História My Ômega - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taegi, Taejin, Vhope, Vkook, Yoonmin
Exibições 775
Palavras 1.998
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Leiam :3

Capítulo 15 - Capitulo 15


Fanfic / Fanfiction My Ômega - Capítulo 15 - Capitulo 15

 

-Você aceita mesmo? –Taehyung me pergunta me tirando de meus pensamentos diabólicos.

-Claro Tae...Vamos logo? –Pergunto com tom de animação e Tae assente em positivo com um sorriso nos lábios.

Fomos caminhando ate a sorveteria, e nesse percurso eu e o alfa conversamos sobre algumas coisas, chegando a conclusão que ele não era tão idiota assim. Em alguns momentos ele colocava o braço em meu ombro ou tentava pegar a minha mão, mas claro eu não deixava, o que o deixava com uma cara feia.

-Chegamos! –falo com tom animado e logo puxo Tae para dentro o fazendo quase cair pela minha força imposta.

-Nossa Kookie, você é um ômega bem forte. –Taehyung fala dando um riso enquanto me fitava. –E já te disse o quanto você está lindo hoje?

Começou...

-Obrigado –Falo meio sem jeito, e logo dou de cara com uma cabeleira ruiva sentada de costas pra mim bem no fundo da sorveteria junto com aquele projetinho de cover de alface. Eles ainda não tinha me notado. Ainda.

-Tae...Que tal você escolher os sorvetes e eu procurar uma mesa pra nós? –Pergunto com uma carinha bem fofa, que duvido ele resistir.

-Qual você quer?

-De biscoito.-Falo.

-Já imaginava. –Ele fala com um sorrisinho nos lábios e vai direito pro balcão escolher nossos sorvetes.

Agora vamos colocar o plano em prática.

Passo 1- Ir até a mesa que está do lado da deles e fingir que nem os vi.

Passo 2-Se eles falarem comigo, eu falarei normalmente.

Isso vai ser divertido.

Fui caminhando normalmente até uma mesa que ficava quase perto da mesa do ‘’casalzinho yoonmin’’. Me sentei na mesa (cadeira) fazendo um pouco de barulho e claro chamando a atenção dos dois que até então estavam conversando. Vejo Yoongi levantar e ir em direção ao banheiro e Jimin olha pra mim com uma cara feia.

O ruivo se levanta da mesa que estava e vem em direção a minha, batendo forte na mesma me dando um susto pois eu estava entretido no celular.

-Jungkook...O que você tá fazendo aqui? –Jimin pergunta em tom sério, enquanto me encarava.

-Uai...Só você tem direito de vim aqui? A me poupe ruivo. –Falo sem nenhum animo e Jimin de novo bate na mesa. –Você quer parar? Tá fumando muito?

-Tudo bem...Me diga o real motivo de você estar aqui. –Jimin fala ainda me encarando.

-Não.É.Da.Sua.Conta. –Falo pausadamente olhando com certo deboche pro ruivo.

-Aish...Você vai fal-

-Aqui está seu sorvete koo-Taehyung chega com dois enormes sorvetes na mão e quando ver o ruivo sua expressão logo se fecha.

-Ah...Então é isso...-Jimin fala em quase rosnado enquanto olhava pra Taehyung, e claro eu dei um sorrisinho discreto sem que percebessem.

-Com licença Jimin? ...Eu e Tae queremos ficar a sós, e bom seu amigo já esta vindo. –Falo não olhando para o ruivo e Jimin bufa.

-Jungkook se você pensa que eu so- Jimin é cortado por Tae.

-Você é surdo? Jungkook pediu licença...E se você tiver pelo menos um pouco de educação nessa sua cabeça de cenoura, irá entender e sumir. –Tae fala debochado enquanto encarava o ruivo, que estava vermelho igual seus cabelos.

Isso é bom...

-Olha aqui seu projeto de demônio, não ouse falar assim comigo pois eu quebro sua cara aqui mesmo , mas irei deixar os lindos pombinhos a sós. Passar bem. –Jimin fala me dando uma ultima olhada, que fingir que não tinha visto.

-Esse Jimin não se manca, é muito idiota. –Taehyung fala enquanto comia seu sorvete.

-Yá não vamos falar no Jimin e sim de você. –Falo tentando puxar um assunto com Tae.

-Ok meu biscoito lindo. –Tae fala passando a ponta dos dedos em minhas bochechas, olho de canto de olho e vejo Jimin da outro soco na mesa assustando os que estavam ali presentes.

Mais um ponto para João biscoito vingativo gostosão.

Tá parei.

--------------------------------------------------------------------------------

JIMIN

Jungkook está maluco? Como ele deixa aquele garoto ter aquelas intimidades com ele?... A quer saber isso não é da minha conta. Estou muito feliz de reencontrar meu amigo Yoongi, que não via a séculos e como ele está bonito e menos arrogante.

-Voltei chinnie...Desculpe me a demora. –Yoongi fala se sentando de frente pra mim e comendo seu sorvete animadoramente.

-Sem problemas Min...Então me conta sobre a faculdade.-Falo pegando meu sorvete e seguindo o exemplo de Yoongi.

-Oh sim...Está indo perfeitamente bem, estou fazendo de arquitetura, mas no momento estou de férias. –Yoongi fala ainda lambendo seu sorvete e me olhando de uma forma digamos maliciosa? –E...Você o que está cursando?

-De dança...E que coincidência também estou de férias. –Falo sentindo as mãos quentes de Yoongi tocando as minhas, e em um ato involuntário, olho de lado e vejo Jungkook nos olhando com os olhos arregalados.

Isso pode ser divertido.

-Que interessante...Você sempre gostou de dançar não é? –O esverdeado pergunta ainda com suas mãos emcima das minhas e bom eu não as tirei.

-Sim...Yoongi aqui está sujo...-Falo levando o dedo no canto dos lábios do ômega que ficou surpreso com meu ato e passando a língua nos lábios maliciosamente.

-MAS QUE POUCA VERGONHA É ESSA AQUI? –Escuto o grito de Jungkook de longe e quase tenho um ataque de risos mais me controlei.

-Jungkook...O que aconteceu? Se acalme... –Dessa vez escuto a voz do alfa imbecil.

- Cala boca Taehyung! E não é nada demais...Só duas pessoas quase se comendo em um estabelecimento publico .-Jungkook fala fazendo uma cara feia enquanto olhava na minha direção.

-O Jungkook está aqui? -Yoongi me pergunta.

-Sim...E está meio maluco. –Falo um pouco alto e Jungkook acaba escultando.

-MALUCO É A PUT-

-JUNGKOOK...Por favor tá todo mundo olhando! –Taehyung fala alto fazendo Jungkook se sentar novamente.

-Foda se! Esses dois não tem nenhuma vergonha na porra da cara! –Jungkook fala apontando para mim e Yoongi.

-A tá...Eu e Jimin não temos vergonha, mas quem está dando um de ISTERICO E MALUCO É VOCÊ QUERIDO. –Escuto Yoongi se levantar e olhar feio para Jungkook que retribuiu o olhar.

Isso vai dar merda...

-Como é? Como você ousa falar desse jeito comigo...Sua puta com cabelos de alface? –Jungkook fica novamente de pé.

-Falou o pirralho narigudo que nem saiu das fraudas ainda, e quer pagar de gostoso. –Yoongi fala nervoso e vejo Taehyung se segurar pra não rir e eu claro estava no mesmo estado.

-ORA...EU VOU ARRANCAR ESSA SUA CABEÇA E CORTAR EM RODELAS, DA PARA FAZER UMA ÓTIMA SALADA DE PUTA COM CARA CHUPADA. –Jungkook fala pronto para voar em Yoongi.

-Pode vim projetinho de Pinóquio.

Jungkook pula na cara de Yoongi os fazendo cair na chão, sem nem ao menos dar tempo de segura-los. Os dois se estapeavam e puxavam o cabelo um do outro, enquanto Jungkook chutava Yoongi, o esverdeado dava um soco em na cara do moreno.

As pessoas olhavam curiosas e espantadas ao mesmo tempo.

-PAREM OS DOIS. –Eu e Taehyung gritamos em uníssono enquanto separávamos os dois ômegas que estavam machucados. Eu segurei Yoongi e Taehyung o Jungkook.

-O que diabos está acontecendo aqui? –O dono da sorveteria senhor Lee DongHae fala com certa raiva.

-Desculpe pelos dois senhor Lee, os dois não irão mais fazer isso. –Falo firme enquanto segurava Yoongi que não estava com uma cara nada boa, enquanto encarava Jungkook.

-Peço que se retirem daqui e levem esses ômegas...Encrenqueiros embora. –Dongahae fala com sua voz de alfa e vejo os ômegas se encolherem.

-Iremos sim senhor, desculpe mais uma vez a confusão. –Dessa vez quem fala é Taehyung que já estava puxando Jungkook porta fora.

Saímos os 4 e logo escuto Jungkook que até então estava quieto se pronunciar.

-Tudo culpa desse imbecil filho do demo. –Jungkook fala mostrando a língua em um ato infantil na direção de Yoongi.

-Quem começou com o showzinho foi você então cale essa boca de boquete seu estupido. Yoongi fala ríspido enquanto caminhava ao meu lado e as vezes pegava em meu braço.

Ômegas...

-Calem a boca os dois! Vocês dois estão errados! Vocês provocaram isso. E olha só agora, fomos expulsos. –Falo irritado enquanto olhava pros dois ômegas vendo os mesmos abaixarem a cabeça.

-Eu tenho que concorda com a ariel, não precisavam fazer aquele barraco. –Taehyung fala no mesmo tom que eu.

-Está me chamando de barraqueiro? –Yoongi fala olhando para Taehyung que assente.

-Isso tá na cara né cara de puta. –Jungkook fala revirando os olhos.

-Você é muito recalcado mesmo não é Jungkook? –Yoongi fala enquanto andávamos.

-Recalque de você? Ah não me fa- Corto a fala de Jungkook.

-Se vocês não pararem agora com essa putaria eu vou jogar os dois naquele asfalto para os carros passarem em cima. –Falo seco e em tom sério, fazendo os ômegas se calarem na hora e Taehyung me dizendo um baixo obrigado.

Chegamos em casa e pedi para que os ômegas se sentassem, pois iria chamar Jin para olha-los.

-JIN VENHA AQUI! –Grito, fazendo os ômegas e Taehyung se assustarem e logo um Jin aparecer só com um roupão rosa.

-O que foi pest- Jin para e olha para Jungkook e para Yoongi. –O que aconteceu?

-Eles brigaram na sorveteria, e acabamos sendo expulsos de lá. –Taehyung fala sem rodeios e Jin olha pros ômegas com um semblante sério.

-Isso é verdade senhor biscoito? Você brigou com esse rapaz? –Jin fala colocando a mão na cintura enquanto interrogava os dois.

-Jinnie...Ele me provocou, dai eu não resistir e fui para cima dele. –Jungkook fala em choramingo enquanto olhava de canto para Yoongi.

-Ele que começou, dando ataques do nada, ele é meio doido ou já nasceu assim? –Yoongi pergunta a Jin.

-Olha aqui...Não chame meu irmãozinho de doido, que eu quebro sua cara e deixo mais feia do que já está.- Jin fala apontando um dedo na cara de Yoongi que sorri debochado.

-Vejo de quem Jungkook puxou a maluquice. –Yoongi fala olhando para Jin e Jungkook com uma cara de ‘’foda se’’.

-Ora seu projetinho de alface, não venha nos chamar de doido pois você tem jeito de ser bem puta. –Jin fala pronto para enfiar a mão na cara de Yoongi.

-MEU DEUS...POR FAVOR OS 3 NÃO COMEÇEM, JÁ NÃO BASTA ESSES DOIS, AGORA ATÉ VOCÊ JIN? –Falo coçando a nuca nervosamente. –Por favor cuide dos ferimentos deles pois preciso levar Yoongi bem para casa, já está escurecendo.

-Tudo bem...Vou fazer isso pelo seu amigo, pois sou muito gente boa.-Jin fala pegando sua mala de primeiro socorros e cuidando dos dois ômegas.

-O que aconteceu pros dois estarem daquele jeito? –Namjoon me pergunta assim que da as cara na sala.

-Eles começaram a brigar...E bom, tenho palpites que seja por cíumes de Jungkook. –Falo rindo ao lembrar da cena.

-Normal...Esses ômegas não tem jeito. –Namjoon fala rindo.

Concordo.

 

-Pronto. Estão bem cuidados...Agora por favor se retire daqui Yoongi, pois não fui com essa sua cara. –Jin fala com seu jeito doce e Yoongi o olha feio e logo depois vem de encontro a mim.

-Eu te levo, vamos? –Pergunto ao ômega que assente com um sorriso nos lábios e antes de sair se virando pros ômegas e mandando o dedo do meio.

Ômegas...

JUNGKOOK

-Jungkook, por que foi fazer isso? –Você ficou doido? –Jin fala me olhando nervoso.

-Me desculpe...Eu vi aquela desgraça dando encima do Jimin dai eu fiquei puto e fui para cima dele.-Falo manhoso e com um enorme bico.-Não conte a nossos pais por favor.

-Não irei...Mas por favor não faça isso mais Jungkook. Precisamos preservar a nossa imagem. –Jin fala passando as mãos em meus cabelos.

-Prometo não brigar mais...Agora preciso de um banho.-Falo dolorido.

-Tudo bem...Precisa de ajuda? –Jin pergunta e eu nego.

-Eu ajudo ele, não se preocupe. –Taehyung fala aparecendo do nada na sala.

-Não precis-

-Precisa sim! Não me contrarie Jungkook. –Taehyung fala com sua voz de alfa me fazendo ter alguns arrepios e concordando timidamente.

Isso ia dar merda? Com certeza. Mas no momento não estou ligando. Jimin me deixou sozinho para ir levar aquele ômega filho de kenga embora.

 

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...