História My Little Cat 1 and 2 Temporada - Capítulo 82


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camila, Camren, Demally, Lauren G!p, Norminah
Exibições 637
Palavras 691
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Yuri
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey galerinha aqui estou eu.. A votação demorou um pouquinho, mas pelo menos saiu a att kkkk

Capítulo 82 - Lembranças (Bônus Especial)


Pov Camila Cabello Jauregui
Hoje resolvemos fazer um piquenique na praça onde sempre íamos, mas depois da morte da Demi todas deixamos de ir nos lugares que nos fazia lembrar dela assim doeria menos.
Só que a ideia desse piquenique veio da Ally que queria voltar em um lugar que foi especial tanto para ela quanto para a Demi e como boas amigas todas nós concordamos.
Iriamos eu a Lauren e a Luna a Dinah e Normani a Selena a Taylor e o Sebastian a Ally e a Bea.
Claro que a comida ficou por conta da Dinah e da Mani, eu e a Lauren estamos levando alguns sucos e claro o leite da nossa pequena.
Coloco nossa pequena no bebê conforto dela e a Lauren senta do lado dela, esse é um dos nosso combinados sempre ela iria com a nossa pequena já que eu sou a única que tem carteira de motorista.
Dirijo com calma até o parque que fica uns quinze minutos de carro de onde moro, logo  que chegamos estaciono do lado onde iriamos ficar já que o parque é bem grande.
Desço do carro e ajudo minha esposa com a nossa pequena e as coisas que trazemos.
Andamos com calma pelo local e logo localizamos nossas amigas que estão sentadas conversando entre risos e brincadeiras.
-Hey Mila deixa eu pegar minha afilhada. – Fala Dinah sorrindo para mim e se aproximando de nós.
Passo minha filha pra ela que claro fica com uma cara boba e com os olhinhos brilhando para minha filha.
-Sei que ela é apaixonante, mas cuidado com esse olhar pro lado da minha filha Hansen. – Fala Lauren brincando como sempre com a DJ.
-Jauregui se ela tem esse charme com certeza puxou a Mila porque você é feia que dói.
-Já começaram. – Fala Mani revirando os olhos.
Me sento do lado da Ally que estava sempre de olho na Bea e no Sebastian  que estão brincando perto de nós.
-Relaxa pequena eles estão seguros. – Sussurro para ela que concorda e sorri para mim.
-Então oque trouxe para matar minha fome Dinah? – Pergunta Selena que está com a cabeça deitada no colo da Tay.
-Sanduiches naturais, bolos, torta salgada, panqueca salgada, frutas e para a chata da Lauren um pote de Nutella.
-Opa quero um pedaço de torta salgada! – Fala Selena se levantando e indo até a cesta de comida.
-Eu me lembrei dela. – Comenta Ally baixinho. – De como era divertido quando ela e a Dinah sempre aprontavam.
-As duas sempre foram assim bobonas, mas no momento certo protetoras demais.
-Lembram aquela vez que eu e ela apostamos quem comia mais cachorro quente? – Pergunta Dinah sorrindo.
-Sim eu me lembro que depois de você e ela quase morreram de tanto comer eu tive que cuidar de você. – Fala Mani revirando os olhos.
-Demi sempre ficava manhosa quando estava mal. – Comenta Ally olhando para o céu.
-E aquela vez que a Dinah quase matou ela quando ela falou que estava com a Ally. – Falo rindo da cara da Dinah.
-Pra minha defesa ela tinha que ter pedido nossa autorização para pegar a pigmeu. – Fala Dinah emburrada.
Começamos a rir dela e isso fez com que eu percebesse que mesmo sem ela nós ainda conseguiríamos ficar felizes com as lembranças dela.
-Quando éramos pequenas eu sempre  aprontava e ela sempre estava lá pra me tirar de uma enrascada, um dia no colegial eu quase coloquei fogo no laboratório de química, eu não sei como, mas ela chegou na hora com um extintor de incêndio.
-Lembro que ela sempre foi do tipo desleixada com a toalha. – Fala Ally que tinha algumas lágrimas banhando seu rosto.
-Vem cá Allycat. – Murmuro puxando ela pra mim a abraçando com força. – Estamos com você sempre.
Em segundos todas estavam nos abraçando bem apertado.
Ficamos nesse clima de lembranças e brincadeiras a tarde toda.
Perder uma pessoa amada pode doer mais que tudo, mas não precisamos focar só no lado ruim, as lembranças boas sempre estarão lá para que nos possamos lembrar dela para sempre.


Notas Finais


:) faça uma autora feliz comentem nem que seja pra criticar kkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...