História My perfect illusor- Jikook - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags @novapandamminni, Bangtan Boys, Dança, Drama, Gravidez Masculina, Jikook, Jungkook Youtuber, Lemon, Longfic, Mpreg, Musica, Namjin, Paixão Platônica
Visualizações 70
Palavras 887
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, sei que demorei e peço perdão.
Mais hoje bateu aquela vontade de escrever e não podia deixar passar então vamos lá...
JIMIN JÁ ESTÁ COM SEUS 4 MESES DE GRAVIDEZ

Capítulo 10 - Capítulo 9-" Os famosos 4 meses"


Fanfic / Fanfiction My perfect illusor- Jikook - Capítulo 10 - Capítulo 9-" Os famosos 4 meses"

Sexta-feira, 13 de outubro.

04:00h a.m

Lá estava Park Jimin mais uma vez em plena madrugada acordado comendo seu precioso "lanchinho da madruga" como gostava de chamar.

-Bebê, se você me fizer vomitar tudinho depois não vai ser nada legal - falava Jimin acariciando o volume já presente em sua barriga.

Jimin continuou comendo enquanto acariciava seu pequeno broto em seu ventre, até que sentiu uma pontada nada forte apenas um leve incômodo e ao olhar para baixo vê pequenos chutes dados por seu bebê. Sim, aqueles eram os primeiros chutes de seu pequeno broto e não teve outra, um Park Jimin derrubando pequenas lágrimas enquanto corria para pegar seu celular e gravar o primeiro movimento de seu bebê. 

-Ah, meu brotinho você não cansa de me fazer chorar né?! - falou risonho entre pequenas fungadas pelo recente choro ainda acariciando sua barriga, linda ao seu ver e ao de Taehyung como um bom padrinho babão.

-Que belo presente de aniversário hein, eu te amo muito brotinho, só queria saber como aquele escroto do seu pai reagiria ao ver tudo isso.

E aí estava Park mais uma vez se lamentando a falta de jungkook, que não deu nenhum sinal de vida durante esses primeiros 4 meses de vida de seu bebê, e não foi por falta de tentativas, Jimin ligou, mandou email, cartas e até tentou ligar para o acessor de jungkook e a única coisa que conseguiu foi "Jungkook está ocupado no momento, passo seu recado e depois ele te retorna" mas essa ligação nunca teve retorno e então Jimin desistiu de jungkook, a única coisa que queria era saber o motivo de Jeon ter lhe iludido e sumido de sua vida como apareceu, de repente....

10:00h a.m

-Quem será essa hora hein? - Jimin levantou devagar, calçou suas pantufas e foi em direção a porta. 

-Já vai! 

-JIMIN-SHI, PARABÉNS- lá estava Taehyung agarrado em si e gritando em seu ouvido. 

-Obrigado Tae, mais eu agradeceria mais ainda se você parasse de gritar em meu ouvido. 

-Aish Jimin, você é um chato. 

-Aliás, toma! - empurrou uma sacola na cara de Jimin enquanto se abaixava e acariciava a barriga de Jimin fingindo que o mesmo não estava ali. 

-Oi bebê lindo do dindo, trouxe presentes para você. 

-Pensava que o aniversário era meu - Jimin falou risonho. 

-E é, mais quem  precisa de presentes agora é meu lindo afilhado. 

-Eu sei Tae,  obrigado-Jimin abraçou seu amigo. 

-Agora vá trocar de roupa que nós vamos sair. - empurrou Jimin em direção ao seu quarto. 

-E quem disse que eu quero sair? 

-Eu disse. 

-OK, ok - levantou as mãos em forma de rendição. 

14h30m p.m

-Tae, estou com fome e meus pés doem. - Jimin falava se sentando em um banco de uma praça que trazia recordações, que agora considera ruins. 

-Sabe, aqui foi  onde eu tive meu primeiro encontro com aquele mala do jungkook - falou com um sorriso triste em seu rosto, acariciando sua barriga. 

-Eu sinto muito Chim, se eu pudesse eu quebrava a cara daquele desgraçado por ter abandonado você e meu afilhado. 

-É Tae, eu também sinto muito. - suspirou 

-Pois hoje você não vai mais sentir nada, porque vamos pra sua casa e vou preparar o melhor almoço que você já teve de aniversário. - Tae falou ajudando Jimin a se levantar do banco. 

-Mais você não cozinha Tae 

-Aish, você é muito estraga prazer, ok, vou encomendar a melhor comida de todas. 

-Agora senti Firmeza, mais e Hoseok você não vai ficar com ele? 

-Hoje não, disse pra ele que ia passar o dia mimando uma pessoa chata aí que tá carregando meu lindo afilhado ou afilhada. - disse rindo em seguida levando um soco fracos no braço direito. 

-Chato que você ama. 

-Isso mesmo, eu te amo muito e não trocaria esse meu amigo chato por nada - falou abraçando Jimin enquanto caminhavam. 

-Obrigado Tae, por tudo, você é o melhor amigo que eu poderia ter. - Jimin falou derramando pequenas lágrimas, por causa dos malditos hormônios como ele gostava de chamar. 

-Aí Chim, não chore se não eu choro também. - falou sorrindo e  limpando as lágrimas do amigo, ganhando um lindo yesmile de volta. 

-Agora vamos, porque hoje você vai ser minha bonequinha. 

-Aish, você não acha que eu sou grande de mais pra você falar essas coisas?! 

-Não verdade não, tá até no tamanho ideal de uma - falou entre risadas da cara do amigo barrigudo. 

-Só não te soco porque você vai me comprar comida. - resmungou bicudo. 

20:00h 

-Jimin-shi eu já vou, mas prometo que apareço aqui amanhã bem cedinho pra ir com você fazer a ultrassonografia. - Tae disse recolhendo suas coisas. 

-OK Tae, muito obrigado pelo dia de hoje. 

-De nada, você merece irmão-falou dando um beijo na testa de Jimin e logo em seguida em sua barriga. 

-Cuide bem de meu afilhado que amanhã eu volto, bye. - disse acenando e saindo logo em seguida. 

-É brotinho, parece que agora é eu e você. - disse sorrindo alisando a barriga branquinha recebendo um chute em troca. 



Jimin poderia até querer acreditar que desistiu de jungkook mais no fundo ele sabia que não, que ainda espera jungkook voltar para ele e seu bebê, mesmo que fosse pra dar alguma explicação. 

E isso está mais próximo de acontecer do que ele imagina!






Notas Finais


U. U teve um pouco de tudo né?
Espero que vocês tenham gostado e pretendo não demorar mais assim.
Beijos de Panda 🐼


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...