História My Obsession - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Abo, Chanbaek, Hunhan, Jikook, Jimin Ômega, Jungkook Alfa, Kaisoo, Kookmin, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 2.177
Palavras 2.038
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii ><

Por favor Leiam as notas finais 👇👇

Não me canso de agradecer, então novamente obrigado pelos favoritos e.e

Boa leitura^^

Capítulo não revisado*

Capítulo 6 - Chapter Six


O sábado acordou cinzento e frio, um vento gostoso entrava pela janela entreaberta do quarto bagunçando os fios alaranjados. Jimin abraçou mais o corpo de Jungkook como se fosse seu travesseiro, afinal era. Pela primeira vez achou que o fato de ter um alfa não seria tão ruim assim, mesmo se fosse um Jeon Jungkook. Descansava o rostinho amassado no peito do alfa e uma de suas pernas por cima das pernas malhadas do moreno, a respiração dele batia em seus cabelos e fracamente em seus rosto. Abriu os olhos mais tratou de fecha-los novamente pois a claridade os incomodava, iria levanta-se porém preferiu ficar alí colado ao corpo quente do alfa que dormia serenamente e contia as mãos possessivamente em sua cintura, como se estivesse com medo de que fosse fugir, mais para quê fugiria se ele iria atrás de si?. Então respirou fundo sentindo o cheiro amadeirado do alfa, não podia negar que ele tinha um cheiro bom e um excelente corpo,o que não atraía só a si como outros ômegas e betas. Isso lhe irritava.

Jungkook abriu os olhos piscando várias vezes para se acostumar com a claridão da janela que nem fechará na noite passada, olhou para baixo se deparando com o ômega enroscado e encolhido no seu peito, a respiração calma que nem parecia que ele era um pestinha como ômega. Afegou a cabeleira do menor sentindo o peso de uma de suas pernas nas suas, pareciam aqueles casais clichês. Sorriu velando seu sono e sentindo o cheiro de cereja que ele tinha, isso já estava ficando clichê até lembrou-se que não não era tão ruim assim dormir com alguém ou melhor, com Jimin. Resolveu acabar com isso ou enlouqueceria, não queria se apegar a ele já sentir uma atração por ele já estava de bom tamanho. Ou não.

 –  Jimin – Chamou rouco mais o mesmo nem se mexeu, ele tinha pegado no sono novamente que nem perceberá – Jiminnie, acorde!

O ômega mexeu-se resmungando algo logo escondeu o rosto no peito do alfa, sua cabeça doía e seu bumbum também pelas cintadas da noite passada. Sempre fora tão manhoso quando acordava não importava com quem fosse, agarrava e não queria soltar mais e principalmente com Jungkook pois mesmo que ele fosse um monstro, tem o cheiro que lhe acalma, que lhe deixava embargado facilmente.

– Vamos Jiminnie, acorde! – O alfa disse calmo o que surpreendeu o ômega. Primeiro por está calmo; Segundo por ter lhe chamado por um apelido um tanto fofo – Deixe de ser preguiçoso. – O moreno disse e o ômega levantou a cabeça coçando os olhinhos com os dedos indicadores.

– Bom dia para você também Sr. Irritadinho. – Debochou.

– Bom dia – Disse rápido – Agora quero uma boa explicação por ter saído com outro alfa – O menor suspirou. Porquê ele tinha que voltar a tocar naquele assunto?

O menor fez menção de falar mais fora interrompido por batidas na porta, olhou para mesma e dois para Jungkook que levantou rapidamente da cama e fora até a porta. Abriu a porta lentamente e pela mesma passou Yoongi e Hoseok afobados olhando ao redor do quarto, um sorrisinho malicioso nasceu nos lábios de Hoseok ao ver Jimin com a blusa de Jungkook e sentado na posição de índio. Já o outro garoto de cabelo verde travou olhando para coxas desnudas e branquinhas, o menor corou ao sentir o olhar em si. Vendo aquilo Jungkook irritou-se jogando o lençol em cima do ômega.

– Se cubra. – Murmurou – O que vocês estão fazendo aqui?

– A noite foi tão boa assim que nem ouviram nada mesmo – Riu Hoseok ao ver o moreno revirar os olhos – Olha como ele fica lindo corado, Yoongi. –O beta desviou o olhar de Jimin para Hoseok lhe olhando raivoso – Que foi?

– Não viemos aqui por isso, Hobi! – Yoongi falou e direcionou seu olhar para o alfa mais novo – O Sr. Hogan está morto.

– M-Morto? – Jungkook arregalou os olhos. Quem mataria aquele velhote? Claro que ele tinha inimigos mais ele tinhas sempre seus seguranças por perto e sua família – Como isso aconteceu e onde estava seus seguranças?

– E o sobrinho dele? – Jimin disse atraindo atenção de todos – O que foi?

– É sério que você está perguntando por ele, está tão preocupado por quê? – Jungkook perguntou irônico.

– Jungkookie venha aqui. – O menor chamou o alfa batendo no colchão – Sente aqui meu nobre alfa e eu irei lhe explicar.

Receoso o alfa sentou ao lado do ômega que sorria zombeiro, o menor passou o bracinho pelos ombros do moreno e sentou em seu colo, ah como ele gostava de provocar. Hoseok e Yoongi apenas se divertia com a cara confusa do alfa.

– Veja bem Jungkookie – Começou irônico – Como o velhote pode ter morrido sem os seguranças saber, se o único que vimos ao lado dele era seu sobrinho – Disse e levantou-se do colo do moreno sem se importar se estava apenas de boxer e uma blusa de Jungkook, esta que ia até suas coxas fartas – Quando estava conversando com Young-do ele disse que precisava de dinheiro para montar seus próprios negócios mais o tio dele não queria lhe dá, pelo menos não agora.

– Então quer dizer que foi o Young-do? – Yoongi perguntou.

– Não sei, mais ele é suspeito – Deu de ombros – Quem não mataria por dinheiro? Eu mataria o Jungkook só para ficar com aquela mansão pra mim. – Zombou.

– Me lembre de nunca mais deixar você dormir comigo – Levantou-se da cama indo até Hoseok – Vamos para casa depois voltamos para investigar isso melhor.

– Não Jungkook. Ontem a noite tinha uma pessoa estranha aqui na festa – Comentou Yoongi – Ele não parava de olhar para você e o Jimin, e o mais estranho foi que ele sumiu do nada.

– C-Como? – Jungkook virou para o beta – Acha que pode ser ele?

– Se ele voltou Jungkook... Ele vai procurar algo para lhe afetar ou melhor seu ponto fraco – Hoseok olhou para Jimin que estava na janela.

– Acho que ontem tinha alguém nos observando – O menor comentou ainda olhando pela janela sentindo o frio bate em seus rosto – Quando eu e o Young-do estávamos conversando sentíamos o olhar cheio de maldade.

– Porquê não me falou? – Jungkook disse irritado.

– Você nem me deixou falar, saiu me arrastando como se eu fosse um cachorrinho – O menor virou e o encarou – Não faz diferença mesmo né? Desde o dia que cheguei você me trata assim.

 –  Claro! O que tem de mais me obedecer? É tão difícil assim – Gritou sem se importar se outra pessoas estavam ouvindo, principalmente Yoongi e Hoseok – Acha mesmo que eu gosto de bater em você?

– Acho! – Fora simplista – Você é um monstro. – Gritou

Jungkook caminhou vagarosamente até o ômega que se encolheu ao ver olhos dele ficarem mais escuros, levantou a mão para lhe bate mais parou no meio do caminho.

– Dessa vez vai passar pois não quero ter que fazer pior do que eu faço com você – Disse com voz de alfa – E muito menos quero chegar em casa com você e sua cara toda marcada pela minha mão, agora vá trocar de roupa.

Hoseok e o beta saíram de fininho dizendo que iriam esperar lá embaixo, enquanto o Jungkook pegou uma roupa e fora para o banheiro em passos firmes, o ômega apenas pegou uma calça no armário de Jungkook e a vestiu. Sentou-se na cama balançando os pés já calçado, não queria ter irritado o mais velho mais a culpa não foi sua de acabar falando coisa que não devia mais era verdade, Jungkook era e é um monstro consigo. Saiu de seus devaneios quando viu o alfa sair do banheiro completamente vestido com uma calça preta colada e uma blusa branca larga, os cabelos penteados. Jimin levantou-se rapidamente da cama e segui o mais velho que ao menos fez questão de falar consigo, idiota.

O caminho todo foi silencioso até mesmo Taehyung e Baekhyun estavam calados. Ao chegar na mansão todos desceram e Taehyung adentrou na mesma quase correndo e gritando.

– Jin omma – Gritou e logo o viu aparecer na sala com Namjoon.

– Que gritaria é Taehyung? Tá pensando que tá onde, no hospício ou na casa da mãe joana? – Falou irritado.

– O Jungkook bateu no ômega – “Fofoqueiro como sempre” – Pensou Jungkook.

– O que você fez Jeon Jungkook – Aproximou-se do moreno puxando sua orelha – Como você pode bater numa coisa fofa como essa?

– Só parece ser fofo mais é um pestinha – Disse irritado e o ômega mais velho saiu o puxando até seu quarto. Ao entrar no mesmo Jin o solta e e coloca as mão na cintura – Porra Jungkook! O coitado mal chegou aqui e você fica batendo nele se isso acontecer novamente eu vou te castrar e me dá a chave do quarto dele porque ele não é nenhum prisioneiro para ficar enfurnado naquele quarto.

O moreno levantou-se e pegou a chave na gaveta de seu criado-mudo e o entregou, foi até seu closet deixando o mais velho sozinho no quarto, o mesmo suspirou e saiu do quarto. Jimin olhava os meninos caí na risada ao ver Jungkook ser arrastado pelo ômega mais velho, olhou para Namjoon que estava sentado chupando um pirulito.

– Você não vai fazer nada? – Perguntou ao ver Jin descendo as escada e bater no Hoseok por está rindo alto.

– Eu? Nya. Seu eu o interromper apanho junto com eles – Riu e levantou-se do sofá – Vou assistir uns vídeos nos vemos no jantar.

Namjoon aproximou de Jin e lhe deu selo rápido e subiu, o ômega mais velho estendeu a mão para Jimin que lhe olhou confuso ao ver uma chave na mesma.

– Essa é a chave do seu quarto, agora você pode entrar e sair dalí a hora que quiser – Sorriu – Só não saía da mansão.

– Agora você está livre – Hoseok disse.

– Voa passarinho voa. – Taehyung gritou balançando os braços.

– Voa até Jungkook cortar suas assas. – Yoongi falou rindo baixo.

Ouviram passos vindo da escadaria e logo Jungkook apareceu vestido de terno, caminhou até a porta e a abriu dando passagem a dois ômegas que seguravam uma maleta preta. Sem se importar com os olhares, Jungkook acompanhou os ômegas para seu escritório.

– Será que aconteceu algo, porquê o Jungkook só chama o Kyung e o LuHan quando acontece algo sério – Tae disse.

Ficaram em silêncio ao ouvir Jungkook e os ômegas voltarem novamente para sala e logo desaparecer porta a fora. Ninguém sabia mais Jungkook havia pedido para Jongin e Sehun procurar saber o que havia acontecido com o Sr. Hogan mais os ômegas disseram que ainda não encontraram nada mais disseram que havia gente nova na área, então preferiu levar os ômegas que lhe trouxeram a informação para suas casas, seria perigoso deixar-los indo sozinhos para casa. Ao voltar passou direto por todo e fora para seu quarto, queria tanto saber quem era a pessoa que havia matado o velhote. Ouviu o barulho da chuva forte lá fora, então preferiu dormir já que não entrava nada sobre a morte o homem.

Já era noite quando Jungkook levantou-se tomou um banho e desceu para jantar, um de suas empregada disse que todos já haviam jantado até mesmo Jimin. Comeu um sanduíche e voltou para seu quarto e quando adentrou no mesmo, o raio clareou o quarto que antes era um breu. Deitou-se na cama quentinha ouvindo o barulho da chuva forte, fechou os olhos mais logo tratou de abri-lo ao ouvir batida na porta, levantou-se pronto para amaldiçoar quem for que estivesse alí. Antes mesmo de abrir a porta sentiu o cheiro de Jimin, sorriu a mais o sorriso em seus lábios sumiu ao se deparar com o corpo do garoto coberto dos pés a cabeça, como se fosse um fantasma com aquele lençol.

– Satanás – Levou a mão ao peito – Que susto do caralho, Jimin. – Amaldiçoou mentalmente o ômega por ter lhe assustado.

– Jungkookie – Falou choroso agarrando o corpo estático ainda pelo susto que levará – Eu tô com medo.

– Você que assusta com essa fantasia do demônio e é você que está com medo? – Disse passando a mão no cabelo jogando os fios macios para trás sem ao menos retribui o abraço.

– M-Me deixa dormir com você – Disse afastando um pouco do alfa que assustou-se novamente ao olhar para baixo.

– Satanás não veio mais mandou você – Suspirou – Não vai se acostumando não demônio.


Notas Finais


 ⁠⁠⁠Bom, não sei quando vou postar novamente pois hoje acabei queimando boa parte do meu braço esquerdo e a mão direita, pois é... Como os capítulos já estavam feitos pedi a ajuda da minha irmã mais nova para postar aqui. Então só postarei quando melhorar. Me desculpem.

Então foi isso, espero que tenham gostado
Me desculpem pelos erros..

kisses Babes, até o próximo capítulo ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...