História My Little Rapmon - Capítulo 72


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Artes Marciais, Bts, Rap Monster, Romance, Violencia
Exibições 73
Palavras 3.367
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Fluffy, Hentai, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olha.. Essa foto aqui meus amores.. Alegra o meu dia💘! Tava tristona e a minha amiga tava mandando umas foto dos menino e então,quando bati o olhar na última foto que ela me enviou era essa. PUTA QUE ME PARIU!! ESSA FOTO É A CAUSA DAS MINHA DIABETE DE TÃO MARA QUE É😱😁💜!! Então meus amores esse cap tem o meu primeiro hot então,se eu fui péssima nisso ou não só vcs podem me dizer nos coments porque esse é o meu primeiro.. Vou rir muito o fazendo? Vou,mas vai ser por uma boa causa. Segura as mãos no lençol pra não cair e ter filhos que o chão porque.. Tenho certeza que cês vão amar algo que eu tava prometendo pelo menos para algumas pessoas ksksksksk. Ouçam a música Smoky Heart do Tvxq e depois a música Elvis Presley Viva Las Vegas!! E Vamos lá!!

Capítulo 72 - Capítulo 72- Emotions


Fanfic / Fanfiction My Little Rapmon - Capítulo 72 - Capítulo 72- Emotions

-É HOJE QUE NÓIS COMEMORA A VITÓRIA DO JINZINHO!- Falou V todo animado,eu ri e falei: 

-Para de me chamar de Jinzinho,eu não sou baixinho.- Nós andávamos até o bar,eram umas 7 da noite e odiava andar com esses.. Meus amiguinhos. 

Eu estava exausto! Queria dormir,ter paz e harmônia,mas certas PESSOAS não deixam eu fazer isso. 

-Tá bom.. Jinzão,pronto.. Tá feliz?- Eu levantei o cenho e disse: 

-Você quer morrer Jovem né V?- Ele sorriu e falou: 

-Quero,porque lá tem o melhor wifi do mundo e também porque ninguém vai me bater.- Eu reviro os olhos e ele ri. 

Estávamos á caminho do bar que ficava perto da casa de Alyssa. Estavam todos aqui menos Rapmonster,Suga,Jimin e Charlotte. Kim andava em meu lado com a sua mão segurando a minha,ela olhava para os lados apreciando a rua em que nós andávamos. Eu rapidamente tiro a sua piranha e seus cabelos caiem de forma deslizante e sedutora. 

Meu deus,quanto cabelo. 

-Ah! Jin! Devolve!- Falou Kim colocando as mãos na cabeça. Eu ri e disse: 

-Só se você parar de jogar fora as minhas cervejas.- Ela cruza os braços,eu ri e coloquei a piranha no meu cabelo: 

-Jinnhêê!..- Ela falou manhosa. 

No dia que rola o treco treco e ela gemer assim.. Acho que enlouqueço. 

O que? Eu não posso pensar nisso? Sou proibido agora? Gente só homem tá? 

Ela pulou,mas eu segurei sua cintura e disse: 

-Por que está com o cabelo preso? Eu gosto de você assim.- Ela me olhou e não desistiu da ideia de pegar a piranha. Eu ri e dei pra ela.- Tá,pode até usar mas não na minha frente.-  Ela sorriu e a gente começou a andar de novo. 

-V,você sabe aonde o Jimin se meteu?- Eu perguntei para o mesmo que estava brincando com a Naomi. Ele me olhou e disse: 

-Não sei,desde ontem ele não saiu daquele quarto.- Eu levantei o cenho.. 

Ué? Por que que ele não saiu do quarto até agora? 

Jin Pov's Off 

Jimin Pov's On 

 Acordei com uma dor de cabeça enorme,não atrevi a abri os olhos nem por alguns segundos. Estava de bruços e com a mão esticada tentava pegar o meu celular no criado mudo,bati a mão na gaveta e depois com o tempo descobri que tava um pouco mais pra cima. 

OHH TROÇO DO INFERNO! 

 Peguei o telefone com o toque de Chris Brown Little bit. Eu me sentei na beirada da cama com a coberta em minhas pernas,ajeitei o meu cabelo duas vezes e atendi o telefone com uma cara nada agradável.. 

Será que era o Namjoon de novo? 

Ligação On

Jimin: Alô?- Falei com uma voz cheia de sono: 

 V: Oi Piranha,dormiu bem?- Ah,tinha que ser o V pra me chamar assim. Rolei os olhos: 

Jimin: Ah,oi Naja.. Como tá a vida aí no inferno?- Ele riu: 

V: Tá maravilhosa! Sabia que eu conheci o Hitler aqui na área VIP? Ele cortou o bigode e ta ma-ra-vi-lho-so!- Revirei os olhos novamente: 

Jimin: Ahhh V! Você me ligou pra que hein? Fala logo! O que você quer?- Falei impaciente: 

V: Eta,calma mona! Hahahaha! Tá parei. O motivo da ligação é pra saber se você está vivo,por que não saiu do quarto até agora?- Quer que eu seja sincero.. 

Eu não lembro.. Como eu não lembro do que houve ontem? 

Jimin: Não sei,eu acordei agora.- Ajeitei o cabelo e olhei para o chão: 

V: Ah ta,é porque o Jin venceu na competição de cozinha aí a gente tá andando a quase uma meia hora pra ir pro bar,mas tátudo beleza. Você vem? 

Jimin: Vou,vou sim.. Tae? 

V: Humn? 

Jimin: Que música é essa que tá tocando aí? 

V: Ah! A gente chegou! FINALMENTE! É do TVXQ Smoky Heart. 

Peraí.. Isso me lembra alguma coisa.. 

Jimim: Ah ta. To indo pra aí. 

V: Okay Minie!- Ele falou o meu apelido! SÓ AGORA ELE FALA ESSE VIADO! 

 Jimin: Tá bye. 

V: Bye.. 

Ligação Off 

Botei o celular em meu lado o bloqueando,depois comecei a pensar. 

Aquela música.. Me lembrava algo sobre ontem á noite.. Tenho certeza. Ele me lembrava de algo que eu sentia,ou melhor,do que eu senti ontem. 

MAS QUE PORRA QUE ACONTECEU AQUI?! 

Eu olhei para os lados e tinha roupas nossas ou até íntimas no chão. Eu segurei o lençol e olhei para baixo. 

Amigão! O que você tá fazendo fora da sua "Casinha?".. Hãn?.. MEU DEUS O QUE VOCÊ TÁ FAZENDO FORA DA CASINHA?! 

Eu olhei para trás e vi Charlotte dormindo.. 

SÉRIO MESMO QUE ISSO ACONTECEU?! 

Flashback On 

-Jimin.. Tá doendo..- Charlotte reclamou em meu ouvido,de uma forma ofegante. Sentia que as suas pernas em minha cintura não iam aguentar por muito tempo. Ela estava prensanda na parede.. 

Bom,vou ser mais específico.. A gente tava tendo um traco traco no quarto.. Pronto. 

-Calma,só se acostumar okay?- Ela assentiu e eu comecei a beijar o seu pescoço. O meu coração batia de uma forma sem igual,ele pulava,saltitava por emoções desconhecidas e totalmentes fortes que chegavam a me fazer infartar. 

Eu sentia que estava sendo preenchido por algo,estava definitivamente completo. 

De repente eu sinto ela rebolar em meu membro,fazendo com que eu arfasse. Sorri com isso e a ajeitei em meu colo,começando com os movimentos de forma lenta para a mesma se acostumar,ela mordeu os lábios como se quisesse conter um gemido. As estocadas eram lentas mas ao mesmo tempo prazerosas,ela gemia baixo enquanto eu tentava controlar a respiração que estava abafada. Coloquei a minha testa em seu ombro e aquilo estava sendo.. Sei lá.. Sendo.. Bom. 

Eu não sabia,mas sentia que queria mais daquilo. Queria sentir com uma frequência mais rápida e satisfatória.. Não aguentava mais aquela lentidão. 

Charlotte gemia porém baixo,para que só eu ouvisse. Eu apalpei o seu seio esquerdo e tentei relaxar mais o seu corpo,ela arfou e isso me fez ficar satisfeito. 

DEUS,COMO O EX DELA AQUELE BABACA DE MERDA TEVE CORAGEM DE DEIXA-LÁ? ELA É UMA MULHER MARAVILHOSA! 

Ela segurou o meu cabelo de uma forma suave,e a sua mão deslizou até a nuca. Meu coração teve dois minutos para descansar,mas algo faz com que eu perdesse o controle das minhas ações: 

-Jimin.. Mais rápido.. Por.. Favor..- Sua voz estava fraca e excitada como se tivesse passando por algum tipo de tortura lenta. 

Acredite,isso me despertou algo que estava guardado lá no fundo do meu coração. Eu a ajeito e a levo até a cama,Quando nos deitamos a frequência das estocadas aumentou.. 

Deus aquilo era ótimo.. 

Eu parava algumas vezes e olhava profundamente em seus olhos,ela ás vezes me olhava mas sempre quebrava contato comigo. Eu segurei seu queixo e disse brincando: 

-Quero atenç-ção..- Falei enquanto gaguejava. 

Lá no fundo eu sabia que se ela me encarasse por muito tempo,eu iria corar e afastar o seu olhar do meu. Por um tempo tendo aquelas estocadas fortes e rápidas,nós acabamos tendo um orgasmo. 

Aquele sentimento se apagou e senti só o líquido quente sair de dentro de mim. Eu dei mais algumas estocadas e depois que eu me senti mais aliviado.. Eu simplesmente parei.. 

Eu não queria ter parado! 

Eu me deitei em seu lado e por mais palavras que eu tivesse na ponta da língua ainda sim,acabei apagando completamente. 

Flashback Off

Tá.. Agora sei o porque dessa música ter me feito lembrar de lembranças agradáveis. 

Porque.. Eu pensei nela durante os meus atos. 

Estava com as mãos no rosto.. 

Gente,acho que eu vou morrer.. Se aquele Ex dela descobri que eu tirei a virgindade dela.. EU VOU MATAR ELE E O FAZER ENGOLI O VENENO DO TAE.. Quer dizer.. Ele vai me matar. 

Tirei as mãos do rosto e olhei para trás,fui até ela e a vi dormindo de forma tranquila. Não queria acorda-lá,se pudesse eu ficaria a observando durantes umas..10 horas inteiras. Ela deu um suspiro e beijei o seu pescoço: 

-Hãn? Minie?- Ela falou cheia de sono. Eu sorri e disse: 

-Não,sou o Mickey Mouse.- Ela riu e eu a beijei na testa: 

-Por que me acordou?- Ela coçou os olhos: 

-O Tae me ligou e disse que nessa manhã o Jin venceu num desafio culinário,então eles estão num bar agora comemorand e ele disse pra gente ir lá.- Ela me olhou e falou: 

-Hum.. Tá! Com tanto que tenha Whisky,eu vou.- Eu ri. 

Ela amava beber de vez em quando. 

-E se não tiver eu faço ter.- Falei brincalhão. Eu estava com o humor á flor da pele,me sentia feliz e aliviado: 

-O que.. Essa tatuagem significa?- Ela falou enquanto olhava para o lado esquerdo do meu abdômen: 

-Significa bela juventude em chinês. Quer dizer o fim da infância e o começo dos 20. É só pensar numa flor ao desabrochar,ela fechada significa o desenvolvimento infantil e jovem e quando ela desabroxa completamente virando uma flor,significa o fim disso e começa uma nova evolução.- Expliquei,ela me olhou e falou: 

-Fascinante! Quem fez? Por que pensou logo nessa?- Eu olhei para baixo corando,eu não gostava quando faziam contato comigo por muito tempo: 

-Foi o Kookie que fez. Ele sabe desenhar além do papel,tanto que ele seria um ótimo tatuador. Pensei justamente nessa tatuagem porque,já tenho 20 anos e.. Queria fazer algo que me lembrasse a infância.- Ela apertou as minhas bochechas e disse: 

-Ahhh,this is so cute!- Ela falou enquanto sorria,o seu sotaque inglês era o melhor! Corei e disse: 

-I'm not flufly! I'm trying to be sexy okay?( Eu não sou fofo! Eu to tentando ser Sexy okay?)- Ela riu e disse: 

-Ah! Você melhorou no inglês!- Ela disse empolgada e cheia de orgulho: 

-Claro,é você que me ensina todos os dias.- A gente riu e depois a beijei novamente: 

-Tá ainda disposta para o segundo round?- Falei malicioso depois beijo. Ela riu e disse: 

-Com prazer.. Mas tem que ser rápido se não a Julie irá reclamar até o amanhecer.- Eu a coloquei em meu colo e disse:

-Vai ser rápido prometo..- Ela ri e eu a beijo já comecendo o segundo round. 

Ahhh mas o Tae e os outros iriam esperar.. 

Jimin Pov's Off 

Julie Pov's On

 Eu olhava para o líquido em minha frente,com uma cara de tédio. A ponta do meu dedo rodava a boca do copo,fazia isso várias e várias vezes tentando pensar em o que fazer. Todos foram pedir a comida no balcão,já que aqui não vendia só bebida alcoólica. Eu me abracei e comecei a esfregar meus braços com um pouco de frio,depois sinto um braço envolver o meu corpo e vi que era o Jeon: 

-Tá com frio?- Ele perguntou enquanto me olhava,eu assenti. Ele chegou com seu corpo juntando com o meu e botei a cabeça em seu peito.- Por que tá com essa cara?- Ele perguntou mais uma vez: 

-Porque eu não quero beber iss..- Ele tirou o copo das minhas mãos e bebeu. 

PORRA JEON! ISSO É CERVEJA E NÃO ÁGUA GELADA PRA VOCÊ BEBER TÃO RÁPIDO ASSIM!! 

-Pronto.- Ele falou depois de colocar o copo na mesa: 

-Jeon,você não bebe.. 

-Agora eu bebo.- Ele me olhou e eu tinha entendido a referência. 

Ele bebeu só porque eu não quis.

-Não deveria ter feito isso,é perigoso pra um organismo que não é acostumado com o álcool.- Eu falei preocupada,ele sorriu e disse:

-Eu sei,mas eu não bebo. Já bebi mas só quando me ofereciam,pelo menos um copo. Só fiz isso porque tenho certeza que foi a Kim que te deu,você também não bebe.- Comeu uma das batatas com cheedar e eu olhei para baixo,logo em seguida olhei para a sua mão que estava em meu ombro direito. A mesma estava aspera significando os calos,ele esfregou o meu braço para cima e para baixo,e isso me chamou a atenção. Eu o olhei e o mesmo disse me dando um refrigerante: 

-Toma,beba algo que pelo menos não te deixe incosciente.- Eu peguei a lata que estava em suas mãos e bebi o líquido.

 Ele era muito fofo,mas ainda assim não precisava me tratar como uma princesinha. 

-Divide comigo.- Eu falei enquanto estendia o canudo para ele,fiz uma cara fofinha como se eu fosse uma criança e quisesse que o pai aceitasse o meu presente. Ele bebeu e eu sorri,mas de repente ele me dá um selinho. 

CARACA APROVEITADOR DE BOCAS ELE NÉ? 

-Ahh idiota! Se não queria beber deveria ter falado.- Ele riu e começamos a comer,depois os outros voltam para a mesa e ficamos conversando. Quando eu ficava muito quieta,o Kookie sempre tentava me animar o que eu achava extramamente fofo. Depois ouvimos um barulho alto de microfone. 

-Porra! Isso é o que? Falsete da Mc Melody?- Reclamou Jin enquanto colocava as mãos no ouvido. Olhamos para frente e..

Eu não acredito que ele fez isso.. 

Julie Pov's Off

Alyssa Pov's On 

 -Suga? Mas o que você tá..- Por que que a gente logo esccolheu a mesa da frente? E.. 

POR QUE ELE ESTÁ LOIRO? O QUE QUE TÁ ACONTECENDO SENHOR?! 

-Eu? Só to fazendo algo que eu gosto,que é impressionar alguém que eu amo.- Ele falou no microfone pra todo mundo ouvir,enquanto ia para a nossa mesa.  

CADÊ O BURACO DA ALICE DO PAÍS DAS MARAVILHAS PRA ME ENFIAR?!! 

Okay.. Alyssa se acalma.. Analisa a situação. Primeiramente o Suga tá muito gostoso loiro,segundo por que ele está vestindo um terno estilo anos 70? Terceiro.. 

Ah cara não sei..

 O microfone era do estilo dos anos 60,tanto que era um fio grande e bastante flexível. Ele chegou na mesa e eu falei: 

-Ah,mas precisa fazer isso em público?- Falei com vergonha: 

-Preciso,se não o amor não seria algo exposto. To certo?- Perguntou para a plateia. Todos falaram "Sim". 

Ohhh Alice.. Se você não vier com a minha toca do coelho.. EU JURO QUE EU ENFIO AS CARTAS DA RAINHA DE COPAS NA SUA GUELA!! 

-Você não tem nada pra fazer mesmo né? Comeu mingau com orégano?- Ele riu e disse: 

-Tomei e ainda repeti. É bom sabia?- O público riu.- Mas enfim,deixa eu fazer o show aqui.. 

-Suga não pres.. 

-Bright light city gonna set my soul,gonna set my soul fire.- Ele foi até o palco cantando a música do Elvis Presley Viva Las Vegas.. 

Puta que pariu. 

Fire,isso Suga.. Vai fazer o bar pegar fogo porque do jeito que você é já fez a cozinha lá do apartamento queimar duas vezes. 

Olha,eu vou matar esse menino quando ele sair do palco. Eu estou pouco me fudendo se ele é um bandido ou não,só quero que ele vá pro céu.. 

Não,ele vai queimar tudo lá em cima hahahahaha! 

Got a whole lot of money that's ready to burn 

So get those stakes up higher 

There's a thousand pretty women waitin'

Out there

And they're all livin' devil may care 

And i'm just the devil with love to spare 

PORRA SUGA AQUI NEM É LAS VEGAS PRA VOCÊ CANTAR O REFRÃO!! 

Era até fofo ver ele dando alguns passinhos do Elvis,ele cantando em inglês com a sua língua que era levemente presa,sua voz estava engraçada e além disso,era realmente muito fofo ver ele quase caíndo duas vezes no palco quando errava alguns passos. 

Acho que ele fazia de propósito para o público rir. 

Tae ria que nem uma hiena,quase tendo um infarto e ainda por cima,escorregava do banco.. Gente,esse menino vai morrer. 

Depois de um tempo tocando aquela música,eu ria algumas vezes quando ele quase caía. Ele falava o inglês com o linguajar bastante avançado parecendo um fluente,ele olhava pra mim algumas vezes mas sempre que isso acontecia ele corava. 

AI MEU DEUS MUDEI DE IDEIA,NÃO QUERO MATAR ELE NÃO.. QUERO GUARDAR ELE NUM POTINHO! 

E quando menos percebi a música já tinha acabado. Ele se curvou e agradeceu,depois piscou para mim de forma discreta e saiu. 

Deus,eu corei com isso. 

-AHHH! Alguém me ajuda!- Nós olhamos pro V e a gente viu ele no chão. A gente riu e o Jungkook o ajudou a se levantar: 

-Olha,depois dessa eu só sei que o mundo tá entrando em ruinas hein.- Tae falou enquanto limpava as lágrimas de tanto rir:

-Vou lá falar com ele,e se ele não voltar vocês já sabem o porque.- Falei enquanto me levantava. Fui até os fundos. 

Quando eu era criança,minha mãe me trazia aqui. Ela trabalhava neste bar e eu a ajudava a servir os clientes,por isso todos me conheciam daqui. Fui para o corredor onde tinha vários quartos. 

Sim,pessoas transavam aqui,mas enfim..

 Subi as escadas e agora sim estava nos camarotes certos. Abri uma das últimas portas da direita e lá estava ele,brincando com os seus anéis. Ele olhou para o espelho e saiu do transe. Virou a cadeira de encontro a minha pessoa e disse sorrindo: 

-Bem vinda,tenho certeza que quer um autógrafo não?- Eu sorri e disse achando graça: 

-Não é que.. 

-Quer sim que eu sei,vamos entre.- Que que ta aconteceno? Eu fechei a porta e de repente quando me viro ela me beijou. 

Eu não to entendendo mais nada. 

Depois que ele parou eu disse: 

-Só me diz uma coisa antes de ir pro céu,por que fez isso?- Ele riu e falou: 

-Porque eu tava com vergonha de te convidar pra sair por isso eu fiz essa vergonha alheia.

-Não precisava.- Falei corando.- Como sabia que eu gostava do Elvis? 

-Na verdade eu não sabia,agora eu sei.- MEU DEUS HAHAHAHA!- Vai querer o autógrafo ou não?- Eu ri e disse: 

-Tá,dá logo isso aí.- Ele sorriu e falou: 

-A assinatura é surpresa então.. Fecha os olhos.- Eu os fechei e quando menos percebi,eu senti o meu pescoço ser preenchido por algo. Eu abri os olhos e.. 

-Ué mas,esse não é o cordão que eu uso? Como você.. 

-Eu achei ele lá debaixo da pia. Depois que o idiota do Jonathan quase te matou,ele tinha arrancado o fecho aí eu concertei.- Era um potinho de açúcar e agora o proprio açúcar dentro do mesmo estava com a cor azul piscina,e na tampinha tinha um papelzinho de prata preso nele escrito Suga. 

Pronto,falei mais detalhadamente. 

Eu ajeitei aquele terno dele e falei: 

-Por falar hein Jonathan,o que aconteceu com ele?- Ele me olhou e falou com a maior naturidade do mundo:

-Simples,ele morreu.- Hã?: 

-Como assim ele morreu Suga? 

-Ué,a Black Friday do inferno levou ele com 90% de desconto. Tá sentado lá no colo do capeta agora.- Ele falou com a maior naturalidade do mundo,ele tirava a sujeira da unha com o dedão enquanto a outra mão estava no bolso:

-Ele morreu atropelado?- Eu perguntei e ele me olhou: 

-Hãn..- Sorriu.- Quem dera,mas não.- Hãn? Mas o que que tá havendo gente? OHHH LERDEZA DÁ UMA PAUSA AE! 

Eu ia perguntar algo á mais sobre isso,mas a porta bateu e resolvi deixar esse assunto de lado. Suga abriu a porta e viu a galera lá esperando a gente.. Até o Jimim e a Charlotte estavam. O Tae chega e fala como se tivesse num jornal ao vivo: 

-Bom,como podemos ver agora á pouco.. Suga o cantor mais famoso de toda Nova York,acabou de abrir a porta pra gente. Suga,eu soube que você chupou uns cu por aí,e queria saber como é a sensação de receber tais presenças em sua residência.- Todo mundo riu,o Tae colocou a mão fingindo que era um microfone na frente de Suga: 

-Então,já que você citou tal boato sinto lhe dizer que você é uma dessas presenças,mas a "Mídia" Não precisa saber disso.- Tae sorriu e depois falou mudando de assunto: 

-Já está com alguma música em mente?- Então Suga respondeu: 

-Sim,e as 5 estrofes,versos e anotações irão de encontro com a sua cara como essa mão aqui,tá vendo? Por isso a música se chama "Quebrando a cara do Tae."- O Tae para e olha pro Jeon: 

-Bom iremos voltar para a programação normal e eu sei que quando voltarmos,eu irei estar na esquina vendendo banana prata enquanto eu corro. #Nóiscorre.- Suga riu e disse enquanto abraçava o Tae de lado: 

-Vamo bora logo que a nossa carona chegou.- O Tae falou: 

-É uma limusine com ar condicionado?- O Suga olhou pra ele e falou: 

-Não,mas tem ar condicionado.- Ele assentiu feliz e fomos pagar a conta no balcão. 

Tinha que ser o Suga mesmo,mas.. Como assim Jonathan morreu? Ah,deixa pra lá! O importante é que eu amei a coloração do pingente.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


O link da música legendada está aqui em baixo,para quem tem computador será mais fácil e.. Eu achei esse canal hoje e tem algumas músicas Tvxq legendadas que eu amo blz💙!! Dão uma passadinha lá se quiserem tem umas música maneira lá!

https://m.youtube.com/watch?v=lb_lRV6q4p0

Gente espero que tenham gostado e man.. Amei o Suguita de Elvis,eu apoio a volta disso e ocês😻? Gostou comente e até a proxima amorecos ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...