História My marriage by contract - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber
Tags Amor, Casamento Falso, Drogas, Mentiras, Traições
Exibições 60
Palavras 2.711
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Droubble, Festa, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem! Meus amores desculpa não ter postado ontem mais não deu tempo.

Capítulo 18 - Oh baby você quer brincar é?


Pov Justin: 

Eu sinceramente não acredito que ela me traiu aquela vez por causa de dinheiro mais quer saber foda- se aquilo era pra ter acontecido mesmo porque se não tivesse acontecido concerteza eu não teria encontrado a Nicolle ou pedido ela em casamento por um contrato e não teria me apaixonado perdidamente por ela. 

Eu: Olha Georgina eu não sinto nada por você  aliás nunca sinti aquilo foi só  atração naquela época eu até confundi com amor mais hoje em dia vejo que não foi e você não passou de mais uma pra mim e voce sabe eu amo a nicolle e  vou me casar com ela. 

Georgina: O que você viu nela? 

Justin: Tudo que faltava em mim. 

Georgina: Podemos ser pelo menos amigos? 

Justin: Tanto faz agora com licença preciso comprar os sorvetes. - falei entrando na loja. 

Georgina: Eu te ajudo a leva-los já que todo mundo quer você não irá conceguir carregar todos. 


Pov Nicolle: 

Eu: Olha jake eu sei como o justin era mais eu acho que ele não teria pegado ela se você tivesse falado sabe voces eram amigos ele nao faria isso  o Ryan está namorando a minha amiga e veja bem ele conheceu ela antes deles começarem a se pegar quando ela foi me buscar pra almoçar e veja bem ele não pegou ela é digamos que ela é bem gostosa.-ri com o que falei.- E ele se segurou porque viu que o Ryan gostava dela e tem o chaz também acho que ele gosta da minha amiga leila da pra ver na cara dele isso e Justin também não pegou ela.

Jake: É mais isso ja passou. 

Eu: É mais isso já passou mais tenta falar com ele e acaba com essa richa de vocês. 

Jake: Talvez eu fale, Sabe é legal conversar com você e acho que nunca me abri desse jeito com alguém.- falou sorrindo enquanto me olhava. 

Eu: Eu sou uma ótima concelheira e ouvinte eu sei pode falar. -Falei rindo fazendo o mesmo rir também. 

Jake: Mais você é bem convencida combina com o justin nessa parte. 

Eu: Pse 

Jake: Mais eu queria te falar uma coisa.

Eu: Fala

Jake: Sabe sei que te vi 3 vezes na vida mais gostei de voce Justin é um homem de sorte então se um dia se cansar dele saiba que vou estar lá pra te pegar pra mim. 

Eu: Bom eu acho que isso não vai acontecer eu amo ele e por incrível que pareça nunca vou me cansar dele amo tudo nele até seus defeitos eu amo pra voce ter uma noção. 

Jake: Ei então você bateu a cabeça e tem um sério problema. 

Eu: Xiu cala a boca aí que não tenho problema nenhum e vamos voltar que quero ver se o jus já trouxe meu sorvete. 

Jack: viu como voce não queria Milk shake.- falou sorrindo e eu revirei os olhos. 

Quando nos estávamos voltando vi o Justin de costas com a puta da Georgina sim eu reconheci eles de costas e eles não estão tão perto assim vi que Georgina deu um empurraozinho de forma amigável no Justin enquanto soltava uma risada que porra era aquela meu coração tá dando a empresão de que estao o apertando e cravando facas nele será que ela se declarou pra ele e ele resolveu voltar com ela  pensar nisso fez meus olhos começarem a marejar vi que Georgina  olhou pra trás e me viu deu um sorriso cínico de deboche e voltou a olhar pra frente e deitou sua cabeça no ombro do Justin sim essa puta é 5 vezes maior que eu pois eu sem salto nem nada bato no peito do justin e ela bate no pescoço dele essa girafa vagabunda eu fechei meus punhos e olhei pra eles com raiva comecei a andar rápido mais jake me segurou. 

Jake: Te avisei que ele não presta eles são farinha do mesmo saco mais não faz escândalo agora vai chamar atenção de todos conversa com ele na hora que chegar em casa. - falou enquanto segurava meu pulso e eu apenas acenti. 

Seriamente  eu não sei o que pensar eu só consigo pensar 4 coisas 1 Justin voltou com ela? 2 será que ela estava só tentando me provocar? 3 eu vou matar essa vadia girafa 4 eu quero chorar. fiquei o caminho até a fila do brinquedo quieta quando cheguei lá não encontrei ninguém do pessoal que veio com a gente bom provavelmente eles devem estar no brinquedo fui esperar eles na saída do brinquedo e quando cheguei lá vi o Justin e a girafa puta e os dois riam e não sei o que quero fazer se vou lá e quebro a cara dos dois ou se apenas me viro vou pra casa em Nova York e choro por ser uma repleta idiota quando justin percebi minha presença  ele me olha e quando vê que eu estou com jake fecha a cara. 

Justin: O que você está fazendo com esse idiota? 

Eu: Eo que você está fazendo com essa vagabunda. 

Georgina: Olha aqui mais respeito comigo eu nunca te fiz nada. - falou se fingindo de inocente. 

Eu: A não? - perguntei me aproximando dela mais sou puxada pelo Jack de volta. 

Jake: Não vale apena já tem pessoas nos olhando parem as duas. 

Justin: Eu ainda estou esperando o que você está fazendo com ele? - perguntou e eu via raiva em seus olhos. 

Eu apenas não respondi e virei a cara vi que uma lágrima escapou e eu logo tratei de limpa- lá.

Jake: Olha nicolle vamos dar uma volta e você esfria a cabeça. 

Eu: Não eu prefiro dar uma volta sozinha. 

Me virei e comecei a andar mais logo sinto meu braço ser puxado e me colando a um corpo bruscamente e logo vejo que é o justin. 

Justin: A gente precisa conversar. - falou e logo começou a andar e me puxar junto. 

Eu: Me solta. - falei me debatendo mais não adiantou nada. 

Ele me levou para o estacionamento e logo me jogou dentro do carro e logo entrou e pisou fundo no acelerador eu fiquei quieta o caminho todo estava um silêncio perturbador Justin passava vários sinais vermelhos e dirigia feito louco mais eu não estava afim de falar com ele apenas apertei bem o sinto de segurança e me segurei firme a cada virada brusca que ele dava já se passavam 3 horas que estavamos dentro desse carro o celular dele tinha apitado algumas vezes e logo ele respondeu concerteza era nossos pais que estavam preocupados pois não avisamos ninguém que iríamos embora e pelo visto Justin está nos levando pra outro lugar pois já faz tempo que passamos da cobertura em que estávamos quando ele finalmente parou o carro vi que estávamos na frente de uma casa que era praticamente de frente pra praia oque separava a casa da praia era simplismente uma rua onde passava os carros e tenho que admitir a casa e a praia são lindas. 

Justin: Vem vamos ficar aqui hoje. - falou e saiu do carro. 

Apenas obedeci e entrei na casa junto com ele e era linda assim que entramos ele largou a chave do carro e seu celular em cima do rack onde fica a TV e se virou pra mim. 

Justin: Agora me fala que porra era aquela. 

Eu: Não era nada tá bem eu só falei que ia comprar um Milk shake aí a pettie falou que era pra mim tomar cuidado pra não me perder e o jake se ofereceu pra ir comigo foi isso. 

Justin: AE E ONDE ESTAVA ESSA MERDA DE MILK SHAKE EM ?

Eu: NÃO TINHA MERDA DE MILK SHAKE NENHUM CONTENTE EU FUI ATRÁS DE VOCÊ PORQUE VI QUE A GEORGINA TINHA SUMIDO E CONCERTEZA TINHA IDO ATRÁS DE VOCÊ POIS AQUELA PUTA NÃO PERDE TEMPO PRA FICAR SOZINHA COM VOCÊ. -falei deixando lágrimas escaparem.

Justin se aproximou de mim e secou elas e logo depois tentou me beijar mais eu desviei e me afastei dele. 

Justin: Porque você está assim?- falou mais eu nao respondi nada.- Porra eu odeio que me ignore. 

Eu: E eu odeio que me façam de trouxa. 

Justin: Quem está te fazendo de trouxa? 

Eu: Não se fassa de desentendido. 

Justin: O que eu fiz dessa vez? 

Eu: Talvez voltou pra Georgina?!

Justin: Eu não voltei com ela tá doida? 

Eu: Eu vi vocês. 

Justin: Viu o que a gente conversando? porque foi só isso que aconteceu! 

Ele terminou de falar mais eu não falei nada apenas fiquei olhando pra tudo menos pra ele merda como sou idiota ele tinha falado que me amava e que não queria nada com ela mais aí aquela vibora não me desse ela tá me provancando e eu fico caindo que nem tonta affs não era pra mim dar esse gostinho pra ela.

Justin: Vai continuar sem falar nada? - perguntou se aproximando.

Eu: eu vi ela colocando a cabeça no seu ombro e vocês rindo aí o jake falou que vocês não prestavam e eram farinha do mesmo saco e que você não é confiável.

Justin: Pensei que confiasse em mim. - falou parando na minha frente enquanto me encarava.

Eu: Confio ok mais que tudo. Mais sabe tem o seu passado e tem também a Geovaca e ela não me desce sabe ela tá me provocando.

Justin: Geovaca é.- falou rindo e me puxando pela cintura colando nossos corpos.

Justin começou a me beijar e dessa vez eu não fogi  apenas retribui era um beijo apaixonado e calmo mais logo foi pegando malícia justin começou a apertar minha cintura e desceu para minha bunda onde deu um um apertão forte me fazendo soltar um gemido mais logo separamos o beijo por falta de ar e ele desceu os beijos para meu pescoço.

Eu: Justin eu tô com fome. - falei me separando dele.

Justin: Eu também. - falou dando um sorriso malicioso.

Eu: Não nesse sentido besta.

Justin: Ok vou pedir alguma coisa o que você quer?

Eu: Pizza

Justin: Perfeito lombo e frango?

Eu: Sim e pede uma de chocolate com morango também?

Justin: Tudo que você quiser.- falou me puxando de volta pela cintura e me deu um beijo.

Eu: Te amo mozi. - falei com uma voz fofa.

Justin: Também te amo. - falou sorrindo de lado e me beijando depois.

Logo nos separamos por falta do maldito ar como sempre.

Justin: E que apelido é esse? - falou rindo.

Eu: Sei lá em vez de falar amor falei mozi é uma coisa só nossa sabe pra nós diferenciarmos de outros casais.

Justin: Gostei mozi. - falou sorrindo.- mais agora vou pedir a pizza que também estou com fome e também estou doido pra comer a sobremesa.

Eu: Que sobremesa?

Justin: Você.- falou sorrindo malicioso.

Eu: Idiota... - falei sorrindo.

Ele riu e pegou o celular e pediu a pizza com um refrigerante quando ele desligou eu já estava sentada no sofá e ele ao meu lado o mesmo pegou o controle da TV e colocou num filme e quando vi o nome vi que era um de terror arranquei o controle da mão dele e coloquei no cartoon.

Justin: Que foi tá com medo de assistir? - Falou rindo.

Eu: Você sabe que sim. - falei e o mesmo colocou seu braço em volta dos meus ombros e me puxou mais pra ele deitando minha cabeça em seu peito e dando um beijo no topo da minha cabeça.

Justin: Sabe eu amo esse seu lado criança aliás amo todos os seus lados amo tudo em você.

Eu: eu também amo tudo em você!

Justin: o que você conseguiu fazer comigo em. - falou suspirando e me fazendo rir.

Eu: Posso te perguntar uma coisa?

Justin: você já está perguntando.

Eu levantei a cabeça para encara-lo e como previsto ele estava sorrindo mais não sai desse seu abraço de lado coloquei minha mão sobre seu peito...

Eu: Sério sem brincadeiras.

Justin: Tá fala...

Eu: o que você estava fazendo com a Georgina?

Justin me contou tudo o que aconteceu que Georgina foi até o banheiro em que ele estava pediu pra falar com ele e ele saiu andando e ela falou enquanto acompanhava ele até a sorveteira que só ficou com o jake aquela vez por dinheiro e tals ( autora: gente ele contou mesmo o que aconteceu por incrível que pareça) e sinceramente ela é uma vagabunda contei pro Justin também tudo o que o jake avia me falado Justin ficou puto e começou a falar que ele está tentando me roubar dele e eu até ri com isso mais falei que ele nunca poderia fazer isso. já a víamos jantando e agora estamos sentado no sofá vendo um filme quando sinto Justin começar a beijar e mordiscar meu pescoço logo depois ele me beija e eu vou parar sentada no colo dele o beijo era urgente feroz logo dei umas reboladas no seu colo e mordi seu lábio inferior durante o beijo e logo voltando a beija-lo logo sinto sua mão na minha Bunda a apertando ele da um tapa na mesma e eu solto um gemido logo ele se levanta e caminha comigo ainda em seu colo até um quarto que provavelmente é o dele ele me jogou na cama e começou a me beijar de novo os dedos de Justin deslizaram pela lateral do meu corpo chegando na barra do meu shorts onde o mesmo rasgou e logo rasgou minha blusa também.

Eu: Justin...- falei o repreendendo.

O mesmo não falou nada apenas admirou meus seios já que eu estava sem sutiã por conta da blusa que eu estava não precisar logo vi ele mordendo seus labios e logo inseguida apertando uma de minhas coxas me fazendo soltar um gemido entre dentes logo joguei minha cabeça para o lado dando mais acesso ao Justin que tinha descido seus beijos para meu pescoço. Mergulhei meus dedos no seu cabelo e fechei meus olhos sentido as mãos de Justin apertarem minha Bunda e logo ele vai descendo suas mordidas e beijos ficando um dedo acima dos meus seios ele começou a masagear um enquanto levou sua boca ao outro mordendo e chupando de vagar mais logo ele foi intensificado eu já gemia feito louca desci minhas mãos pelas suas costas e logo voltei a subir-las mais com sua regata junto e a tirando do mesmo instante. Em seguida comecei a passar minhas unhas por sua pele o arranhando meu deus um dia esse homem ainda me mata logo ele trocou de seio e senti seus dedos deslizarem até minha intimidade por cima da calcinha. E mais gemidos escaparam de meus lábios e vi uma risada escapar dos lábios de Justin e logo ele parou de brincar com meus seios e começou a me fitar.

Justin: Tão molhada Nicolle. -ele sussurrou.- Isso é bom é ? - ele mordeu seus próprios lábios quando botou minha calcinha pro lado e passou seu dedo indicador bem na entrada da minha intimidade.

Cravei ainda mais forte minhas unhas nas suas costas enquanto mordia meu lábio inferior. Justin me olhava e eu via desejo em seus olhos e ele tinha um sorriso sedutor e pervertido nos seus lábios seus dedos passavam por toda a minha intimidade. Eu me sentia cada vez mais molhada e tinha certeza que seu dedo também estava pois ele conseguia desliza-lo por toda a extensão da minha intimidade e por fim ele tirou minha calcinha e a jogou em qualquer canto do quarto. Ele levantou e tirou sua bermuda e eu vi o enorme volume em sua cueca que parecia que iria rasgar mordi meu lábio inferior e deslizei meu pé até seu pênis e começando a brincar com o mesmo. Justin me olhou e eu gargalhei mais antes que eu o provocasse de novo ele ficou por cima de mim de novo prendendo meus braços na cama impossibilitando que eu fizesse qualquer coisa. Seus olhos estavam grudados nos meus e ele tinha seu maxilar travado isso o deixava ainda mais sexy se é que é possível.

Justin: Oh baby você quer brincar é? - ele sussurrou ainda me fitando e levantou uma de suas sobrancelhas deixando um pequeno sorriso se formar em seus lábios

    Continua...  


Gente dêem uma olhada nas notas finais pfv!





Notas Finais


Meus amores quem quiser me ajudar no Hot do próximo capítulo eu agradeço é só comentar que damos um jeito de nos falarmos melhor....

E eu tô pensando em abrir um Twitter para essa fanfic onde vai conter spoilers dos próximos capítulos e vocês poderão me ajudar a criar essa história pra ter uma história mais emocionante e pouco do jeitinho que cada um de vocês gostam e com coisas que esperam que aconteça então comentem aí se querem que eu faça ou não pfv...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...