História MY OMEGA- JiKook - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO, Got7, Jay Park
Personagens BamBam, Chen, G-Dragon, Jackson, Jay Park, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, T.O.P, Taeyang, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Jikook, Markson, Namjin, Taeyoonseok, Xiuchen, Yugbam
Visualizações 196
Palavras 5.946
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Orange, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OI GENTE EU VOLTEI
*fugindo das pedras*
Vcs sentiram minha falta?
-nao
Okay enton...MAS UM CAPÍTULO DO FORNO

Capítulo 37 - Ela não vai te machucar


POV JIMIN

Eu-S-Subin?

Subin-é sou eu Jimin

Eu-você...

Subin-sim fiquei mais linda eu sei..TaeTae por que não me contou que seu amigo era o Jimin?

Taehyung-por que eu não devo satisfação a rapariga

Subin-haha continua o mesmo grosso

Taehyung-e você continua a mesma imbecil

Soomin-vamo parando por que eu não gosto de briga na minha sala

Subin-que sala? Que eu saiba isso tudo aqui é do tio Yejunie

Soomin-minha querida eu sou a mulher dele então está porra também é minha

Subin-ui que medo

Soomin-é bom ter

Subin-ta bom queridinha estou com muito medo de você, agora vou subir por que tenho medo de puta que se acha de mais

Taehyung-agora você vai ver, vem cá filha da puta!-ela subiu correndo as escadas enquanto eu e Soomin seguramos Tae-me soltem, hoje ela não me escapa

Soomin-se continuar assim teu cabelo não vai escapar do teu pai

Taehyung-você vai deixar mesmo ela te xingar daquele jeito? Se vai deixar, pois saiba que eu não deixo agora me soltem

Eu-não, deixa ela Tae

Taehyung-vai fazer dias que ela está aqui, eu nunca senti tanta raiva em apenas dois dias

Eu-você precisa esfriar a cabeça, vem vamos para o quintal de trás

Levei Tae até um quintal que havia atrás de sua casa, ele sempre está ali ele diz que é um lugar especial para ele, assim que chegamos Tae se sentou no balanço enquanto se balançava um pouco de cabeça baixa

Taehyung-você deve estar bugado, um pouco

Eu-um pouco sim, mas eu também faria isso, por que você não fala com o seu pai?

Taehyung-de que adianta, ele nunca me escuta, ele está cego eu sempre o aviso mas é só ela falar algumas coisas que já faz a cabeça dele, não vou gastar minha saliva com alguém que não liga para o que eu digo

Eu-mas não é possível, você é filho dele

Taehyung-mas parece que não, ele considera mesmo ela

Eu-vocês deveriam sentar para conversar

Taehyung-não adianta, ele sempre vai acreditar na versão dela, tudo estaria melhor se ela não estivesse viva hoje tivesse morrido na hora do parto

Eu-você não pensa na mãe dela?

Taehyung-a mãe dela não gosta dela, eu prefiro ficar calado apenas estou sentado esperando ela fazer alguma merda que eu possa provar para meu pai que ela não é uma boa pessoa

Eu-vocês brigam muito né?

Taehyung-sim, ela vinha poucas vezes então não discutiamos muito mas desde o dia em que ela veio morar aqui, está sendo um inferno

Soomin-Taehyung você tem visita

Taehyung-ja volto

Eu-ok

Eu estou triste pelo Tae, ele não merecia isso tudo um Omega tão bom ter uma vida assim não sei o que ele fez de errado na vida mas ele não merecia isso que passa todos os dias

Taehyung-Jimin-ele estava sorrindo, que garoto bipolar depois eu estou grávido

Eu-que humor todo é esse?

Taehyung-meu amigo de infância tá morando do lado da minha casa

Eu-legal

Taehyung-vem cá!....Xiumin esse é o Jimin, Jimin esse aqui é o Minseok

Xiumin-ola meu nome é Kim Minseok, mas pode me chamar de Xiumin

Eu-sou Park Jimin, mas me chame apenas de Jimin

Xiumin-então Tae como está a vida

Taehyung-uma merda

Xiumin-conte me então

Taehyung-Subin está morando aqui e já deu muitos problemas, inclusive deu um já faz um tempinho

Xiumin-ai como eu a detesto, sério mesmo?-Tae assentiu-ai acho que vou morrer com uma vizinha satanás

Taehyung-so por uma semana

Xiumin-vou me matar

Taehyung-se mata que eu te revivo e te mato de novo

Xiumin-ai bixa, mas então já que eu cheguei eu tenho que avisa-la que brotei...mas tem que ser algo que lacre a minha vinda maravilhosa

Taehyung-o que pensa em fazer?

Xiumin-hm......já sei, preciso da ajuda de vocês, eu quero que você Tae pegue tinta, todas as tintas que você encontrar pela casa e você Jimin quero me ajude a pegar terra

Eu-o que mais, uma pena de galinha olho de morcego, você vai fazer uma macumba ai é?

Xiumin-não, apenas um lindo aviso para cabelos

Tae saiu correndo para dentro de casa enquanto eu e Xiumin ficamos pegando terra da hortinha da mãe do Tae, ela deixa mesmo, cabelos ele disse um aviso para cabelos o que será que esse ser que acabei de conhecer vai aprontar?....pera é isso ele vai botar tudo isso dentro no lugar do shampoo do Subin, amei a ideia se for isso mesmo

Eu-você vai botar tudo isso no lugar do shampoo da Subin?

Xiumin-exaustamente

Eu-amei a ideia

Xiumin-acho que está bom de terra

Eu-tambem acho, agora é só esperar o Tae-ficamos em um completo silêncio não tínhamos o que falar, bem eu não tinha

Xiumin-você sempre foi daqui?

Eu-hã?...ah não, eu sou de Busan, e você é da onde?

Xiumin-Guri, Gyeonggi

Eu-meus avós são de lá, quantos você tem?

Xiumin-18 você tem 16 certo?

Eu-como você sabe?

Xiumin-bem, um passarinho que ama muito informação me contou

Eu-ah

Xiumin-meu Deus Taehyung foi buscar essas tintas na casa do satanás?

Eu-entao era mais fácil ele pedi para Subin mandar o pai pegar pra ela

Xiumin-insinua que o satanás é pai dela?

Eu-é quem ela mais parece

Xiumin-meu Deus haha, você não presta

Eu-eu sei e você também não

Xiumin-claro que não, olha pra mim e vê se eu tenho cara de alguém que presta-ele ficou na minha frente olhando fixamente para mim

Eu-não

Xiumin-ta vendo, eu apronto muito, trate de se acostumar

Eu-nem preciso, eu faço pior

Xiumin-esta apostando comigo para ver quem faz pior?

Eu-entenda como quiser, haha

Xiumin-então sendo assim, aceito o desafio

Eu-você não disse isso, quer mesmo perder?

Xiumin-tirou as palavras da minha boca, aceito ganhar, hehe

Eu-haha, essa palavra é minha..ain meu Deus suas bochechas são tão fofinhas da vontade de apertar até não ter mais-apertei sua bochecha

Xiumin-ai, isso dói

Eu-essa é a graça de apertar as bochechas dos outros-soltei sua bochecha

Xiumin-a sua também deixa eu apertar pra tu ver que isso dói

Eu-ei mais eu não apertei com muita força, então cuidado com elas

Xiumin-vou tentar não arranca-las -comecei a rir- parece marshmallow vou arrancar pra mim

Eu-mas não vai mesmo, eu arranco as suas primeiro- sorriu- você tá me sujando

Xiumin-você também me sujou e eu não falei nada

Eu-então é assim?-sujei a outra bochecha

Xiumin-ah você não vai querer guerra né?-me sujou também

Eu-você não trate de arruma-la comigo

Xiumin-vou sujar seu cabelo

Eu-e eu a sua roupa

Xiumin-ei, nao suje um anjo como eu-começamos a rir

Taehyung-parece que estão se dando bem

Xiumin-Tae

Eu-finalmente foi buscar isso na casa do satanás foi?

Taehyung-não, bem...elas estavam no escritório do meu pai

Xiumin-ah sim sim, alguém tem um balde?

Eu-tem esse aqui-peguei um que estava perto da horta-acho ir Soomin não vai se importar ou vai?

Xiumin-claro que não, aproveita e pinta o balde fica mais bonitinho e então Tae

Taehyung-o que?

Eu-podemos usar?

Taehyung-podem não vai ter problema

Xiumin-ok então, Jimin segura

Enquanto Xiumin botava a terra que havíamos derrubado Tae abria as tintas, com tudo preparado Tae derramou não tudo mas boa parte da tinta enquanto Xiumin agora mexia tudo com um pedaço de cabo de vassoura parecia mesmo que estávamos fazendo macumba ou algo assim só faltava ser um caldeirão e ter fogo também

Xiumin-pronto, Tae você sabe qual é o shampoo dela?

Taehyung-sei sim, por um acaso sei também onde está

Xiumin-otimo agora vamos lavar a mãos

Eu-mas vamos deixá-lo aqui?

Xiumin-sim, assim que lavarmos as mãos eu vou impedi-la de subir então você e o Tae vão pegar botar nosso presente lá dentro, vocês vão ter que jogar o shampoo fora e botar tudo dentro depois subir botar no mesmo lugar e fingir que nada aconteceu

Eu-ah sim pode deixar

Entramos sorridentes, parecia até que nao estávamos aprontando Soomin nos olhou então escondemos nossas mãos ela estava desconfiada mas saiu da cozinha ficando deitada no sofá lendo uma revista qualquer, lavamos nossas mãos e logo vimos Subin descendo ela arregalou os olhos assim que viu Xiumin

Subin-Xiumin?

Xiumin-não, Irineu

Subin-o que faz aqui?

Xiumin-vim visitar o Tae não sabia que estava por aqui

Subin-tive uns problemas com meu pai

Xiumin-sim sim

Subin-então Xiumin, você já tem namorada?

Xiumin-não

Subin-você até que poderia sair comigo para conversarmos melhor, bem melhor

Xiumin-hm...não obrigado, me reservo sobre isso

Eu e Tae nos entreolhamos revirando os olhos pelas palavras de Subin, subimos correndo antes que ela nos visse entrando no quarto do Tae, ele ficou na porta enquanto eu fui atras do shampoo que estava dentro da mala dela em algum lugar, aquilo estava cheio de camisinhas ainda bem que não estavam usadas logo eu finalmente achei aquela merda

Eu-achei

Taehyung-amém

Descemos passando lentamente pelo outro lado da sala sem chamar a atenção de Soomin muito menos de Subin, assim que chegamos começamos rir enquanto botavamos o presentinho dentro do frasco de shampoo

Eu-acha que isso vai dar certo?

Taehyung-confia no Xiumin

Voltamos novamente para a sala olhando para Xiumin que deu um sorriso, e que sorriso viu, tá voltando ao assunto aqui estamos agora no quarto do Tae eu estou colocando no mesmo lugar o frasco de shampoo enquanto Tae assumia a mesma posição de ficar olhando quem chegava

Eu-pronto

Taehyung-agora vamos, não deve estar facil entreter a Subin

Eu-ta mas como vamos parecer do nada sem ela pensar que a gente tava lá cima?

Taehyung-eu mandei uma mensagem pro Xiumin ele disse que assim que descermos vamos ficar atrás do sofá ele vai virar a Subin e vamos brotar na cozinha com um copo de água

Eu-acho que vou perder essa aposta

Taehyung-que aposta?

Eu-depois te conto

Descemos enfim nos escondemos atrás do sofá assim que ele nos viu virou Subin nos corremos passando por trás dos dois entrando na cozinha pegando um copo de água logo eles entraram na cozinha eu e Tae ficamos fingindo que estávamos conversando

Subin-a conversa tá boa né

Taehyung-sim sim quer participar?-arregalei os olhos

Subin-claro do que estavam falando?

Taehyung-em dar um passeio em um dia desses

Subin-hm..pode ser aonde pretendem ir?

Taehyung-sei lá a um shopping talvez ou a um parque

Subin-boa ideia..bem eu vou tomar banho

Taehyung-tudo bem-ela saiu

Eu-por uns momentos pensei que você estava falando sério mesmo

Taehyung-mas eu estava

Eu-como assim tu chama ela pra sair

Taehyung-me disseram uma vez que o melhor jeito de pegar sua presa é ser mais próxima dela estou tentando fazer isso

Xiumin-isso ainda vai dar merda...agora é só esperar o-um grito fino foi ouvido no andar de cima era Subin- grito

Eu Tae e Xiumin corremos para o andar de cima sendo acompanhados por Soomin e Yejun vimos Subin sair do quarto com uma toalha enrolada no corpo enquanto gritava desesperadamente seu cabelo estava cheio de terra e tinta eu no caso estava me tentando para não rir

Yejun-meu Deus o que é isso?

Soomin-você tá cego? Isso é tinta com..terra eu acho

Yejun-isso com certeza é obra do Taehyung

Soomin-ow ow ow ow, não se pode acusar alguém sem provas

Eu-Taehyung estava comigo na cozinha

Xiumin-eu também os vi lá

Soomin-estava na sala mais vi o mesmo entrando e ficando por lá mesmo

Yejun-Subin e você o que diz

Subin-ele realmente estava lá na cozinha conversando com o Jimin

Yejun-então por Deus quem será que fez isso?

Eu-não olhe para mim

Taehyung-arranque meu nome da sua lista

Soomin-eu estava na sala

Xiumin-estava ao lado de Subin

Yejun-oushe, Subin vai tomar banho de novo e Tae empreste o seu shampoo pra ela

Taehyung-ja acabou

Yejun-mas ontem você estava com o cheiro dele

Taehyung-ah, ontem ontem foi meu último momento com ele

Yejun-vou te emprestar o meu-Subin e Yejun saíram de vista

Taehyung-meu cú que eu empresto pra ela usar tudo-eu e Xiumin nos entreolhamos e começamos a rir

Soomin-foram vocês não foi?

Eu-desculpa não resistimos

Soomin-amei a ideia podem fazer mais vezes

Eu-Tae eu amo a sua mãe

Taehyung-impossivel isso não acontecer

Soomin-o almoço está quase pronto, Tae me ajuda aqui

Taehyung-aish, tô indo

Eu-sabe o que eu queria?

Xiumin-não

Eu-dormir

Xiumin-mas está na hora de ficar acordado

Eu-mas eu quero dormir e vou

Xiumin-não vai, e depois vamos ter que desenfetar o quarto já que Subin está pisando nele

Eu-aish

Xiumin-e...eu quero ver se você tem algo para aprontar, se não perde a aposta

Eu-tenho mesmo?

Xiumin-sim

Eu-sabia que você ainda tá sujo?

Xiumin-aonde?

Eu-na bochecha né imbecil, limpa isso antes que alguém descubra

Xiumin-tudo culpa sua

Eu-minha nada, eu já limpei as minhas

Xiumin-uh todo higiénico você

Eu-claro

Xiumin-gosta de videogame?

Eu-eu tenho vários

Xiumin-olha ele, você conhece o Bambam?

Eu-claro, como não conhecer aquele projeto de viado poderoso

Xiumin-lacrou na definição- começamos a rir

Taehyung-sera que eu vou ter que repetir mais uma vez? O ALMOÇO TA PRONTO

Eu-ai caralho não grita

Xiumin-flor brota, mas não sabia que louco fazia a mesma coisa

Taehyung-aquieta essa sua raba pra vim falar de mim, e eu não sou louco sou diferente

Eu-ta sei

Taehyung-agora vamos comer

Xiumin-não quero obrigado

Taehyung-quem disse que eu tô pedindo? Ou come por bem ou come por mal

Xiumin-bateu fome

Taehyung-então a mate

Eu-o último a chegar lá embaixo vai ter que sair na rua gritando que deu o cu

Taehyung-omegas grávidos não correm

Eu-foda-se eu não sou todo mundo

Xiumin-pera ele tá....

Eu-exato, vamos logo.....preparados? Já!

Saímos em disparada até a escada, bem eu fui na frente o que me fez ficar rindo o caminho em pensar qual dos dois falaria isso enquanto corria no meio da rua

Taehyung-Jimin isso não vale, eu não estava preparado para isso

Eu-mas você não foi o último então cala a boca e agradece

Xiumin-isso não vale

Eu-ninguem mandou não correr logo

Xiumin-o que eu tenho que fazer?

Eu-sair correndo na rua gritando que deu o cu

Xiumin-mas eu nunca dei

Eu-o Tae também não e nem por isso ele deixaria de cumprir, se ele fosse o último

Taehyung-ei

Xiumin-ta eu faço

Soomin-se o almoço esfria eu não esquentou mais

Eu-estamos indo

Nós entramos na cozinha vendo Subin que penteava seu cabelo tentando tirar os resíduos da tinta Yejun apenas observava tudo com uma simples vara de tédio

Soomin-para de pentear esse cabelo se não todo mundo vai morrer

Subin-meu cabelo-disse chorosa

Soomin-vai pentear isso em outro lugar não quero morrer com seus cabelos de bruxa na minha goela

Yejun-Soomin

Soomin-quie tô mentindo?

Taehyung-então, vamo comer?

Soomin-não garanto se estiver com cabelo de bruxa

Xiumin-posso não comer?

Soomin-vai morrer comigo

Xiumin-oushe

Nos sentamos enfim nos servimos, menos Subin que ficou do lado de fora ajeitando o cabelo, estava maravilhoso se o Taehyung não ficava o tempo todo me batendo as vezes me dando beliscões

Eu-o que é Tae?

Taehyung-nada

Eu-então para de me beliscar

Taehyung-*sussurrando* preciso falar com você

Eu-la vem merda

Depois que terminamos de comer, eu Tae e Xiumin fomos até o quintal de trás para além de limpar o balde, concertar a horta, também ver o que tanto Taehyung queria falar

Xiumin-e então, o que quer tanto falar?

Taehyung-eu estou cansado de ser o vilão de tudo, vocês viram meu pai já foi logo me acusando

Xiumin-mas foi tu mesmo

Taehyung-nas quem deu a ideia foi você, isso é só um terço do que eu passo com ela

Eu-o que você pretende fazer?

Taehyung-criar uma conta falsa e desmacara-la

Xiumin-você acha mesmo que só isso vai descobrir tudo que precisamos?

Taehyung-não, mas pelo menos teremos meia parte do túmulo dela já cavado

Eu-mas por que você tem tanta certeza que ela falaria dos planos dela pra alguém que ela nem conhece direito? Ela é puta da até pro satanás mas ela também é esperta

Taehyung-eu sei, mas então....

Xiumin-eu acho que isso não vai ajudar em nada, ela é muito esperta teríamos que fazer alguém se encontrar com ela

Taehyung-mas...

Eu-isso vai poder sim ajudar-eles olharam para mim

Xiumin-como?

Eu-se o problema é a pessoa do encontro pode deixar comigo

Taehyung-quem será? O Jungkook?

Eu-não, eu quero que meu filho tenha ainda o pai, lembra que eu falei de um primo o Gdragon?

Taehyung-que que tem?

Eu-ele vai vir pra Coreia, ele deveria estar aqui mas ouve alguns imprevistos e ele só vai vir amanhã

Taehyung-ele nera gay?

Eu-bi

Taehyung-eca

Eu-se você quer realmente provar a impureza daquele demônio trate de fazer isso ja!

Taehyung-então....posso contar com a ajuda de vocês?

Eu-claro

Xiumin-ainda acho que isso vai dá merda, mas aceito

Eu-não esqueci

Xiumin-do que?

Eu-da aposta, vai pra rua gritar

Xiumin-não quero

Eu-eu nao to pedindo, eu to mandando vai antes que eu arranque esse negócio branco que você chama de dente

Xiumin-calma...ai bixa agressiva

Eu-vai logo

Enfim, estávamos na frente da casa do Tae, agora no lugar certo, enquanto Soomin estava olhando tudo sem entender nada, Xiumin apenas arregalava os olhos com tudo o que eu dizia

Eu-você vai correr isso tudo até o final desse quarteirão

Xiumin-ai você quer demais

Eu-vai logo

Xiumin-se eu não fizer?

Eu-perde isso que você chama de dente

Xiumin-to indo

Xiumin saiu correndo tao rapido que logo não o vimos mais em nosso campo de visão, eu e Tae nos encostamos na porta vendo o quanto a rua estava calma

Taehyung-acho que ele não volta agora

Eu-claro que não, ele não é o flash

Taehyung-não vou ficar aqui em pé não-entrou se jogando no sofá

Eu-preguiçoso

Taehyung-cade meu celular?...Oh mãe, cade meu celular?

Soomin-ta na mesinha da sala

Taehyung-não tá não, eu tô vendo

Soomin-olha menino se eu for aí e achar isso, tu vai apanhar

Taehyung-olha que coincidência, eu achei

Soomin-Tae me faz um favor?

Taehyung-não

Soomin-Tae me ajuda aqui

Taehyung-não!

Soomin-vem logo peste

Taehyung-aigoo eu não quero ir

Soomin-olha se eu for aí eu vou te bater

Taehyung-oushe mainha eu tô com visita

Soomin-isso não te impede de vir aqui e mostrar que é um bom filho

Taehyung-Deus me guarde...já volto

Soomin-vem logo

Taehyung-to indo mule

Eu estava apenas jogado no sofá totalmente relaxado esperando o primeiro imbecil vir me dar um susto e me fazer cair feito o dia em que eu derrubei meu primo do berço

Xiumin-EU DEI O CUUUU

Eu-ai puta que pariu os toodynho, esse demônio já voltou?-abri a porta vendo Xiumin todo suado, ofegante e vermelho

Xiumin-a..mém

Eu-ja voltasse-o ajudei a sentar no sofá

Xiumin-minhas pernas....não sinto minhas pernas

Eu-uai, como tu voltou tão rápido? aigooo nao vale

Xiumin-estava mais preocupado em salvar meu corpo do cão com que com isso

Eu-aigoo

Xiumin-eu tô queimando no fogo do inferno-tirou a camisa-olha isso, tá toda encharcada

Eu-hm

Xiumin-Jimin, tá tudo bem?

Eu-hã?

Xiumin-por que está escondendo as bochechas?

Eu-estou?

Xiumin-sim

Eu-não sei

Xiumin-ok, então

Taehyung-ainda bem que terminei de, eita porra

Xiumin-o que foi?

Taehyung-bota essa camisa

Xiumin-to com calor

Soomin-ventilador exist....

Xiumin-o que vocês tem? Por que estão corados?

Soomin-como não ficar? Quando você guardar isso talvez não fiquemos assim

Xiumin-ah-botou novamente a camisa

Subin-até de noite

Soomin-hm

Subin-não vai perguntar aonde eu vou?

Soomin-não por que eu não sou obrigada

Subin-ain grossa-saiu de casa

Taehyung-vou lá em cima já volto

Soomin-esse Taehyung viu, mas então Xiumin como está a sua mae?

Xiumin-esta bem, eu esqueci de dizer mas ela te chamou para tomar um chá um dia desses

Soomin-hm eu vou com certeza, não deixei de reparar mas..vi que você e o Jimin estão se dando super bem

Xiumin-ah sim sim, ele é muito legal inclusive, tem o mesmo espírito de aprontar que nem o meu

Eu-claro, como não ter

Soomin-a falando em aprontar, quero dizer que aderi aquela ideia do ocorrido com Subin, talvez, não sei... aconteça mais vezes

Eu-te amo vamo casar

Soomin-claro, #casando

Eu-ebaa agora eu tenho uma marida

Xiumin-to entendo é mais nada

Eu-você fala a mesma língua

Subin-ai eu não acredito-entrou correndo enquanto tinha as mãos na cabeça

Soomin-bem esqueceu o absorvente

Eu-o Taehyung ainda tá lá em cima?

Soomin-não sei o que tanto faz

Eu-ja volto, também

Deixei Soomin e Xiumin na sala conversando indo até o quarto de Taehyung. Quando cheguei em sua porta, ouvi barulhos de alguém sendo agredido e não tendo forças para se defender, a porta estava um pouco aberta então olhei para a brecha, sem mais delongas abri aquela porta vendo Subin em cima do Taehyung o agredindo covardemente

Quando vi aquela agressão toda com meu amigo meu sangue ferveu, chutei aquela porta correndo na direção de Subin a empurrando tentando ajudar Tae a se levantar, não deu certo já que a covarde pegou a gola da minha blusa e me jogando contra a parede

Subin-ta maluco moleque!? Não se mete comigo não, eu acabo contigo

Eu-então por que não fez enquanto tinha a oportunidade, sua cadela

Subin-sabe por que? Você estava cheio de protetores ridículos a sua volta, mas agora..ha

Eu-não se atreva a me tocar, imunda

Subin-eu vou tocar, bem muito

Ela começou me dando vários tapas no rosto, a cada novo era com mais intensidade, eu tentava me defender mas ela era mais forte que eu, afinal ela tinha 22 anos, ela segurava meus braços ela me pegou desprevenido

Vi Tae jogado no chão com a mão na barriga recuperando o ar isso fez minha raiva subir tanto que acabei por acerta-la, a fazendo cair em um piscar de olhos ela se levantou e deu mais um tapa, percebi que não sentia mais nada abri os olhos e vi Xiumin segurando seus pulsos

Xiumin-não se atreva

Subin-Xiumin, está me machucando

Soomin aparece no quarto vendo tudo o que acontecia foi até Subin lhe desferindo um tapa tão que dava para ver perfeitamente os dedos dela, Subin é jogada no chão, mas logo se levanta saindo do quarto

Xiumin-você está bem?

Eu-uhum

Soomin-Tae, vai ficar tudo bem ok?-ele apenas assentiu- desgraçada, se ela voltar eu acabo com a raça dela

Xiumin-vamos descer

Soomin ajudou Tae a se levantar e Xiumin fez o mesmo comigo, minhas pernas tremiam tanto eu não conseguia ficar em pé. Yejun veio correndo do seu escritório até nos com um semblante preocupado

Yejun-o que está acontecendo?

Soomin-aquela desgraçada tentou matar o seu filho

Yejun-quem?

Soomin-não se faça de idiota Yejun, você sabe muito bem de quem eu estou falando

Yejun-tem certeza? Você sabe que o Tae não gosta dela e..

Soomin-eu não acredito nisso Yejun, eu estou falando aquela vagabunda tentou matar teu filho, porra

Yejun-Soomin, você não viu nada como pode..

Eu-ela estava o sufocando

Yejun-Jimin você

Eu-eu vi, eu vi ela me bateu também

Xiumin-e talvez fizesse pior se eu não tivesse chegado, acredite Yejun, ela estava batendo em Jimin

Yejun-eu não acredito que até você, caiu nas paranóias do Tae, vocês não vêem a verdade

Eu-não, a enchergamos muito bem, é você que não quer encherga-la, você sempre acredita na versão dela, ela não é a sua filha você tem esposa e filho deveria acreditar neles, ligue os pontos

Yejun-vocês não sabem

Eu-eu sei, eu sei muito bem a cobra que você deixou entrar na sua casa-ele deu as costas em direção a porta

Yejun-não me espere para o jantar

Soomin-ah não, eu não acredito que você disse isso, vai mesmo?-se levantou indo atrás de Yejun- Yejun você não está vendo, seu filho está com falta de ar ela tentou mata-lo, se isso causar algum dano no Taehyung eu te mato!

Yejun-não levante a voz para mim!

Soomin-levanto mesmo, você não quer tomar conta da situação, eu não acredito que você não vai fazer nada

Yejun-eu tenho que pensar!

Soomin-não precisa pensar é só tirar esse problema de casa, pronto!

Yejun-Soomin me deixa!

Soomin-não eu não deixo, até você resolver isso eu não deixo- ele se virou para Soomin, com seus olhos vermelhos ele estava descontrolado ele ia fazer exatamente o que estava pensando, ele ia a bater. Corri até os dois ficando na frente de Soomin

Yejun-sai daí

Eu-você vai bater nela

Yejun-ela é minha mulher eu tenho direito de fazer o que eu quiser

Eu-mas bater não

Yejun-garoto não me faça..

Xiumin-não se atreva a bater em um Omega grávido, a menos que quiser ser morto pelo Alfa dele-ele arregalou os olhos, olhando friamente para todos nos, antes de sair de casa-eu ainda não acredito que ele seria capaz de fazer isso

Eu-Soomin, não fica assim

Soomin-você viu? Por causa dela meu casamento está indo pro fundo do poço

Eu-tudo vai se resolver, confia em mim

Xiumin-Tae, está melhor?

Taehyung-estou sim, obrigado

Eu-o que acha de saímos, para descontrair e esquecer do ocorrido?

Soomin-mas

Eu-sem mas, tu vai vir com a gente e dá um sorriso por que vamos fazer compras, Xiumin prepare os braços

Xiumin-ai meu Deus, socorro

JIMIN OFF

*JIN ON*

Acabei de acordar, isso não muito típico meu acordar a essa hora, mas a manhã estava muito agitada digamos assim eu ainda estou cansado. Muito cansado, mas enfim, botei uma box e vi que Namjoon estava em coma na cama, ou quase fora dela, estava com fome e provavelmente ele não estaria diferente como nao tem ninguém nessa bagaça eu vou descer e comer alguma coisa antes que eu definitivamente fique alejado

Com muito esforço desci, sem cair, as escadas e finalmente entrei na cozinha, ela era bem grande mas eu tô dizendo grande mesmo até agora não entendi por que de tão grande só serve pra fazer comida e comer mesmo, mas enfim, eu tava procurando algo pra fazer mas eu to com muita preguiça de fazer algo descente, então eu vou preparar miojo

Não era pra eu comer isso até por que, eu vou ficar alejado e se eu quiser ainda ter forças no outro dia vou ter que preparar outra coisa, mas eu tô dando o foda-se pra isso vou comer isso mesmo por que tô com preguiça de fazer algo descente

Namjoon-bom dia

Eu-boa tarde Kim Namjoon

Namjoon-Jin comendo miojo, milagre

Eu-to com preguiça pra fazer outra coisa

Namjoon-quer ajuda?

Eu-não obrigado, ainda consigo andar um pouco

Namjoon-então aproveite enquanto ainda consegue

Eu-quer?

Namjoon-não obrigado

Eu-você tem que comer alguma coisa, não comesse nada até agora

Namjoon-não estou com fome

Eu-se você diz

Terminei de comer e fui para a sala me jogando no sofá e mesa espreguiçando ainda estava cansado, Namjoon se sentou do meu lado sem tirar um momento os olhos de cima de mim

Eu-o que é?

Namjoon-hm?

Eu-por que me fita tanto?

Namjoon-por que eu ainda não acredito que agora o que eu tanto amo é meu

Eu-aish, você nunca é romântico por que disso agora?

Namjoon-to carente

Eu-hm - chegou mais perto de mim, me abraçando

Namjoon-gosto de ter esse contato com você

Eu-eu também...sabe Nam, eu percebi o quanto eu sou idiota

Namjoon-por que?

Eu-eu já fiz tanta coisa absurda pra ele não ficar perto do seu irmão, me sinto muito triste já que ele não merecia tanto e eu como sempre ignorante

Namjoon-não fica assim, eu vou concordar mas não me bate

Eu-eu vou ser um omma melhor, ou pelo menos tentar

Namjoon-você consegue, é só não ser tão explosivo

Eu-vou tentar

Namjoon e eu ficamos a maior parte do tempo trocando carícias e assistindo um filme qualquer, bem na parte do filme só eu mesmo por que ele acabou de entrar em coma aqui do meu lado

.

.

.

Namjoon-Jin, oh Jiiiin!

Eu-quie

Namjoon-to com fome

Eu-come

Namjoon-mas eu não sei cozinhar

Eu-sabe sim, você cozinhou minha bunda hoje de manhã

Namjoon-eu já pedi desculpas, vai por favor eu tô com foooooome -ele parecia uma criança fazendo isso

Eu-ta bom criança Namjoon

Namjoon-eu sou muito adulto viu

Eu-ta sei

Ele me seguiu até a cozinha enquanto eu preparava outro miojo

Namjoon-quer ajuda?

Eu-uhum...faz o resto do processo de fazer esse miojo...agradeço

Namjoon-aigoo Jin, não seja mau...no que eu ajudo?

Eu-ficando sentadinho ali sem vir pra perto desse fogão está me ajudando muito

Namjoon-grosso

Terminei o miojo por fim não estava muito quente então ele comeu tudo de uma vez...

Eu-vai engasgar

Namjoon-eu engasgo com outra coisa, com isso não -sorriu perverso

Eu-safado...hm...o que vamos fazer agora?

Namjoon-não pergunte isso a mim...estou no cio

Eu-mas está consciente e não está com fogo nesse cu...pensa comigo

Ficamos alguns minutos pensando e pensando....e nada de ideias...só as pervertidas do Namjoon

Namjoon-que tal...

Eu-não

Namjoon-eu nem falei

Eu-fala

Namjoon-que tal...

Eu-não

Namjoon-Jin cala a boca e deixa eu falar...que tal

Eu-.....

Namjoon-que tal uma maratona de filme?

Eu-pra tu dormir e me deixar sozinho lá assistindo... não

Namjoon-vai eu prometo não dormir

Eu-hm..se dormir eu vou bater em você

Fomos até a sala enquanto ele escolhia os filmes...muitos deles

Namjoon-primeiro esses animes aqui...depois a coisa.... atividade paranormal....o chamado...o chamado 2....e.... Anabelle

Eu-ah legal Namjoon, você pegou tudo de terror

Namjoon-por isso mesmo eu peguei alguns animes...

Ele colocou os animes ali e se sentou ao meu lado enquanto eles começaram

Namjoon-essa ele vai..

Eu-shiu...cala a boca que eu não gosto de spoiler

Namjoon-okay

Ficamos algumas horas ali assistindo aqueles episódios...olhei para o lado e Namjoon..HAVIA DORMIDO...o chamei uma, duas, cinco vezes e nada...aigoo agora ficarei sozinho para assistir isso

JIN OFF

*JIMIN ON*

Soomin ainda estava um pouco triste então eu, Tae e Xiumin resolvemos levar ela pra comer...quem não gosta de comer..certo

Tae-olha...ela gosta de tudo

Eu-serio?

Tae-serio...ela come até o prato se ela quiser

Eu-ah então vamos logo

Fomos até o balcão e fizemos nossos pedidos

Eu-eles logo vão chegar -me sentei ao lado de Soomin- tudo bem?

Soomin-uhum -disse triste

Eu-hm...que tal...depois daqui...er...Tae do que ela gosta? -sussurrei

Tae-comprar mais e mais roupa e comer...e ficar em casa...e falar do Yejun e... -olho para Soomin que estava prestes a chorar

Eu-Taehyung ela tinha esquecido já...por que tu foi lembrar? -cheguei perto dela e enxuguei suas lágrimas acariciando seu rosto -não chora ok...isso...vai se resolver

Sorri enquanto ela dava um mínimo sorriso...a comida chegou então né...começamos a comer enquanto conversávamos sobre coisas aleatórias sem falar do ocorrido

Xiumin-eu...aish agora eu esqueci

Soomin-voce tem uma péssima memória pra alguém da sua idade -sorriu

Xiumin-isso é verdade...acho que estou ficando velho

Tae-nao está ficando...você já é

Xiumin-você é tão novo

Tae-pelo menos eu sou mais novo que você

Eu e Soomin começamos a rir dos dois que estavam brigando enquanto comiamos mais e mais e por fim sendo um dos primeiros a terminar

Eu-comam logo...vamos fazer compras

Xiumin-mais? Eu tô cheio de sacola aqui -fez carinha triste

Eu-é mesmo mas....nesse caso você aguenta mais umas dez

Xiumin fez uma cara estranha e logo eles terminaram de comer e voltamos a fazer compras...Soomin estava começando a ficar feliz, de novo...tomamos um sorvete e voltamos a comprar roupas para o Tae e para Soomin...

Ficamos horas e horas escolhendo e comprando roupas o pobre Xiumin já não tinha mais local onde colocar tanta roupa em si

Soomin-ja chega...vamos voltar para casa

Todos nós assentimos e assim que saímos já era noite...como o tempo passou rápido, enfim, voltamos para casa e fomos direto arrumar aquelas sacolas

Xiumin-eu tô morto...no meu enterro toquem....

Eu-que morto o que, tá muito vivo viu...você está muito mole

Xiumin-sou velho

Eu-velho

Soomin-quem quer bolo?

Tae-EUUUU

Era incrível como ela havia voltado ao que era antes como se nada tivesse acontecido...comemos seu bolo de chocolate com morango e por fim nós jogamos no sofá

Soomin-fiquei muito feliz hoje...obrigada meninos, vocês não sabem o quanto eu estou agradecida

Eu-de nada -sorri

Tae-hm...que tal um filme?

Eu-não, eu vou me arrumar pra dormir

Tae-tu é galinha pra dormir esse horário?

Eu-mas eu quero dormir...boa noite há vocês

Soomin-boa Chim

Subin-tio Yejunie ainda não chegou?

Tae-caralho que susto porra, pensei ter visto o satanás...por que eu acabei de ver a filha dele

Subin-chega de gracinha TaeTae tio Yejunie não chegou?

Soomin-nao...falou seca

Subin-pelo tamanho da vaca pensei que o coice era menor

Soomin-pelo seu tamanho achei que sua cara de pau era menor...idiota

Subin-ridicula

Eu-teu rabo entre as asas do capeta...a única ridícula é você...galinha sem penas

Subin-ui o Omega gravidinho se estressou...cuidado para não perder o bebê

Eu-cuidado pra você não perder isso que você chama de cara

Subin-vai me bater? Na minha casa?

Tae-essa nunca foi a sua casa

Subin-ainda não cheguei nos viados

Eu-bato...eu bato

Subin-duvido

Eu-em respeito a Soomin eu não faço isso

Subin-tem medo...medroso...

Soomin-pode bater..vai me poupar

Desci das escadas e dei um belo tapa em seu rosto deixando a marca de meus dedos...ela tentou me segurar mas eu lutei capoeira com os gaúchos que estam no Japão ou seja...no momento acho que posso lhe dizer que ela caiu no chão e tá toda fodida

Subin-ai minha unha

Soomin-bate mais, bate mais, bate mais

Eu-eu vou é dormir...vem Tae

Tae-hoje eu durmo cedo

Sorri e me despedi de Xiumin que foi para casa, eu e Tae trocamos de rouba e nos deitamos...estamos dividindo a mesma cama

Eu-aigoo, assim não da, deixa eu dormir na outra

Tae-nao, você não pode se infectar okay? Não durma na cama do satan

Eu-aigoo

Me virei para o outro lado tentando dormir

JIMIN OFF

JIN ON

Eu no momento havia acabado de assistir os filmes que o Namjoon me fez ver enquanto ele dormia, estava bebendo água

Eu-ele ainda vai me matar

Terminei de beber água e coloquei o copo na pia sentindo alguém, vulgo Namjoon, me abraçar por trás

Namjoon-hm Jinie...

Ele me virou e me colocou na bancada atacando meus lábios e apertando minha bunda com força me fazendo arfar em seu ouvido, agarrei seus cabelos e aprofundei o beijo. Logo sua boca foi para meu pescoço enchendo mais ainda de chupões, senti seu membro duro em minha entrada, sem penetra-la

Namjoon-eu quero você

Sorri querendo tirar minha box logo...senti uma dor no peito e logo a preocupação veio por todo o meu corpo

Eu-Jimin

Afastei Namjoon um pouco saindo da bancada ainda com o rosto totalmente preocupado

Namjoon-Jin, o que foi? Tá tudo bem?

Eu-estou preocupado com Jimin, do nada...não sei por que

Namjoon-quer que eu ligue pro Hoseok?

Eu-sim sim

Namjoon pegou seu celular e digitou o número do Hoseok esperando o mesmo atender

Namjoon-ele atendeu

*LIGAÇÃO ON*

Hoseok-alo?

Jin-Hobi, o Jimin tá aí?

Hoseok-sei não..deixa eu perguntar....O JAY O JIMIN TA AI?..... não

Jin-ele tá aonde?

Hoseok-pera....ele tá na casa de um amigo

Jin-que amigo?

Hoseok-sei não...preciso desligar, bye

*LIGAÇÃO OFF*

Eu-desligou

Namjoon-o Jimin tá aonde?

Eu-não sei, ele tá na casa de um amigo

Namjoon-liga pra minha mãe

*LIGAÇÃO ON*

Juliana-alo? Namjoon?

Jin-é o Jin

Juliana-oi genrinho...o que me dá a honra de ter você me ligando?

Jin-o Jimin tá aí?

Juliana-nao...queria eu que ele tivesse aqui, estou sozinha, pensei que ele estivesse com os meninos

Jin-não estão

Juliana-ja ligou pro Tae, vai que ele está com o Jimin?

Jin-ainda não...ele não está com o Jungkook?

Juliana-nao...faz pouco tempo que ele me ligou dizendo que estava em uma reunião e não poderia atender o celular

Jin-tudo bem...até mais Juliana

Juliana-ate genrinho

*LIGAÇÃO OFF*

Eu-não não está

Namjoon-liga pro Tae

Tentei uma duas, milhões de vezes e não me atendeu

Eu-ele não me atende...

Namjoon-liga pro Jimin

Tentei ligar, mas deu caixa postal

Eu-ele não atende...aí meu Deus

Namjoon-Jin não fica assim, ele deve tá dormindo, Jimin não é de ficar acordado a essa hora

Eu-mas e se ele não tiver dormindo

Namjoon-ele deve estar na casa do Tae, vamos esperar um tempo e a gente liga pro Jungkook e pergunta

Eu-okay -me sentei no sofá enquanto Namjoon tocava em meu ombro

JIN OFF

*JIMIN ON*

Eu sinto como se tivesse tendo o meu pescoço se fechando lentamente enquanto eu ficava cada vez mais sem ar, eu mal conseguia falar alguma era muita falta de ar meu corpo estava queimando eu não sentia nada...o que está acontecendo?

Acordei desesperado sentindo duas mãos em meu pescoço, fiquei desesperado olhei para o lado e vi Tae dormindo quase caindo da cama olhei para minha frente não dava ver seu rosto a janela estava aberta...tentei tocar em Tae a todo jeito tentando acorda-lo mas ele parecia estar morto

Acabei por chutar Tae que o fez cair da cama e acordar desesperado

Tae-ai puta que pariu...quem é você?

Senti meu pescoço afrouxar e finalmente puxei o ar já chorando e vendo a tal pessoa ir embora pela janela

Tae-DISGRAÇA VOLTA AQUI

Ele saiu correndo até chegar na porta olhando para os lados e logo trancando a porta, Tae voltou até o abajur e o acendeu me abraçando

Tae-desculpa

Soomin-gente tá tudo bem Taehyung por que está gritando? - entrou no quarto

Tae-alguem tentou machucar o Jimin

Soomin-deixa eu ver esse pescoço.....hm...está bem marcado...será que foi a...

Tae-acho que não...a tal pessoa pulou pela janela e ela tá ali o

Soomin-quer que eu ligue pro Jungkook?- assenti

Ela saiu enquanto eu ainda molhava o pijama do Tae com minhas lágrimas

Eu-e-estava tão perto

Tae-ei, vai ficar tudo bem...estamos aqui okay....nem aquele projeto de satanás vai te machucar...

Soomin-ele está chegando...toma querido -me deu leite com biscoitos

Tae-ai eu também quero

Soomin-nao

Eu-toma

Tae-ai tá vendo mainha...Jimin é bom

Soomin-aish

Jungkook-Jimin, aí meu Deus você tá bem?- Me abraçou

Eu-ja estou melhor kookie

Soomin-ja que ele já chegou...eu vou voltar a dormir

Jungkook-Soomin já me contou tudo...vai ficar tudo bem...vamos dormir?

Eu-da três na cama?

Tae-da...eu acho..ou melhor dizendo da quatro

Ele se deitou e apagou a luz fiquei no meio enquanto Jungkook e Tae ficavam na ponta...kookie me abraçou por trás ee aconchegou em mim

Ouvi um barulho e olhei para os lados percebi que a janela se abriu....ela não estava fechada? Quem foi que a abriu?

Jungkook-nao se preocupe baby...ela não vai te machucar mais

CONTINUA.............


Notas Finais


Bye amoures~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...