História My nightmare Vmin - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 10
Palavras 789
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu não tenho o que dizer.

Capítulo 1 - One


Sim, Taehyung era um simples adolescente, que tinha um amor por um garoto em sua escola, até que é normal, era o que ele achava.


E mais uma vez, Taehyung estava lá, olhando para Park Jimin, que se encontrava falando com seus amigos, Taehyung nunca foi tão popular, não tinha tantos amigos, na verdade, não tinha nenhum, fazia tempo que não se aproximavam de si. Em um dia qualquer quando pois seus olhos em Park Jimin, sentiu suas mãos soarem e seu coração acelerar, era algo que nunca havia sentido antes, nem sequer conhecia-o direito, deveria acha-lo estranho, não é? Todos achavam, Jimin não seria diferente.

Observava-o na sala de Aula, nos intervalos e em qualquer lugar que estivessem por perto, Taehyung era fascinado por Jimin, achava seu amor por ele algo, possessivo, sempre achou, observava-o desde o ano passado, se masturbava pensando em Jimin desde o ano passado. Taehyung não se achava atraente, achava que por isso, Jimin nunca havia falado com ele, ou falaram algo ruim de si, faxendo com que Jimin ficasse com nojo. Sempre ficava cabisbaixo quando tentava se arrumar em frente a um espelho, se sentia uma garotinha apaixonada, era horrível, amar sem ser correspondido.


Estava seguindo Jimin até sua casa, ele estava com uma garota, se sentia traido mesmo os dois não tendo Nada, isso era humilhante!

Ele levou ela lá para dentro, não tinha como eu ver nada, bufou e voltou para casa indignado. Estava escurecendo, pensava no que Jimin deveria estar fazendo com aquela garota, pensava enquanto desenhava dois garotos em um altar, colocando duas setas, havia colocado o nome "Jimin" em cima da cabeça de um dos garotos no desenho, e no outro escreveu "Taehyung", sorriu com sua obra de arte começando a pintar.

Ao acabar de pintar todo seu desenho, guardou em uma das gavetas da mesa em que estava desenhando e a fechou, apagou seu abajur rosa bebê, agora se levantando e apagando a luz do quarto, que por acidente bateu seu dedinho do pé na cama quando foi se deitar, mordeu seu lábio inferior, não queria acordar seu tio, não queria que tudo se repetisse, apenas se jogou na cama se cobrindo, odiava deixar seus pés de fora de seu cobertor, sentia medo de algo o puxar, era medroso.


Acordou soando, havia tido o mesmo pesadelo que tinha com seu tio a semanas, o odiava, odiava quando seu tio tentava ter relações consigo na frente de sua tia, odiava ser chamado de putinha. Queria fugir de casa, se é que poderia chamar aquele lugar de casa. Se levantou coçando seus olhos com as costas de suas mãos, olhava para a foto de seus pais que tinha em sua parede, era antiga, estava um pouco acabada, mas sempre tinha cuidado com sua preciosa foto.

Era sábado, o que quis dizer que não veria Jimin, mas Taehyung insistia em ver o que Jimin fazia com aquela garota em sua casa.

Enquanto se vestia no banheiro, se olhava no espelho, não se sentia confortável com sua aparência, tentava se arrumar de todos os jeitos possíveis.

Já saindo de casa, ignorando seu tio que tinha acabado de perguntar aonde iria, foi em direção a casa de Jimin, não era tão longe de sua casa. Já chegando perto da casa de Jimin, o viu sair de casa, se assustou, assim, se esconde em alguns arbustos que haviam na casa dos vizinhos. Ao ver que Jimin já havia ido embora, se levando bufando, dava batidas em sua roupa, retirando todas as folhas que haviam pelo seu corpo.

Viu que a casa de Jimin estava aberta — Ótimo! - Pensou Taehyung adentrando a casa de Jimin, precisava ser rápido, Jimin poderia chegar a qualquer momento.

Procurou a garota em todos os lugares, menos no quarto de Jimin, ficou triste apenas de pensar nas coisas indecentes que poderiam ter feito.

Adentrou ao quarto de Jimin — Nada da garota - Taehyung apenas se jogou na cama de Jimin, abraçava aquele travesseiro sentindo aquele cheiro maravilhoso!

Deixou aquele travesseiro cair, bufou indo pega-lo. Quando pegou o travesseiro, viu um tipo de porão em baixo da cama de Jimin. Empurrou a cama tendo a visão de uma "portinha". A puxou tendo a visão de escadas, e de um lugar escuro, ouviu gemidos, eles estavam transando lá em baixo? Mas..Jimin saiu, viu isso com seus próprios olhos.

Desceu as escadas, a cada passo, a madeira fazia barulhos irritantes, fazia Taehyung ficar agoniado.

Procurava o monitor em todos os lados, passava suas mãos pela parede, e finalmente tinha achado o maldito monitor!

Arregalou seus olhos, aquele lugar estava cheio de..Sangue.

Olhou para a garota do dia anterior, ela estava amarrada..se debatendo.

Não esperou e saiu correndo retirar as cordas da garota rapidamente, só ouviu ela gritar e com seus olhos arregalados.

Olhei para trás e..Jimin havia me acertado.


Notas Finais


Até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...