrita por: ~

Exibições 136
Palavras 3.112
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLHA QUEM VOLTOU DEPOIS DE 1 MÊS 😅

PODEM ME MATAR MAS EU NÃO TIVE TEMPO ...

BOA LEITURA 💕💕

Capítulo 18 - Eighteen


Fanfic / Fanfiction My Life - Capítulo 18 - Eighteen

                 JADE P.O.V

- Então - sorriu -  parece que alguém não me desapontou com o biquíni

- Então - o imitei - parece que alguém me desapontou com o corpo estrutural - falei apontando para o seu abdômen

O que era uma completa mentira, mas ninguém precisa saber...

- Jade, mentir para voce mesma é tão feio

- Porque você acha que eu sou tão bonita? Nunca menti na minha vida - disse e ele garaglhou

- O que acha de entrar na piscina?

- Não sei não, Taylor

Taylor piscou para alguem e antes que eu desse conta do que estava acontecendo, alguém com sobrenome de Gilinsky e nome de Gay me pegou no colo e me jogou na piscina

- Cara, eu vou matar vocês

- Não é uma festa na piscina a você não entrar na piscina amor - Taylor disse rindo

- É claro - falei saindo da água - Será que você quer me dar um abraço Taylor?

- Eu não quero ficar molhado. Obrigado

- Não quer se molhar ou estragar a chapinha? - Gilinsky perguntou rindo

Enquanto ele ria, Taylor o encarava com raiva e eles estavam parados bem na ponta da piscina

Idiotas.

Caíram na água antes mesmo de se darem conta do que estava acontecendo

- Por quê ninguém me chamou para a festa na piscina? - Johnson perguntou indignado olhando para os dois na água

- Estou te convidando agora - disse fazendo sinal para ele se aproximar

Quando ficou perto o suficiente...

BUM

Trouxa, caiu também

Eu comecei a ficar com medo de verdade na hora que os três saíram da água e começaram a correr atrás de mim.
Bendita hora que fui derrubar tanta gente assim na água. Sai correndo e tropecei em alguém.

Era Sofia

- Meu Deus. Desculpa! Sério, eu estava fugindo... - estandi a mão para ajudá-la a se levantar

- Tudo bem - ela sorriu para mim

Assim que ela se levantou nos deparamos com o Johnson, com o Gilinsky, Taylor e Shawn sorrindo com cara de demônios

- Acho que vocês não tem muita escolha - Shawn sorriu

- Jade... quais são as chances da gente sair dessa sem se molhar? - Sofia disse rindo

- Você está com medo desses 4 galinhas?

- Não -  Ela disse se virando para trás - eu to com medo deles

Não faço faço mínima ideia de onde eles surgiram. Nash e Val estavam de braços cruzados com caras nada angelicais nos encarando

- O que fazemos agora? - Ela disse

- Corre
                                                                                Manuela P.O.V.

- Ta bom, ta bom. Eu juro que não vou tentar olhar dessa vez

- Promete de dedinho?

- Prometo Cameron. - revirei os olhos - mas da pra você pelo menos falar onde a gente ta indo?

- Para a cobertura. Tem uma surpresa para você lá

- Você sabe que eu odeio surpresas

- Você ama as minhas - sussurrou na minha orelha - e nem é bem uma surpresa, é só uma coisa que eu quero te mostrar

ele ficou fazendo gracinha o resto do caminho e apesar de eu não enxergar nada, sei que entramos no elevador, subimos algumas escadas e por fim, estou parada sabe-se lá onde

- Pode abrir - Cam disse tirando a mão dos meus olhos. Elas estavam tremendo

A cena que vi era a mais bonita que eu já havia visto

Aquilo era Nova Iorque: a cidade que nunca dorme. A correria da cidade parecia menor daqui de cima, mas ainda assim eu conseguia enxergar cada mísero prédio piscando e irradiando energia.

Eu me senti no filme do homem aranha, quando ele sobe em um dos prédios mais altos para observar a cidade. Acho que a melhor coisa era que dava para se enxergar todas as estrelas daqui, coisa que eu não enxergava nem em San Diego

- Manu ... - Cameron disse segurando a minha mão e me encarando

- Cameron ... - felei no mesmo tom e comecei a rir

- Não, é sério. Eu preciso falar.

- Aconteceu alguma coisa?

- Acontece que eu sei que nós já estávamos "namorando", mesmo não sendo nada tão oficial... mas o fato é que eu não consigo ver você com outros, sim eu sei que não mando com quem você anda, mas eu tenho ciúmes só isso, e agora eu vou te falar uma coisa a você não vai me interromper ok?

Assenti e ele prosseguiu se ajoelhando e tirando uma caixinha do bolso

- Manuela Harris você aceita ser oficialmente minha namorada

Um sorriso bobo e espontâneo se esboçou no meu rosto e eu apenas consegui gesticular que sim

Parece bobo, e ao mesmo tempo inacreditável.

Mas, Cameron Alexander Dallas assumindo alguém? Porque até onde eu sabia ele só dava uns pegas

Ele pegou o anel e colocou no meu dedo e levantou e me puxou pela cintura

- Eu te amo...

Eu não sabia como reagir, ele nunca tinha dito isso para mim.

- Eu também...

Foi a única coisa que saiu.
Eu não sei direito o que é amor
Eu não sei o que é amar alguém
Eu não sei direito como é amar
Eu nem sequer sei se amei alguém mesmo

Ele me puxou e me deu um selinho longo e me abraçou.

E assim ficamos assim por um tempo.

Descemos e Cameron saiu de perto de mim e eu fui para a mesa de doces

Peguei vários doces e quando virei levei um susto

- Shawn ... - se o tom na minha voz não pareceu assustado o meu olhar com certeza pareceu

- Eu mesmo - falou sorrindo e olhou para a minha mão - bonito anel, Cameron ne?

Assenti

- Finalmente né?! Já estava na hora

- ha ha ha muito engraçado Shawn

- Você sabe que é verdade, não adianta negar. E ele só fala de você desde que te viu. Não negue de novo por que eu sei de absolutamente tudo. Ele te ama menina

- Sei lá...

- Sei la o que?

- Nada não, só pensei que ele me escolheu, uma menina qualquer e....

- E......?

- Nada.

Ele me olhou desconfiado e um silêncio tomou conta

- Você é um ótimo amigo Mendes - disse dando um abraço nele

- Ele é o que? - Nash disse se aproximando

Ele pegou um dos meus doces
Sem pedir

Nash ainda estava sem camisa e os escritos em neon nele me fizeram rir

- Mais gostoso que M&M? Jura? - gargalhei - só nos sonhos, e olha lá

- Que engraçadinha

- Então, sera que eu posso saber porque vocês dois estão aqui comigo e não com as respectivas namoradas?

- Bem, eu não tenho uma namorada - os dois disseram em uníssono

- E eu sou o Papai Noel que voa em unicornios

- Eu... eu ainda não tenho nada com a Sofia

Eu apenas balancei a cabeça e olhei para o Nash na espera de uma resposta convincente

- Você é minha melhor amiga

- Ela é minha melhor amiga também seu filho da puta - Taylor chegou correndo pulando no Nash empurrando ele pro lado

- Ei a namorada é minha - Hayes disse praticamente gritando e se enfiou no meio de mim e do Taylor - É sério, será que você não pode assinar logo a nossa certidão de casamento? Assim eles não podem ter você

Quando reparei Lox, Jade, Carter, os Jacks, Aaron e Matt estavam ali

Revirei os olhos e todos riram

- Você sabe que minha proposta e casamento vai estar sempre em pé né?

- Só você mesmo - disse abraçando ele de lado - Gente cade a Val?

- Ela subiu pro quarto e foi assistir TV - Jade disse

- Grier - o chamei e entreguei as chaves do quarto para ele - Você precisa ir resolver as suas coisas querido, ou acha que ela vai ser o macho da relação tomando atitude para sempre?

Ele me olhou sem entender mas mesmo assim pegou a chave e subiu

Bom menino

Olhei para o lado e Cameron estava sentado no bar bebendo e tinha umas putas olhando pra ele. Observei por um tempo e revirei os olhos com nojo

- Quer ir pro quarto também? - Taylor perguntou assim que percebeu que olhava aquilo - Podemos fazer uma sessão de cinema ou você pode ter um ataque de ciúmes aqui mesmo sem mesmo ele estar falando com elas

- Eu to bem Taylor. Relaxa - tentei falar calma, mas eu estava me segurando para não socar a cara daquela loira que olhava pro meu homem

O silêncio estava grande até Gilinsky começar a falar

- Nós poderíamos jogar alguma coisa - disse - claro, com vodca

- Sabe, vocês três com esses biquínis neons estão me fazendo ter pensamentos nada próprios para a idade do Hayes aqui - Carter disse e os meninos começaram a rir

Claro que eu e as meninas estávamos mais vermelhas do que... do que eu não sei, só sei que a gente tava bem vermelha

- A gente deveria ir para a piscina - Johnson falou - É mais legal do que ficar aqui parado

- Eu to com fome - falei

- Você pode beber vodca. Vodca enche -  Hayes disse e eu o fuzilei com o olhar

- Cala a boca menino, você não tem idade para beber - revirei os olhos - e você está assim enquanto é de menor, não quero nem imaginar quando for de maior

E então ele so pegou um copo, encheu e vodca vodca virou tudo de uma vez na minha frente

- Se eu fosse você esperava, seu retardado - Johnson disse - Você vai ficar bêbado antes de todo mundo

- GENTE EU TIVE UMA IDEIA - Shawn disse pegando o violão - a gente passa o copo e vodca enquanto alguém canta alguma música, quando a pessoa cantar uma frase da música a pessoa em que o copo parou tem q continuar, se ela não souber a continuação, bebe

- Eu gostei - Nash chegou por trás da gente e se sentou ao meu lado fazendo com que todo mundo olhasse para ele com uma cara de "que diabos você está fazendo aqui"

Ele apenas deu de ombro

- Cade a Val?

- Ela terminou comigo e olha que a gente nem estava namorando, não quero falar sobre isso, obrigada - Ela tentou sorrir mas não funcionou - vamos começar a droga desse jogo logo. Eu começo

Eu tive uma vontade absurda e socar a Val naquele momento.
Ela tava se fazendo de difícil.

- Posso brincar com você? - Cameron disse se sentando ao lado de Hayes

- Claro - Carter disse e os outros assentiram

Nash pegou o violão e começou começou tocar - nesse caso tentou porque ele não sabia tocar merda nenhuma - e cantou

- "Tell me that you turned down the man Who asked for your hand 'Cause you're waiting for me
And I know you're gonna be away a while But I've got no plans at all to leave
And would you take away my hopes and dreams
And just stay with me"

(Diga que você dispensou o homem Quem pediu a sua mão Pois você está esperando por mim
E eu sei que você vai ficar longe por um tempo Mas eu não tenho planos de ir embora
Você poderia ir embora com minhas esperanças e sonhos
 E apenas ficar comigo)

O copo parou no Hayes que obviamente teria que beber, já que estava com cara de bocó que não sabia a música

Coitado

- Gente não vale cantar uma música desconhecida por todos - Hayes disse indignado

- Qual é Hayes, Ed Sheeran é mó famoso e você não sabe? - Jade disse

- Ele eu conheço, essas músicas de fossa não

- Ah Hayes não brinca - disse e comecei a cantar para ver se ele se lembrava - All my senses come to life While I'm stumbling home as drunk as I Have ever been, and I'll never leave again 'Cause you are the only one... Não sabe nem esaa parte? - ele negou e eu revirei os olhos - quanta falta de cultura. Ed é vida

- Quero ver vocês saberem essa - Hayes disse e começou:

- "Wake up in the morning feeling like P Diddy
Grab my glasses, I'm out the door I'm gonna hit this city
Before I leave, brush my teeth with a bottle of Jack
Cause when I leave for the night, I ain't coming back" - ele cantou até que o copo parou em mim

Viado, vai se fuder

- Não faço ideia

- Ah que criança sem cultura. É Kesha

Eu nem sabia quem ela era

- Vai se ferrar e passa logo isso - disse pegando e  bebendo o copo de vodca e pegando o violão da mão dele e comecei:

- "...I'm boarding up the windows Locking up my heart
It's like every time the wind blows
I feel it tearing us apart
Every time he smiles
I let him in again
Everything is fine
When you're standing ...."

Antes de eu terminar o Shawn me cortou

- Hurricane da Bridgit Mendler

- Mas o copo nem parou em você - disse

- E dai? Passa logo o violão que eu quero cantar uma - Ele disse pegando e começando a cantar:

- "You can't walk the streets at night
You're way too short to get on this ride No I'm not, no I'm not ..."

Shawn começou a cantar eu não fazia ideia de que música era aquela, jurei que ele iria cantar Ed Sheeran e se me perguntassem, eu diria que aquela música era do Ed Sheeran, mas não era

- " They're trying tell me that I I gotta be home when the street lights glow
You can't watch your TV show I will watch what I wanna watch
No Won't listen to you
Do what I wanna do"

O copo passou pela Sofia mas ela só sorriu enquanto o Shawn continuava a cantar

- "And I will walk this road ahead One hundred miles on my hands
Do I need to show you?
Guess I gotta show you
And if you don't believe me now
I'll flip the whole world upside down Do I need to show you?
Guess I gotta show you"

Shawn parou de cantar e encarou cada um de nós no aguardo de uma resposta mas o que recebeu foi o silêncio

- AHHH EU DESISTO - Taylor disse - esse negócio está impossível, eu posso tomar essa garrafa inteira já que eu não sei nada - ele disse virando parte do líquido da garrafa fazendo careta - da para cantar músicas mais populares?

- Eu desisto desse jogo - Johnson disse

- Tá vendo, deixa eu beber mais um pouco para deixar mais implícita minha burrice - Taylor completou

- Tay... - Shawn começou a falar - Não precisa beber, essa música é minha. Eu ia mostrar amanhã no estúdio mas não aguentei

Todos abriram a boca para falar, mas ninguém conseguiu emitir som nenhum e eu podia jurar que Shawn estava vermelho e ficando cada vez mais com vergonha

- Cara... isso é ... incrível - Cam disse - sério, eu não... Você é incrível. Mal posso esperar para ver esse CD - ele o abraçou e o sorriso do Shawn era tão grande que eu acho que era o dia mais feliz da sua vida

- Não acredito que você vai ficar famoso e deixar a gente par trás - Nash disse - acho que estou orgulho de você

- AI MEU DEUS HAMILTON NASH GRIER ESTÁ ORGULHOSO DE MIM, ACHO QUE VOU CHORAR! - Shawn tentou imitar uma menina mas acabou saindo uma imitação do Taylor

Os meninos pararam de brincar e levantaram e ficar discutindo o que fariam a fossem não famosos do que já eram, os Jacks falaram que pagariam mulheres pra caralho, o que me fez rir. Nash disse que diária dinheiro para uma instituição de caridade, o que eu duvido mas... Resumindo quase todos riram sobre mulheres

Elas continuaram a falar e eu levantei para ir falar com o Shawn

- Olha aí meu futuro cantor preferido - disse se aproximando

- Olha ai a minha baixinha preferida - Eu o encarei feio

- Você que é muito alto - crusei os braços e fiz cara de brava

- Sou mesmo.

Eu batia no queixo dele
Nem é pra tanto

- Mas em fim, não é por isso que estou aqui. - disse e praticamente pulei nele quando fui abraçar ele - Parabéns Shawn, que tudo de certo, fique famoso me pague comida, e viagens caras e continue meu amigo ok?
E EU QUERO SER A 1° A TER O SEU CD OUVIU MOCINHO? - disse batendo meu dedo no seu peitoral

- Ouvi baixinha,não é preocupe, falou me abraçando de lado

- Já tem nome?

- Já - disse empolgado - o nome é Show You.

- Hmm. Quero ouvir inteira

Ele piscou para mim e saiu

Acho que agora que estou começando a conhecer ele mais, ele está se tornando um irmão que nunca tive.

Um melhor amigo

- Então - Cameron começou - vamos continuar?

Sem dar tempo para respondermosele pegou o violão e começou a tocar e cantar enquanto sentavamos

-  "I keep craving, craving
You don't know it but it's true
Can't get my mouth to say the words They wanna say to you
This is typical of love
Can't wait anymore
Won't wait I need to tell you
How I feel

When I see us together, forever in my dreams
You with me
We'll be everything
I want us to be In front there, who knows?
Maybe this will be the night
That we kissed For the first time"

(Pois eu fico na vontade, na vontade Você não sabe, mas é verdade
Não consigo fazer minha boca dizer as palavras
Que quero dizer a você Isso é típico do amor
Não posso mais esperar
Não quero esperar, eu preciso te dizer Como me sinto

Quando nos vejo juntos, pra sempre
Em meus sonhos
Você está comigo
E somos tudo o que queria que fôssemos
Lá na frente, quem sabe?
Talvez esta seja a noite Que nós nos beijamos
Pela primeira vez)

Pra mim? Não sei. Fica a dúvida...

O copo caiu no Carter e ele continuou a cantar com Cameron me encarando e assim continuamos a brincar por mais um tempo.

Ou seja acabar a bebida.


Notas Finais


E ai?

Comentem POR FAVOR SIGNIFICA MUUUUITO ❤❤

Críticas são aceitas assim como elogios 💘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...