História My Quarterback - Capítulo 1


Escrita por: ~

Visualizações 370
Palavras 724
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Bem Vindos!


Fanfic / Fanfiction My Quarterback - Capítulo 1 - Bem Vindos!

Espere o inesperado.

É o que eu digo a mim desde que entrei para fazer o colegial na Academy Memphis, nesse colégio você poderia esperar de tudo, brigas por garotos, brigas por comida, brigas por lugar e o pior de todos, brigas por popularidade. Algo que eu acho meio idiota mas isso ignoramos. 

  — Vamos Cassie, você está preparada para enfrentar esse inferno. — respiro fundo e ajeito a alça da mochila no meu ombro. 

  —  Sai logo desse carro Cassie, eu já estou atrasada por ter te trazido no colégio. — a voz da Dona Steinfeld soa fazendo eu revirar os olhos e sair do carro. Ela dá partida assim que eu fecho a porta e nem se despede. 

  — Eu também te amo mãezinha, obrigada por se preocupar comigo. —  ironizo e me viro ficando de frente a faixada daquele prédio enorme. 

Quando ouso dar o primeiro passo em direção a entrada aquela voz me interrompe e juro que eu senti o resto da minha paciência sumir do meu corpo. Me viro com uma cara de tédio e encaro o loiro na minha frente com as mãos dentro do bolso do casaco do time de futebol. 

  — Falando sozinha Steinfeld? Eu sabia que você era estranha, mas não ao ponto de falar sozinha. —  diz e os garotos ao seu redor dão risada da sua piadinha sem graça.

  — É melhor do que está falando com você. — dou um sorriso falso e caminho em direção aos portões entrando no colégio.

Não demora muito e sou atacada por Elisa no corredor, sua animação ao contar como foi a noite passada era de dar inveja. Elisa tinha ido a um encontro com seu crush, como dizem hoje em dia e agora não parava de falar o quanto ele era perfeito. Não que eu não goste dele, ele até é legal mas seria mais legal se não fosse um dos amigos de Bieber. 

Aquele garoto me dá nojo.

— Elisa, eu já entendi o quanto Chris é perfeito mas já deu. — digo e dou um sorriso entrando na sala e sentando no meu lugar. Ela para e faz um cara feia.

— Só por que está irritada com seu amor não precisa jogar tudo em mim. — diz com deboche e eu dou risada olhando pra cara dela.

— E eu posso saber quem é esse amor? — eu já esperava o nome que ela falaria, mas queria ver se ela tinha a audácia de dizer.

— O delicinha do Bieber. — diz mordendo o lábio e olhando pra porta da sala, me viro e lá estava Chris e Bieber. Elisa acena para Chris que acena e manda uma piscadela junto com um beijo para a minha amiga, que se derrete na cadeira. Enquanto eu encaro aquela cena com cara de tacho.

— Deixa de ser assanhada por que a aula vai começar. — digo assim que vejo o professor gordinho, que eu nem tenho o interesse de saber o nome, entra na sala com seus livros e a inseparável garrafa d'água.

As aulas do primeiro período tinham passado rápido e eu não pude agradecer tanto a Deus, não que eu não goste de estudar, até que eu gosto mas hoje eu não estava afim. Viro o meu rosto na direção de onde vinha as vozes altas e noto a primeira briga do dia, duas garotas, líderes de torcida pra ser mais exata, gritando uma com a outra e apontando suas unhas de gavião enorme na cara da outra. Uma briga que não vale a pena acompanhar. Continuo meu caminho para o refeitório com Elisa na frente ansiosa para dar alguns beijos em Chris, sua falação sobre a perfeição dele já estava dando nojo e todos os detalhes do momento deles também.

Da porta eu já podia ver o refeitório cheio mas sem muita algazarra, algo estranho estava para acontecer. Empurro a porta e eu sinto aquele líquido grosso — e gelado — caindo na minha cabeça e descendo pelo meu corpo, o balde de tinta amarela cai na minha frente e as risadas começam. 
Limpo meus olhos e quando os abro vejo Justin na minha frente com o casaco no ombro e as mãos no bolso, sem se esquecer do seu sorriso sacana.

Bem vindos a Academy Memphis e a minha vida!


Notas Finais


Eu tive a ideia de fazer essa fanfic a partir de uma imagem de futebol americano.
Eu me sinto bem confortável em escrever essa fanfic, espero que vocês gostem e espero seus comentários dizendo o que achou sz. Ah! Quase ia esquecendo, espere o inesperado.

With all the love, Carol.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...