História My Little Monster - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Anko Mitarashi, Asuma Sarutobi, Chiyo, Chouji Akimichi, Choumei, Deidara, , Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Haku, Han, Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hiruzen Sarutobi, Hizashi Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Iruka Umino, Isobu, Itachi Uchiha, Jiraiya, Kabuto, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Konohamaru, Kurama (Kyuubi), Minato "Yondaime" Namikaze, Mito Uzumaki, Nagato, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Orochimaru, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shisui Uchiha, Shizune, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju, Utakata, Yamato, Yugito Nii
Tags Comedia, Naruto
Exibições 122
Palavras 2.233
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Ficção, Luta, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Yo minna-san!
Já está virando ritual dizer isso, mas
Muito obrigada por todos os fav que essa fic já rendeu.
Vê o Naruto se enrolando cada vez mais e se metendo em maus lençóis devido á pequena Kurama é ótimo. Estou adorando escrever essa fic.

Capítulo 6 - Problemas antes mesmo de por o plano em prática


Fanfic / Fanfiction My Little Monster - Capítulo 6 - Problemas antes mesmo de por o plano em prática

Antes...

Eu fui compelido á dizer sobre a festa das garotas- sendo pendurado de cabeça pra baixo no parapeito da varando da nossa casa- e assim, aqueles manés toparam me ajudar com o plano de fuga. Vai ser complicado, mas por bebidas e diversão, nada pode impedir e abalar nossa convicção!

Exceto aquela maldita raposa horrorosa, que com certeza vai me fazer parecer maluco na frente delas...

Agora...

-Naruto-kun... Você veio... - a moreninha se aproximou, sorrindo. Ela parou ao ver o Sasuke- E você é um dos amigos dele...

-Sou Sasuke Uchiha. - ele sorriu, a analisando de cima á baixo. Dei um tapa na cabeça dele. Idiota.

-Não faz ela ficar desconfortável, mané. -eu olhei pra ela- Hiyuga-san, né...?

-Me chame... Só de Hinata... -ela se encolheu e ficou brincando de um jeito estranho com os dedos, toda vermelha.

-Hinata. -sorri- Cadê as outras?

-Elas não virão. Eu explicarei tudo... Pra elas depois... -ela se sentou no canto da parede- Pode dizer o plano pra mim...

-Eu explico. -Sasuke se sentou do lado dela. Cafajeste. - É um plano feito em duas etapas simples. Pra isso vamos precisar apenas de um vigia, as chaves da sala de segurança e uma escada. -ele riu.

-Chaves...?- ela olhou pra mim.

-É. Como serão muitas pessoas, usar o ponto cego das câmeras não vai funcionar, pois seríamos pegos antes mesmo de ajudar vocês á escaparem. Já que eu e o resto da galera ainda não causou rixa com a Tsunadoida, poderemos sair livremente. Mas o lance é tirar você, suas amigas e o BakaNaruto daqui.

-Eh...? Ele não pode sair?- ela olhou para ele e depois pra mim.

-Ele gritou com uma professora. Acho que você é da nossa sala, certo?

-Ah!- ela riu- Me lembrei... Anko-san... Ela parecia muito nervosa...

-É... Seus olhos me lembram o de alguém...-ele sorriu. Eu fiquei ali, de braços cruzados, bufando. Que raiva que dá, vê ele ali, flertando com aquela garota, como se a conhecesse mais que eu.

-Cahan! O plano. -eu chutei a perna dele.

-Tá, tá... É o seguinte...

 

Depois que arquitetamos o plano com aquela pequena, nós voltamos pra casa. Neji cozinhava um de seus grudes e parecia que tava ficando bom.

-Por que não vamos pra lanchonete?- eu me joguei no sofá- Hoje tem tacos!

-Ainda acho que deveriam servir tacos nas terças. -Chouji reclamou, enquanto jogava vídeo game com Gaara, ambos esparramados pelo chão da sala. Shikamaru dormia em cima da mesa de jantar.

-SHIKAMARU, SAI DA DROGA DESSA MESAA!!- Sasuke chegou chutando Shikamaru de cima da mesa- QUE PORRA CÊ ACHA QUE TÁ FAZENDO?!

-Jantar já tá pronto... -Shikamaru se sentou no chão, esfregando os olhos e bocejando.

-E eu pedi pra ele só arrumar a mesa. -Neji riu, da cozinha.

-Que mané jantar... -Sasuke o segurou pela gola da camisa, com um olhar quase que demoníaco- Quem vai querer comer onde seus pés estavam esticados... HÃ?!

-Se não quiser comer... Morra de fome... -Chouji riu- Comida é comida, não importa onde é servida. Assim sobra mais pra mim.

-O que disse?- Neji apareceu na cozinha, furioso- COMIDA NÃO É COMIDA SE NÃO É PREPARADA CORRETAMENTE E SERVIDA DE MODO ES-PE-CÍ-FI-COO!!!- ele arremessou vários pratos na direção de Chouji, que se protegeu com as almofadas. Gaara ficou desesperado tentando proteger o video game e a tv, enquanto que eu ria da situação. Sasuke gritava com Shikamaru que nem dava bola e Chouji era almejado por itens de cozinha. De repente todos pararam e me encararam.

-Qual a graça?- todos perguntaram ao mesmo tempo, com voz sinistra.

-Heh?- eu os olhei. Não sei o que houve... Ou como aconteceu... Mas fiquei horas preso no armário miúdo da cozinha, completamente amarrado e amordaçado, ouvindo músicas sofridas na maior altura. Foi a pior tortura possível.Ainda ouço aquele "VOCÊ FOI A CULPADA DESSE AMOR SE ACABAAAAR"...   E eles ainda desenharam com canetão em mim. No rosto e corpo. Quando me libertaram, era quase de manhã. Sou feito de capacho por eles... T-T ... Um dia eu ainda me vingarei á altura e fugirei, me tornando um delinquente juvenil que não dá a miníma para as regras e leis constituídas pela sociedade afim de manter em ordem o atual sistema regido mundialmente. 

Falei bonito, mas não entendi nada do que disse. Até que eu me torne um fora da lei vingador, vou continuar curtindo festas, bebidas, garotas e dormir.

Não tem ninguém na escola. Só pucos alunos que preferem não voltar pra casa. Ou os punidos- Eu e mais quatro- que não podem sair.

 Enquanto ia tomar café na lanchonete, encontrei-me com aquelas três. Elas resolveram me acompanhar. Aqueles manés sumiram desde cedo. Aposto que foram curtir sua liberdade, me deixando sozinho nesse inferno. Nós quatro fomos tomar café juntos na lanchonete.

-O plano de vocês parece bem cauteloso. -a loira falou.

-E é, Yamanaka-san. Qualquer descuido e poderemos ser expulsos. -eu sussurrei- Já que envolve locais proibidos pra alunos e tal... A Tsunade-no-obaachan não pode nunca descobrir sobre isso...

-Me chame de Ino. E ela de Sakura. Nossos sobrenomes são compridos e chatos de pronunciar. -a loira riu.

-Entendi. -eu me sentei na mesa.

-E os seus amigos?- A rosada perguntou.

-Parecem animados. Vão estar nos esperando com um carro á alguns quarteirões da escola. 

-Mas vai caber todos?

-Shikamaru pode vir com o choffer dele... Neji tem o próprio carro e vai dar carona pro fuinha e pro pavão... Mas...

-Neji...?- Hinata me olhou- Neji Hiyuga?

-Esse mesmo. Fios de Seda, como é mais conhecido. Conhece?

-Ele... É meu primo... -ela sorriu- Éramos muito próximos... Ms eu não sabia que era amigo de Naruto-kun... Já até o encontrei aqui na escola e...

-Aquele cara te encontrou também? E não me disse nada? Que viado... -eu fechei a cara.

-O quê?-Ino começou á rir.

-Não. Nada... -eu falei- "Por isso que os olhos deles são iguais, mas achei que era só coincidência..."- É que ele nunca disse que tinha família. Achei que ele era tipo aqueles monges ermitão que não possuem nada além do templo e tals...

-Ermitão?- as três começaram á rir.

-Por causa do cabelo, e da roupa do outro mundo... AH O OUTRO MUNDO!- eu peguei meu celular e mostrei as fotos da Sakura-"chan" pra Sakura-san- Olha...

-Essa... Sou eu? Por que tem uma foto minha?

-É uma história meio doida, sabe? E eu conheço você de outro mundo. Eu tirei fotos. Tem também o Gaara, o Neji e todo mundo daqui, usando essas roupas bizarras e fodas. 

-Nossa... É Photoshop?- a loira me olhou.

-NÃO! Eu posso viajar entre esse e outro mundo. Lá somos ninjas. Parece que eu e Sakura-chan nos conhecemos desde sempre e somos amigos e ela até cuida de mim quando tô doente... -eu ri- Já que lá eu não tenho família. Aí eu tirei fotos do outro mundo. -eu mostrei fotos da vila e até do Gaara Punk e elas ficaram confusas- Eu posso ver uma pequena raposa, de nove cal]udas. Ela é bem irritante e quando não falo com ela, el fica insuportável, por isso gostaria de avisar que quando eu estiver falando sozinho, é melhor fingirem não ver nada e...

-Você é doido?- Sakura me olhou.

-É um novo tipo de piada?- Hinata riu, toda tímida.

-Não. Olhem... -eu estendi a mão e me concentrei. De repente, uma bola azul de sei lá, acho que vento, começou a se formar na palma da minha mão e começou á arremessar tudo da mesa para os lados. Eu encolhi a bola e o vento também diminuiu.- "Por que não pensei nisso antes? Se elas souberem a verdade do que está acontecendo, não vou ficar com fama de louco com essas três... E assim, não preciso ficar ouvindo aquele bicho ficar desesperado pela minha atenção quando eu estiver com elas..."

-C-como você... -elas me olhavam espantadas.

-Esse é um dos meus ataques. Rasengan. -"Lembrei desse treco agora, e nem achei que ia funcionar. "- ri, fazendo a bola sumir-" Então isso é infundir chakra?"- olhei ao redor- "Será que mais alguém viu? Acho que não..."

-Que incrível... - a loira sorriu- Você é mági...

-Cala a boa, porquinha. -Sakura riu- Ei, ei. Esse treco aí... Pode matar?

-Por que pergunta?

-Queremos nos livrar daquela vaca ruiva.

-Não acho que possa ser possível. -"Meu deus! Elas querem matar a Karin!"- O que essa... Garota fez com, vocês?

-Derrubou de propósito uma bandeja cheia de comida grudenta e quente na Hinata. -Sakura bufou de ódio.

-E ainda disse que os olhos dela a incomodava. -Ino rosnou.- Que piranha...

-Ninguém mexe com a nossa pequena e a faz chorar e sai ileso...- a rosada bateu o punho na mesa- Quando a vermos de novo, não vou deixar sobrar um fio de cabelo nem da sobrancelha dela!

-Meninas, meninas...- Hinata sorriu- Eu já disse que está tudo bem... Ela não deve ser má pessoa, só...

-"EH... Não, Hinata... Minha prima é má mesmo...'- eu fechei a cara- Ela fez mesmo isso?

-S-sim... -a garota abaixou a cabeça- Mas foi no início da sema... 

-Eu mereço... -resmunguei, quando meu celular começou á tocar.- Alô?

-Naruto, sou eu.

-Iruka!- me levantei e me afastei da mesa- CARA POR QUE NUNCA LIGA?!

-Desculpe... Estive ocupado om a faculdade...

-Um ex-delinquente na faculdade... Quase não dá pra acreditar... E as namoradinhas?- eu ri.

-Que mané namoradinha, o quê! Eu queria saber se dá pra gente se ver amanhã, perto daquele restaurante que você sempre vai. Preciso de um favor.

-Desde quando eu sou um deus com templo e tudo, pra ficar fazendo desejo por miséria?

-Eu vou te pagar, é claro, né, idiota.

-Quanto?

-Isso você decide, quando eu disser o que quero.

-Então posso cobrar o que eu quiser?

-Te dou o que tiver no meu alcance.

-Ah, mas acho que nem rola. Levei bronca da Tsunade-no-obaachan e só posso sair daqui um mês?

-E desde quando obedece á diretora, Naruto. Vamos, cara. Preciso do meu irmãozinho.

-Olha... -eu diminui o tom da minha voz- Eu tenho planos pra hoje á noite. Se quiser, a gente pode se ver lá pelas duas... Naquele bar onde o Sasuke e eu saímos na porrada por que ele achou que eu ia dedurar o lance da festa do...

-Mas a festa do Deidara foi barra pesada mesmo... Sorte a de vocês eu ter chegado na delegacia antes dos seus pais. E se está falando daquele bar onde demos uma parada pra tomar um ar, eu lembro onde é. Te vejo lá, hein?

-Ih, seu mala. Vê se não fica bolado se eu me atrasar. -eu desliguei.- Desculpem. Era só um... - meu celular tocou de novo e eu me afastei, revirando os olhos- Alô...

-Naruto, sou eu. -a voz de Sasuke- Olha, rolou um problema. Parece que uma doida, bateu o carro no carro do Neji e agora eles estão discutindo aqui no sina á meia hora.. É foda mesmo. Agente vai tentar arrumar outro carro até de noite, mas agente não sabe se...

-O Neji bateu o carro?!

-NÃO! Uma doida bateu nele. O carro tava parado até. Eu só liguei pra informar, caso agente se atrase. Mas até lá, se preocupa com a chave da sala de segurança, que o Shikamaru e o Gaara já estão contatando aqueles imbecis pra dar um jeito no segurança. É como planejado. Começaremos á agir ás seis, então tenta conseguir a chave até lá, okay?

-Entendi, entendi. -eu resmunguei- Mas aí, tá todo mundo bem né? Essa doida não matou ninguém não, né/

-Não, que é isso... Só o Chouji que está com a espinha quebrada e...

-O QUÊ?!- ele começou á rir.

-Brincadeira, seu estúpido. Pega a chave.- ele desligou.

-O que foi isso... -Sakura riu- Duas ligações, uma seguida da outra.

-É... A vida de um capacho... -resmunguei- Quanto ao plano, não há muito o que vocês tenham de fazer, mas o Sasuke ligou e disse que houve um problema com o carro, e que vão tentar arranjar outro. Essa festa é mesmo importante, né?

-É o aniversário de uma amiga nossa. Ela tá tão animada que está se arrumando desde ontem, indo á salões e spas. -a loira riu.

-Nossa... Mas não vai ser tipo... Aquelas festas chatas e...

-Não. -a rosada riu- Os pais dela saíram e só voltam em alguns dias. Ela disse que vai ser A FESTA. Até alugou uma boate. Vai ter dj, bebida á vontade e tudo o mais... Mas é segredo. Só quem está envolvido está sabendo. 

-Hinata, já que você é prima do Neji, ele não vai tipo... Ficar no seu pé...

-Se ele vai, eu também vou. E se ele me dedurar, também deduro. -ela sorriu- Não vou faltar na festa de uma amiga. 

-"Isso com certeza vai sair dos trilhos."- eu terminei de comer rápido e me levantei- Bem, temos até as seis pra conseguir aquilo. Se não der, nada de festa hoje.

-Vamos conseguir!- as três falaram ao mesmo tempo.

-É isso aí!- ouvi aquela voz irritante- Com fé e determinação, todos vamos conseguir! Ou algo cliché do tipo. -ela apareceu montada na minha cabeça.

-Ah... Você veio pra me animar... -" Será que se eu..."- peguei meu celular e mirei a câmera naquele bicho e como imaginei, deu certo. Tirei uma foto- Meninas, olhem  isso.

-O quê?- elas amontoaram em mim e olharam a foto.

 

 

 


Notas Finais


Yo minna-san....
Esse foi mais um capítulo de MLM.
Espero que tenham gostado!
Kissus :V


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...