História My pretty baby boy - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Monsta X, Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", I'M, Jeon Wonwoo, J-hope, Jimin, Jin, Joo Heon, Junghan "Jeonghan", Jungkook, Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Min Hyuk, Rap Monster, Seungcheol "S.Coups", Show Nu, Soonyoung "Hoshi", Suga, V, Wen Junhui "JUN", Won Ho, Xu Ming Hao "THE8"
Tags Hoshi, Woozi, Woozi Cross Dresser
Visualizações 90
Palavras 1.420
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oieeeee.

Demorei né? Disgurpa genteeee

Esse capitulo promete ja vou avisando ein!

Aproveitei que meu irmão ta na escola e peguei o note dele ksksksk.

Capítulo 7 - My Boy


Fanfic / Fanfiction My pretty baby boy - Capítulo 7 - My Boy

Jihoon pov's on

 

Eu sai daquela sala de aula com muito ódio, meus olhos ardiam como minha bochecha e meu nariz, eu sinceramente estava indo para qualquer direção, quando parei, notei estar perto do jardim da escola, olhei ao redor me perguntando como consegui chegar lá tão rápido, respirei fundo ainda segurando as lágrimas que insistiam em querer se desprender dos meus olhos, porém foi impossível segurar a vontade de chorar ao ser abraçado por jungkook e jeonghan.

—Isso meu anjo, chora, isso vai te fazer bem... -jeonghan falou calmo enquanto passava a mão em minhas costas.

—Ele foi um idiota Ji, ele não merece suas lágrimas anjinho... -agora jungkook fazia o mesmo que jeonghan.

Eu não queria falar nada, então somente soluçava e chorava agarrado aos meus amigos, coisa que eu nunca fazia na frente deles, e talvez por isso esteja chorando mais ainda, por que eles estavam ali me confortando mostrando que eu os tinha.

—Isso foi tudo culpa minha...-yoongi, que eu somente notei estar ali agora, falou choroso e eu me soltei dos meninos os deixando confusos, fuo até yoongi e o abracei o surpreendendo- Por que... esta me abraçando?

—Por que você não tem culpa se o Soonyoung é um idiota -falei e o soltei vendo que o mais velho tinha os olhos inchados e vermelhos pelo provável choro- Não tem culpa dele achar que pode tratar mal as outras pessoas, não tem culpa se ele odeia roupas femininas no nosso corpo.

—O kwon se superou dessa vez, nem parecia aquele cara que te salvou duas vezes -jungkook comentou irritado e eu precisei concordar, soonyoung me ajudou duas vezes e pareceu preocupado comigo, porém ele parecia uma pessoa totalmente diferente hoje.

—E o pior... -olhei para a porta e vi hoseok ao lado de lalisa e taehyung- É a primeira vez que nós brigamos, sooyoung nunca foi do tipo de fazer esse tipo de coisa, há mais ou menos um ano ele namorou um menino chinês muito bonito e fofinho, e três meses após começarem a namorar o menino o traiu com um chinês alto e bonitão e passou a usar roupas femininas -olhei para hoseok de olhos arregalados, e ele me olhou confuso e logo após percebeu o que acabara de contar- Agora faz mais sentido ele odiar as roupas de vocês...

—Sério? Tipo sério mesmo hobi? -yoongi o olhou desacreditado e acabou balançando a cabeça em negação- Eu quero meu namorado inteligente de volta gente!

—Vocês estão namorando? -jungkook perguntou curioso e eu revirei os olhos, yoongi apenas acenou de forma positiva com a cabeça- Ai que fofos, parabéns!

—Gente o foco aqui era outro sabe -antes que eu falasse algo, jeonghan se adiantou- Então como hoseok dizia, realmente agora faz mais sentido o por que de soonyoung e seu ódio por roupas femininas, porém não justifica totalmente, até por que foi só uma pessoa que passou por sua vida, esse garoto deve estar bem longe daqui e nem deve se lembrar que um dia namorou o kwon!

—Tenho que concordar com jeonghan, uma coisa tão pequena não pode ser todo seu motivo para odiar nossas vestimentas... -comentei suspirando e ouvindo o ultimo sinal do dia tocar- Eu vou é pra casa, minha cabeça vai explodir a qualquer momento... -avisei ja me retirando dali e indo pegar minha mochila na sala de aula, porém parei na porta da sala ao ouvir a voz de soonyoung falar com alguém.

—Eu acho que vou devolver a casa para o pai dele, depois de hoje acho que ele nunca mais vai olhar na minha cara .. -suspirei e olhei pelo canto da porta e me surpreendi ao ver que o kwon chorava de cabeça baixa- Eu deveria ter continuado a dormir na rua, pelo menos era um problema a menos na minha vida de merda...

—Hyung não faz isso, você vai se arrepender depois, vem morar na minha casa com o kwannie, a gente tem um quarto de hospedes no apartamento que não tem ultilidade nenhuma para nós -encostei na parede e respirei fundo, tomei coragem e entrei na sala de aula atraindo a atenção de soonyoung e hansol- Jihoon...

—Não precisa sair da casa kwon, você é um babaca, mas eu não quero que vá morar na rua por minha causa, meus pais nunca vão saber sobre hoje, eu ja apanhei vezes o suficiente de pessoas que não gostam de como eu me visto, e você não vai ser um caso exclusivo...-falei calmamente e peguei minha mochila, eu não quero chorar na frente dele, porem eu estava cansado de ser julgado por ser diferente, engoli o choro e coloquei a mochila no ombro logo caminhando para a porta, e parando somente para falar algo- Porém, eu preciso lhe avisar que não quero mais olhar na sua cara, o que você fez hoje foi a ultima gota para mim, nós nunca gostamos um do outro e não há nada que nos una, então faça o favor de não me dirigir mais a palavra...

Não olhei para ele em momento algum enquanto falava aquilo, somente me retirei da sala e caminhei para o patio, e em seguida saindo da escola. Minha cabeça latejava de dor, meu rosto ainda doía e eu só queria ir para minha casa, tomar um longo banho e me deitar na minha cama macia, e principalmente esquecer que kwon soonyoung existe. 

Caminhei para casa pensando nas coisas que hoseok havia nos contado e pensei em como deve ser horrível ser traído, eu nunca tive um namorado na minha vida, e nem sabia qual era a sensação de ser beijado, as vezes eu pensava seriamente em me vestir com roupas de menino, talvez assim alguém se interessaria por mim. Estava tão distraido que nem notei que havia chegado em casa, entrei e fui diretamente para o meu quarto, a casa estava vazia, então imaginei que meus pais e meu irmão ainda não haviam chegado, por isso tomei um banho quente e demorado e depois vesti um pijama confortavel, peguei minha caixinha de primeiros socorros e fui limpar meus machucados do rosto.

Após terminar de limpar meus machucados fui para a cozinha comer algo, depois fui para a sala e fiquei la assistindo um dorama qualquer que passava na televisão, estava quase dormindo quando sungmin hyung chegou em casa, ele estava acompanhado de kyuhyun que se curvou quando me viu e logo após se aproximou preocupado assim como meu irmão.

—Quem te machucou? -minnie hyung perguntou preocupado e tocou meu rosto- Não vai me dizer que foi...

—Soonyoung? Sim foi ele... -respondi de cabeça baixa e respirei fundo- Por favor, não contra pro appa e pra omma que foi ele, eu o odeio, mas ele não tem aonde morar, se o nosso pai souber, ele vai mandar soonyoung embora da casa...

—Não... jihoon isso é muito sério! Ele não pode te bater e sair livre dessa! -o mais velho disse alterado e kyuhyun pediu para que ele se acalmasse- Por que? Por que quer proteger ele? Só por que não quer que ele more na rua?

—Por que... -eu mesmo não sabia o por que de querer evitar que o kwon fosse morar na rua, eu o odeio não é? Eu não tenho motivos para protege-lo... ou tenho?- Por que eu não quero que ele vá parar na rua como o Minhyuk hyung...

A sala foi tomada por silencio, eles sabiam o quanto aquele assunto era doloroso para mim, minhyuk foi parar na rua por culpa minha, e eu odiava o fato de ser culpado por tirar o lar de alguem, por isso eu não queria ser o culpado por soonyoung parar na rua, eu pelo menos achava isso, e por isso falei isso para eles, olhei para a cara de kyuhyun e o mais velho parecia confuso, então tratei de explicar. 

—Minhyuk é filho da Chaerin, ele é a pessoa que me salvou dela quando tudo aquilo aconteceu, se não fosse ele, talvez algo ruim teria me acontecido...-contei sentindo meus olhos lacrimejarem- Minhyuk hyung foi parar na rua ao fugir do internato, e depois disso eu nunca mais o vi, eu me culpo todos os dias por saber que ele parar no internato foi culpa minha, tudo por que eu não contei que ele não tinha culpa alguma do que chaerin fez...-suspirei- Que ele não tinha culpa dela me sequestrar e me levar para outro pais, que ele não tinha culpa dela me usar para ganhar dinheiro ao mostrar meu corpo para homens nojentos...

 

 

 

 

Continua...

 

 


Notas Finais


Amanhã (ou hoje) sai o proximo capitulo explicando um pouco mais sobre o que aconteceu com jihoo, minhyuk, soonyoung e um pouco mais...


CEGO TAMBEM AMA ESTA CHEGANDO AO FINAL !!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...