História My Lost Angel - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Monsta X
Personagens Personagens Originais, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Sobrenatural, Tae, Taehyung
Exibições 108
Palavras 1.771
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem!! <3

Capítulo 10 - Welcome Back


Fanfic / Fanfiction My Lost Angel - Capítulo 10 - Welcome Back

Todos aplaudem quando Taehyung termina de falar, vou junto com o Yoongi até onde o maior está, nos curvamos e agradecemos pelo tempo cedido.

— Parabéns, foi uma das melhores histórias que já escutei — Ela sorri doce, olha para mim e para o Suga e pergunta — Vocês são irmãos?

— Não — Falo franzindo o cenho — Somos apenas amigos, por quê? — Pergunto curiosa.

— Achei vocês parecidos — Olho para o Suga e nos encaramos por um momento e voltamos o olhar para a professora — Isso não importa — Ela levanta e faz sinal para segui-la.

Voltamos para a sala de aula, avisto o grupinho do Sehun cochichando algo e logo param quando nos veem entrando. Vejo o Hoseok e Jimin se entreolharem.

— Eles estão planejando alguma coisa — Hoseok fala baixo para o Jimin baixinho, mas ainda assim acabo escutando.

— Jungkook peça para o Jin e o Namjoon nos encontrarem no ginásio — Jimin diz para o menino e o mesmo saí correndo de lá.

— O que está acontecendo? — Pergunto sem entende nada.

— Nada, não se preocupe — Tae diz tentando me tranquilizar.

Assim que o sinal toca, Sehun e cia saem da sala rápido, quase que correndo.

— Yoongi fique com a Yumi enquanto vamos falar com os hyungs — Hoseok fala quando vê Jungkook na porta os chamando.

— Está bem — Suga diz e segura em minha mão — Vamos pequena?

— Isso está muito estranho — Olho para os meninos — Eu sei que vou ser obrigada a ir mesmo, então não adianta nem discutir.

— Boa menina — Jimin bate no topo da minha cabeça de leve.

— Eu ainda vou arrancar sua língua, Park Jimin — Saio puxando o Yoongi para fora da sala.

 — Calma pirralha, lembra que eu sou a preguiça em forma de gente? — Ele diz me segurando pelo braço me fazendo parar.

— Aigo — Largo meu braço de sua mão e o encaro — O que estão escondendo de mim?

— De você? Nada.

— Eu não nasci ontem, Suga.

—  Menina chata, está parecendo o Jin quando fica sem comer — Reviro os olhos e caminho devagar e logo o mais velho se junta a mim — Yumi vamos para o jardim?

— Vamos, eu gosto daquele lugar.

Vamos para o jardim em silêncio, apenas trocamos alguns olhares no caminho.

— Você lembra minha irmã — Yoongi fala quebrando o silêncio quando já estavamos finalmente no jardim.

— Eu não sei o que falar — Baixo a cabeça — Como ela era?

— A Yumi era assim perturbada que nem você — Ele levanta minha cabeça e sorrir — É estranho falar o nome dela perto de você, porquê acabo imaginando coisas... impossíveis.

— Impossíveis, como assim?

— Eu fico imaginando que ela ainda está viva!

— Como foi que ela? — Pergunto e me arrependo na mesma hora — Desculpe.

— Não precisa se desculpar pirralha.

— Por que gosta tanto de me chamar assim?

— Sei lá, acho que é porque você resmunga muito — Ele fala dando de ombros.

Sento em um banco, não demora muito e o Suga deita nele e coloca a cabeça em meu colo.

— Tem certeza de que só tem 20 anos? — Pergunto enquanto bagunço seus cabelos.

— Que engraçadinha você — Fala tirando minha mão de seus cabelos e sorrio quando começa a brincar com ela.

— Por que ainda estuda na mesma sala que eu, então?

— Eu entrei tarde na escola, minha mãe ficou muito mal quando minha irmã... você sabe — Suspiro e afago sua cabeça — E tivemos que nos mudar para cá.

— Pensei que fossem daqui, onde vocês moravam?

— Em Busan — Fico meio intrigada, mas logo deixo para lá — Que merda, temos aula de educação física.

— Eu odeio educação física.

— Somos dois — Ele levanta e senta ao meu lado — Acho melhor irmos indo, temos que nos arrumar ainda.

— Está certo, então vamos.

Saio de lá com o garoto e vamos até os vestiários me despeço dele e entro no local, vejo algumas meninas me olharem com cara de nojo para mim, baixo a cabeça enquanto passo por elas e encontro a Jennie.

— Onde você estava, eu procurei você por todo canto — Jennie fala ao me ver — O que você aprontou?

— Como assim? Eu não fiz nada — Digo enquanto pego as roupas do uniforme de educação física em meu armário.

— O D.O estava procurando você, escutei ele e o Chen dizendo que tinham que achar você — Viro para ela, a olha espantada.

— Acho que você ouviu errado Jennie — Ponho minha roupa e saio do vestiário com a maior.

— Não vai tirar o colar? — Seguro em meu colar forte — Pode acabar quebrando, escuta o que eu estou dizendo. Toda vez que eu participava da aula com algum colar ele quebrava.

— Vou ficar com ele, não o tiro para nada — Chego à quadra e avisto logo os meninos e puxo a Jennie junto comigo caminhando até eles.

— Onde você está me levando sua louca?

— Para perto dos meninos — Falo ainda puxando ela.

— O Hoseok está lá né? — Ela pergunta corando.

— Sim, olha ele ali — Olho para ela com os olhos semicerrados e sorrio — Aproveita amiga.

Rio e chego até os meninos, olho para Taehyung e tenho certeza que coro na mesma hora.

— Oi meninos — Jennie fala timidamente.

— Olá bela dama — Hoseok fala rindo alto.

— Não vem com essa história novamente J-Hope — Jennie diz irritada.

Vou para perto do Yoongi, cruzo meu dedo mindinho no dele e vejo ele sorrir.

— O que foi Yumi? — Ele pergunta baixinho só para mim ouvir.

— O D.O e o Chen estavam a minha procura — Falo perto de seu ouvido — Estou com medo, já basta o Kai e o Sehun, agora eles também.

— Não precisa ter medo, eu estou aqui com você pequena — Ele me puxa para perto dele e me abraça — Você não está sozinha.

Fico sem saber o que falar e apenas sorrio, volto minha atenção para os outros quando escuto eles rindo.

— Por que estão rindo? — Pergunto aos meninos.

— Olha — Namjoon aponta para o J-Hope pendurado na corda pelo pé de cabeça para baixo e a Jennie balançando ele de um lado para o outro.

— Meu Deus, você vai machucar o Hope, Jennie — Corro até eles, tiro ela de perto dele e faço com que ele pare de balançar — Você está bem?

— Estou bem por sua causa, porquê se minha vida fosse depender dessa maluca, eu estaria ferrado — Ele fala enquanto sai da corda.

— Vamos começar a aula, venham para o centro da quadra e façam uma fila — Berra o professor.

Fazemos a tal fila, acabo ficando ao lado do Chanyeol, fico gelada ao sentir a mão dele em minha cintura.

— Não precisa se assustar eu não vou fazer nada com você — Ele diz perto do meu ouvido — Tire seu colar, agora — Fico sem entender e tiro a mão dele de minha cintura.

— Façam três times e vão para um lugar da quadra.

Fico perto dos meninos e puxo a Jennie junto. Caminho junto com eles até um dos cantos da quadra e esperamos o professor dar outra ordem.

— Agora corram e peguem as bolas no meio da quadra e acertem uns nos outros até alguém desmaie... quer dizer até apenas um time restar.

Todos começam a correr atrás das bolas, menos eu, apenas fico encostada na parede longe daquele monte de gente. Vejo o Chen olhando para mim com uma das bolas em sua mão, desvio rápido quando ele arremessa uma delas com toda força em mim.

— Você está maluco? — Grito para ele e jogo a bola no meio de seu rosto, ele berra por conto da bolada e saio correndo de perto dele.

— Yumi acho melhor você prender seus cabelos — Taehyung fala correndo até mim — Quer ajuda?

— Não precisa eu prendo ele sozinha — Começo a arrumar meus cabelos e sinto algo prender neles, quando vejo percebo que o colar estava preso neles — Aigo, Tae me ajude por favor.

 — Ajudar com o que? —  O mais velho pergunta se aproximando mais.

— Meu colar prendeu em meu cabelo, pode tirar? — Vejo ele se afastar, negando com a cabeça — Então eu me viro.

Começo a tirar os cabelos, mas acabo prendendo mais, começo a me estressar e puxo o colar com força e acabo o derrubando no chão e ele se quebra. Uma luz forte sai dele, sinto minhas pernas fracas e caio de joelhos com toda força no chão e começo a ficar sem ar.

— Yumi! — Escuto os meninos gritarem em um único som e correrem até mim.

— E-eu não cons-consigo resp-respirar — Falo com dificuldade e seguro em meu pescoço.

Vejo o meu colar se destruir por inteiro e uma forte onda de energia é liberada, emanando poder por todo pátio, algo tão forte que carregou a atmosfera com o que parecia ser magia, como nos livros que lemos quando criança. Finalmente consigo respirar bem novamente e tento me levantar cambaleando um pouco. Observo os meninos se entreolharem e os vejo sorrirem.

— É ela... Yoongi é ela mesmo — Taehyung berra para o mais baixo.

— Os olhos dela estão lilás de novo, hyung — Jungkook diz ao Namjoon.

— Temos que tirar ela daqui, agora — Namjoon fala alto me olhando com um olhar de preocupação.

Vejo algumas pessoas correndo assustadas ao perceber do que se tratava me espanto e berro para os meninos.

               — Por que os olhos deles estão pretos? — Pergunto desesperadamente.

— Que merda, Tae temos que tirar ela daqui agora — Jin diz rápido.

— Não adianta mais tentar esconder ela de nós anjinhos — Sehun fala em um tom de voz assustador.

— Peguem ela agora — D.O ordena e eles começam a se aproximar mais de mim.

Olho assustada para todos, já não estava entendo mais nada. Do nada vejo o Chen perto de mim e grito por ter me assustado.

           — Saia de perto dela agora — Nam diz e ergue a mão, logo mexe ela e olho o Chen ser arremessado até a parede do outro lado da quadra.

— Desgraçado — Kai berra, olha nos olhos do Namjoon e aperta a mão forte, fazendo o mesmo cair no chão e gritar de dor — É melhor vocês entregarem ela agora, se não...

 — Se não o que? — Pergunta Jungkook cínico e percebo uma luz forte emanando em volta de todo o seu corpo fazendo todos que estavam querendo me pegar se afastarem.

— Filho da puta — Chanyeol rosna e se afasta junto com os outros — Vamos embora, não podemos com eles, sozinhos.

Quando finalmente Kook pera de emanar essa tal luz, observo e percebo que o grupo do Sehun não estava mais ali no local, me levanto com dificuldade e quando ia caindo o Jimin me pega no colo.

— Vai ficar tudo bem pequena, eu não vou deixar ninguém machucar você — Tae diz afagando meus cabelos.

Começo a ver tudo embaçado e ficando escuro, de repente não enxergo mais nada apenas escuto por fim antes de desmaiar o Yoongi falar.

— Bem vinda de volta, irmã!
 


Notas Finais


Ahhhh muitas emoções!!
Obrigada para quem leu até, se gostaram já sabem o que fazer, comentem o que acharam, sua opinião é muito importante para mim.
Até o próximo capítulo amores, bjs... <3 <3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...