História My live - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Romance
Visualizações 150
Palavras 1.079
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ei gentee eu ando com pouco tempo pra postar os capítulos ... Sorry
E brigadu pelos comentários

Capítulo 5 - Você?!


Fanfic / Fanfiction My live - Capítulo 5 - Você?!

Anteriormente em my live :

– ok, você venceu ! Agora é guerra !!

- ieiiiii – disse quase borrando o meu batom – ops... Riri foi mal

Acenei negativamente pra ela.

- tata agora vamos logo, quero manter esse assunto longe da minha mente e beber todas hoje ! – disse animada

Talvez essa guerra seja interessante

Penso saindo pela porta......

Agora :

Pov's Adrien

- Eu não acredito você Adrien agreste foi negado kkkk cara você é hilário kkkkk – diz nino rindo da minha cara

- ria da minha desgraça ! Que belo amigo eu tenho em !- digo entre dentes

- ok, ok foi mal, mais quem é ela?

- pra ser sincero não faço a mínima ideia – digo me sentindo um idiota .

- e você vai lá e beija ela ? Você é louco ? – disse loco depois rindo em seguida

-To começando a me arrepender de ter contado pra você . – digo com raiva

- tah vou ser legal dessa vez . mudando de assunto meu caro amigo!

- lá vem merda – digo balançando a cabeça negativamente

- é Isso que você pensa de mim ?!

- nino já falamos sobre isso , a única coisa que presta em você é a coragem mais o resto é só ideia ruim – digo me lembrando das incontáveis vezes que ele nos colocou em problemas .

- não é pra tanto cara ! Dessa vez é coisa boa – disse

- ta no carro você fala, temos uma festa pra ir se você não se lembra – digo saindo de casa indo em direção a garagem .

- verdade ! Tinha esquecido hehehe – disse coçando a cabeça

- só você nino, só você – digo entrando na Ferrari

- Bem mais voltando ao assunto principal ...

- o que ?

- preciso de ajuda pra fugir da lily – disse com cara de medo

- pensei que você era apaixonado por ela , Bem pelo menos pela bunda dela

- aconteci que eu não sou tão louco assim ! A garota é loca, eu curto uma foda boa mais compromisso não é meu caso cara ! Ela chego perguntando de relacionamento e eu tipo “ que ?!” – disse com cara de quem quase morreu

Essa foi minha deixa pra rir

- e eu achando que tava na pior cara você merece um prêmio ! – digo com dificuldade ainda rindo

- cala boca, pelo menos a garota tá louca por mim diferente de você que ta louco por ela – disse o que me dez parar de rir

Essa era a pura verdade bem la no fundo eu sabia, mas por enquanto não sou obrigado a nada .

Hoje eu quero esquecer de tudo e curtir ! Sem pensa em marinette. Sem empresa. Sem marinette e sem marinette. Quem eu to querendo enganar eu to parecendo um louco agora , eu quero tanto ela em minha cama, e isso faz eu perder completamente o resto de controle que eu tenho .

Isso é ruim , muito ruim

Chegamos em frente a boate dei minhas Chaves ao carinha que foi em direção ao estacionamento ( aut: gente não faço a mínima ideia de como Se chama essa profissão ) e andei com nino ao meu lado já escutando os gritos histéricos das mulheres ao redor. O que fez com que nino fica se totalmente energético.

- é hoje que eu passo rodo cara ! E você vai junto ouviu ?! Não vou deixa meu amigo – disse chegando e sussurrando em meu ouvido – sofrer por pela primeira fez ter sido negado – diz logo tendo uma crise de risos

Mais não me abati depois de ver quem estava vindo em nossa direção.

- você deveria cuidar de seus próprios problemas. – digo sorrindo e ele me olho desentendido e logo depois apontei pra figura feminina vindo em nossa direção.

O nino literalmente ficou Branco e começou a suar frio.

- cara você tem que me ajuda a sai dessa – disse (lê-se gritou ) desesperado

- é só você fala pra ela que já tá em outra idiota

- não é tão fácil assim! Ela é louca . – disse

- ok.. E... – antes que eu pudesse terminar de falar acabo trombando em uma figura feminina . resultando que eu segura la por sua cintura mas não conseguia ver seu rosto por estar abaixado

Quando ela ergueu o olhar eu pude ver ..

Era ela

Ela me olhava um tanto surpresa e envergonhada pela forma de como estávamos próximos devo admitir vê-la corada é um tanto atraente o que me deixa ainda mais louco por ela e foi então que ela finalmente abriu a boa :

- você?!

É eu definitivamente estava perdido se dependesse de mim ao lado dela. Foi inevitável não sorrir pela tentativa falha dela de parecer seria , o que pareceu irrita-la.

- cof cof desculpa atrapalhar o casal cara você tem que me ajudar ela ta quase chegando aqui – disse nino sendo inconveniente como sempre

- relaxa nino, eu já disse é só falar que você não quer mais nada com a lily simples ! – digo soltando marinette logo em seguida e um prevê desculpa saiu em seus lábios só que antes que eu pudesse voltar a ela, percebo uma morena ao lado de nino que acaba interrompendo .

- perai lily ? A vadia? – disse um tanto alterada

- se você colocar dessa forma é ela de certa forma – digo antes de nino

- conte mais !

- então previamente, eu me envolvi com ela por alguns meses, mais ela não quer sai do meu pé – disse nino

- então deixa eu ver se eu entendi , você ta tentando se livra dela ? – pergunta marinette

- exatamente !

- então a alya aqui vai adora ti ajuda – disse ela se virando pra tal alya

- por mim tudo bem – diz ela com um sorrisão diabólico

Os olhos de nino brilharam em agradecimento . ele e alya foram em direção ao bar pra falar mais sobre o tal “ plano “ deixando eu e marinette sozinhos .

- É vai ser uma longa noite ..... – disse

- concordo plenamente – revidou ela com as mãos em sua têmporas

- olhe pelo lado bom, pelo menos eu não sou o único a ter um amigo problemático

- devo admitir, alya não é uma pessoa centrada – diz

O que fez nós dos olharmos um pro outro logo caindo em gargalhadas é parece que tínhamos algo em comum no fim


Notas Finais


P. S. : vou começar a lançar novos cap acada 6 dias ok 👌


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...