História My love is fire - Jikook - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~Mrkook

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink
Personagens G-Dragon, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Rap Monster, Rosé, Suga, Taeyang, V
Tags Bigbang, Blackpink, Hentai, Hoseok, Jennie, Jikook, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Kookmin, Lemon, Linguagem Imprópria, Lisa, Namjin, Namjoon, Novela, Romance, Rose, Shoujo Romântico, Taehyang, Taeyang, Vhope, Violencia, Yoongi
Visualizações 37
Palavras 1.223
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Escolar, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aqui está o capítulo da semana amores *-* espero que gostem bjs, boa leitura!!!

Capítulo 3 - Obrigações


Fanfic / Fanfiction My love is fire - Jikook - Capítulo 3 - Obrigações

- Appa eu perdi a fome... - Ah Ro revira os olhos.

- Ah Ro, fique. - Meu appa disse autoritário, a garota não deu ouvidos e saiu. - Eu sinto muito senhora Park Sook e Rosé, mais minha filha é assim. - Ele revira os olhos.

- Omma... - Ouvi um Resmungo baixo de Rosé, como ela estava ao meu lado pude ouvir. - Eu não quero casar com ele... Não quero, eu amo outra pessoa. - Suspiro, talvez eu não tenha sexo quando queira.

- Appa vou para meu quarto... - Me levanto.

- Não! Você fica, você é futuro esposo de Rosé você fica aqui. - Omma diz.

- Estou sendo forçado a casar com ela... - Bufo. - Estou sem fome. - Ignorando meu pai que me chamava, saí da cozinha e fui ao quarto de Ah Ro. Ela parecia triste com algo, abri a porta devagar e vi que ela estava na sua sacada. Silenciosamente entrei.

- Saia daqui. - Ela diz friamente.

- Maknae eu só queria ficar um pouco com você... - Me aproximo.

- Mais eu não quero, ficar com você. - Reviro os olhos.

- Você não tem querer. - Ela bufa sentando na cama, sentei ao seu lado.

- Jimin. - Ela olhava seus dedos que estavam com as unhas pintadas de preto. - Eu não quero Rosé como cunhada...

- Eu não quero casar com ela Ah Ro...

- Estou pouco me fudendo pro seu casamento. - Arregalo os olhos, como já estou acostumado com sua frieza resolvi ignorar. - Ela é irmã do garoto que partiu meu coração, Jimin. - Suspirei.

- Ele não estava no jantar...

- O pai de Rosé teve que sair e ele foi junto, e felizmente não pode vir... - Ela suspira. - Eu não quero conviver com ele, já não basta na sala de aula... Não quero ficar perto dele. Ele me machucou demais...

- Entendo...

- Não. - Ela diz fria. - Você não me entende, ninguém me entende. - Me calei. - Só falta quando eu crescer ter que casar com ele também... - Ela revira os olhos. - Eu vou fugir de casa daí... - Ri soprado.

- Eu não posso fazer nada Ah Ro, sinto muito...

- Pode sim. - Ela me olha. - Se apaixone por alguém de alta classe, Appa adorara ver alguém com classe maior que daquela família. - Suspiro.

- Se apaixonar não é tão fácil assim Maknae.

- E quando se apaixona é sempre a pessoa errada.... - Ela bufa.

- Eu nunca me apaixonei então... Não sei de nada.

- Isso é um inferno, só isso que digo. - Ela revira os olhos. - Agora vaza, quero dormir.

- Sua grossa. - Ela coloca a língua, fazendo o mesmo saio do quarto indo ao meu, assim que chego vou ao meu quarto, o que eu precisava era de um banho bem quentinho, para me acalmar. Assim que chego ao banheiro, me despi, entrei no box e comecei a tomar meu banho.

Meus pensamentos vieram-se no suposto casamento, eu não quero me casa. Sou jovem demais, quero me divertir não ter compromissos, pelo menos não agora. Se meu pai acha que vou me casa, ele está muito enganado, se eu me casar quem vai ver o que é uma vida infernal vai ser ele, eu acabarei com ele. Pelo lado bom talvez eu faça sexo, mais isso talvez porque ela disse que ama outro e provavelmente se negará fazer isso. - Casar.... - Solto um suspiro cansado.

( Jimin off )

( Jungkook on )

No outro dia~

Assim que acordo me espreguiço e resmungando alguns palavrões por ouvir a voz alta de Jimin, me levanto da cama, vou a sala e abro a porta.

- Bom dia... - Percebi que seus olhos desceram até meu abdômen. - Você malha? - Só agora percebi que estava sem camiseta, corei violentamente e correndo, vou ao quarto e coloco uma camiseta de manga curta, mas com as mangas um pouco compridas. - Queria ter um abdômen, igual ao seu. - Assim que chego ele diz. - Vamos nos atrasar, porque já não foi para o seu quarto se arrumar?

- Por que você veio tão cedo, eu acordei agora. - Cruzo os braços.

- Eu vou um pouco mais cedo para a escola. Foi mal, por não te avisar que iríamos juntos hoje. - Ele sorri, que carinha fofa.

- Vou me arrumar. - Bufando, vou ao meu quarto novamente tiro minha camiseta que como está limpa, usarei pra ir a escola. Vou ao banheiro, me despi e entrei no box.

( Jungkook off )

( Jimin on )

- Abdômen bonito... - Me sento no sofá. - Nossa! Esqueci de Ah Ro! - Ri alto. Ela já é grandinha, sabe ir a escola sozinha. Ouvi batidas na porta, me levantei do sofá e abri a porta dando de cara com uma Ah Ro irritada. - Como você sabe que Jungkook mora aqui? - Levanto um cenho, ela revira os olhos.

- Moramos na mesma rua Jimin. - Ela passa por mim entrando na casa, fechei a porta. - É fácil descobrir a onde as pessoas moram.

- Estou pronto Jimin... - Ele desce as escadas. - Oi Ah Ro. - Ele sorri sem mostrar os dentes.

- Oi. - Foi o máximo que ela disse.

- Vai tomar café? - Pergunto a Jungkook.

- Estou sem fome. - Dando de ombros, saímos da sua casa e fomos até a escola, eu e Jungkook conversamos sobre coisas aleatórias enquanto Ah Ro caminhava na frente. - Por que Ah Ro é assim? - Jungkook pergunta baixo, enquanto entravamos na escola.

- Ela é assim porque um garoto quebrou o coração dela. - Suspiro, vi que Jungkook ficou pálido de repente. - Você está bem?

- Sim. - Ele olha para o chão e logo fomos até os garotos.

- Bom dia gente. - Sorri.

- Iai Jungkook. - Tae sorri, Jungkook retribui o sorriso. Sinto um certo desconforto.

- Vocês estudaram? - Namjoon pergunta, franzi o cenho.

- Estudar? Mais por que?

- Se esqueceu que hoje haverá prova? - Jin levanta um cenho. Engoli em seco.

- Tem? - Ri nervoso.

- Aish... - Hoseok coloca a mão na testa balançando a cabeça negativamente, decepcionado. - Você estudou Jungkook? - Ele pergunta a ele.

- Estudei sim. - Ele sorri, mostrando seus dentes bem branquinhos.

- Eu não estudei... - Taehyang bufa.

- Somos dois... - Choramingo. - Ah, eu preciso falar uma coisa pra vocês. - Reviro os olhos.

- Quando nasce? - Namjoon pergunta.

- Nascer o que?

- Deixa pra lá. - Ele ri fraco.

- Ontem Rosé apareceu lá em casa e... Meu pai disse que tenho que casar com ela. - Vi que eles estavam de queixo caído.

- Casar? - Jungkook levanta um cenho. - Você não é muito jovem pra isso?

- Eu não queria me casar com ela... - Pude ver que Yoongi estava quieto demais. - Yoongi? - Ele tira seus fones do ouvido. - Você ouviu o que disse?

- Sim. - Ele diz. - Quando é o casamento?

- Não sei ainda... Mais eu não vou me casar.

- De qualquer forma quero ser padrinho. - Jin diz.

- Não! Eu serei. - Hoseok diz irritado.

- Sou o mais velho me respeita. - Jin diz irritado também. Hoseok se cala revirando os olhos.

- Eu não vou me casar... - Reviro os olhos cruzando os braços.

Isso é tão clichê, ter que casar com alguém por por obrigação....


Notas Finais


Gostaram? Espero que tenham, até o próximo capitulo! Bjs ♥❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...