História My love is fire - Jikook - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~Mrkook

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink
Personagens G-Dragon, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Rap Monster, Rosé, Suga, Taeyang, V
Tags Bigbang, Blackpink, Hentai, Hoseok, Jennie, Jikook, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Kookmin, Lemon, Linguagem Imprópria, Lisa, Namjin, Namjoon, Novela, Romance, Rose, Shoujo Romântico, Taehyang, Taeyang, Vhope, Violencia, Yoongi
Visualizações 30
Palavras 1.062
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Escolar, Festa, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Tornozelo


Fanfic / Fanfiction My love is fire - Jikook - Capítulo 4 - Tornozelo

Jimin on

-Ei Jimin!-escuto a voz de Ah Ro-Acorda.

-Que horas são?-Perguntei para menor.

-7:00-Respondeu virando os olhos.

-Caralho fudeu.-Levantei da cama e fui em direção ao banheiro.

-Ah e seu amigo Jungkook ta la na sala te esperando.-Gritou Ah Ro.

-Fala para ele me esperar no meu quarto.-Gritei enquanto passava shampoo no meu cabelo.

-Aish ta me achando com cara de pombo correio?-Respondeu a mesma-Eu falo mas não vai se acostumando. 

Saio do banho e visto a roupa que avia escolhido que era uma bermuda jeans azul quase preta uma blusa social Branca e um casaco colegial Preto e um Verde azulado nas mangas coloco meu tênis vans Preto e fui pro quarto.

-Kook ta legal?-Perguntei entrando no quarto e fechando a porta, ele estava sentado na cama escorado a cabiceira da cama. Logo depois da pergunta o mesmo me olha e acenti. Pego a escova e vou para frente do espelho penteio meus cabelos que estavam muito embaraçado.

-Quer que eu peteie?-Perguntou o Kook e eu apenas acenti com a cabeça. O menor chegou mais perto de mim e lhe intreguei a escova e fiquei de costas para ele. Sinto e vejo(atravez do espelho) sua mão passar por meus fios de cabelo e logo depois a escova, ele pentiava meu cabelo calmamente e carinhosamente enquanto passava suas mãos carinhosas por meus fios de cabelo.-Pronto ta lindo-Falou o mesmo me dando um beijo na bochecha.

-brigada, vamos?-perguntei peganando minha mochila.

-Vamos-Respondeu o mesmo sorrindo.-Mas você não vai comer nada?-Perguntou me olhando com um olhar de preocupação.

-Não estou com fome.-Respondi sorrindo e indo em direção do quarto de Ah Ro. Entro no quarto mesmo sem bater.-Ei vamos?-Perguntei e a mesma só revira os e olhos e sai do quarto. Saio de casa com um sentimento de que estava esquecendo alguma coisa mas não dou bola. Chegamos na escola ja atrasados então fomos diretos para a sala de aula.

-Park Jimin e Jeon Jungkook atrasados de novo?-Perguntou a velha chata de coreano

-Desculpa.-Eu e Kook falamos em uníssono. E fomos sentar no nosso lugar. Depois de 40min de aula sinto meu celular vibrar no meu bolso pego o mesmo e vejo que era meu Appa. Saio da sala e atendo.

LIGAÇÃO ON

Appa:-JIMIN!

Jm:-Oi Appa.

Appa:-Você esqueceu de me acordar. Demônio!

Jm:-Desculpa Appa. 

Appa:-Desculpa nada Eu so te sei um compromisso e nem isso você cumpre imprestável. Voce devia ter morrido no seu nacimento. Eu odeio você.

LIGAÇÃO OFF

Meu Appa desligou na minha cara. Voltei pra sala um pouco abatido pelo que meu Appa acabou de dizer.

Nem me dei conta de quando o sinal bateu para o intervalo estava perdido em pensamentos so escuto os meninos me chamarem.

-Jimin vem.-Yoongi me chama.

-Já tou indo.-Arrumo minha mochila e pego dinheiro para comprar lanche. Ao chegar no mercadinho peço uma latinha de refrigerante e um pacote de biscoitos. Vejo os meninos sentados em um banco mas quando eu fui sentar não tinha mais espaço. Sentei no colo de Kook-Posso?-sussurro em seu ouvido.

-Pode-sussurrou o mesmo. Como meu pacote de biscoitos quieto enquanto bebia minha lata de refrigerante, ao terminar deito Minha cabeça no ombro do Kook e fico olhando pro céu pençando no que meu pai me disse.-Ei Jimin tudo bem?

-Não.-Respondi baixo e triste.

-Oque ouve?-Perguntou passando a mão no meu cabelo.

-Minha família. Eu não aguento mais meu Appa ele só me chinga. Ele me bate e as vezes bate na minha Omma. Eu ja senti vontade de tirar Minha própria vida-senti lágrimas esconderem pele o meus olhos olhei e Kook também já estava chorando.-Hoje só porque esqueci de acorda-lo ele falou que eu devia ter morrido no  meu Nascimento. Eu também queria morrer no meu nascimento.

-Jimin-Ele falou em um suspiro triste.-Não chora, assim você me faz chorar também. Vox vai ficar bem eu prometo.-Falou e limpou minhas lágrimas.-Nem que eu tenha que te proteger. -Falou e deu um beijo no meu pescoço.

-Kook vamos matar aula. Não to bem pra ficar estudando matemática.-Perguntei.

-Como?

-Sabe aquela árvore que tem ali bem perto do portão?-Perguntei apontando para a árvore ele apenas acenti-então a gente escala ela espera todos os professores decerem e depois pulamos e saímos.-Falei e ele apenas assenti, levantei de seu colo e peguei sua mão e fomos escalar a arvore. Eu botei o pé em uma parte e subi direto me escondendo entre as folhas.

-Jimin to com medo de cair.-Falou Kook.

-Kook não precisa ter medo, é só botar o pé nesse galho que tem ai é me estender a mão.-o menor fez oque pedi então peguei sua mão e o ajudei a subir a árvore.-Viu?-Ele apenas assenti. Fiquemos uns quize minutos depois de bater escondidos na árvore.

-Jimin agora podemos descer.-Falou Kook.

-Eu vou primeiro.-Falei e desci num pulo mas sinto uma dor enorme no meu tornozelo e acabo caindo com tudo no chão.-AI!-grito de dor.

-JIMIN! Tudo bem?-ao ouvir meu grito Kook desce numa velocidade inacreditável.

-Ko...ko...kook-meu tornozelo ta ai!-mais uma vez gemi de dor-Doendo muito.

-Consegui andar?-Perguntou e mexeu no meu tornozelo.

-Ai! Acho que consigo tento me levantar mas quando fui andar acabei caindo em cima de Kook.

-Jimin vem eu te levo na enfermaria.--Falou e ficou de costas para mim fazendo sinal para mim subir em suas costas. Kook levantou comigo na suas costas e pegou nossa mochilas

-Kook quer que leve?-Perguntei e estendi minhas mãos para pegar as mochilas.

-Não, deixa eu levo.-Falou entrou passei os braços em volto de seu pescoço e deito em suas costas. Fiquei assim até chegarmos na enfermaria.

-Infermeira eu acho que o Jimin deslocou o pé.-Falou Kook enquanto me botava na cama de hospital.

-Deixa eu dar uma olhada.-Falou a enfermeira e mexeu no meu pé.-Bem Jungkook ele não deslocou ele quebrou.-Falou a enfermeira delicadamente.-Mas como isso aconteceu?-Perguntou.

-A gente estava escalando uma árvore e ele caiu  e disse que tava com muita dor e eu o trouxe para cá.

-Já até imagino oque vocês ração fazendo na árvore.-Falou rindo-Bem você consegue levá-lo no hospital? Aqui nos não temos como cuidar dele.

-Tudo bem eu levo.-Kook falou e me pegou na suas costas.

QUEBRA DE TEMPO

-Bem Jimin você terá que ficar uma semana internado aqui no hospital para fazer uma cirurgia delicada.

-Oque?-Perguntamos eu e Kook em uníssono.-Mas nem foi tão grave.

-Bem Jimin você Caio com muita força então você machucou feio seu tornozelo.

-Quando vai ser a cirurgia?-Perguntei.

-Amanhã a tarde.-Respondeu o médico.

-Mas pode ter acompanhante durante a cirurgia?-peeguntou Kook segurando minha mão. 

-Pode sim-Sorrio o médico

-Kook fica comigo.-pedi fazendo biquinho-to com medo.

-Eu fico my chimchim.

--Chimchim?-pergunto rindo.

-Sim, seu novo apelido pode ser?-Perguntou agora passando as mãos nos meus cabelos-ou você não gostou?

-Eu amei.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...