História My owner - Capítulo 41


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Alfa Lúpus, Baekhyun, Baekyeol, Chanbaek, Chanyeol, Chen, Exo, Kai, Kaisoo, Kris, Kristao, Kyung Soo, Lay, Lemon, Luhan, Ômega Lúpus, Sehun, Suho, Tao, Universo A/b/o, Xiumin, Yaoi
Visualizações 136
Palavras 681
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yaoi
Avisos: Adultério, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, turu bão?

Capítulo 41 - Capítulo 38


☆Xiao LuHan☆


Droga! 


Nishimura vai ficar uma fera. Se aquele maldito empresário famoso não estivesse lá, teríamos conseguido matar o tal Byun. E para piorar a situação, XiaoLi achou aquele loiro bonito, aff, eu mereço. Já vou avisando que se alguém ousar a querer roubar a minha baixinha, eu meto bala na cabeça. 


ㅡ O que fazemos agora, Soji? ㅡ XiaoLi perguntou para Soji, que estava sentado debaixo da árvore, onde ela estava sentada no galho. ㅡ Nishimura vai nos matar se descobrir que falhamos...


ㅡ Isso, SE, ele descobrir... ㅡ Olhou para cima e fitou XiaoLi com uma expressão confusa. ㅡ Podemos achar outro loirinho e levar para Nishimura. 


ㅡ Não vamos fazer isso! ㅡ Weija disse se levantando. ㅡ Nishimura não é idiota, ele tem a ficha do loirinho, vai perceber a diferença do menino!


ㅡ Concordo com Weija. ㅡ Disse me encostando em outra árvore. ㅡ Nishimura não vai ser piedoso se descobrir que mentimos. 


ㅡ Temos uma solução. ㅡ Li disse fazendo todos nós olharmos para ela. ㅡ Já que esse empresário lindo e gostoso tirou o Byun dos nossos planos, que tal matarmos esse moço? 


ㅡ Não é uma má idéia... ㅡ Soji disse e se levantou. ㅡ Concorda LuHan? 


ㅡ Claro. ㅡ Que não. SeHun é meu ex, eu não acho que vou conseguir fazer isso. ㅡ Então eu acho melhor voltarmos para lá.


ㅡ Não, primeiro precisamos de um plano. É certeza que aquela casa tem câmeras e seguranças e todo o tipo de proteção.


Depois de algum tempo planejando o que fazer, todos trocamos de roupas, escondemos as mechas com chapéus e nos colocamos a caminho da mansão de SeHun. Ouvi um rugido e vi um híbrido de trigre-dentres-de-sabre pular em cima de XiaoLi. Só reconheci que era Nishimura pela mecha vermelha no cabelo. Sim, as nossas mechas são roxas, a do Nishimura é vermelha, por ele ser o líder. 


ㅡ Aonde está o loirinho? ㅡ Nishimura perguntou furioso. ㅡ Responda, XiaoLi! 


ㅡ N-Nós n--


ㅡ Não pegaram ele, não é?! 


ㅡ Nishimura, podemos explicar. ㅡ Tentei defender Li.


ㅡ Então, vocês sabem muito bem o que vai acontecer. Sabem o que acontece quando alguém de vocês falham. ㅡ Nishimura se levantou e sorriu maldoso olhando para Yibo, o nosso membro mais quieto. 


ㅡ Ei, não faça nada com Yibo! ㅡ Hiroto tentou defender o namorado. Péssima escolha.


ㅡ Ah, não? Então tudo bem, só me sigam, sabem muito bem para onde todos vocês vão. 


☆XiaoLi☆


Seguimos Nishimura, todos cientes que algum de nós morreria, senti LuHan me abraçar por trás e limpar uma lágrima que escorria pela minha bochecha. Saímos da cidade em poucos minutos e fomos para o antigo presídio, onde Nishimura nos prendeu em uma das selas, e levou Yibo e Hiroto para a sela dos ligres (mistura de leão com tigre) de estimação dele. 


Mas não se engane, só porque são de estimação, não significa que sejam bonzinhos. Nishimura nunca dá comida para aqueles ligres e eles já chegaram a comer um ao outro para não morrerem de fome, só sobraram 06 ligres de 18 naquela sela. 


Ouvimos gritos e eu com medo fui até LuHan e o abracei, sabia que ou algum deles foi devorado, ou ainda vai ser. Yibo voltou chorando muito, me assustei e gritei quando vi Hiroto voltar sem o braço esquerdo sangrando muito e chorando. Nunca vou esquecer essa cena. 


Nishimura abriu a sela e jogou os dois aqui dentro, nos fitando com um olhar medonho.


ㅡ Que isso sirva de lição para vocês aprenderem a não perderem o alvo e não tentarem defender o namoradinho. ㅡ Trancou a sela e foi embora. 


ㅡ L-Lu, eu quero meus pais. ㅡ Disse tentando parar de chorar. 


ㅡ Você mesmo me disse que eles te abandonaram no shopping, por que quer eles de volta agora? 


ㅡ E-Eu não que-ero mais ser da máfia.


ㅡ Fala baixo! Sabe que se quiser sair, não tem como, né? Você só sai se morrer. 


ㅡ Não quero mais essa v-vida. 


ㅡ Okay, eu vou te ajudar, mas não pode contar para ninguém. 


ㅡ O que vai fazer, L-LuHan?




ㅡ Nós vamos fugir.



Notas Finais


Capítulo curtinho, desculpa, mas espero que gostem...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...