História My only Ômega - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Alfa, Chanbaek, Hunhan, Jikook, Jimin, Jungkook, Kaisso, Namjin, Ômega, Vhope
Exibições 188
Palavras 1.080
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Bishoujo, Crossover, Famí­lia, Festa, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


espero que gostem desse cap, e desculpa pelos erros, eu fiz esse cap bem rapido e estou com fome!!!
<3 <pfv veja as notas finais.

Capítulo 14 - Capitulo 14


Jimin on

Acordei com os flashes de sol em meus olhos, lembro-me de ter dormido agarradinho com jungkook e foram com esses pensamentos que abrir os olhos mais uma vez pra ver se jungkook estava ali do meu lado e ele não estava, deve estar na empresa.

Suspirei baixinho e fui em direção ao banheiro pra lavar meu rosto e escovar os dentes.

Perto da pia estava a parte de cima do terno do jungkook, não evitei em pegar e cheirar aquela roupa com vontade, seu cheiro era maravilhoso, me fazia ir nas nuvens e voltar.

Desci as escadas e fui direto para a cozinha, fiz uma pequena refeição e fui lavar os pratinhos.

Jungkook me abraçou por traz mim fazendo arrepiar, estava distraído e nem percebi quando ele chegou.

- bom dia, flor do dia – ele falou beijando minha bochecha apenas sorri.

- está com fome quer que eu prepare algo?- perguntei enxugando as mãos.

- não precisa eu trouxe bolo de morango pra a gente- olhei pra mesa e vi um lindo bolo gigante.

- eu amo bolo de morango- falei dando pulinhos.

- eu sei... Vem vamos comer- ele falou largando sua maleta no chão.

Pequei dois pratinhos e cortei um pedaço pra mim e pra ele.

Comecei a comer e percebi que jungkook estava no celular, fingi uma tossida, e ele me olhou.

- estava resolvendo algumas coisas da empresa- ele falou bloqueando o celular e botando o mesmo na mesa.

-parece até que você é o dono –

- bom... Provavelmente isso, meu pai está perto de passar a empresa pra mim e se esforçando o bastante, quero agrada-lo.-

- entendo e fico feliz, irá fazer um bom trabalho-

- trouxe um presente pra você- ele pegou u8ma caixa que estava atrás de si e ela era um pouco grande e rosa com listras e um laço grande em cima. -

Pequei a caixa e quando abri vi saias, meias, e um tênis lindo, eu estava doido por essas saias, tipo são as mais populares do ano, são perfeitas.

- não... não posso aceitar, sabe o quanto essas roupas são caras?!- falei devolvendo a caixa.

- aceite, por favor, não ligo se for cara, se for pra te ver sorrir eu compro qualquer coisa- ele falou segurando minhas mãos.

- estou feliz pelo presente, mais acho que deveria gastar seu dinheiro com coisas mais importantes, já pensou em ajudar alguém com esse dinheiro?!- falei o encarando, e sim gente...sou humilde tá?.

- claro, sua mãe me contou que você gosta de ajudar pessoas mais necessitadas e que quando você era menor adorava visitar algumas ONG’S e tals, acho bonito de sua parte-

- é eu amava visitar varias pessoas todos nos dias, mais os estudos foram ficando mais difícil e ei parei de fazer isso- falei olhando pra baixa lembrando os velhos momentos e o sorriso daqueles pessoas ao receber algo bom.

- qual o emprego dos seus sonhos? – ele perguntou ainda me encarado como um psicólogo conversando com algum paciente.

- por favor não ria de mim pelo “emprego” que irei dizer... pra mim é bem importante... mesmo que não der muito dinheiro, o meu sonho é ter uma ONG que ajude as tantas pessoas necessitadas e á façam felizes.- falei de cabeça baixa, talvez ele mim julgasse pela escolha de emprego e sobre o pagamento.

- isso é incrível, não irei rir o que você sente ao ajudar essas pessoas-

- ah eu agosto, fico com uma sensação incrível e o pensamento que fiz uma boa ação e ajudei alguém, eu realmente me importo- falei com um grande sorriso nos lábios.

- mais por que esta perguntando essas coisas?- perguntei confuso.

- por nada, quero lhe levar naquele tal lugar o mais rápido possível, vá se ajeitar- ele mandou e fui subir mais rápido possível, estava ansioso.

Jungkook on

Jimin não sabe mais... eu criei umas das maiores ONG’s do mundo, á criei a 5 anos atrás, pois é... eu só não gasto meu dinheiro com besteiras inúteis,

E o levarei ao grande centro da minha ONG onde está os tantos voluntários que contrato pra ajudar esses pessoas.

o jimin ficará tão feliz.

Jimin on

Já estávamos no carro e jungkook já foi logo falando.

-jimin sabe a ONG ‘feel good’?-

- claro, é uma das maiores ongs de ajudas do mundo, é incrível as pessoas que trabalham como voluntários dessa ong, por que elas fazem isso por que tem amor ao próximo bem diferentes de algumas que só fazem isso pra dizer que “ajudam”.-

- estamos indo ao centro da Ong e você conhecerá os voluntários de lá, vai conhecer todos os espaços possíveis!!!- jungkook falou e eu não pude de soltar um grito, queria tanto lhe abraçar mais ele ainda estava dirigindo.

- serio? Jungkook não brinque com meus sentimentos, á tempos que eu queria ir lá, posso perguntar qualquer coisa a todos? Mais disseram um dia que tinha limites de perguntas... mais eu estou feliz, estou muito muito muito muito muito feliz.- falei animado e quando percebi já tínhamos chegado.

Desci do carro e agarrei o braço do jungkook.

- Jungkook tem como conhecer o dono daqui, preciso conhecer ele, seria um sonho trabalhar aqui – falei rápido e pulando.

- você quer trabalhar aqui?! –

- claro- falei o puxando pra entrarmos mais ele pegou meus ombros e ficou de gente pra mim e bem próximo.

- então estar contratado, e irá começar amanha – ele falou serio e eu não entendi nada.

- jungkook pare de brincar, pra eu está contratado preciso fazer uma entrevista de emprego e eu nem conheço o dono e nem nada desse local.-

Lembro que estávamos muito próximos.

- a tarde quando lhe dei aquele presente e perguntei tudo aquilo, foi sim um entrevista, acho que esqueci lhe contar... eu crie tudo isso, eu sou o dono disso- ele falou o mais serio possível e percebi que ele não estava brincando.

Meu coração parou, eu realmente gosto desse homem, eu fiquei lhe encarando com os olhos arregalados, não conseguia expressar minha felicidade em atos então a única opção foi agir.

Aproximei meu rosto do seu, nossas respirações estavam um pouco acelerada, não queria demorar mais e selei nossos lábios profundamente, era maravilhosa, essa sensação é perfeita.

Ele pediu passagem com a língua e eu cedi, nossas línguas estavam calmas aproveitando cada cantinho, estava nas nuvens só pode, ele é perfeito.

Está confirmado que Park jimin Ama Jungkook!!!

 

 

 


Notas Finais


gente, desculpa se ficou uma bosta, eu não entendo nada e ongs só que ajudem pessoas, desulpem se vcs não gostarem, mais vcs precisavam saber o novo emprego do jimin!!!
desculpa :(
obg por ler <3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...