História My Neighbor - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Crime, Jimin, Você
Exibições 219
Palavras 1.323
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Estamos de volta amores! Tomara que gostem! Bjs no kokoro e Boa Leitura

- Pam ❤️
- Kay ❤️
- Juh ❤️

Capítulo 2 - The fest pt. 2


Fanfic / Fanfiction My Neighbor - Capítulo 2 - The fest pt. 2

CONTINUANDO

(S/n) P.O.V on

Jimin Pegou em minha mão me  guiando até seu carro que  poderia muito bem coloca mais perto da minha casa , ele estava praticamente irritado com alguma coisa é estava com pressa praticamente correndo ate seu carro e eu , andando devagar pelos grandes saltos parecendo uma boneca de pano e tentando acompanhar os seus passos

– Finalmente! – Exclamei com a voz num tom não muito pesado por ter corrido junto a ele

Vejo o breve sorriso soprado do mesmo , enquanto estava parada esperando o grande "cavalheiro" abrir a porta do carro , mais apenas largou minha mão e se dirigiu-se ate o carro . Como ele pode ser tão grosso ao ponto de me deixar ali aff! Fico ali parada por um bom tempo, até que o mesmo da uma leve partida quase colocando o carro pra cima de mim ...

– Da pra entrar ou vai andando mesmo ? – pergunta ele pela janela do carro.

Idiota  quem ele pensa que é pra me tratar desse jeito ?  Quer me matar só pode ! Finalmente ele parou em minha frente, logo entrei com meu conhecimento sobre carros não tinha dúvidas que o seu seria uma Ferrari preta com vidros fume em todo lugar , caramba da onde esse garoto arranja tanto dinheiro ? Ele parou o carro de frente a uma casa de luxo pra mim parece mais uma casa noturna . Então ele quebra o silêncio

– Essa festa é de classe , então não quero que se atreva a falar com as pessoas importantes a não ser com a minha permissão . – ele diz apontando pra si mesmo .

– Regras? -- arqueio uma sobrancelha indignada com o que o mesmo disse . 

– sim , regras ! primeiro : não dirija a palavra a ninguém , como disse a não ser com a minha permissão , segunda :  partir dessa noite eu sou seu dono , você e "minha" precisamos fazer o possível e o impossível  pras pessoas acreditarem em mim .

Respirou fundo e antes que pudesse terminar a frase eu interrompe. 

– o que você quer dizer com isso ? –pergunto duvidando do que ele iria falar .

– Simples , você será minha mulher , Terceiro : não pense em ficar com ninguém é sempre fique ao meu lado ! -- ele fala é eu começo a tossir fraco

– mais o que ? Não , sua esposa ? Você enlouqueceu ? -- falo e o mesmo me ignora e pega minha mão caminhando até a entrada , logo adentrando a bela casa luxuosa .

Mas recalculado essas "Regras" oque  ele quis  dizer com ... Marido ? Sinceramente essa noite não pode ficar pior , ou pode ?

Rapidamente um senhor com um Terno preto da melhor marca de Seul , ele aparentava ter uns 50 pra 60 anos. Logo sentir Os olhares do senhor voltado para mim

– Bem Senhor Park quem é essa bela dama? -vejo o mesmo beijar a minha mão direita .

– Minha noiva – percebi que ele revira os olhos e logo sorri para o senhor que estava a nossa frente .  Idiota !- penso

Enquanto Jimin falava com várias pessoas , ele me deixou no meio de um bando de mulheres esnobes é metidas que me  olhava  com raiva é ódio , bem que eu sei o por que , estou  com um dos maiores traficantes de Seul e um dos homens mais belos dessa festa , não estava com a mínima vontade de ficar mais aqui . Peguei uma taça de vinho é comecei a andar por aquele enorme local  era tudo muito belo até que escuto gemidos, para ser mais exata , e olhe que não era só uma garota , bom para voltar ao salão era necessário passar por aquela porta, Tentei ao máximo não olhar quem era ou o que estava ocorrendo que no caso havia alguém transando ali respirei fundo e puff  ! Juro pra mim mesma que não queria ver aquilo mais era impossível a porta estava entre aberta olhei só pela brecha  da porta e me  arrependo profundamente por isso , vi o Jimin estava transando com 3 garotas , no caso putas , não entendo mais isso me bateu uma grande raiva , olhei mais um pouco mais acabo tropeçando  na porta  que abriu rapidamente , vejo olhares das três e logo as vejo saindo o olhar do Jimin não era um dos melhores , ele mal conseguia olhar para mim , abaixo minha cabeça e fico com um pouco de medo , Jimin ainda me olhando irritado puxou meus cabelos pra dentro do quarto o fechando rápido .

– O QUE VOCÊ FEZ SUA IMBECIL! – ele praticamente gritou .

– Nada eu não fiz nada , eu so... Desculpa – falo sentindo um forte tapa em meu rosto que me fez cair e logo vir tudo girar e apago na mesma hora .

Jimin P.O.V on

Chego na festa com a (S/n) ,ela estava linda , nunca senti tanta coisa como sinto por ela porém eu mal a conheço  o a mesma meche comigo desse jeito , ela não e perfeita pra mim , ela tem uma vida eu não , eu nasci pra isso , não quero magoa-lá mais também não quero me magoar , seu vestido decotado mostrando as curvas do seu corpo me deixava excitado , mais não poderia fazer nada com ela , por um tempo a deixo sozinha e encontro três garotas que me olhavam eu precisava relaxar tirar a (S/n) dos meus pensamentos , acalmar toda minha excitação nada melhor do que transar , e foi isso o que eu fiz , mais logo vi a (S/n) adentrar no quarto e nos olhar aquilo me deu raiva por que eu sabia que a tinha magoado ela , não queria isso , porém as garotas foram embora e eu sem me controlar dei um tapa forte em seu rosto que a fez desmaiar , não sabia o que fazer me troquei rapidamente e coloquei minhas roupas logo a peguei no colo com o grande movimento das pessoas ninguém percebeu que ela estava desmaiada , dei uma desculpa pro presidente dizendo que a mesma estava cansada e dormiu , a coloco no carro e a levo pro galpão onde estavam os outros garotos , agora era a hora de contar tudo pra eles ...

– espero que você acorde logo... – falo acariciando os cabelos da mesma com ela deitada no grande sofá daquele galpão cheio de drogas, ainda com um pouco de raiva

– Quem é essa garota? -pergunta os garotos

– não importa, coloquem ela sobre essa  cadeira, e amarre suas mãos e sua boca, quando acorda, desejo lhe fazer uma supresa

Os meninos fazem, o que havia pedido, formamos um círculo ao redor da garota a espera dela acordar, mas uma vez, mando os garotos pegarem suas armas, e agirem normalmente, com os braços cruzados a vejo acordando, quando levanta sua cabeça e olha para mim, em seguida pros garotos, logo começa a se debater contra a cadeira, fazendo ela cair, sorrio debochado e a vejo tentando se levantar o que me fazia, não querer ajuda-lá…

– gostou da festa? – falo sorrindo

– aquela merda, nem deveria ter aceito, odiei tudo, o vestido, o …

Logo a olho serio a interrompendo

– Acho que não ouvir direito!! Não gostou do vestido? meninos resolvam isso!

Logo os meninos, a levantam da cadeira, e começam ali, a rasgar e a puxar seu belo vestido, com toda violência, até parecia uma boneca de pano, sendo arrancada, pedaço por pedaço, via aquela cena, logo um dos meninos tiram a última parte do vestido, a deixando de apenas roupas íntimas

– e agora gostou? – pergunto sério com um sorriso debochado no rosto

Continua . . .


Notas Finais


Tomara quê tenham gostado! Bjs de luzes

- Pam ❤️
- Kay ❤️
- Juh ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...