História "My Love is Suicide" - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Personagens Originais, Youngjae, Yugyeom
Tags Anjos, Demonios, Jackbam
Exibições 24
Palavras 1.526
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Leiam as notas finais, Obgd. u.u
BOA LEITURA ♡

Capítulo 1 - Encontro


Dizem que quem se suicida, nunca irá ter um descanso final, tendo a alma atormentada até o fim.

Mas e quando sua alma já é atormentada? Quando... Seu corpo já está sujo por dentro e sua alma é maculada a força desde sua infância ?

BamBam andava cambaleando pelas ruas agitadas do distrito gangnam. Com tantas formas de se ver livre, a única que ele conseguiu escolher foi fugir de casa, sem nada além da roupa de corpo.

Fugiu por não resistir mais, fugiu por já não ter mais força, fugiu por querer viver.

Seria querer muito ? Viver ?

Mas ele achava que nem viver o mesmo merecia. E Cansado, ele se senta em um beco escuro e úmido. Com cheiro de álcool e xixi.

Enfim ao menos estava sozinho.

- Como fui parar aqui...

Um sussurro rouco ecoa ao seu lado.

Havia alguém ali afinal. Droga.

Sua curiosidade lhe permite esticar o pescoço o suficiente para ver um rapaz ao lado oposto da caçamba de lixo na qual havia se escorado, em estado parecido com o seu. E àquilo lhe despertou uma vontade de ajuda-lo se pudesse, por alguma razão, não queria ver o rapaz cair no mesmo nível que ele.

- Você... Você está bem ? Precisa de algo? - Ele arrisca dizer, se aproximando o suficiente para examina-lo melhor.

Era um rapaz alto, dava para notar. E ele era surpreendentemente bonito, e bem vestido.

- Ah sim, uma alma para me ajudar... Por favor, onde estou ?- o rapaz diz rindo.

- Esta ao lado da boate "Devil", no Distrito Gangnam.

- E você é...?

- Alguém que talvez não esteja aqui amanhã, talvez não esteja em nenhum lugar a não ser ardendo no Inferno. -Ele diz distraído.

E o silêncio emana pelo corredor como um grito vibra em uma garganta.

- O inferno não aceitaria você ainda, afinal a dor pode até lhe consumir, mas ainda não estará corrompido o suficiente anjo 

BamBam se ajoelha timidamente perto do corpo.

- Qual o seu nome?- pergunta.

O sorriso daquele ser, poderia ser ouvido como um cantar de pássaros em plena primavera. E somente aquele sorriso, foi o suficiente para aquecer seu corpo gelado por conta do frio lugar.

- Ah baby, desculpe-me por nao me apresentar ainda, afinal você nao deveria falar com estranhos não é mesmo ? Meu nome é Jackson .- diz deslizando o dedo pelo rosto de BamBam. 

- Jackson...- ele diz testando as palavras saindo de sua boca.

Novamente aquele aquecedor sorriso.

- Meu nome é Jackson, mas você pode me chamar de Daddy.- ele diz malicioso e risonho.

**************************************

~

Jackson havia se levantado do chão sujo, e estava encarando BamBam, que estava constrangido com o olhar e o sorriso  duvidoso do loiro.

- E Porque eu chamaria você de Daddy?

Porque eu chamaria você ?

- Por nada, eu so gosto que me chamem assim -diz dando de ombros e sorrindo.- Vem comigo para minha casa, eu vou te ajudar nessa noite pois está muito frio. Amanhã se quiser pode ir embora. -Jackson diz ajeitando o casaco.

- Sua casa ? Ela é longe daqui ? -BamBam questiona indeciso.

- Ao menos não o suficiente...- Jackson diz olhando para o céu.

BamBam se perguntava o quão podia ser seguro ir para casa de um estranho a noite que lhe convidava para dormir, Mas enfim, o quanto seria seguro ele dormir na rua também ? Além do mais, estava **muito** Frio.

- Okay... mas eu vou embora assim que amanhecer ! - BamBam diz resoluto.

Jackson sorri com o jeito desconfiado do pequeno, e segura as mãos dele.

- Vem comigo.

**************************************

BamBam não estava preparado para aquilo, e se esforçava a acreditar que aquilo era real mesmo. A casa de Jackson, não era uma casa. E sim uma enorme Mansão !

E mesmo antes de ambos pisarem na calçada, as portas se abriram automaticamente.

BamBam estava muito surpreso em ver como um cara à quem ele encontrou em um beco, ao lado de uma caçamba de lixo de uma boate, possuía uma mansão level Up .

- Senhor Jackson !! O senhor apareceu emfim! Ficamos todos muito preocupados, aonde você estava ? - Diz uma senhora que usava um pijama longo e uma touca azul engraçada.

Jackson bagunça os cabelos sorrindo em desculpas , e naquele momento BamBam sente um aperto em sua garganta, e suas pernas vacilam.

O movimento fraco com as pernas não passa despercebido por Jackson, que segura os ombros de BamBam de forma gentil e meio... possessivo de forma protetora.

- Esse é meu amigo BamBam, e ele vai ficar aqui hoje, então será que vocês podiam ajudar ele com um banho, e alguma coisa quente para beber? Eu vou estar no meu quarto caso precisem.

BamBam não queria ficar sozinho na mão dos outros, e de alguma forma ele Confiava em Jackson. Não queria que ele saísse de perto dele.

- Por favor... Não me deixa sozinho.

A surpresa é evidente para Jackson, que com um sorriso envergonhado completa:

- Baby, não se preocupe, vá tomar banho com a Senhora Fabi e vá depois para meu quarto. Não vai acontecer nada.

Tímido e ao seu contragosto, BamBam concorda, e deixa a senhora lhe conduzir para dentro.

**************************************

Após um gostoso banho, BamBam estava com uma toalha felpuda enrolada em sua cintura e andava de um lado para o outro dentro de um quarto onde estava.

Ele não achava suas roupas em nenhum lugar !

- BamBam?

Jackson abre a porta sem bater, e assusta o pequeno.

- A senhora Fabi ficou chocada com o estado de suas roupas, e colocou-as para lavar. Desculpe, mas poderia vestir isso ?

BamBam fica chocado ao olhar para as roupas que ele lhe oferecia.

- E-e-ssas roupas??

As roupas eram femininas e fofas. Ele nunca usou nada daquele jeito.

**************************************

À contragosto, e muito envergonhado. Kunpimook veste aquela roupa que Jackson lhe oferecia, e por incrível que pareça... se sentia muito confortável com elas.

Era uma saia drapeada rosa, com um sueter branco e meias de gatinhos.

- Você já comeu ?- Jackson pergunta sentado na cama .

BamBam não queria olhar na direção de Jackson e a cama, pois de alguma forma se sentia... ameaçado ?Não, não era essa a palavra. Talvez, só talvez... atraído ?

Não queria definir uma palavra para o que achava de Jackson, afinal, ele não teria nenhuma ligação com o mesmo até amanhã, quando iria embora e nunca mais ambos haveriam de se encontrar.

*Será mais fácil quando eu for embora, ir sem lamentar por deixar alguém para trás.*

Por isso, não podia criar expectativas ou laços com ele.

Por que BamBam parecia querer tentar se convencer disso ?Ele já estava resoluto de sua decisão. Então de alguma forma ele parecia querer conhecer mais de seu... amigo ? Poderia chamar Jackson, um estranho que acabou de conhecer e que lhe trouxe para sua casa de amigo ?

- BamBam ?- Jackson lhe chama novamente.

Ele parece despertar de seus pensamentos como se a voz de Jackson quebrasse um encanto melancólico em que BamBam estava preso.

- Ahn...Não. Ainda não Jackson.

- Então vem. A Sr.Fabi e os outros já foram dormir, mas ela deixou um lanche para comermos lá na cozinha.

BamBam estava com muita fome. E Jackson parecia saber disso.

~

Haviam pratos embalados com papel alumínio encima da mesa. E logo quando tiraram o papel, o cheiro forte e gostoso invadiu o pequeno de forma que ele sentiu o rosto queimar de vergonha pela reação exagerada.

- Pode comer, não estou com muita fome.

BamBam não podia esperar convite melhor. E sentou-se na cadeira mal esperando o Hyung se sentar também para ambos começarem a comer juntos.

Comeu tanto quanto podia.

Jackson mexia com um garfo seu prato de salada. E parecia mais interessado em olhar para BamBam comendo do que na própria comida.

- Como está ?- Ele diz sorrindo.

BamBam solta um gemido de prazer ao terminar de comer. E não podia se sentir mais satisfeito do que aquilo.

Jackson como se respondesse aquilo, segurava seu garfo com força, como se aquilo fosse uma fonte para descontar algo. Porém o mesmo não contava que o garfo iria ceder a força e dobraria-se ao meio.

E o pequeno não deixa de perceber aquilo, com seus olhos atentos. E se inclina um pouco sobre a mesa em direção ao loiro.

- Jackson... você quer que eu faça algo para você ?

A surpresa estava estampada nos olhos de Jackson, ocultada por uma nuvem de desejo que parecia tentar se esconder nas feições do mais velho.

- O que quer dizer com isso BamBam ?

- Eu poderia... realizar um desejo seu. -ele segura um pouco a respiração para dizer o que viria a seguir.- Quero dizer que não vejo problema em dormir com você em resposta a seu acolhimento quanto a mim.

Jackson fecha os olhos como se estivesse decidindo o que faria a seguir. E para ambos aqueles 4 minutos em silêncio foi mais do que o bastante para 1 século de espera por uma resposta.

~

E a resposta foi dada, quando BamBam parece tomar iniciativa e se levanta da sua cadeira. Andando em direção de Jackson e sentando em seu colo, com as pernas abertas.

  - E-e- Só uma... forma de agradecer.- diz BamBam escondendo o rosto na curva do pescoço de Jackson.


Notas Finais


VOLTEEEI.
Eu estava reescrevendo a minha antiga finc deles, por isso eu juntei os últimos 3 capítulos e "adaptei" para uma nova idéia.
Espero que tenham gostado do capítulo. Vou esperar a opinião de vcs para o próximo capítulo ♡

BJXX !!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...