História My Nerd - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 169
Palavras 1.110
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


OIEEEE GENTEEEEE! Eu demorei pra postar por um simples motivo:estava em duvida sobre as fotos Ksbdisbsksbs
Esse lindo ai é o nosso James, espero que tenham gostado da escolha. Eu pesquisei bastante e pedi varias opinios e esse foi a foto mais votada para o James. Obrigado a tooooodos que comentaram e favoritaram a fic sei q falo isso em todos os capitulos, mas sao coisa que me deixam muito feliz! Boa leituraa e nao me matem SZ

Capítulo 5 - Oh shit!


Fanfic / Fanfiction My Nerd - Capítulo 5 - Oh shit!

Puxei Colton pelo pescoço e o beijei, meus lábios faziam força contra os dele e eu era corespondido com mordidas no meu lábio inferior.
Ele subiu no meu colo e eu aproveitei pra apertar a bunda dele. Colton começou a rebolar no meu membro e eu gemi em seu ouvido. Segurei a cintura dele e mordi seu pescoço com força deixando a marca dos meus dentes em sua pele.
- Era pra mim estar te torturando e não o contrário- sussurei em meio a gemidos enquando sua boca beijava meu pescoço e suas mão arranhavam minha barriga por baixo da camisa. Ouvi batidas em algum lugar, não me importei. Os vidros do carro são escuros ninguém vai nós ver mesmo.
Minhas mãos tiraram a blusa que Colton estava usando, expondo o peitoral magro e definido com algumas marcas da noite alterior. Minha lingua passou pelo seu mamilo e ouvi o gemido rouco e manhoso que ele tinha, fazendo eu ficar louco e colocar minhas maos na sua cintura e impulcionando seu corpo pra baixo fazendo nossos membros terem mais contato. Minha mão foi para o botão da sua calça a abrindo com pressa, massageei seu membro por cima da cueca, mas não estava com paciência pra preliminares queria ele agora. Queria tentar uma coisa diferente.
- Colton, o que você acha de invertermos as posiçoes hoje?- perguntei mordendo seu ouvido.
- O que você quer dizer com isso?- perguntou com uma cara confusa.
- O que eu quero dizer é: me fode Hayos.- disse e o beijei sem deixar ele responder. Ele pareceu gostar da ideia já que segundos depois começou a tirar minha calça com rapidez. Ouvi mais batidas, mas novamente ignorei. Hayos fez o banco ir pra trás, e tirou minha cueca.
Começou a beijar desde o meu pescoço até o meu membro. Beijos calmos e extremamente provocantes.
- DROGA JAMES SERÁ QUE DÁ PRA VOCÊ ABRIR  A PORRA DO CARRO?!- ouvi a voz fina e irritante da pirralha e quis mata-la. Bem agora ela tinha q aparecer?! Colton ja estava vestindo sua roupa com os olhos espugalhados.
- A não volta aqui, finge que ela não existe, vamos terminar isso primeiro.- disse manhoso.
- James!- falou com um olhar reprendedor.- Vista se agora!- continuou.
- Eu ainda mato ela por isso.- disse e comecei a resmungar palavrões.
- SEU DESGRAÇADO EU QUERO IR PRA CASA.- falou a demonia.
- JÁ VAI PIRRALHA!- gritei de volta, ouvindo ela bufar. Quem devia tar bufando era eu. Destravei as portas do carro e ela entrou junto com o idiota do amigo dela que olhou pra mim e pro Colton e depois trocou olhares com a loira.
- MEU DEUS.- gritou a retardada da minha irmã, que desviou o olhar do amiguinho dele e olhou pra nós maliciosamente. - Agora eu seu porque você ficou tão bravo James.- disse e começou a rir.
- Não tem graça sua palhaça- falei ligando o carro. Hayos só faltava fazer um burraco no carro de tanta vergonha.
- Desculpe mano, mas como eu ia saber? Na verdade a culpa nem é minha! Vocês deviam ir pra um lugar mais reservado. E meu pai disse que era pra mim volta com você pra casa.
- Se ele disse que era pra você voltar comigo porque trouxe ele junto?- disse olhando para o Tony pelo espelho retrovisor.
- A Daysi me convidou pra almoçar na casa dela.- me respondeu.
- Daysi você não pode convidar estranhos pra ir na nossa casa!- disse, essa menina é louca.
- Ele estuda comigo James, não é um estranho.
- Sei. - estacionei o carro em frente a minha casa. Abri a porta e senti o cheiro de comida.
- O Will não vai vim almoçar?- perguntei pra diaba. Eu sei sou um amor com minha irmã.
- Não, ele disse que tinha que ficar no restaurante hoje.
- Oláááá amoreeees- disse minha mãe vindo da cozinha.- Eu estava com tanta saudade de você.- falou pra Daysi e a esmagou nos braços dela.- Como foi na sua avó? As ferias foram legais?
- Foram maravilhosas mãe! O papai me mostrou um monte de coisas e me levou na praia que tem perto do sitio. Falando no sitio é enorme, você tem que ir lá!- disse e começou a tagarelar, seguindo dona Asheley até a cozinha com Tony do seu lada. Ri baixo, ele parecia um cãozinho seguindo sua dona tadinho.
- Onde que sua irmã foi?- perguntou Colton que se acomodou no sofá. Hunf, preguiçoso.
- Na avó dela por parte de pai. A mãe do Will tem um sitio numa cidade perto aqui de Boston, ela passo as ferias lá junto com o Will e volto faz dois dias.
- Por que você não foi junto?- perguntou olhando pra baixo já que eu deitei no sofá com a cabeça em seu colo.
- Porque a Dona Celina não é minha avó e porque nossas aulas começaram uma semana antes das da Daysi.
- Amanhã tem aula, tenho que ir pra casa arrumar minhas coisa e fazer o tema de casa.
- Você vai ficar aqui.- falei bravo.
- Eu não posso James.
- Dá um jeito de poder.- respondi, recebendo um olhar do Hayos que seria assustador se ele não fosse tão fofo.
- Você quer o que? Que eu durma aqui e vá pra escola com você? Com toda aquela gente vendo?- falou como se eu fosse louco.
- Então você tá preocupado com o que as pessoas vão pensar é isso?
- Você deveria estar. Não é como se elas vão ficar aplaudindo você como sempre fazem.
- O que você quer dizer com isso?- disse ficando de pé em frente a ele, ja estava furioso.
- Que você é o queridinho mimado da escola! E se te virem comigo não vão mais te tratar como te tratam.
- O fato de eu ser o queridinho mimado da escola como você diz te encomoda tanto assim?- perguntei entre dentes.
- O fato de você já ter comido metade das meninas da escola me encomoda. E duvido que você vai parar de fazer isso, afinal essa é a sua reputaçao não é, o badboy que pega todas. Você não arriscaria ter sua imagem destruida.- fiquei quieto apenas o encarando vendo ele se levantar do sofá e ir em direção a porta. Então ele acha que sou um idiota futil. Se ele acha isso, é o que ele vai ter. Escutei a porta bater e fui em direção a cozinha.
- Cada o Colton, James?- perguntou minha mãe.
- Foi embora, e acho que não vai mais voltar aqui.


Notas Finais


Espero que tenham gostado...ou nao.
Gente eu tava pensando em fazer uma pergunta em cada cap pra gente se conhecer melhor, o que voces acham? A pergunta de hoje seria:de onde voces são? Eu sou do Rio Grande do Sul. Beijooooos amo voces SZ SZ SZ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...