História My life is a mess - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Drama, Família, One Direction, Romance
Visualizações 10
Palavras 1.467
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem!

Capítulo 3 - London Eye


Cap.3

"Ain't nobody hurt you like I hurt you

But ain't nobody need you like I do

I know that there's others that deserve you

But my darling, I am still in love with you"

Happier, Ed (maravilhoso) Sheeran

 

 

- Mamãe, eu estou com medo.

Era seu primeiro dia na escolinha era normal ela estar assim.

- Ah meu amor não tem que ter medo, você vai fazer um monte de amigos na escola nova.- disse estacionando o carro na frente da escolinha- Vem.

- Mas e se eles não gostarem de mim? – ela diz enquanto pego sua mochila.

- Claro que eles vão gostar de você princesa.

A escola era um prédio grande, todo branco com o logo do colégio em azul e amarelo. Logo na frente havia um parquinho com pequenas casinhas e muitos brinquedos.

Fui até a secretaria para pedir informação sobre a sala de Maya e levei ela até lá, conversei com a professora e me despedi. Voltei para o carro indo em direção a casa dos meninos. Toquei na porta e escutei um “Eu atendo”.

- Emma?- disse confuso.

-Loira eu estava com saudades de você.- ele me abraçou e me pegou no colo.

- Gente achei minha gêmea na porta.

- Me solta Niall, sua gazela oxigenada, eu vou cair!

-EMMA!

- ZAYN!

- EMMA!

-HARRY!

- EMMA!

- Ah, oi Liam.

- Nossa, não fale mais comigo.

-Ah Liam, você sabe que eu te amo.- mandei um beijo para ele.

- Abraço em grupo! – gritou Harry, mas o Niall me deixou cair no chão.

- Ai Niall, está mais burro do que já era? - todos riram menos ele.

- Ofendeu, ok?!

Harry me levantou, me jogou no sofá e deitou em cima de mim.

- Porra Harry, tá confortável? Você não é leve não.

-Vai a merda, eu tô em forma. Sinta o meu tanquinho.- ele pegou minha mão e passou na barriga dele.

-Sai Harry!

Eu e Harry jogávamos videogame, os outro se dividiam entre torcer para um dos dois, óbvio que ganhei porque, modéstia à parte, eu era muito boa em FIFA, só perco para Louis.

- Cansei de ganhar, vamos assistir um filme? - sugeri e todos concordaram.

-Eu quero terror.

-Não Harry, Niall tem medo e depois não vai conseguir dormir à noite.- Liam o repreende.- Eu sugiro “Toy Story”.

-Já vimos esse filme milhões de vezes, ninguém aguenta mais.- Zayn.

-Vamos assistir comedia, que tal “As branquelas”.-diz Niall.

Acabamos por assistir esse mesmo, O filme gerava grandes risadas, ainda mais do Niall. Senti falta de estar assim com eles, era tudo tão natural, as conversas, as brincadeiras continuavam as mesmas, - mesmo que já fossemos considerados “adultos”- ainda parecíamos um bando de adolescentes imaturos rindo por qualquer besteira. Zayn ao meio do filme dormia, para variar.

Tinha acabado de fazer brigadeiro e posto para gelar quando olhei no relógio me assustei, já eram 16:30 e precisava buscar Maya na escolinha as 17.

-Meu deus, estou super atrasada. – disse saindo do cozinha.

- Pra que?- disse Harry.

- Para uma reunião na faculdade. – menti – O brigadeiro está na geladeira, não é para comer quente, se não vão ter dor de barriga, escutou Niall?  

Ele nem ligou, apenas correu para cozinha. Me despedi de todos e sai correndo até carro, acelerei o mesmo no máximo para chegar a tempo na escola da minha pequena.

 

P.O.V Louis

Passei uma ótima tarde com Eleanor, almoçamos em um restaurante perto de um parque e depois passemos pelo mesmo. Quando deixei ela em sua casa, dirigi até a 1D home. 

- Mas porque ela sumiu?- escuto alguém perguntar.

- Quem sumiu? –disse entrando na sala.

- Ni-niguem que interesse Louis. - Harry respondeu nervoso.

-OK, então.- apenas ignorei Harry agindo estranho.

Niall estava sentado no balcão da cozinha se lambuzando com algo marrom. Espera, eu conheço essa gororoba. Qual é o nome mesmo? Bri..., briga..., brigadeiro! Esse doce é muito bom, da última vez que eu comi foi com Emma. Emma! Não, ela está no Brasil, Louis fique calmo, não exploda de curiosidade, ou sei lá qual for esse sentimento.

-Quem fez brigadeiro? - não contenho minha curiosidade.

- Quem mais sabe fazer brigadeiro, o idiota? É claro que foi Emma.

-Niall cale a boca! – disseram Liam, Harry e Zayn juntos.

-Oo-o que?-minha voz falha. 

- É Louis a Emma sua ex-namorada veio aqui para conversar comigo.- Liam respondeu grossamente.

- E quando pretendiam me contar que ela estava em Londres?    

- Na verdade estávamos esperando ela te contar.- disse Zayn se jogando no sofá e pondo em um jogo de futebol na TV.

-Nem sei por que se preocupou com ela você está com a Eleanor.

- Eu sei Hazza.

Emma em Londres, é muita informação para processar. Na verdade, não é não, mas que seja. Minha cabeça estava presa a quatro anos atrás, quando ela me contou que estava grávida e eu fugi. Isso sim era muita informação para processar, minha namorada estava grávida e eu não tinha a mínima ideia do que fazer, então fiz a primeira coisa que se passou na minha cabeça: fugir. Agora você deve estar pensando “Nossa Louis, que decisão mais madura, idiota. ”, mas eu só precisava de um tempo para pensar e raciocinar e com o nervosismo do momento acabei falando merda, muita merda. Eu sei, fui estupido então no dia seguinte a culpa veio à tona. Mandei umas 500 mensagens e liguei umas 200 vezes para ela, mas não obtive respostas, descobri através da prima dela que havia voltado para o Brasil.

Agora perguntas tomam conta de mim. Será que ela teve mesmo o bebê e escondeu de mim? Será que se eu tivesse assumido nos seriamos uma família feliz? Qual é seu nome? É menino ou menina? Quando nasceu? Nem sei se realmente nasceu.

Tentei ir para o Brasil, mas o empresário da banda não nos deu nenhuma folga e nenhuma de nossas turnês passaram pelo Brasil. Juro que infernizei a Sarah para me passar o telefone de Emma mas ela não quis me dar por vontade de Emma. Realmente tentei ir atrás dela por muito tempo precisava – ainda preciso- me desculpar.

P.O.V  Emma

Ele me superou isso já era de se esperar, mas eu não o superei. Que saco porque a vida tem que ser tão difícil? Depois de Louis eu não consegui ficar com mais ninguém, todos eu comparava com ele, mas ele que quis assim. Realmente tenho que achar alguém.

- Meninas prontas para ir as compras?- perguntei para Sarah e Mel.

- SIMMMMM! – elas responderam juntas.

Fomos para o shopping cantando musicas do FROZEN já que era a paixão da minha filha. Quando chegamos fomos para quinhentas lojas, de roupas, sapatos tanto para adulto tanto para crianças e claro uma loja de brinquedos.

Depois de sair com mais sacolas do que aguentávamos, fomos para um restaurante perto da London Eye.

- Meninas eu estava pensando será que vocês gostariam de ir para a praia nesse feriado?

- Acho uma ótima ideia Ems, faz tempo que eu não vou a praia.

- E você filha?

- Areiaaaaaaaa!- rimos todas juntas.

Ficamos a tarde inteira andando pela cidade até que resolvemos ir para London Eye. Estava com saudade dessa linda vista, eu vinha aqui com ele. Tenho que parar de pensar nele caramba, isso é uma obrigação Emma Você tem que achar alguém! Lembro também de ter vindo aqui com os meninos depois deles ficarem em terceiro lugar no The  X Factor.  Eles estavam tristes no começo, achavam que não venceram pois não eram bons o bastante, mas quanto viram a multidão de fãs que estavam do lado de fora do estúdio, abriram um dos maiores sorrisos que eu havia visto.

Quando saímos Sarah foi levar May para comer e eu fui ao banheiro.

 - Me desculpa! - essa voz eu conheço mas de quem? Olho para cima e me deparo com quem eu menos queria encontrar. – Emma?

De bilhões de pessoas para trombar no mundo eu tenho que trombar com ele. Eu devo ter colado chiclete na cruz para merecer isso.

- Está tudo bem, tenho que ir!

- Não Emma você não vai ir embora de novo.- ele gritou mas eu já estava longe demais.

Que absurdo ele foi embora primeiro. Só Louis mesmo para acabar com a minha tarde/noite. Fui em direção a Maya e Sarah comendo cachorro quente.

- Vamos embora agora meninas e para de dar porcaria para minha filha comer Sarah.

-Nossa por que está tão estressada?

- Porque eu trombei com o senhor de olhos azuis que eu menos queria encontrar nesse mundo!

Sai puxando as duas e fomos para casa. Merda, de tantos lugares para ir em Londres porque um astro do pop/rock estaria no mesmo lugar que eu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...