História My Passion For A Hybrid - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~shyshyshyshy

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Hybrid, Myhybrid, Parkhoseoka, Passion
Visualizações 20
Palavras 897
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Incesto, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Hello pessoal, espero que gostem da história.....

Capítulo 1 - ☆CAPÍTULO 1☆


☆NÃO REVISADO☆

- Como você consegue achar meu irmão estranho? - Charlotte perguntava enquanto andávamos pelos corredores da escola. 

-Ai amiga, eu não sei... Ele só é... Estranho -  Riu. Fomos até o refeitório e ela ficava falando do garoto que ela gostava. 

-Por que você não vai falar com ele? - Perguntei e ela encolheu os ombros e abaixou a cabeça - Ei, o que aconteceu? 

-N-nada - Mentiu. 

-Aconteceu sim, você não consegue mentir para mim - Falei levantando seu rosto. 

-Desculpa amiga, mas eu não posso te contar - Falou meio triste. 

-Sem problemas, você sabe que eu vou descobrir não é? - Concordou - Então relaxa! Vou tomar água, aproveita e vai falar com ele -Ela olhou para trás e ele estava sozinho -Vai ou eu chamo ele -Arregalou os olhos. 

-Nem ouse - Ameacei ir -Tá, tá, tô indo. 

Saí do refeitório e fui andando pelos enormes corredores em direção ao bebedor. Fui até ele e bebi a água gelada, que fazia com que eu sentisse um friozinho. Saí dali e fui voltando ao refeitório, mas me puxam para um canto. 

- Você acha que eu não percebi que me encarava na sala Becky? Não tente querer disfarçar olhando para a janela... Você é péssima nisso - Sussurrou no meu ouvido fazendo-me arrepiar.

- E-eu realmente estava olhando para a janela, porque eu olharia para você? - Perguntei tentando debochar, mas não funcionou, ele apenas riu.

- Acredito - Falou sarcástico - Por que você olharia pra mim? Bom, porque todas caem aos meus pés, sou o mais desejado dessa escola, é só eu fazer isso - Estalou os dedos - Que elas aparecem, você também é uma delas, só não quer admitir.

- Sabe Dylan.... - Aproximei meus lábios dos seus, e fui subindo até seu ouvido - Eu não sou todas elas, eu sou.... apenas eu, sou diferente delas - Sussurrei tentando ser o mais sexy possível, sorri ao se arrepiar. Fui saindo dali, mas o mesmo me puxa colando nossos corpos.

- Deixe-me sentir a diferença entre você e todas elas então - Sussurrou aproximando seus lábios dos meus...

- Não - Me afastei - Não vou cair nessa.

- Adimita que quer também - Falou se aproximando novamente, fui dando passos para trás até me chocar com a parede - Sem saída - Riu.

- M-me solta - Gaguejei.

- Está nervosa Becky? Não precisa ficar nervosa, eu não mordo - Riu - A não ser que você peça é claro.

  Logo ele me beijou, tentei desvencilhar-me de seus braços, mas o mesmo era mais forte, acabei cedendo. Pediu passagem com a língua e eu cedi. Ele foi descendo suas mãos até chegar em minha bunda, apertando a mesma, eu puxava seus cabelos de leve, era um beijo calmo mas com um desejo e tanto, aos poucos fui voltando à realidade e então fui me separando. 

- I-isso não deveria ter acontecido - Falei saindo, Dylan segura meu braço. 

- Espero repetir isso novamente - Falou sorrindo de canto, e quando me soltou caminhei o mais rápido possível. Sentei na mesa onde estava Charlotte. 

- O que aconteceu? - Perguntou devido ao meu estado.

- N-nada - Gaguejei - Só um pouco de falta de ar, só isso -Me sentei - Mas me conta, como foi com o Scoot? -Sorriu.

- Vamos sair hoje - Falou animada. 

- Sério, que bom! - Falou - Pelo jeito ele está afim de você. 

- Tomara amiga, tomara - Falou sorrindo de canto. 

 Depois das aulas que restavam fui para minha casa. Tomei um banho e troquei de roupa. Pedi um táxi e fui para o ateliê de minha mãe, ela não estava lá. Eu costumo ir lá para pensar, mas como amo desenhar decidi ir. Eu tinha vários desenhos de vampiros. Sou terrivelmente apaixonada por vampiros, deve ser por causa das histórias que leio, que envolve vários. Pintei mais um, mas não era um vampiro. Era o.... Dylan, não entendi o porquê, só desenhei.

Estava voltando para casa e era já tarde, eu estava com medo? Sim. Quem não ficaria? Estar andando de noite na rua? Estava passando por um beco, quando escutei uns barulhos. Olhei para o mesmo, haviam duas garotas, elas estavam brigando, me escondi, quando vi que Charlotte estava machucada meu sangue ferveu. A garota estava com garras e também presas, quando vi que ela iria matar Charlotte, não pensei duas vezes. Peguei um ferro que havia no chão e fui até a garota, fazendo o ferro atravessá-la. Charlotte quando me viu, veio em minha direção e me abraçou. Eu ainda estava paralisada, eu havia matado alguém? Sou muito nova para ser presa. 

- E-eu a matei? - Perguntei espantada.

- Acho que sim - Falou ela olhando o corpo ensanguentado jogado no chão - Se não fosse por você eu teria morrido. Obrigado - Me abraçou - Peraí, ai meu Deus! Você matou ela, eles vão vir atrás de você - Eu não estava entendendo oque ela falava. 

- Que? Como assim? - Perguntei, logo senti uma dor de cabeça e desmaiei.

____________ |     | ___________

Acordei com um pouco de dor de cabeça, eu não estava em casa. Quando levantei o olhar haviam vários meninos em volta da cama que eu estava. Fiquei olhando para todos meio constrangida, pois todos me encaravam.

- Que bom que acordou Becky - Charlotte apareceu na porta - Precisamos conversar..... E é muito sério.........



Notas Finais


☆Espero que gostem, fiz com muito carinho, eu JURO! Beijão de Alien👽👽👽👽


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...