História My New Colorful Canvas - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 24
Palavras 2.872
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ficção, Fluffy, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 5 - The feeling of being...


Chequei o horário, 19:00 horas ,enquanto caminhavamos até a rua do "Loup's Noir" , até que no meio do caminho Tereza se virou para nós é disse
- Eu só vou até aqui , tenho uns assuntos para... cuidar
Não sei porque mais o jeito como ela falava , parecia que iria cometer alguma loucura... Espero que eu esteja errado, todos nós nos despedimos receosos
- O que vocês acham que ela vai fazer ? - perguntou Jordan preocupado , acho que todos nós estávamos , eu com mais de uma coisa...
- Não precisamos nos preocupar ela é bem... Ela ! - disse Brook
Todos nós assentimos , até que chegamos na floricultura , apesar de todos nós chamarmos assim , logo atrás da loja havia uma casa , antiga e rústica , como aquelas de desenho animado , branca , duas janelas etc...
- Então... - começou Jordan - vá encontrar sua amad-... Quer dizer seu amado
O olhei com raiva enquanto ele ria nervosamente
- Jasper você está passando muito tempo com Tereza, sabia ? Está começando a aprender "o olhar" dela - disse April enquanto checava o telefone
Olhei para todos preocupado , eles me deram um polegar para cima sorrindo para mim , suspirei e dei um passo para frente , estava na soleira da porta, levantei a mão para bater...
- BUM ! ( A/n : não sei fazer o som de uma  explosão , então... Que se dane )
Esse som cortou o ar , junto com uma fumaça de cor azul ,me virei para trás
- Vocês não acham que...
Eles se entreolharam e April pareceu empalidecer com o pensamento
- Me-Meu celu-celular , Te-Te-Tereza pegou ele ho-hoje ma-mais ce-cedo e depois quan-quando chequei ela ha-havia apa-apagado um vi-video do número que me mand-mandou ver mi-minhas fotografias hoje de ma-manhã , fo-foram as pe-pessoas que estragara-estragaram , vo-voxes não acha-acham q-q-q-q-que el..
Ela não teve tempo de terminar a frase , todos nós saímos correndo em direção a onde a fumaça azul estava, ela rodeava um pequeno prédio atrás do ateliê , Ah, agora me lembro ! Essa é uma das escolas que participam do concurso todos os anos , infelizmente como alguns atelies ou cursos eles só aceitavam pessoas com almas gêmeas , ou seja uma espécie de Elite que nos... Atormenta-
- VADIA ! - um grito me interrompeu e logo a frente do edifício , se espalhava... uma grande espuma azul descendo de todas as janelas , os alarmes de incêndio tocando e os sprinkles jorando... Tinta ? no campo a frente ou seja... Era obra de Tereza..., O prédio também tinha sido coberto de papel higiênico que dizia " We don't need love , Bitches" Ela vinha correndo em nossa direção sorrindo e evitando as áreas precisamente onde os sprinkles apareciam e joravam a tinta, o que não era boa coisa, isso A.indicava que foi ela que fez tudo isso e B. Que ela não se arrependia nem um pouco e para nossa sorte nem pretendia ser pega, e logo atrás dela o grupo de adolescentes mais bizarro do mundo corria , tive aquela inexplicável vontade de gritar " Run , Forrest , RUUUN..." quando a vi
- " O nome é Evans , Tereza Evans" e não me confunda com sua namorada ! Idiota !
Ela passou por nós e logo nos todos estávamos correndo na mesma direção que ela
- Acho incrível o fato que ela consegue correr e insultar as pessoas a o mesmo tempo - conchichou Jordan a o meu lado ofegante , enquanto de alguma forma ele dava um riso atrofiado com a referência
- E por isso que não tem uma alma gêmea , quem é que poderia amar isso !  E mesmo que tenha espero que nunca encontrei !- uma garota de voz realmente irritante e peitos anormalmente grandes gritou , Nossa ! Será que se alguém cutucar eles... Eles estouram ? , Aquela ofensa foi pesada , mesmo para Tereza falar aquele tipo de coisa era ofensivo aqui
- Eu espero que você esteja certa , para minha mentalidade e para a segurança física de quem quer que seja o infeliz, Filha de uma Hera !*  - disse ela estirando a língua e o dedo do meio para eles enquanto corria de costas, e agora eu estava tão impressionado como Jordan , quem é que consegue correr de costas , pensar em um insulto ou resposta rápida e inteligente com uma referência no meio e estirar o dedo a o mesmo tempo ?
- " A o infinito e além ! " - Ouvi April gritar risonha
- "Hasta lá vista , Baby ! " - do outro lado Brook ofegou também rindo , Tereza logo atrás, por ter desacelerado um pouco por causa do esforço, com um sorriso enorme estampado no rosto
- " Eu voltarei ! " - Gritou Jordan
Todos desviaram o olhar para mim , para qualquer outra pessoa naquele momento , só éramos um bando de loucos gritando referências enquanto corriamos de um bando de adolescentes com cabelo azul e agora encharcados de tinta rosa com Bigodes falsos ou o que quer que seja que ela tinha desenhado nas cara deles e sem sobrancelhas ,com espuma em lugares desagradáveis ( ela era incrivelmente rápida quando queria fazer uma pegadinha séria) , mas para mim , naquele momento éramos os reis do mundo
- " Não entendem em pânico ! E NOS DESCULPEM PELO INCONVENIENTE ! "
Nós os despistamos depois de 10 minutos, todos nós estávamos arfando no chão
- Água... Buscar... Quem ? - tentou dizer Brook ou melhor " Quem quer água ? Estou indo buscar "
- Eu..
- Eu...
- Eu
- Prefiro um... - tentou dizer Tereza mas foi cortada por uma olhar raivoso de Brook - Quer... Dizer... Eu
Ela era a única que conseguia formar uma frase coerente, bem mais ou menos , depois de um tempo Brook trouxe uma sacola com as águas , as quais Jordan fez questão de praticamente agarrar , em um segundo todos nós estávamos recuperados , tão como possível
- Desculpe por não ter conseguido ver ele de novo , Jasper... - Tereza murmurou... ESPERA O QUE !?
Cuspi a água que eu tomava enquanto os outros engasgavam
- Você acabou de... Pedir desculpas !?
E nenhum insulto foi dito em menos de 2 segundos, isso era incrivelmente anormal
- Sim - ela disse simplesmente - ou seu cérebro de tinta não consegue assimilar esse fato ?
E tudo voltou a o normal , ri do comentário
- Se alguns tem cérebro de tinta aqui e você
- Achei que era de café...- continuou Brook
- Não era de Yuri ? - Jordan
- Espera... - todos olharam para April - quer dizer que não eram ,unicórnios !?
E com isso todos nós rimos, e pelo canto do olho vi Tereza esboçar um pequeno sorriso , depois ela suspirou e se levantou
- Então , " Shall we Go ? "
Ela estendia a mão para mim
- Para onde ?
Todos se entreolharam e sorriram
- Para a casa do seu amado, Romeo - disse Jordan
- Vamos logo , quero poder contar aos meus netinhos que pude ver Yaoi a o vivo ! - disse Brook como de costume
- Vamos, e você vai estar tipo " Hiiiiya " e ele vai ficar tipo " Uawh ! " quando ver você - April disse arrancando um sorriso mais abertos de todos nós
Olhei para cima , Tereza ainda estendia uma mão para mim , olhei para o meu celular 20:70, pelo visto tudo aquilo tinha durado mais do que nós percebemos, o toque de recolher da cidade inteira começava as 19:00 em ponto , todos ja deviam estar dormindo
- Vamos , cinderela , o Baile dura até 00:00
E com isso tomei a mão dela e saímos correndo como os loucos que somos...
Até que chegamos a casa de Quinn novamente , assim que comecei a caminha até a porta , até que Jordan e Brook que pararam
- Wow , Wow , Wow ... Vai parando aí ! - começou Brook
- Você não acha ou melhor... Pensa que vamos deixar você ter essa entrada tao sem graça , não é ? - já estava começando a ficar com medo enquanto Jordan terminava a frase de Brook
O escritor e a fotógrafa se entreolharam maliciosos e continuaram
- Se você vai ve-lo a essa hora da noite...
- vai só sair batendo na porta dele ?
Olhei para tras em busca de uma opinião sensata de April e Tereza... Bem, talvez só de Tereza... Mas as duas se entreolharam com o mesmo sorriso malicioso
- Oh não, não não não não não ! Nananinanão ! Eu não vou fazer algum ato romântico e louco , já acabamos de fazer isso ! E olha o que deu ! - gestoculei freneticamente com minhas mãos e cabeça
- Imagine o rosto dele quando ele ver você na janela , jogando pedrinhas e dizendo " Vamos conversar ? Quero ver você de perto , abraçar você e... E... - Brook dizia dramaticamente , acho que a doença de Jordan a pegou também , enquanto isso meu rosto ficava vermelho gradativamente , ao imaginar seus olhos brilhando com animação e seu sorriso reluzente se abrindo , mostrando seus brancos e perfeitos dentes , seus cabelos a luz da lua e sua pele levemente cora-... AH NÃO ! NÃO VOU CAIR NESSA ! , Tapei os ouvidos e comecei a gritar
- LA LA LA LA LA , NÃO ESTOU OUVINDO !
Até  que Tereza fizera questão de tapar minha boca com as mãos , com um pouco de força demais
- Cérebro de Tinta, e agora ou nunca ! - ela dizia sem muita emoção - não podemos esperar mais ,temos que sair daqui senão os filhos da pu...
April bateu no ombro dela suspirando assustada
- Olhe o linguajar !
Tereza suspirou irritada , não era a primeira vez que ela tentava falar um palavrão e algum de nós a reeprendia
- "Aqueles adoráveis jovens ", assim está melhor ? - ela se virou para April que deu um polegar para cima e uma expressão de orgulho claramente de brincadeira - chamarem a polícia e eles irem patrulhar para ver se nos encontram..
Pensei por um momento , por um lado... Eu poderia voltar para minha cama quentinha e ve-lo amanhã de manhã... Mas por outro lado eu poderia fujir com Quinn e todos da "WDNL" por uma noite , se esgueirando da polícia , em uma cidade que nada estava funcionando e ninguém podia nos ver...
    - Quinn ! - joguei outra pedra em sua janela , todos estavam escondidos em uma das moitas , Eu devo estar ficando louco... Um louco idiota e apaixonado mas um louco , acho que joguei outra pedra com força demais , porque... Ela pode ter , meio que sem querer... Quebrado um pedaço da janela de Quinn , mas não consegui ligar para isso agora, lá estava ele , Quinn tinha os cabelos bagunçados e usava uma camisa branca básica com mangas, agora que percebi o quão as noite são frias aqui, também percebi que todos nós usávamos casacos e as roupas de sempre, menos Tereza que usava outro de seus moletons com a frase " I say Vol.. and you say... ? Voltron ? ", Mas voltando para Quinn,  ele estava de pijama e seus olhos estavam sonolentos , e ele esfregava os olhos enquanto falava , as mangas da camisa muito grandes cobriam ate metade da sua mão , apertei meu nariz para que não tivesse um sangramento nasal naquele momento...
    - Jasper ? - sua voz estava sonolenta e macia , o que o deixava mais fofo ainda , AH MEU DEUS ! O QUS EU ESTOU FAZENDO !? - O que você está fazendo aqui ?
    - Eu.. eu queria que você... Que dizer que nos fossemos... Passear ? - disse baixinho , enquanto na moita Jordan e Brook se remexiam
    -  O que ? - ele disse - não consigo ouvir você
Suspirei em alívio , olhei para moita mais uma vez , Jordan e Brook seguravam um caderno que dizia " Peça para ele descer ! " , Fiz um sinal com a mão para que ele descer , ele olhou para um lado e depois o outro , preocupado esperei sua resposta
- Como ? - sussurou ele
Olhei para a moita novamente e agora dizia " Diga para ele pular e que você vai segura-lo "  Movimentei os labios nessas palavras ele acenaou com a cabeça , voltando para o quar- ESPERA O QUE !? ELE VAI MESMO SE JOGAR DE UMA JANELA PARA QUE EU PEGUE ELE ?! , ele voltou dessa vez ele vestia um casaco marrom por cima da camisa branca , um cachecol azul marinho junto com uma boina como a de Tereza só que azul marinho como o cachecol  tudo isso por cima do pijama ele também usava um all star de cano longo como Tereza e April , ele acenou com a cabeça e abriu a janela , ELE VAI FAZER MESMO ISSO !? comecei a agitar as mão freneticamente tentando para-lo , mas ele não dava atenção, logo ele estava com uma das pernas do lado de fora , e em um piscar de olhos ele tomou impulso e... Pulou , abri os braços rapidamente e assim que seu pequeno corpo entrou em meus braços eu o abraçei com força, ele se separou um pouco e me olhou compenetrado nos olhos , tudo parecia realmente como em um filme , a mocinha pula nos braços do herói e eles se beijam com uma paixão ardente... Até que ele chutou minha perna sem querer e eu caí, levando nos dois a o chão
- Ouch - falei me levantando , agora ele estava entre minhas pernas , sua cabeça descansando em meu peito , corei com a aproximação - ãh.. eu ME DESCULPE !
Ele me encarou ,um brilho ainda maior em seus olhos , ele sorria abertamente , suas bochechas levemente coradas ,era igual a como eu imaginava mas só que... Muito muito melhor e muito mais constrangedor... Ele começou a rir
- Não , pre-precisa pedir des-desculpas - ele disse entre risos - essa foi a coisa mais emocionante que eu já fiz na minha vida inteira !
Não sei se fora só por impulso ou no calor do momento mas... O abraçei mais forte e o aproximei olhando para seus perfeitos labios , e depois para seus olhos , repeti isso até que ele acabou percebendo , seu rosto se aprofundou em um rubro anormal , e ele começou a se aproximar um pouco... Eu desviei o olhar para a moita onde todos nós espiavam com expressões ansiosas , menos Tereza que parecia que iria vomitar por causa da atmosfera , me levantei rapidamente e ofereci a mão para ele , qual ele gentilmente tomou e seguindo meu olhar viu todos na moita me esperando , acenando sem graça
- Oi - disse ele , sorrindo um pouco - bom ver vocês de novo...
Senti um aperto no peito e um pensamento tomou conta , e se ele não gostase deles ? Eles eram praticamente uma família para mim , o que era estranho de admitir mas eu era o que eu sentia
- E eles vão conosco - disse tomando coragem e tomando suas mãos nas minhas - isso... incomoda você ?
Olhei para baixo esperando uma resposta nervoso , até que ele riu
- O que ? Claro que não ! E só que eu nunca realmente tive amigos como eles e me sinto nervoso... - ele se aproximou do meu ouvido e sussurou um vermelho tomando conta de seus rosto novamente - eu não quero ser odiado por eles... Quero poder ficar perto de todos e de... Você , Jasper
Um sorriso Bobo se ficou no meu rosto enquanto Tereza Falava
- E aí , vamos ? Todo esse sentimentalismo está me deixando com ânsia de vômito - ela apontou para a boca com um dedo estirando a língua, todos começaram a caminhar para fora da moita e na mesma direção que Tereza andava , até que percebi algo, eu ainda segurava uma das mãos de Quinn , tentei solta-la rapidamente , mas Quinn a apertou me olhando com seus olhos agora cheios de estrelas , como se dissese " Por favor , não solte , quero estar perto de você ! " Corei a o pensamento e começamos a andar junto com eles. Nossas mão entrelacadas, aquela noite fizeram tantas noites sem cor e solitárias , desaparecerem...

Lista de referências
1.
2. James Bond ( o nome é Bond , James Bond...)
3. Buzz Lightyear/ Toy story
4. O exterminados do futuro
5. O exterminado do futuro
6. O guia dos mochileiros da Galáxia
7.
8. Voltron legendary defenser

* Se entendeu isso , " Feche essa fanfic imediatamente" 😉



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...